1. Spirit Fanfics >
  2. The magic book - Jaehyun (NCT) >
  3. Princesa perdida

História The magic book - Jaehyun (NCT) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Amores se tiverem nomes que vocês não conheçam são personagens que eu criei
Essa veio diretamente dos meus sonhos, boa leitura ❤️😍

Capítulo 1 - Princesa perdida


Fanfic / Fanfiction The magic book - Jaehyun (NCT) - Capítulo 1 - Princesa perdida

NARRAÇÃO JAEHYUN

estava na porta do quarto de Nari e Jina minha vó estava contando a história da princesa perdida...

- era uma vez uma princesa, seu nome era S/N, seu pai, o rei, por terem o poder do fogo algo muito perigoso, se afastaram de florestas, vilas e de pessoas que não eram como eles...em seu reino só viviam pessoas que tinham o poder do fogo, era extremamente proibido sair de dentro do reino, aliás tudo que precisavam tinham em seu reino, caso o contrário o rei, somente ele conseguiria de algum modo coisas para o seu povo... certo dia a princesa S/N estava brincando em seu reino, uma coisa nunca vista antes a chamou atenção, uma luz azul bem forte dentro de uma grade do castelo, como toda criança curiosa, ela entrou naquela passagem e ficou encantada com o que tinha visto, eram bolinhas azuis, ela tentou encostar em uma, mas ao tentar tocar a bolinha azul sumiu e apareceu outra igual mais a frente, isso aconteceu até ela encontrar a floresta fechada e mais uma bolinha azul apareceu quando ela tocou, ela se machucou e chorou, as folhas das árvores começaram a mexer e fazer barulhos assustadores, até que algo avançou nela e para se defender ela usou seus poderes, quando ela viu era um papelão em formato de mostro, quando se deu conta uma árvore estava pegando fogo, e em instantes outra começou, a princesa saiu correndo mas não sabia voltar para o castelo e desde então ela está perdida

- Jina você está bem?

Jina estava chorando

- não Nari, a princesa está perdida, até hoje está sem seu papai e mamãe

- ela deve ter ficado com vergonha de ter votado fogo na floresta

- ela não teve culpa - ela chorou mais ainda 

- por que você está chorando Jina? Magia não existe - entrei no quarto

- existe sim - ela disse

- não existe - Nari disse

- existe sim - Jina falou

- não existe e ponto final - cobri as duas - boa noite

Minha vó me encarava séria

- o que foi? - perguntei

- nada - ela saiu e foi para o seu quarto, ela jurava que já viu magia, suspirei

Apaguei a luz do quarto das meninas e fui dormir...

DIA SEGUINTE

NARRAÇÃO S/N

Estava correndo pelas ruas, olhando para trás, as roupas que eu vestia no corpo estavam remendadas...

- olha pra frente lixeira - um homem gritou após eu esbarrar nele 

Continuei correndo, parei em um lugar afastado daquela multidão, aonde eu ia eles estavam me vigiando eu não sabia mais o que fazer, comecei a chorar e corri novamente, as carruagens desse tempo eram estranhas, ao invés de cavalos eram rodas, olhei para o lado e vi, ele, aquele maldito pássaro, ele mantinha o olhar em mim aonde quer que eu fosse, olhei para o lado e vi uma carruagem, quando olhei novamente para o lado, o pássaro não estava mais lá, sai correndo e entrei em uma carruagem ela era longa e dentro era super espaçosa.

Quando me sentei no assento eu respirava ofegante

- que bom que a senhora chegou, dessa vez não se atrasou - a carruagem se moveu 

- você estava me esperando? - olhei para frente onde tinha uma tela preta me impedindo de ver quem estava falando comigo

Aquela pessoa começou a rir

- a senhorita está tão engraçada hoje, sim estava te esperando, a senhorita irá ter um encontro com o senhor Jaehyun

- encontro?

- sim, encontro

- como vocês sabiam que eu estava chegando?

