História The Machine City... (Fanfic Jungkook) - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Blackpink, Stray Kids
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook)
Tags Aventura, Drama, Fanfic, Ficção, Hentai, Romance
Visualizações 26
Palavras 1.957
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Mistério, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Volteiiii, com o esperado meu demorei não é? Então né mês desculpem hehe, tenho estado muito ocupada com a escola, mas darei o meu melhor nessa fanfic okay? Já que vcs adoram tanto

Muito obrigada mesmo pelos 31 favoritos, eu amo vcs demais, bom vamos para a fanfic

Boa leitura💞

Capítulo 6 - Androids ou Humanos?


[No outro dia - S/N narrando - Seul/Coreia do Sul - Casa abandonada - 12:00 da tarde]

 

Na manhã seguinte eu acordo com a luz do sol batendo em meu rosto, abri os olhos logo os fechando de novo pela claridade meio forte, afundo meu rosto no travesseiro e acabo lembrando da noite passada e com o pensamento acabo soltando uma risada nasal. Sento na cama e meus olhos se acostumam com a claridade, olho para o lado e não vejo o Jeon, suspiro logo lembrando que terei que fingir que nada aconteceu na noite passada e isso me deixa um pouco chateada e pensativa pois não é como se eu perdesse a memória, o que seria melhor, mas não conseguiria esquecer tão cedo isso

Levando e vou até o banheiro, antes vou até a bolsa e pego minha escova de dente e pasta eu tinha lembrado que o Jeon falou que tinha no banheiro e que era para mim colocar na bolsa assim que eu usasse. Enfim, entro no banheiro e fecho a porta, escovo meus dentes  e aproveito que tem água quente e irei tomar um belo banho. 

[Minutos depois]

Eu saio do box enrolada em uma toalha, me olha no enorme espelho e toco minha boca lembrando da noite passada, vou descendo até meu pescoço marcado (meio roxo), lembro dos seus toques viciantes e sua boca, ah era como uma das drogas mais viciantes, o jeito que ele preenchou meu interior e como gemia rente ao meu ouvido, meus olhos automaticamente se fecham como se eu voltasse no tempo  

Imediatamente abro meus olhos quando meu cabelo é colocado para o lado, levanto minha cabeça rapidamente tendo a visão de Jungkook atrás de mim. Meu coração começa a bater forte e a se tornar frenético, minha respiração fica acelerada e eu fico eufórica. Mas como tudo isso é possível? Estou sentindo tudo isso só com apenas um mísero toque? Esse é o efeito que ele tem sobre mim? Aigoo

Je... Jeon? O que foi? -Olho ele pelo nosso reflexo, assim que nossos olhares se encontram ele pega em minha cintura e puxa para mais perto, meus olhos ficaram semi-arregalados quando senti um volume estranho encostando em minha bunda coberta pela toalha. Ele levanta sua mão direita e vai até o interruptor e desliga a luz, como só tinha uma janela pequena no banheiro e dentro do box, as cortinas abafaram a luz. O ambiente Fica com uma luz erótica até demais. Ele começa a beijar meu pescoço e eu reviro os olhos sentindo prazer 

Jeon... Mas você disse... -Ele mal deixa eu terminar de falar e tira a toalha do meu corpo o deixando exposto para ele, o mesmo chega perto do meu ouvido e sussurra 

Shiii... Por incrível que pareça é assim que você me deixa S/N -Sua voz sai rouca e totalmente sexy no meu ouvido, quando termina sua fala ele preciona minhas costas contra o peito dele e consigo sentir ainda mais seu membro. Ele me vira bruscamente e me coloca na pia gelada, me arrepio e logo senti o lábios do Jeon nos meus. Ele tinha dito que não tocaria nesse assunto hoje, mas tecnicamente ele não tocou só esta meio que agindo. Tenho que confessar que estou adorando essas atitudes repentinas dele. Ele para o beija desce até meu pescoço, enquanto beijava e chupava aquela região, sua mão desce até minha intimidade totalmente molhada e exposta para ele, quando seu dedo entra em contato com meu clitóris eu arfo pois sua mão estava gelada 

