História The Mysterious Power of Oh Sehun (Imagine Oh Sehun) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Byun Baek-hyun (Baekhyun), Do Kyung-soo (D.O), Huang Zitao (Tao), Kim Jong-dae (Chen), Kim Jong-in (Kai), Kim Jun-myeon (Suho), Kim Min-seok (Xiumin), Lu Han (Luhan), Oh Se-hun (Sehun), Park Chan-yeol (Chanyeol), Personagens Originais, Wu Yifan (Kris Wu), Zhang Yixing (Lay)
Tags Mistério, Poderes, Sehun, Você
Visualizações 14
Palavras 757
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura;)

Capítulo 1 - O que ele fez comigo?


Eu sou S/N,tenho 18 anos,estudo em um dos maiores colégios de Seul,e tenho uma vida feliz-Vamos supor-Estou nos últimos dias de aula aqui da minha classe.

Algo estranho aconteceu hoje,digo...estava pegando minhas coisas no armário para ir embora.Estava apenas eu e eu.O silêncio vagava pelo corredor iluminado pelas luzes,um cenário misterioso e assustador,e para tudo ficar mais aterrorizante ouço passos vindo do corredor ali ao lado,eram muitos,alguns caras estavam xingando sei lá quem.Fiquei com medo eu confesso.

Saiu do corredor um cara alto,de boné,sem mochila,sem nada,com certeza não era um aluno ou funcionário.Então de onde ele veio?

Ele me olhou por alguns milênios,correu até mim,pegou meu pulso e sem me deixar entender me levou para outro corredor,escuro.Ele me jogou contra a parede,sua mão esquerda se colidiu com a parede fazendo um enorme barulho,seu braço tampava seu rosto.Ele me surpreende com um beijo.Apenas um escosto de lábios.

Tudo foi tão rápido,que nem sei se estava respirando.

Tais caras correram reto e sumiram de vista,e quando menos espero ele também.

Olhei para os lados assustada.

"Isso realmente aconteceu?"

Estava tão assustada que apenas corri para meu armário,peguei minha apostila e saí correndo de lá.

Cheguei em casa ainda muito assustada e sem entender,apenas me joguei na cama e fiquei pensando em quem era ele,por que aqueles homens corriam atrás deles,e por que me beijou.

Bufei irritada com as dúvidas que provavelmente não teriam respostas,me levantei e fui tomar uma ducha.

Estou agora aqui na cama de novo.

Mamãe me assusta batendo na porta,me chamando para o jantar.

Me levantei,desci e me sentei na mesa com os dois.

-Como foi a escola filha?-Perguntou mamãe.

-Bom-Respondi colocando um garfo de comida na boca.

-Hm..

De repente vejo algo atrás de papai,algo como um outro cenário,outra casa.Arregalei os olhos,fechei apertando-os e abri,vendo agora uma guerra,eu estava na guerra,vejo vários cavalos,corpos no chão,gritos.Olhei para os lados e não vi mamãe,o papai,ou minha cozinha,apenas morte,e mais morte.

"O que está acontecendo"-Pensei em desespero.

Mas algo me chamou a atenção,parecia ser um imperador contra outro imperador,dois homens em seus cavalos com as suas espadas sujas de sangue inimigo se encaravam em meio tanta disgraça e movimento,era como se não tivesse nada ao seus redores,apenas eles e eles.Um vestia trajes amarelos,dourados,e o outro um azul escuro,com escudos.Eles eram coreanos.Então eles dão partida correndo um contra o outro e de repente o imperador de azul mata o dourado e todos os outros homens param de brigar olhando-o.Eles fazem reverência e pelo meu entender,vencido a guerra os guerreiros inimigos se tornam aliados do vencedor.Ele me olhou e pude ver seu rosto manchado de sangue e raiva.

E do nada volto ao cenário de casa,vejo papai e mamãe comendo tranquilos.

-O que foi isso?-Resmunguei sem acreditar.

-Isso o quê?-Mamãe ouve.

-A comida está muito boa mãe, é por isso!-Sorri sem graça.

-aAa,obrigada filha!-Agradeceu sorrindo.

Comi minha comida com mais duvidas na cabeça,e subi.

Me joguei na cama de dormi.

Sonho

Caminhei por um jardim,e perto de uma árvore vejo um imperador com vestes azuis escuras e uma moça muito bonita,ambas estavam de mãos dadas olhando um para o outro quando de repente aparece um imperador de dourado e começa a brigar com o de azul,ambos brigavam pela moça que não sabia o que fazer,ela me olha assustada,e vem correndo até mim,só que ao chegar perto percebo que ela não parou,ela passou por mim,eu sou transparente nesse sonho.

Vejo o pai da mesma vir até os dois,e eles se curvam diante do mais velho,e ele começa a discutir levando consigo o imperador dourado e deixando o azul solitário no jardim,cheio de raiva.

Acordei assustada,ainda são 2:00 da manhã,estou suando e pelo o que vi me debati na cama,me deitei e dormi de novo.

O dispertador apita me fazendo acordar de um sonho maravilhoso.Me levantei e fui escovar os dentes.

Estava escovando os dentes olhando para o espelho,foi quando ao me olhar novamente vejo aquela moça dos meus sonhos refletindo no espelho,ela chorava,e dizia alguma coisa,pude ouvir:

-Papai?por que tenho que me casar com o imperador Xong Lin?eu amo o imperador Ling Xan.

-Você não vai se casar por amor,vai se casar por honra,e por dever!-Respondeu seu pai arrogante.

Passei a mão no espelho e não vi mais nada,passei de novo e ainda não consigo ver,apenas meu reflexo.

Terminei de escovar os meus dentes rápido,apoiei meus braços na pia me olhei no espelho e bufei.

-O que aquele rapaz fez comigo?alguma transferência de dados? memória?

O que ele fez comigo?


Notas Finais


Desculpem qualquer erro;-;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...