1. Spirit Fanfics >
  2. The New Age of Dark Lords (dark golden trio) >
  3. Oh merda

História The New Age of Dark Lords (dark golden trio) - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Oh merda


Pov Ron:

Neville: ...então, por conta disso, você estão aprendendo arte das trevas e muitas outras coisas  por conta própria?

Ron: Hm, sim.

Neville: Okay, estou dentro.

Harry: Oi?

Neville: Você me ouviu. Eu estou dentro, quero e vou ajudar vocês nisso, estou apoiando a causa, estou me juntando a vocês...

Harry: Espera, acredita em nós?


Neville: Ah Harry, primeiro, vocês são meus únicos amigos, segundo a vida de vocês é uma bagunça então porque eu duvidaria, terceiro ele parece bem real para mim - apontou para Tom - quarto, eu sei que minha mente não é capazde criar uma coisa dessa amplitude.


Confuso né? Eu sei, eu sei. Vamos voltar dois dias no tempo. Não, para falar a verdade vamos voltar cerca de duas horas, já que nada se relevante aconteceu desde Harry e eu que acordamos juntos. Certo, então vamos voltar para o fim de uma interessante aula de poções. Sim. Eu acabei de chamar uma aula de poções de interessante, doideira, não é? Mas enfim, saimos da aula de poções, que por sorte era a nossa última do dia, então, como o costume,  voltamos para o dormitório para pegarmos os livros que estamos lendo, estávamos indo em direção a Câmara, só que como sempre, estávamos distraídos conversando sobre os nossos planos, então trombamos com alguém Neville no meio do caminho, o que resultou em nós três e nossos livros caídos no chão. Ao tentar nos ajudar, Neville viu o título dos livros que estávamos lendo, o qie não nos deixou outra alternativa a não ser arrastá-lo para a Câmara, tirar Tom do diário e explicar absolutamente tudo para ele. E bom, chegamos aonde chegamos.

Tom Riddle: Neville Longbottom, né?

Neville: Hm, sim.

Tom Riddle: Okay então Neville, eu aconselho você a ir com o Harry e o Ron até Gringotes para fazer um teste de herança, quero dizer, com tudo que sei sobre você e seus pais, aliás me perdoe por isso, mesmo que não tenha sido minha...

Neville: Você não é o mesmo Voldemort, então a culpa não é sua, mas okay, continua.

Tom Riddle: Okay, então, tendo com base na sua história, eu acredito que Dumbledore também tenha te manipulado, porque se aconteceu com você o que aconteceu, você deve ter algo que Voldemort quer.

Harry: O que tornaria fácil de Dumbledore manipulá-lo também.

Ron: Mas o que seria?

Tom: Hm, vejamos. O que vocês tem em comum?

Neville: Além de sermos da mesma casa, não termos crescido com nossos pais, a altura acho que o fato que fazemos aniversário, em datas próximas, eu nasci dia trinta de julho e Harry no dia trinta e um, ambos do mesmo ano.

Ron: Talvez, Dumbledore descobriu que vocês tem um poder muito elevado e que seriam uma ameaça para ele.

Harry: Mas isso não justifica Voldemort.

Tom Riddle: Acredito que tem um jeito de sabermos.

Neville: Como?

Tom Riddle: Profecia.

Harry, Neville e Ron: Oi?

Tom Riddle: Cada bruxo vivo tem uma professia sobre sua vida, elas ficam no departamento de mistérios. Depois que vocês estiverem mais treinados, nós podemos invadir o departamento de mistérios e roubar as profecias de vocês três. Sim Ronald, a sua também, porque eu duvido que você saiu impune dessa história toda.

Ron:  É, você tem razão, agora, quando iremos para Gringostes? Quero dizer, nós já estamos aqui então porquê não irmos agora? Não vai fazer sentido irmos embora para voltarmos amanhã.