Naquele momento eu já estava com a respiração pesada e com o corpo quente e tenso, ele solta uma risada nasal, pois já estava molhada, eu olho para ele e mordo meu lábio, olho para seu tronco e ele entende e tira sua camiseta e volta a ficar no meio das minhas pernas, eu as entrelaço em seu quadril e ele me puxa para mais perto, paramos por um minuto e nos encaramos profundamente, como se conversássemos em silêncio, só com os nossos olhares, a mão dele passeia pela minha coxa até chegar em minha intimidade, ele começa a massagear meu clitóris e sem avisar penetra dois dedos em mim, pela supresa eu acabo soltando um gemido manhoso 

Quando estava chegando perto do meu primeiro ápice, ele tira seu dedos e eu o olho com reprovação, ele sorri e chega perto do meu rosto, coloca sua mão em meu maxilar e seu polegar em minha boca, é impressão minha ou Jeon é um dominador? Minha dúvida e respondida quando ele abre sua boca para falar algo

O que foi Jagy? Não quero que goze na minha mão, mas sim na minha boca -Seus lábios formam um sorriso ladinho, malicioso. Ele se ajoelha e fica na altura da minha intimidade, seu olhar sobre mim não era momento algum desviado, sua língua me levou a loucura em poucos segundos, eu começo a gemer e a rebolar um pouco, aquele prazer que eu estava sentido o primeiro e único que me fazia contorcer querendo ainda mais. Só com sua língua eu chego perto do meu ápice e gozo em sua boca, ele engule tudo e subo seu sorriso de coelho fica diferente, o que era um sorriso fofo antes agora estava com pura malícia e luxúria - Você quer fazer isso em mim agora Jagy? -Ele pergunta e eu confirmo 

Sim Jeon, quero muito -Falo um pouco ofegante e ele em seus lábios forma um sorriso ladinho novamente, ele me pega e senta em um sofá que tinha dentro do banheiro, na hora eu não liguei, mas fala sério por quê tem um sofá dentro do banheiro? Enfim voltando, ele se senta e me colocar no colo dele, por impulso começo a rebolar no colo dele e o mesmo joga a cabeça para trás e solta um pequeno gemido 

Não me torture assim, só faça -Eu paro e o obedeço, desço de seu colo e me ajoelho no meio de suas pernas o olho e o vejo me olhando com aquele olhar intenso de novo, foi mais fácil ja que ele só estava com a calça sem aqueles "equipamentos" que seguravam suas armas e afins, ele tira o seu sinto e joga para qualquer lugar e ergue seu quadril para abaixar sua calça. O volume em sua cueca era grande e volumoso, tiro sua cueca e seu membro salta para fora não tinha reparado antes que era grande e meus Deus que membro

Eu começo a masturbar ele lentamente, olho para ele e o vejo jogando a cabeça para trás novamente e sorrindo com aprovação, começo a acelerar os movimentos e escuto ele gemendo, então troco a mão pela boca e o que não cabia eu usava a mão, ele começa a gemer um pouco alto... Quando sua respiração vai ficando descontrolada e seu membro se contrair na minha boca percebo o seu ápice chegando, acelero o movimento com minha boca e ele goza na mesma e eu engulo tudo

Bom trabalho baby, você é tão boa nisso e sua boca tão gostosa, igual a você -Jeon estava totalmente transformado e tomado pelo prazer, não sabia desse lado dominador dele e ainda parece que ele está controlando. Eu sento em seu colo novamente e o olho mordendo o lábio ele está tão sexy e tão... Provocante -Quer cavalgar em mim? -Eu confimo com a cabeça manhosa, estava me descobrindo ali, não era só com o Jeon que estava surpresa comigo também mesmo - Então pede para mim baby 

Posso cavalgar em você Jeongguk? -Ele pareceu se surpreender comigo o chamando pelo seu nome verdade, logo ele solta uma risada nasal e pega seu membro em baixo de mim e eu levando, Jeon começa a passar ele por minha entrada me provocando eu seguro em seus ombros largos e soltos gemidos necessitados 

