História The Miracle (Changlix) - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Bang Chan, Han Ji-sung, Hwang Hyun-jin, Kim Seung-min, Kim Woo-jin, Lee Felix, Lee Min-ho, Seo Chang-bin, Yang Jeong-in
Visualizações 34
Palavras 505
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Comentem oque estão achando

Capítulo 12 - Recording 12


(Narradora PV)

Duas semanas passaram, Jeongin já estava bem melhor, seu rosto tinha apenas uma pequena cicatriz perto de sua boca e já não sentia muitas dores no corpo.

Felix mesmo não estando cem porcento também foi liberado, seu estado era um pouco pior que Jeongin ainda pois o impacto foi no ruivo.

O resto dos garotos não tinham feito contato ainda com os dois, apenas Minho, Chan e Hyunjin viam eles frequentemente.

-Vamos embora meu Dongsaeng ?-Minho perguntou sorrido pra ser irmão mais novo

-Sim.-Jeongin sorriu contente

Hyunjin riu de como Jeongin estava feliz e então os três seguiram pro carro.

Minho abriu a porta porém Jeongin hesitou em entrar.

-Minnie.-Olhou pro mais velho

-Tudo bem anjo.-Minho segurou sua mão e ajudou o irmão a entrar no carro

Hyunjin iria dirigir

-Hyung.-Jeongin ergueu a cabeça olhando  pra Hyunjin.-Toma cuidado.-E se encolheu nos braços de Minho

Hyunjin ficou com dó.

Jeongin havia pegado trauma de carros e não conseguia olhar ao redor.

Enquanto Chan ainda arrumava as papeladas pra liberar Felix.

-Os pais estão ?-Perguntou uma moça

-Não, eu tenho autorização.

Os pais de Felix não visitavam frequentemente o filho.

Eles estavam ocupados demais tentando achar coisas antigas do filho.

Ao terminar Chan foi ao quarto do irmão e encontrou o mesmo olhando prós seus pais enquanto os balançava.

-Pronto ?-Chan perguntou

Felix pulou da cama e foi ao platinado.

Então seguiram pra fora.

Chan deu a volta no carro totalmente contente por tirar seu irmão.

Felix não tinha nem sequer emoções

Pra ser sincero ele também nem sequer queria falar com Chan.

Pra ele era estranho, era como se um desconhecido estivesse o levando pra algum lugar perigoso.

-Animado ?-Perguntou pro ruivo que colocou o cinto

-Hm, acho que sim.-Respondeu

Chan não ligou se Felix estava ou não animado, ele estava animado.

Ele tinha fé que logo veria o antigo Felix.

Dirigiu normalmente pelas ruas de Seul até sua casa e ao abrir o portão eletrônico e entrar viu seus pais na porta.

-Tao clichê.-Falou e riu sozinho

Felix desceu do carro olhando tudo ao redor.

Ele ouviu alguma coisa fazer barulho e correr até ele.

-Chan!-Gritou e correu pra trás do platinado

Chan começou a rir descontroladamente e seus pais também

Felix ainda estava pendurado nas costas do irmão tremendo de medo

-Chan ele vai matar a gente, para de rir corre.-Falou dando leves tapas nas costas dele que ainda ria

-Ele não vai matar a gente Felix.-Colocou o irmão no chão.-Vem Max.-Falou chamando o cachorro

-Felix o Max é seu.-Sua omma falou

-Meu ?-Apontou para si

-Sim, quer ver, Max, cadê o Felix Max ?-A mulher falou pro cachorro

E o Golden Retriever foi até o ruivo

-Chan ele vai...

-Ele não vai fazer nada Felix.-Chan disse.-Estende a mão pra ele.

Felix mesmo com medo assim o fez.

Recebendo uma lambida na mão.

-Ai que nojo.-Falou

-É assim que eles demonstram afeto Felix.-Seu appa disse

Max latiu e Felix pulou denovo nas costas de Chan

-Vai ter que se acostumar com isso.-Chan revirou os olhos



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...