Tom Riddle: É, tem razão. Sigam-me. - ele começou a nos levar em direção a estátua de Salazar Sonserina, quando entramos fomos passando por um corredor cheio de portas dos dois lados, pelo que eu pude contar eram umas vinte. - Esses são os quartos, eles tem banheiros, feitiços de abafamento e de privacidade, ou seja,  nada do que for falado lá dentro, será escutado aqui fora e vice-versa, eles também tem sensores de movimento, assim que está dentro poderá saber se alguém se aproxima do quarto com a intenção de entrar.- explicou enquanto descíamos cada vez mais, até que paramos num corredor sem saída que tem três portas - Essa primeira porta a esquerda é a Câmara pessoal de Medusa.

Harry: Quem?

Tom Riddle: Meu basilisco. Essa do meio, é o escritório de Salazar e a última é seu quarto pessoal, que além de banheiro e closet, tem uma passagem para o escritório, uma sala de treinamentos e uma biblioteca. Venham, no escritório tem uma lareira que, assim como tudo aqui em baixo, está fora das alas do castelo. Sabem viajar por flu?

Ron: Sim.

Harry: Mais ou menos.

Neville: Sim.

Tom Riddle: Ótimo, já podem ir. Assim que vocês dois - apontou para mim e para Neville - chegarem fiquem parados aonde pousarem. Ah e chamem por Girngotes Bank. - vendo miha cara de confusão, ele voltou a falar - Sim, eu vou com vocês, só que eu vou com o Harry apara ajudá-lo.

Ron: Hm, okay então, até daqui a pouco. - então peguei o flu e entrei na lareira. - Gringotes Bank.

Senti as chamas de baixo de meus pé, assim que eu me estabilizei chão, eu me vi em um lugar enorme e brilhante, que parecia ser de ouro, quando eu olhei para os lados, eu vi várias mesas altas de madeira e nelas tinham vários e vários duendes, que me olhavam normalmente ou que estavam focados demais em seus trabalhos para notar a presença de um bruxo qualquer. Levei um susto quando surgiram algumas chamas verdes ao meu lado e Neville saiu delas, logo em seguida vi Harry e Tom surgindo ao meu lado esquerdo em uma outra chama maior do que a de Neville.

Tom Riddle: Okay, vamos. - começou a nos guiar até um dos balcões. - Com licença Senhor. Nós gostaríamos de fazer quatro testes de herança.

Grampo: Oh, olá senhores Slytherin, Potter, Weasley e Longbottom. Sigam-me até meu escritório, por favor. - começou a nos guiar por corredores enormes e brilhosos, até que parou em frente a uma porta de carvalho que tinha umá maçaneta feita de diamantes, passou suas unhas enormes por ela que em instantes se abriu revelando um enorme escritório com uma decoração clara e moderna. - Sentem-se por favor. Teste de herança né? - quando confirmamos, ele pegou umas poções, as jogou em quatro pergaminhos, conjurou quatro adagas e  continuou a falar - Sabe, eu estou surpreso em como vocês conseguiram trazer alguém do passado para o presente por meio de um diário.

Harry: Co-como que...

Grampo: A magia dos duendes  é diferente da dos bruxos, Senhor Potter. Mas agora vamos aos negócios. Cortem a palma de suas mãos e deixem cinco gotas de sangue cair no pergaminho.

Acentimos e fizemos o que nos foi indicado. Quando as cinco gotas cairam no pergaminho que foi direcionado a mim, minha mão se curou e  letras começaram a se formar no pergaminho, que estava ficando maior a cada segundo. Finalmemte eu pude pegá-lo para ler, e sinceramente? Eu nunca senti tanto ódio em minha vida.

◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤

Teste de Herança: 51b6  - 1992

Nome completo:

Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley.

Data de nascimento:

01 de março de 1980

Status de sangue:

Sangue Puro

Filiação:

- Arthur Septimos Weasley (pai adotivo - adoção de sangue ilegal)

-  Rodolphus Corvus Lestrange (pai biológico - preso)

- Molly Anastacia Prewett Weasley (mãe adotiva - adoção sangue ilegal)

- Bellatrix Black Lestrange  (mãe biológica- presa)

Relações de apadrinhamento:

- Alvo Percival Wufric Brian Dumbledore (ilegal)

- Rabastian Lestrange (por sangue e magia)

- Narcissa Black Malfoy (por sangue e por magia)

Títulos:

- Lorde Regente Lestrange (por falta da presença dos Lordes)

