História The Monster and Angel - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Tokyo Ghoul
Personagens Akira Mado, Ayato Kirishima, Hinami Fueguchi, Juuzou Suzuya, Ken Kaneki, Kishou Arima, Koutarou Amon, Nishiki Nishio, Personagens Originais, Rize Kamishiro, Seidou Takizawa, Touka Kirishima
Tags Kaneki, Romance, Tokyo Ghoul, Touka, Touken
Visualizações 99
Palavras 1.532
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Festa, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - O passado


Fanfic / Fanfiction The Monster and Angel - Capítulo 14 - O passado

Segunda 9:30 da manhã


     Kaneki


 Sinto um pequeno calor sobre meu rosto que me fez abrir devagar meus olhos,vejo a luz do sol que entrava em meu quarto,sinto uma movimentação atrás de mim,me viro e vejo Touka dormindo, ela era um anjo seu cabelo caíam sobre seu rosto,eu ajeito eles com minhas mãos e do um beijo na testa dela. Não queria acordar ela então me levantei com cuidado sem barulho, olho para meu abdômen e vejo que estava curado pelo menos um pouco ficou uma cicatriz feia. Vou até a cozinha coçando os olhos e bocejando,começo a preparar um café e fico observando como o tempo estava pela janela da cozinha, tava a mesma coisa pelo menos um pouco de sol iluminava aquela manhã. Escuto uns leves passos se aproximando,pego minha caneca e mais uma e coloco café em ambas, me sento na cadeira e vejo Touka bocejando,ela estava com a minha blusa que ficava grande nela,mas em mim também. Ela me olha corada mas com cara de sono se senta no meu colo me fazendo corar também,pega sua caneca.


 -Bom dia...-Ela diz tomando um gole do café.-Estou com uma dor de cabeça...


 -Foi pela pancada de ontem não foi...-Digo alisando seu cabelo e beijando seu ombro.-Acredite aquilo não vai se repetir.-Respondo tomando um gole do café.


 -Tudo bem...-Ela diz se levantando.-Não se esqueceu né... Hide e Juuzou vão vir aqui hoje... melhor se arrumar.-Eu tinha me esquecido e agora que ela me lembrou MW fez se sentir um pouco nervoso.


 -Não vai para a Anteiku hoje né..?-Pergunto indo para o meu quarto.-Agora que eles sabem sobre você melhor não ficar arriscando muito.-Digo vestindo uma camisa,el retira a minha blusa bem na minha frente e ela ainda estava nua,coro e Sangro pelo nariz,ela começa a rir.


 -Sério... transamos ontem e você fica assim ainda...qual é.-Ela diz vestindo suas roupas íntimas e depois seu mini short e sua blusa branca.-E não... não vou para a Anteiku,mas vou ter que passar lá para avisar meu chefe que vou ficar um tempo sem ir para lá... invento uma desculpa Digo que vou viajar um por um tempo.-Ela diz sentando na cama e olhando seu celular, eu me sento ao seu lado.-E então...-Ela começa,eu respiro fundo para começar a falar de meu passado que eu tanto odiava.


FLASHBACK PASSADO DE KANEKI


    1 Ano atrás


    Sexta 23:45 da noite...


 A chuva caia mais forte essa noite deixando eu ainda mais agitado, e oque me impressiona é Tokyo, não importa a hora ou o clima,sempre está bastante movimentado.Rize e Jason estavam do meu lado,eu sempre saia com eles para comer por que os dois são ótimos nisso,são pura maldade assim como eu a única coisa que eu não gosto é quando a Rize fica se esfregando em mim da vontade de morder ela para matar.


 -Olha só o tanto de comida andando de um lado para o outro.-Jason diz olhando as pessoas com sua máscara sinistra.-Estou faminto que poderia acabar com todos eles.


 -Não é verdade Jason vocês não são mais famintos do que eu...-Digo estralando meu dedo.-Eu vou primeiro, podem comer longe daqui...eu cuido dessa parte.


 -Não é justo...sempre fica com os lugares que tem mais gentes..-Ele diz reclamando mas para quando eu seguro ele pelo pescoço e ameaço.


 -Eu já disse...não me faça te torturar quando voltarmos...-Ele para de reclamar e sai com a Rize para longe daquele local.-Bando de idiota... não sei oque a coruja viu neles...-Digo colocando minha mascara que Uta fez para mim um sorriso e um coro preto que amedronta qualquer humano perfeito para mim.Respiro fundo para sentir o cheiro da minha refeição, ate que sinto um que me deixou louco na hora, vejo uma garota conversando em seu celular sem se importar com a chuva, eu não sei oque ela estava falando nem com quem mas ela transbordava um ótimo aroma.Começo a seguir ela pelo telhado do beco e por minha sorte ela acaba entrando nele estava escuro e vi que as pessoas não passavam por ali perto.-Hu Hu Hu...minha presa... sempre são tão descuidadas acho que é isso que deixa o aroma delas mais apetitoso...-Digo sorrindo e pulo atras dela,ela me escuta e se vira sorrindo mas depois se assusta ao me ver,ela solta o celular e cai no chão trêmula, a chuva deixava ainda mais seu rosto com a expressão de desespero,ela não conseguia falar nada eu apenas uso meu Kagune e um dos meus tentáculos prende sua mão e arranca ela fora,eu pego seu membro arrancado e mordo alguns dedos.-Apetitoso mas isso não é a melhor parte...-Ela se rasteja apenas indo mais para a escuridão, eu tinha tanta raiva de pessoas que tentavam lutar para sobreviver mesmo sabendo que não tem a mínima chance.Eu fico em cima dela deixando ela imóvel, ela apenas chorava e ofegava o sangue de sua mão me deixava louco.-Vou acabar com seu sofrimento...-Digo mas ela começa a rir,eu fico confuso,mas ela chorava e ria.-Acha engraçado..?


