1. Spirit Fanfics >
  2. The One That Got Away (Reylo AU) >
  3. Capitulo um: That is Complicaded

História The One That Got Away (Reylo AU) - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Eu já tenho cinco capítulos prontos, aí vou postar conforme eu vou fazendo, o segundo cap sai amanhã, boa leitura amores

Capítulo 2 - Capitulo um: That is Complicaded


Fanfic / Fanfiction The One That Got Away (Reylo AU) - Capítulo 2 - Capitulo um: That is Complicaded

Ano de 1992...

“Quando não souber o que fazer, dê uma pausa, feche os olhos, respire um pouco. Às vezes, a resposta que você precisa pulsa no seu coração, OUÇA!"


A buzina do carro dele tocava, esperando para que ela aparecesse, ela estava deitada na cama, com o pés para fora do cobertor, coçando a cabeça, o despertador tocou pela terceira vez seguida, ela não tinha ouvido, só acordou quando Mara passou em seu quarto quase a arrancado da cama.
-Reyna o Benjamin já está aqui- Mara Jane disse a ela
-Mas falta...- Ela olhou para o relógio- Droga, faltam cinco minutos? Essa droga não despertou que merda
-Despertou três vezes Rey nos últimos dez minutos- Mara disse- Bote sua roupa e agilize, Ben ficará uma fera se demorar mais
-Ele está sempre irritado Mara Jane, é algo normal para ele, que mal tem ficar só um pouco mais irritado aindo?- Rey falou lenvantando da cama
-Rey vá logo- Mara mandou
-Ta bom, ta bom
A garota correu feito uma maluca, botou uma calça, uma blusa que parecia mais uma echarpe enrrolada, suas botas e amarrou o cabelo em três choques

(O look dela é mais ou menos o do filme, só que mais adolescente e não do jeito Jedi por assim dizer)

ela pegou sua mochila correndo, deixando metade dos livros cair, os jogando no carro, Ben estava irritado, mas logo que ela entrou ele apenas deu a partida no carro.
-Foi mal?- Ela se desculpou
-Da proxima vez, te deixo aí e você vai de apé- Ele disse botando os óculos escuros
-Acelera a Falcon e vamos logo, faltam dois minutos, dois minutos
-Desde quando chama o carro de Falcon?
-Desde que você quase gritou por mim chamar de “carro” ?
Ele revirou os olhos.

[...]

Rey saltou do carro como um paraquedas, ela correu muito para chegar até a sala, Ben estava logo antes dela, aquela era a semana de provas, um mês mais para frente era o encerramento das aulas, e eles iriam direito para a faculdade, Colúmbia seria o destino de Rey, e Ben iria para Harvard, sua mãe tinha influencia como senadora.
-Atrasada... novamente- o Professor disse
-Desculpe professor, é que meu alarme não despertou- Rey mentiu
-Despertou três vezes, você que não ouviu- Ben foi para a sua mesa pegando a prova na mão do professor
-Valeu Ben- Ela disse sarcastica
-Denada - Ele sorriu falso
-Va fazer sua prova Skywalker- O professor deu a prova a ela, e logo ela sentou em sua cadeira.

[...]

Rey se sentou na cadeira do refeitório junto a Finn, Pou e Rose, sua cabeça se voltava as provas daquela semana, eram aquilo que definiria sua ida a Columbia aquele ano, ela precisava apenas se focar, e fazer com que dê certo.
-Eu vou conseguir - Ela se convenceu- Vou para a Columbia no fim do ano letivo
-Sei que você consegue Rey- Rose sorriu a amiga
-Valeu Rose, eu sei que consigo
-Mas e Matemática?- Finn Questionou Rey- Você é pessima nisso, tipo a pior das piores
-Eu sei disso, mas fica de boas, eu vou pedir ajuda, só preciso de cinquenta pratas para pagar o professor, Luke e Mara disseram que não vão pagar, disseram que vão pagar a faculdade, e para eles isso ja basta, mais o apê em Nova York, então não vão pagar, e preciso arrumar grana fácil
-Trabalha- Pou sugeriu
-Não posso fazer, vou me distrair demais para as provas- Rey disse
-Sei que vai dar um jeito- Rose sorriu otimista
-Reyna- Ben parou na frente de Rey e tirando Finn do seu lado- Preciso de você
-O que? - Rey se espantou
-Preciso de você- Ele repetiu
-O que quer de mim Ben?- Ele perguntou
-Quer dinheiro?
-Quero...mas a razão por qual me diz isso é?
-Preciso que aposte para mim, na luta de hoje, e você ama apostas, e convenver outras pessoas
-Huuum...beleza eu aposto, mas antes quanto você receber?
-Cinquenta por cento de tudo
-Ta bom eu topo, e eu quero cinquenta por cento sem nenhum roubo Ben
-Eu nunca menti para você Rey
-Eu sei, eu sei, agora vaza, estava tentando ter uma conversa
-É as sete, te busco as seis e meia em ponto
Ele saiu.
-Você vai mesmo fazer isso?- Finn se sentou novamente na cadeira
-Claro que vou, preciso de grana e essa será minha solução- Rey sorriu- Vamos, o sinal bateu, vamos estudar filosofia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...