- Herdeiro Lestrange (por direito de nascença)

- Lorde Regente Black (por falta da presença dos Lordes)

- Herdeiro Black (por direito de nascença)

- Lorde Prewett (não oficial - cargo abandonado)

- Herdeiro Prewett (por adoção de sangue ilegal)

- Lorde Weasley (não oficial - cargo bloqueado)

- Herdeiro Weasley (por adoção de sangue ilegal)

Propriedades:

- Lestrange Manor - Inglaterra

- Lestrange Castel - Áustria

- outras propriedades Lestrange - espalhadas pela Europa e Américas

- Black Manor -Inglaterra

- Black Castel - França

- Largo Grimuald 12 - Londres

- outras prioridades Black - espalhadas pela Europa

- A Toca - Inglaterra

- Weasley Manor - Inglaterra

- outras propriedades Weasley  na América do Norte

- Prewett Manor - Inglaterra

- Prewett Castle - Alemanha

- outras propriedades Prewett - espalhadas pela Europa e Ásia

Cofres:

-Lestrange = 59 cofres // Possui posse total de todos os cofres // Fortuna disponível equivalente a 2, 5 bilhões de galeões; 38, 9 bilhões de sicles; 157, 6 bilhões nuques.

- Black = 75 cofres // possui posse parcial dos cofres // Fortuna  disponível equivalente a 346 milhões de galeões; 450, 3 milhões de sicles; 984 milhões de nuques. // Fortuna total equivalente a 5, 6 bilhões de galeões; 55 bilhões de sicles; 348 bilhões de nuques.

- Weasley = 25 cofres // 20 cofres bloqueados// 4 cofres constantemente roubados // 1 disponível //  possui posse quase nula do cofre disponível // Fortuna disponível equivalente a Mil e quinhentos galeões; 10 mil sicles; 25 mil  nuques. // Fortuna total equivalente a 45 milhões de galeões; 150 milhões de sicles; 586 milhões de nuques.

- Prewett =  40 cofres // 40 cofres abandonados //  posse total e opicional dos cofres // Fortuna disponível equivalente a 78 milhões de galeões; 243 milhões de sicles; 778 milhões de nuques.

Bloqueios e compulsões: - núcleo escuro: por nascença (95% bloqueado - Por Alvo Dumbledore,  Arthur e Molly Weasley em 1980)

- núcleo cinza: por nascença (70% bloqueado - Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980)

- núcleo claro: não-natural, existente devido ao bloqueio de seus núcleos naturais (0% bloqueado - 50% rejeitado)

- distúrbio de personalidades:


personalidade original = simiar a de Bellatrix Lestrange (100% bloqueada - Por Alvo Dumbledore e Arthur Molly Weasley  em 1980)


personalidade falsa =  similar a de Arthur e Molly Weasley (implantada em 1980 por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley)

- modificações na aparência:

• aparência original = similar a de Rodolphus Lestrange (0% bloqueada - seu corpo não aceitou as modificações impostas )

- desprezo para com os estudos = Por Alvo Dumbledore.

- bloqueio de  QI:

• QI original = 120

• QI após o bloqueio =  75

- ódio a:

•  família e sobrenome Malfoy (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley  em 1980);

família e sobrenome Lestrange (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

família e sobrenome Black, principalmente Bellatrix Black (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

 arte e magia das trevas e seus derivados (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

  Severus Snape (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980 - quebrado por Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley em 1992);

Sonserina (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

- submissão a:

Alvo Dumbledore (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

Minerva Mcgonagall (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

Ordem da Fênix (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

Grifinória (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

Família Weasley (Por Alvo Dumbledore, Arthur e Molly Weasley em 1980);

◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤

Ron: Eu odeio eles, odeio todos eles. Como eles puderam fazer isso comigo? Quero dizer, porque? Eles...minha família, eu não...não... não - consegui ver Harry levantar e caminhar em minha direção me oferecendo conforto em seus braços, me permiti ser abraçado e deixei as lágrimas correrem soltas. - Harry.... eles, eles... tá explicado, porque eu sempre me senti diferente deles, queri dizer, os olhos deles são claros e os meus escuros, meu cabelo nãoé tão liso assim, ele tem umas ondinhas leves e o tom do meu cabelo sempre foi mais escuro do que o deles é...é por conta disso e...