 -Não... não achei que era tão bonita...-Ela diz chorando e sorrindo,eu fico olhando para seu rosto.-Para um Ghoul... sua voz é bonita..-Ela diz antes de meu Kagune atravessar sua barriga.


 -Isso....isso não impediu sua morte.-Digo um pouco estranho, vejo o corpo dela cair sem vida em minha frente, quando eu vou engolir um pouco de seu sangue consigo ouvir alguém pelo seu celular que estava caído ao meu lado.


 -Nossa filha nem acredito que o aparelho de escuta está funcionado, vem logo para casa para você finalmente ouvir as vozes de sua irmã e de seu pai...estou tão emocionada que estou chorando... filha...tudo bem...alô.-Pego o celualr e desligo e sinto minhas lágrimas caírem sobre meu rosto, meu coração chora comigo e sinto pela primeira vez uma dor enorme sobre minha alma e meu corpo.


 -O...O....Oque...?-Digo chorando e as palavras dessa garota ecoam pela minha cabeça.


 -"Para um Ghoul... sua voz é bonita "...-Eu grito e começo a me engasgar com meu próprio choro, ela tinha acabado de receber um equipamento para poder escutar, sua família esperava por Ela,e oque eu fiz,destruí esse sonho,ela iria ouvir as vozes deles pela primeira vez.


 -EU SOU UM MONSTRO!!!-Grito com raiva de mim mesmo.-Não.... nunca mais...-Digo me acalmando.-Eu aceitei meu lado Ghoul... mas odiei... agora aceitarei meu lado humano...-Digo me levantando e pegando o corpo sem vida da jovem, faço meu Kagune sumir e meu olho se destransforma,minha barriga roncava perto dela mas eu não iria mais comer carne humana, não Agora que eu percebi oaue eu estava fazendo, não eu e sim minha outra face.-Me desculpe..-Digo,ligo para a ambulância e Digo que tem um garota morta em tal rua e em um beco,eles iria chegar rápido então eu fujo vendo o corpo dela jogado no chão molhado e meu coração se despedaçando.


   

     Sábado 13:40 Da tarde


 -Ei Kaneki...você sua barriga não para de roncar... está se alimentando direito.?-Rize pergunta sentando do meu lado.-E seu Kagune e fraco,e por ele ser igual ao meu consigo ver que ele esta mais fraco.-Ela tinha razão, eu estou só algumas horas sem comer carne humana e estou me sentindo bem fraco qe Droga.-Tome..-Ela diz me entregando um pote com carne que sujava ele de sangue.


 -O-Oque?...-Digo babando olhando aquilo.-Não... desculpe... eu estou bem parece que eu estou enjoado ou passando mal...só isso Rize.-Digo saindo de perto dela, o motivo de eu estar assim é tudo culpa dela,aconteceu um terrível acidente comigo a algum tempo atrás e acabei perdendo meu rim, então por ordens da coruja Rize transplantou o seu em mim me transformando em metade humano e metade Ghoul só para Coruja ver que isso era possível,mas estragou minha vida toda.-Eu prometi...não vou comer...isso..-Digo nervoso.



     Sábado 23:50 Da noite.


 -I-Isso é sério K-Kaneki...?-Rize dizia quando viu que eu estava tentando proteger uma mãe e sua criança,Jason,Uta e Rize não acreditavam no que viam.-E-Esta brincando né... por que está protegendo essa duas estranhas...?


 -Isso está me deixando nervoso Kaneki...-Uta diz dando um passo.


 -Não... são apenas mãe e filha...meu deus, a criança tem oito anos...-Digo sentindo fome mas lutando contra ela.-Por favor... acho que podemos...podemos arranjar outro jeito de nos alimentarmos...-Digo e Rize fica com raiva vem para cima com tudo mas para quando a mais forte da Aogiri aparece me deixando trêmulo.


 -Oque é isso Kaneki?..-Ela diz parada em encarando.-Por que está protegendo elas?..-Eu não Respondo,Fiquei alguns minutos pensando.-Não me diga que amoleceu seu coração e vai proteger eles...qual é cai na real nenhum deles te protegeria... agora ataque elas...-Não Respondo apenas fico lutando contra minha tentação.


 -Não... não vou me tornar de novo naquele monstro sem coração...-Digo me virando para as duas.-Saíam daqui...não vou deixar eles se aproximarem de vocês.-Quando Digo isso a garotinha me da um abraço e sua mae me da um sorriso que eu não recebo há muito tempo.As duas correm e eu ativo meu Kagune mas nenhum deles tentou cotrere atrás delas.


 -OK...Kaneki... vou te dar um teste... você sabe que quando um Ghoul não se alimenta, sua regeneração fica mais fraca...se você sobreviver dez dias sendo torturado pelo Jason que tem essa vontade anos...a Aogiri irá parar de atacar em Tokyo...-Quando ela diz isso fico desconfiado mas tentei arriscar.


 -Promete?..-Pergunto olhando para ela.


 -Sim...eu Prometo...-Ela diz com seu sorriso...


Notas Finais


Comentem...:)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...