História The Nanny - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jimin, Jungkook, Lisa
Tags Imagine, Imagine Jimin, Jimin, Park Jimin
Visualizações 355
Palavras 1.145
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura❤️

Capítulo 15 - Fifteenth Chapter


Fanfic / Fanfiction The Nanny - Capítulo 15 - Fifteenth Chapter

 

Fifteenth Chapter

 

{Jimin P.V.O ON}

 

Resumption

Eu estava disposto a armar um plano para pegar a vagabunda da Yun e o desgraçado do meu irmão. Pesquisei todos os lugres onde eles podiam estar se escondendo, rastreei o celular do Yun e os meus cartões que estavam com ela até que eu consegui achar mas para minha infelicidade eles estavam em Busan cidade onde minha mãe mora isso me deixa ainda mais preocupado eles podem fazer mau a ela mas eu não vou deixar ja mandei alguns seguranças meus irem buscar ela para que ela fiquei aqui em casa assim ela ficará mais segura.

 

Eu estava tão distraído com meus papéis que nem vi a Senhora Sun chegar bom... eu achava que era a senhora Sun até eu ouvir aquela voz doce que antes fazia meu coração disparar mas no momento aquela voz só me deixa triste e nervoso eu realmente não queria ela aqui ela me destruiu e destruiu minha “família”.

 

 

-O que você esta fazendo aqui?, veio me arruinar mais uma vez? Por que se for para isso ja pode sair!- Eu realmente não queria ela aqui.

 

-Eii fica calmo eu só vim aqui conversar com você, para ser mais sincera eu vim me desculpar com você- Abaixou a cabeça e eu dei uma risada sarcástica.

 

-Se desculpar? Desde que você apareceu na minha vida tudo começou a dar errado! Você é um monstro S/n. Você fez com que a vadia da Yun tirasse a Jee de mim isso que esta acontecendo é tudo sua culpa e além de tudo você me enganou! Me esquece S/n esquece que um dia você trabalhou aqui você está demitida depois acertaremos tudo sobre sua demissão agora por favor saia daqui!- Bati na mesa e vi que ela estava assustada eu nunca pensei que podia ser assim mas ela me machucou e agora quem machuca sou eu, sem dó e nem piedade o jogo virou eu sou o caçador e ela a caça.

 

Ela saiu do meu escritório aos prantos eu queria ir abraçar ela e beija-la mas meu orgulho falou mais alto ela me dispensou disse não existe nós dois e agora vem me pedir desculpa? Eu não iria aceitar mesmo! Iria esquecer ela e focar em proteger minha mãe e resgatar minha filha de volta, no momento isso era o mais importante, S/n que se dane.

 

 

{S/n P.O.V ON}

 

 

Peguei um táxi de volta para casa, entrei no prédio e dei de cara com o Jungkook ele me viu chorando e correu até mim e me abraçou sem nem mesmo saber o motivo ele simplesmente disse que iria ficar tudo bem e era isso que eu precisava ouvir no momento acho que a pessoa certa no momento é ele. Retribui seu abraço e o apertei forte e chorei mais o abraço dele era tão bom reconfortante ele estava me ajudando apenas com um abraço Jungkook era um anjo, o meu anjo da guarda.

 

Ele continuou calado até me levar na porta do meu apartamento, abri a mesma e pedi para ele entrar, no começo ele recusou mas eu insisti e ele entrou.

 

-Obrigada pelo abraço você realmente me ajudou- Sorri sem graça e me sentei ao lado dele no sofá.

 

-Não foi nada eu sei que nos conhecemos pouco mas... se precisar eu vou estar aqui para te abraçar- Sorriu para mim e eu corei na hora, ele era um fofo.

 

-Acho que nos conhecemos muito bem... você ja me beijou duas vezes- Ri sem graça e vi sua cara de confuso.

 

-Duas vezes? Eu só te beijei uma vez... Acho que você está confundindo- Colocou uma de suas mãos no queixo como se estivesse pensando.

 

Merda, merda e merda como eu pude dar essa bola fora, agora ele deve ta achando que eu beijei outra pessoa e confundi com ele mas eu sou uma burra mesmo, S/n acho que você não vai dar certo com ninguém.

 

-D-desculpa eu deve ter confundido mesmo...- Não eu não confundi mas se eu falar que durante o coma você era meu anjo e me beijou você vai me chamar de louca e me abandonar que nem o Jimin e o que eu menos preciso agora e de mais alguém me abandonando.

 

-Não precisa pedir desculpa se quiser posso te beijar de novo ai sua conta não vai estar errada- Ele sorriu e se aproximou mais de mim.

 

-Hmm... acho que seria uma boa- Ok pode até estar sendo rápido de mais eu mal terminei o que eu acho que era um relacionamento com o Jimin e ja estou beijando o Jungkook mas veja por esse lado Jungkook é um homem legal, fofo e sempre esta me ajudando sem contar que ele salvou minha vida.

 

Ele passou uma de suas mãos em minha coxa se aproximou de mim e selou meus lábios, ele tinha os lábios macios e quente dessa vez eu me permiti cedi ao beijo dele sua língua pediu passagem e eu cedi mais uma vez eu queria poder sentir seu sabor que era muito bom era um morango refrescante ele foi aprofundado o beijo e me puxou para sentar no seu colo, coloquei uma perna de cada lado da sua cintura e segurei na sua nuca onde dei um leve puxão em seus fios, o beijo estava quente ele apertava minha coxa como se aquilo fosse a última coisa que ele iria fazer mas eu parei, me separei dele e tive uma visão tão linda, ele de olhos ainda fechados e boca semi aberta,seus lábios estavam vermelhos e inchados Jungkook era simplesmente lindo.... Eu estava ludibriada com sua beleza quando a imagem do Jimin se fez presente, sai do seu colo em um pulo e ele se assustou. Merda Jimin até assim você me afeta mesmo não estando presente você é um vicio sem cura.

 

-Ta tudo bem? Eu fiz algo de errado- Ele era tão fofo preocupado.

 

-N-não você não fez nada... é eu acho que está ficando meio tarde e...- Ele me interrompeu.

 

-Realmente eu preciso ir... a gente se fala?- Me olhou com um semblante de dúvida.

 

-Eu não tenho seu número- Sorri envergonhada e coloquei uma mecha de meus cabelos atrás da orelha.

 

-Me da seu celular- Peguei meu celular que estava no meu bolso, ele pegou da minha mão e anotou o número dele e salvou o nome como Porteiro gatinho.

 

Ele entregou o celular para mim e guardei ele no bolso, nos levantamos e eu o acompanhei até a porta. 

 

 

-Até mais então porteiro gatinho- Ri e ele fez o mesmo.

 

-Até mais gatinha- Me deu um selinho e foi embora.

 

Fechei a porta e coloquei minhas mãos em meus lábios e fechei os olhos e toda aquela cena do beijo veio a minha mente... Jungkook você esta mexendo comigo acho que isso não vai dar certo ou... Vai...

 

New "Relationship"?


Notas Finais


Te espero no próximo capítulo ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...