Harry: Ron, calma, deixa eu ler seu teste de herança sim? Se serve de consolo, você pode ler o meu. Com certeza estamos em situações muito diferentes, mas eu... eu só não consigo acreditar em tudo que fizeram comigo. O de Neville também é muito preocupante.

Ron: Onde está o dele?

Harry: Tom está lendo.

Ron: Oh, certo, então posso ler o seu?

Harry: Claro, aqui está.

Ron: Obrigado. Aqui, toma. - o de Harry estava mais ou menos do mesmo tamanho que o meu, acredito que pouca coisa maior. Mas quando eu lí, eu fiquei numa mistura de preocupação e ódio, Merlin, ele está literalmente marcado para morrer.

◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤

Teste de Herança: 56ac46  - 1992

Nome completo:

Hadrian James Fleamount Griffindor Peverell Lupin Potter

Data de nascimento:

31 de julho de 1980

Filiação:

- Tiago Fleamount Peverell Potter (pai biológico - morto)

- Líian Marie Gryffindor Evans (mãe biológica - morta)

- Remus John Lupin (pai adotivo - adoção de sangue legal)

Status de sangue:

Mestiço

Relações de apadrinhamento:

- Severus Tobias Prince Snape (por sangue e magia)

- Sírius Órion Black (por sangue e por magia - preso)

- Alice Longbottom (por sangue e por magia - incapacitada)

Títulos:

- Lorde Potter (último da linhagem que está vivo)

- Herdeiro Potter (por direito de nascença)

- Herdeiro Lupin (por adoção de sangue legal)

- Lorde Peverell (último da linhagem que está vivo)

- Herdeiro Peverel (por direito de nascença)

- Lorde Gryffindor (último da linhagem que está vivo)

- Herdeiro Gryffindor (por direito de nascença)

Propriedades:

- Potter Manor - Inglaterra

- Potter Castel - Suíça

- outras propriedades Potter- espalhadas pela Europa, Américas e Oceania

- Peverell Manor -Inglaterra

- Peverell Castel - Bélgica

- outras prioridades  Peverell- espalhadas por todo o mundo

- Gryffindor Manor - Inglaterra

- Gryffindor Castel - Não localizado

- outras propriedades Gryffindor em ilhas do pacífico

- Lupin Manor - Inglaterra

- outras propriedades Lupin - espalhadas pela Europa e Ásia

Cofres:

-Potter= 54 cofres // Possui posse total de todos os cofres // Fortuna disponível equivalente a 1,3 bilhões de galeões; 27, 5 bilhões de sicles; 138, 16 bilhões nuques.

- Peverell = 86 cofres // possui posse total dos cofres // Fortuna total equivalente a 28, 9 bilhões de galeões; 79 bilhões de sicles; 451 bilhões de nuques.

- Gryffindor = 125 cofres  // Fortuna total equivalente a 45 bilhões de galeões; 150 bilhões de sicles; 586 bilhões de nuques.

- Lupin=  45 cofres // posse parcial dos cofres // Fortuna disponível equivalente a 4,5 milhões de galeões;  23, 15 milhões de sicles; 41,4 milhões de nuques // Fortuna total equivalente a 89 milhões de galeões; 254 milhões de sicles; 691 milhões de nuques.

Bloqueios e compulsões: - núcleo escuro: por nascença (99% bloqueado - Por Alvo Dumbledore  e Molly Weasley em 1980)

- núcleo cinza: por nascença (85% bloqueado - Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980)

- núcleo claro: não-natural, existente devido ao bloqueio de seus núcleos naturais (0% bloqueado - 75% rejeitado)

- desprezo para com os estudos = Por Alvo Dumbledore.