Desce Baby -Ele para seu membro em minha entrada e eu desce devagar arrancando gemidos de ambas as partes -Tão apertadinha -Ele pega na minha cintura e me ajuda nos movimentos enquanto rebolo. Sua mão desce até minha coxas e um tapa é desferido em uma delas o que me fez gemer gostando daquilo, eu começo a fazer movimentos de subindo e descendo no seu membro ele estava gemendo junto a mim, isso é totalmente viciante 

 

[Horas mais tarde - S/N narrando - Seoul/Coreia - Floresta - 15:00 da tarde]

 

Nós estávamos indo pela floresta, mas continuamos perto da cidade, tenho a sensação que o dia de irmos para o topo do prédio mais alto de Seul esta chegando. Eu e Jeon estamos andando em silêncio com sempre, mas desde do ocorrido de mais cedo ele tem agido meio estranho, mas ele continua o mesmo de antes.... Nós estávamos andando até que nos avistamos uma casa e as luzes estavam acesas, até que eu vejo uma movimentação lá dentro, eu puxo Jeon para trás de uma árvore e arbustos 

O que aconteceu? -Ele fala me olhando um pouco confusa e eu fico olhando fixamente casa e até uma sombra e depois outra e mais outra, são muitas pessoas dentro de uma só casa - Você viu alguma coisa? -Disse ele seguindo meu olhar 

Eu acabei de ver movimentações dentro daquele casa e fala mais baixo -Digo quase que sussurrando para ele, ele fica olhando para casa até ver também e olhar para mim -O que você que é? Androids? 

Impossível, não faz tanto tempo que eles enviaram Androids para cá, lembra? Nós matamos todos -Ele fala baixo e eu olho para ele, não poderia ser pessoas, não seria possível nós andamos por tudo  não vimos nem vestígios de humanos -Humanos?

Eu não sei, o que você acha? O que devemos fazer? -Viro para casa novamente e fico olhando tentando pensar em algo -De qualquer forma não podemos arriscar muito, podem até não ser 

O que você acha de irmos lá e espionar? -Fico pensando e tem um lado bom e ruim nesse "plano" o lado bom que se nos conseguimos descobrir alguma coisa será de muito boa ajuda, mas se as coisas ocorrem ruins, teremos um problema 

Vamos então -Pode ser muita burrice irmos assim, mas nós não temos muita opção no momento e se forem humanos será ótimo por que poderam nos ajudar... 

Então seguimos em direção a casa tentando fazer o menos barulho possível, chegamos perto e olhamos por uma janela, conseguimos ter a visão de uma sala e 5 aparentemente meninos virados de costas parecem conversar sobre algo, era difícil ouvir já que a janela estava fechada e abafava o som, estavas tentando ouvir até eu ouvir jungkook caindo no chão do meu lado olho para ele e olho de onde veio, Jeon foi acertado com um dardo tranquilizante. Na hora e fui olhar para o lugar de onde veio fui acertada, meu reflexo foi lento demais, meu corpo começa a não responder e meus olhos pesam e eu apago 

 

[Uma hora depois]

 

Eu acordo e ouço alguém gritando "Eles estão acordando" e dai eu tenho minha visão embasada e uma tontura chega derrepente. Vejo as silhuetas de pessoas vindo na nossa direção, eu tenho me levar ou fazer qualquer movimento mas vejo que estou amarrada, minha visão se estabelece e eu consigo ver onde estou, olho para o lado e vejo Jungkook acordando, olho para frente e vejo 6 meninos em volta de nós, cada um em um canto do cômodo nos encarando 

Quem são vocês? E o que querem? -Fala um deles, ele era alto, bonito, lábios carnudos, parecia como um líder ou algo do tipo já que ele deu a palavra primeiro.... Eles fala aquelas típicas frases -Trabalham para os Androids? Responda! -Ele parecia um tanto nervoso... Não! Preocupado... Quem são eles?


Notas Finais


(Desculpaas por qualquer erro que vcs encontrarem)

Desculpaaaaa por não terminar o hot, mas eu fiquei com preguiça amores, mas então gostaram? Espero muito que sim, eu gosto muito de ler os comentários de vcs, então comentem e curtam a fanfic para me incentivar a trazer mais e mais. Até o próximo capítulo! Tchauuu❤️❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...