História The Parachuting Club - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Stranger Things
Personagens Dustin Henderson, Eleven (Onze), Lucas Sinclair, Maxine "Max" Mayfield / "Madmax", Mike Wheeler, Personagens Originais, Will Byers
Tags Eleven, Finn, Mike, Millie
Visualizações 30
Palavras 1.097
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heyn pessoas!Turu bom com vocês? Espero que muitíssimo bem ksks.
Bom,aqui esta o segundo capítulo de Tpc!Demorou mais chegou ksks!
Desejo uma boa leitura a todos,que começe o capítulo

Capítulo 2 - Chapter 2



Point of view Millie Bobby Brown 

Finalmente chegamos ao nosso Clube.Respirei fundo antes de entrar naquele lugar,no qual eu passaria praticamente todo o meu dia.

Cumprimentei as pessoas que lá já trabalhavam com um sorriso no rosto.

Após isso,fui até ao escritório de meu pai,onde encontrei meu colete de trabalho junto ao de Sadie.

Já sentindo falta da minha ruiva,Olhei meu relógio de pulso que marcava as sete da manhã.Logo logo ela estaria aqui.

Vesti o colete que exigiam que vestissemos,e lembro-me novamente de Sadie,dessa vez reclamando do nosso "uniforme" ,que pra ela era totalmente fora de moda.E aquilo acaba tirando um risinho de mim.

Peguei também minha prancheta em cima da mesa.

Logo eu já estava em meu lugar de trabalho e consequentemente,de pé.

Point Of view Sadie Sink 

Depois de um longo caminho ouvindo minha mãe dando suas lições de moral,finalmente cheguei ao meu destino.

-Tchal, Mãe!-Sai rapidamente do carro.

A justificativa da minha pressa era a saudades que eu tava da minha melhor amiga!Fazia um tempo que eu não a via,devido às folgas que eu havia tendo frequentemente.

Já estava doida pra ver ela.

Entrei no meu ambiente de trabalho,saldando os trabalhadores dali.

Encontrei o melhor chefe que eu já tive em seu escritório, quando fui pegar meu colete.

-Eii,Tio Robert!Quanto tempo-Disse com meu melhor sorriso

-Oh,Sadie!-Se levantou da cadeira que estava sentado e veio me dar um abraço

Eu considerava Robert o pai que eu nunca tive.Infelizmente,o meu pai de sangue abandonou eu e minha mãe quando eu nasci.Mas não gosto de falar muito disso...

Depois de um longo abraço nos afastamos.

-Quer ver Millie?-Perguntou-me ainda sorrindo

-Já estou indo ver ela-dei um sorriso radiante-Até depois, Sr Robert- Tentei ser formal e ele riu

-Até agorinha,Senhorita Sadie-Fiz careta e nós rimos.Logo após sai dali já com meu colete,procurando uma morena que provavelmente usaria um rabo de cavalo.

Avistei de longe uma menina dos cabelos presos,como eu imaginava.Dei um sorriso largo ao vê-la e logo corri pra abraça-la.

Comecei a rir muito quando ela levou as mãos ao peito,morrendo de susto ao me ver praticamente pulando em cima dela e a abraçando.Quando ela me viu retribuiu o abraço.

-Sink!-Abriu um sorriso

-Eu mesma-Continuei sorrindo

Depois de muita enrolação finalmente começamos o trabalho que tínhamos hoje.

Point Of View Noah Schnapp 

Eu estava em casa,assistindo série com minha irmã gêmea Chloe,quando bateram na porta.

-Atende você.É a sua vez!-exclamou

-Ah não...Vai você maninha-pedi

-Não e não !Na minha vez você não abre a porta-ao perceber que fiz biquinho já se pronunciou-Nem vem que esse biquinho ai-apontou-Não me comove mais

-Ate ontem comovia-Ri e ela revirou os olhos

-Isso mesmo,Ontem,Passado!-Agora foi a vez dela de rir-Anda frangote,agorinha a pessoa vai embora- Fiz careta dessa vez

Finalmente levantei,indo até a porta da frente

-Pois n...-Percebo quem é-Jack?O que faz aqui?-Dou um sorriso cofuso

-Hm...Ah,não sei-Rimos-É que Tá muito tédio lá em casa,e como somos vizinhos...pensei em vir ver o que vc tá fazendo-Deu de ombros

-Entra ai.To vendo série com a Chloe.-Abri espaço e ele entrou em casa.Voltei a sala agora junto com Jack.

-Eae Chloe-Disse sorrindo e minha gêmea sorriu

- Eae Jack-Olhou pra ele.

-Qual série estão vendo?-Perguntou Jack ao sentar do lado da minha irmã.