- preguiça extrema = Por Alvo Dumbledore

- bloqueio de  QI:

• QI original = 126

• QI após o bloqueio =  60

- ódio a:

•  família e sobrenome Malfoy (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley  em 1980);

família e sobrenome Lestrange (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

família e sobrenome Black, principalmente Sírius Black (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

 arte e magia das trevas e seus derivados (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

  Severus Snape (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980 - quebrado por Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter  1992);

Sonserina (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

- submissão a:

Alvo Dumbledore (Por Alvo Dumbledore  e Molly Weasley em 1980);

Minerva Mcgonagall (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

Grifinória (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

Ordem Da Fênix (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

Família Dursley (Por Alvo Dumbledore em 1980);

Família Weasley (Por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980);

- poção de amor e contrato de casamento a:

- Ginerva Molly Weasley (morta - por Alvo Dumbledore e Molly Weasley em 1980)

- poções e venenos:

- poção de envenenamento lento (Por Alvo Dumbledore);

- poção para desnutrição (Por Alvo Dumbledore);

- poção para anemia (Por Alvo Dumbledore);

- poção para quebrar e concertar os ossos (Por Alvo Dumbledore);

- veneno para destuirir lentamente os órgãos (Por Alvo Dumbledore)

- tempo de vida:

- 19 anos (Por Alvo Dumbledore)

◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤◇♤

Ron: Eu não acredito, ele tentou manipular seu tempo de vida. Ele tentou não, ele manipulou seu tempo de vida. Dezenove anos. Cara, DEZENOVE.

Harry: Ron????? COMO VOCÊ CONSEGUE ESTAR PREOCUPADO COMIGO? Você acabou de descobrir a verdade sobre seus pais, eu agradeço pela preocupação, mas você literalmente acabou de descobrir que sua vida inteira foi uma mentira, eu posso ter tido uma vida horrível, mas pelo menos eu vivi na verdade, de certa forma.

Ron: Tem algo assim do tipo no seu, Neville?

Neville: Não. Os únicos bloqueios no meu, são "medo e submissão a Augusta Longbottom" que é a minha avó, bloqueio nos núcleos e redução de QI. O resto são coisas que eu já sabia, como que eu sou afilhado dos pais do Harry, que sou sangue puro e esse tipo de coisa.

Harry: Tom? E você?

Tom Riddle: Tudo normal, afinal Dumbledore não sabe que eu estou aqui e mesmo se soubesse, não teria como me atingir. E cara eu sinto muito por sua família. Senhor tem como tirar os bloqueios, compulsões, poções e venenos que estão nos corpos deles e também tem como reparar os danos?

Gampo: Oh claro, só posso ver os testes deles? Para eu poder saber exatamente quem chamar. - pegou nossos testes e começaram a ler - Ah certo. Venham, irei levá-los à enfermaria.

Tom Riddle: Posso ir também?

Grampo: Claro que pode Sr. Slytherin, mas por quê?

Tom: Eu me preocupo com eles.

Grampo: Certo, agora sigam-me .Suny, Alex e Jay, temos três casos d39, só que em níveis diferentes. - disse quando chegamos lá.

Jay: Será só a remoção ou remoção e reparação geral?

Grampo: Aqui, olhem os testes vocês entenderão melhor

Alex: Uh, okay, complicado o caso d vocês garotos, principalmente o seu Senhor Lestrange, pois os seus são danos mais emocionais e psicológicos.

Suny: Então serão no total uma remoção e dois gerais.

Grampo: Quando tudo estiver acabado, serão escoltados para meu escritório, afinal ainda temos muito o que resolver. - e saiu da enfermaria.

Jay: Deitem-se nas macas, daremos poções para vocês dormirem para não sentirem dor durante o processo, que deve levar no máximo trinta minutos. Vocês acordarão assim que finalizarmos tudo.

E então poções apareceram na nossa frente e rapidamente as tomamos, a última coisa que senti antes de apagar foi Tom fazendo carinho em minha mão. Quando eu acordei tudo estava diferente, minha magia estava mais poderosa, mais solta, mais insana e sombria, MUITO mais sombria. Olhando para os lados eu vi Harry e Neville sentados em suas macas, aparentemente testando suas magias também.

Neville: Isso, isso é...

Harry: Libertador.

Tom: Como estão se sentindo?

Neville: Estou bem, obgridado.

Ron: Tentando me acostumar com tudo isso, mas bem.

Harry: Meio tonto, mas me sentindo verdadeiramente vivo.

