1. Spirit Fanfics >
  2. The Potter-Granger Girl >
  3. 1. Explanation

História The Potter-Granger Girl - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Caros leitores,
Está é a primeira fic que decido fazer por inteiro. Já tive um turbilhão de ideias, desisti de boa parte, porém, tive um flash de inspiração ao desenhar na aula (e riam, pois perdi a revisão de química :,,)): uma garota com características do menino Potter e da mulher Granger. Então, espero que gostem, porque farei capítulos longos e especiais em determinadas ocasiões.

Também quero que tenham paciência comigo, porque assim como vocês, sou um ser humano, com uma rotina tão atarefada e estressante (ainda mais que agora que estou tendo meu primeiro ano no Ensino Médio). Sempre vou demorar para atualizar, mas fiquem de boa, pois se algo der ruim, eu comunico.

Boa leitura,
𝓽𝓱𝓮 𝓪𝓾𝓽𝓱𝓸𝓻. ✨

Capítulo 1 - 1. Explanation


1. 𝓔𝔁𝓹𝓵𝓪𝓷𝓪𝓽𝓲𝓸𝓷



- Agora que nasceu, me expliquem toda essa baderna Senhor Potter e Senhorita Granger...melhor dizendo Senhora Potter-Granger...- dizia Rubeus Hagrid, segurando uma pequena garotinha recém-nascida. Era reconhecível em qualquer parte do mundo, ainda mais quando suas características físicas eram as do pai: pele alva com algumas sardas, os extremos cotados pelo frio que fazia, e provavelmente os olhos verdes (que também herdou da avó materna, já falecida).


- Apesar de todo perigo...Hermione e eu nos casamos às escondidas. Aquilo não é nada comparado ao amor que sentimos um pelo outro...- Harry segurava a mão da esposa que havia acabado de parir o fruto de genuidade que a terra bruxa precisava.


- VOCÊS SÃO LOUCOS OU FINGEM QUE NÃO HÁ PERIGO? Você-sabe-quem está solto, louquinho para degustar seu sangue junto de Bellatrix e os Malfoy, e você...EM QUAL DAS PEDRAS VOCÊ BATEU A CABEÇA?- retrucava irritado enquanto pousava o pacotinho delicadamente nos braços da mãe.


Realmente, o grandalhão merecia explicações de seus alunos (ou até por hora e situação, ex-alunos), contudo seriam voltas e voltas até chegar ao fim. De qualquer jeito, uma hora ou outra, de um modo ou outro, a verdade teria de ser esclarecida. E por mais complicado que fosse, aquele era o momento.


Comecemos com aquela aventura que todos nomearam como “A pedra filosofal”. A filha do casal trouxa descobriu ser uma bruxa, o Weasley do meio foi para Hogwarts com receio e, para finalizar, para se manter seguro, Harry foi com o seu amigo e professor, Rubeus.


E no trem o trio se conheceu, contudo, não levaram a conversa a uma amizade feita na hora. Apenas quando tinham que salvar a pedra das mãos erradas, se uniram e a partir disso, a amizade, o trio dos três bruxinhos arteiros se consolidou.


Mas não foi apenas o grupo de amizades...

os sentimentos entre alguns deles também.


Inconscientemente, Senhorita Granger, sentiu-se atraída por Ronald, mesmo com toda falta de confiança e coragem que possuía. Acreditava que estando junto dele, poderia ajudá-lo com os péssimos sentimentos.


Já Ronald não poderia dizer o mesmo. Mesmo que grosseiro e metidinho a “trevoso”, gostava de Draco Malfoy. Era engraçado que não aguentasse pressão psicológica ou jeito rude, entretanto, Draco fazia seu tipo.


E quanto ao nosso Harry, a inteligência, a racionalidade, os cálculos e estratégias, a beleza e o sorriso de Hermione simplesmente o conquistaram. Fora que sempre foi mais próximo dela do que Weasley. 


Cada um com suas paixões explícitas já está ótimo para um caminho para contar a realidade...





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...