-Estávamos vendo La casa de papel,Mas se você quiser podemos mudar para outra ou por um filme-Enrolou os cabelos nos dedos

Olhei pra Chloe pasmo,afinal,ela não tinha esse costume de deixar mudarem o que ela estava assistindo na televisão!

Mas o que diabos minha irmã estava fazendo?Chloe estava dando em cima de Jack na minha frente?Eu não era obrigado a ver aquilo,nem Jack a perceber,afinal estava óbvio o que ela estava fazendo.

-Terra chamando Noah-Jack mechia as mãos em frente dos meus olhos

-Noah vc tava em que mundo?-Disse ela rindo

-Em nenhum-Riram-Escolham algo pra assistir que eu vou fazer pipoca e pegar refrigerante.

Levantei dali e sai em direção a cozinha,onde fiz a pipoca e peguei refrigerante pra todos nós.

Quando voltei percebi que Jack estava extremamente encomodado com minha irmã ,que estava centimetros a distância do rosto dele.

Já sei!-exclamei metalmente.

Se ele estava encomodado com ela,vou sentar no meio dos dois e pronto,todo mundo fica feliz!

Cheguei lá é sentei no meio dos dois.Chloe fechou a cara e jogou na minha cara uma almofada

-Ei louca,vai parando por ai!-falei colocando os comes e bebes ali na mesinha de centro.

Logo me assustei.Jack jogou outra almofada em mim.

-Uys a madame se irritou-Disse e todos rimos

Ali começamos uma briga de almofadas.Era um tanto engraçado.

Point Of View Finn Wolfhard 

Olhava fixamente para a televisão enquanto passava os canais rapidamente.

Olhei para o cofre que havia guardado em cima da minha escrivaninha encarei o mesmo.Olhei pra ele por um tempo,até me lembrar onde guardei a chave pela última vez.

Me levantei e tirei o poster da minha banda de Rock favorita da parede,e abri o cofre que havia escondido ali também , me deparando com...

Nada??-Me perguntei mentalmente,já respirando pesadamente

Coloquei o poster ali novamente e comecei a revirar o meu quarto.

Será que alguma das empregadas pegou?

Eu estava desesperado.Aquela chave não podia ter sumido.

Quase morri de susto quando ouvi batidas na porta,e rapidamente coloquei o poster no seu devido lugar,voltando a cama

-Entre.-Disse um tanto seco e bravo com o sumiço de minha chave.

Minha mãe logo apareceu,com um sorriso que logo se desfez ao ver meu quarto todo bagunçado.

-Wow,nem parece que Duny passou aqui hoje.- Revirei os olhos,Duny era a nossa empregada.

-O que quer?

-Conversar um pouco com você , meu filho-sentou ao meu lado

-Diga.

-Quero saber o que pensa em fazer para o seu aniversário.-Sorriu olhando pra mim-Vai fazer greve sem pais nas minhas festas novamente?-Riu e aquilo acabou tirando um risinho de mim.

Ela estava se referindo a minha birrinha,aos 14 anos ela não queria deixar eu ter uma festa só com adolescentes,com exatamente zero adultos!Então eu fiz uma "Greve sem pais nas minhas festas",o que não acabou como eu planejei,me custou um castigo e uma festa boba e pequena com familiares.

-Não.Noah me disse sobre o clube de paraquedismo de Atlanta,E acabei me interessando.

-O da Família Brown?- Revirei os olhos.Era o único clube de paraquedismo dali.Ela sorriu meio envergonhada-Ah claro.Todo mundo fala que é incrível.

-É,realmente deve ser.Os Brown não brincam em trabalho-Admito e ela sorri concordando

-Quer que eu já marque para dia 23?

-Pode ser...-Disse e dei de ombros

-Quem vai chamar?-pensei um pouco

-Gaten,Caleb,Noah,Jack e Joe.No total,Oito pessoas.Somando comigo,com vc e com o Pai-percebi que ela engoliu o seco e logo entendi Do que se tratava.

Meu pai viaja muito a trabalho,o que faz ele não parar em casa.

-Ei sei que talvez ele não esteja no dia...-Respirei fundo e ela olhou nos meus olhos,após isso segurou meu queixo e levantou.

-Wolfhard,acredita em mim,certo?-Fiz que sim com a cabeça-Ele vai fazer de tudo pra estar aqui.Vamos contar com ele,mesmo que ele não apareça no dia.-se levantou e saiu do quarto


Notas Finais


Teorias?com quem será que está a chave do Wolfhard?O que tem dentro do cofre? Lancem as teorias ksksk
Até o próximo capítulo bbs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...