Tom: Ótimo, venham, temos que voltar. Acredito que vocês irão reivindicar seus anéis de herdeiros e de Lordes.

Ron: Aaaah, aí entra a parte burocrática. Só de pensar que eu vou ter que resolver o problema das contar já me dá dor de cabeça.

Harry: Ron, acho melhor resolvermos nossas vidas primeiro e depois você pensa nos gastos, porque se não você pode acabar beneficiando os Weasley.

Neville: É cara, ele tem razão, vamos entender esse negócio da heirarquia bruxa primeiro, depois bemos as contas.

Ron: É pode ser. Tom, você lembra o caminho de volta, né?

Tom: Lembro, venham. - foi nos conduzindo de volta como se já tivesse percorrido esse caminho várias e várias vezes.

Grampo: Ah, vocês voltaram. Vejo que tudo ocorreu bem. Sentem-se, temos que ver a questão dos aneis de vocês. E além do mais  achamos umas cartas dos pais de vocês e Senhor Peverell Gryffindor Lupin Potter, temos que abrir o testamento de seus pais, que fou fechado por Dumbledore.

Harry: Ele não tinha esse direito. - exclamou com sua magia se descontrolando, ainda mais.

Tom: Não, ele não tinha. Agora se controla antes que você mande tudo para os ares.

Harry: Certo, você está certo, me desculpem. Pode continuar agora, Senhor.

Grampo: Porém iremos fazer isso outro dia, pois é necessária a presença de outras pessoas e leituras de testamento são processos demorados, ainda mais se for um testamento lacrado. Agora aos anéis. Vamos começar por você, senhor Longbottom.

Harry: Também, vai pegar os seus Tom? - indagou enquanto o duende se levantava e ia para em direção a uma porta de aço que ficava atrás de sua mesa, quando ele voltou, eu pude ver que ele carregava umas quinze caixas de madeira com ele.

Tom: Eu já cuidei disso enquanto vocês estavam lá, teve uma parte do processo que eu não pude estar presente, pois minha magia iria afetar a liberação da de vocês.

Harry: Ah sim.

Grampo: Aqui está, o anel de Herdeiro Longbottom. - ele espalhou as caixas de madeira na mesa e pegou uma que era tingida de amarelo e tinha um "L" prata muito bem desenhado em cima. - Pegue-o com sua mão direita e agora repita essas seguintes palavras: "Eu, Neville Longbottom, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Longbottom, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa." E então coloque-o em seu anelar esquerdo, se você for aceito, ele brilhará e ficará do tamanho certo do seu dedo.

Neville: Okay - puxou a caixinha para mais perto de si e tirou dela um anel feito de ouro que continha o mesmo "L" da tampa da caixa, só que envolto entre duas rosas vermelhas. - Eu, Neville Longbottom, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Longbottom, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa.

Grampo: Ótimo, foi aceito. Senhor Gryffindor Peverell Lupin Potter, você deverá falar as mesmas coisas que o Herdeiro Longbottom disse, só que quando for reclamar pelos anéis de Lorde, basta trocar a palavra "Herdeiro" por "Lorde". O mesmo vale para você Senhor Prewett Lestrange Black Weasley.

Ron: Okay. - pude ver ele arrastando sete caixas para perto do Harry, duas delas, a da casa Gryffindor, eram vermelhas e douradas e tinham  "G" de bronze suspenso por dois leões em cima delas. As caixas da família Peverell eram pretas, em suas tampas, tinham um símbolo que continha um triângulo, um risco e um círculo e dentro disso tudo, um "P" douado. Por fim, as da familia Potter eram caixas azuis e tinham um "P" branco bem no meio.

Harry: Eu, Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Lupin, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Gryffindor, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Potter, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Peverell, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter, Lorde da Nobre e Antiga Casa Gryffindor, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Lorde desta Nobre e honrável casa. // Eu, Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter, Lorde da Nobre e Antiga Casa Peverell, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Lorde desta Nobre e honrável casa. // Eu, Hadrian James Fleamount Gryffindor Peverell Lupin Potter, Lorde da Nobre e Antiga Casa Potter, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Lorde desta Nobre e honrável casa. - obviamente, ele foi aceito em todas as casas e todos os anéis tem as mesmas estampas que suas respectivas caixas.