Ele riu novamente

- a senhorita está mais engraçada que o normal, bom chegamos, agora é só esperar o senhor Jaehyun

- Jaehyun? Quem é Jaehyun?

A porta do lado foi aberta, tinha um homem de terno mexendo em um aparelho que saia luz, ele me olhou

-AAAAAAH

-AAAAAAAH

o motorista abaixou aquela tela preta 

-AAAAAAAAAH

-QUEM É ESSA MULHER MARK?

-EU NÃO SEI SENHOR JAEHYUN

- POR QUE ESTAMOS GRITANDO?

-EU NÃO SEI - o homem que se entitula de Jaehyun respirou fundo - na verdade eu sei sim, quem é você? Uma mendinga, lixeira, camponesa ou uma agente disfarçada das opções que eu citei anteriormente?

O olhei assustada

- quer saber? Não me interessa, sai do meu carro - ele abriu a porta e me empurrou, agarrei o braço dele chorando - aigoo, me larga

- por favor, não, eu estou correndo perigo 

- não me importo, me larga e desce do meu carro, MARK ME AJUDA AQUI PORRA

- sim senhor

Mark desceu e deu a volta, quando ele ia me pegar eu tive uma ideia

- espera! eu posso te convencer a me ajudar? por favor 

- aigoo moça, vamos venha logo - Mark me puxava, coloquei todo o meu peso no assento

- espera Mark - ele me olhou - eu acho bem difícil você me convencer, mas vamos lá

Tentei fazer fogo com as mãos, mas eu estava muito fraca, ele riu

- que graça que tem?

- você está tentando fazer o que?

- fogo, eu consigo

Ele riu mais ainda 

- Mark tira ela do carro

- sim senhor - quando ele ia me tirar eu usei toda a minha força e consegui fazer um pouco de fogo, o fogo apareceu como se fosse um raio e então tudo ficou escuro...

NARRAÇÃO JAEHYUN

- moça? moça?aigoo Jaehyun ela não acorda - Mark disse desesperado

Fiquei a olhando

- como você está nessa calma toda?

Peguei as mãos delas estavam mornas, comecei a procurar algum fósforo em suas roupas

- o que você está fazendo? 

- você viu o que ela fez? 

- aquele truque de mágica com fogo?

- sim, mas como? como ela fez isso?

- deve ser um truque senhor, nada demais

- se for um truque ela é muito boa, muito boa mesmo - fiquei a olhando - pode voltar a dirigir, e deixa ela aí 

- certeza senhor?

- absoluta 

Ele consentiu e foi para o volante, fiquei a olhando e pensando no bom negócio que veio até mim 

(...)

Fomos para minha casa, carreguei ela até um quarto de hóspedes 

- quem é ela? - minha vó apareceu

- uma mina de dinheiro

- dinheiro, dinheiro você só pensa em dinheiro Jaehyun, nem parece meu neto

- vó não começa, e se não fosse pelo dinheiro você estaria naquele vilarejo nojento

- eu tenho tanto desgosto do jeito que você fala

- que seja

A garota estava se mexendo

- onde eu estou?

- na minha casa 

- na sua casa?

- você é surda?

- aigoo - ela olhou em volta - aqui não tem água né?

- o quê? De que planeta você veio? Claro que aqui tem água 

Ela se levantou apressada

- eu preciso ir 

A segurei 

- não antes de me revelar o seu truque

- que truque?

- o fogo, como você fez?

- com as mãos 

- aish, você está me estressando

Ela foi até a minha vó

- senhora você pode me ajudar? Preciso fugir da água

- essa mulher é louca não é possível 

- cala a boca Jaehyun - minha vó falou - me conta essa história direito

Ela olhou ao redor do quarto, tinha brinquedos as meninas brincavam aqui de vez em quando, ela foi até um canto do quarto e voltou com o livro da princesa do fogo

- essa...sou eu, eu sou a princesa perdida, eu sou a princesa S/N 

Eu e minha vó nos olhamos e olhamos para ela

(...)


Notas Finais


Oq acharam do primeiro capítulo?❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...