Ron: Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley , Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Lestrange, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Prewett, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Black, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley, Herdeiro da Nobre e Antiga Casa Weasley, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Herdeiro desta Nobre e honrável casa. // Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley, Lorde Regente da Nobre e Antiga Casa Lestrange, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Lorde desta Nobre e honrável casa. // Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley, Lorde Regente da Nobre e Antiga Casa Black, aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Lorde desta Nobre e honrável casa. // Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley, Lorde da Nobre e Antiga Casa Prewett aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Lorde desta Nobre e honrável casa. // Eu, Ronald Rodolphus Bilius Prewett Lestrange Black Weasley, Lorde da Nobre e Antiga Casa Weasley aceito e reclamo por meu lugar de direito como o Lorde desta Nobre e honrável casa. - os anéis Lestrange são brancos  e possuem um "L" preto neles. O anel dos Black é, obviamente, preto e tem um "B" vermelho. Os da casa Prewett são cinza e o "P" é verde esmeralda, por fim, os anéis da casa Weasley são verdes e tem um "W" azul neles.

Grampo: Vocês tem alguma pergunta?

Harry: Tem alguma outra jóia de familia, ou são só os anéis.

Grampo: Tem cordões com as iniciais de suas famílias, querem que eu pegue?

Harry, Neville e Ron: Sim, por favor.

Grampo: Um momento. Aqui, estão. Todos esses colares são iguais, são feitos de ouro e o contorno das letras é de diamante. Eles não passam de um círculo dourado com a letra de sua família no meio. Ah, tem mais algo que eu julgo interessante vocês saberem. Vocês não precisarão mais sacar dinheiro quando forem comprar algo. Na hora de pagar, basta apenas indicar se querem pagar com os aneis e os precionar em uma folha especial que os vendedores têm, então, automaticamente, a quantia será descontada de seu cofre. Alguma outra pergunta?

Ron: Sim, eu tenho. Porque muitas coisas das contas Weasley estavam bloqueadas?

Grampo: Seu avô, Septimus, sabia que Arthur Weasley não iria administrar direito ascontas Weasley, então ele trancou a maior parte e lançou uma magia de sangue, na qual apenas um Weasley digno poderia tomar a frente da casa e de suas contas.

~QUEBRA DE TEMPO~

Pov Harry:

Ron: Tem certeza, companheiro?

Harry: Sim Ron, absoluta. Eu tenho que falar com ela. Eu estou com saudades.

Ron: Certo, mas eu vou estar te esperando na comunal, tá?

Harry: Tá, valeu cara. - e então entrei na enfermaria e fui até a cama da Mione. - Oi Mih. Como você está? Eu espero que bem. Ah tem tanta coisa acontecendo nessas últimas semanas, que você nem faz ideia. Eu descobri que bom, a minha vida, a nossa vida sempre foi uma completa mentira,  Ron descobriu que ele sempre viveu em uma farsa muito bem manipulada. Ah, eu espreo que você possa voltar ao normal logo para te colocarmos por dentro de tudo. Eu estou com saudades, sabia? Mione, eu vou falar agora pois sei que você está me ouvindo e sei que quando você voltar ao normal, eu talvez não tenha coragem de falar isso, mas... eu...eu te amo, Hermione Jean Granger. Eu sempre te amei, desde o primeiro momento em que nos vimos e que nos falamos. Eu amo você, amo seu rosto, seu lindo cabelo cacheado. Eu amo o jeito que você aperta a maga de sua camisa quando está concentrada, o jeito que você cora quando ri. O jeito que você sempre sabe tudo. Eu te amo muito, muito mais do que eu julgava ser possível. -  estava indo me retirar para meu dormitório quando meu padrinho entrou na enfermaria com lágrimas nos olhos. - Padrinho? Tá tudo bem?

Snape: Harry, eu... eu lembrei de mais um fato sobre a minha vida. - se sentou na cabeceira da maca em que Mione estava e começou a afazer carinho em seus cabelos enquanto a olhava com ternura. - Eu... eu lembrei que a Hermione... ela...ela é a minha filha.


















Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...