1. Spirit Fanfics >
  2. The Power Of A God And Devil. >
  3. O samurai e a aldeia fria!

História The Power Of A God And Devil. - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Galera essa é uma história que eu quero transformar em um livro para vender em um site de um amigo meu.

Capítulo 2 - O samurai e a aldeia fria!


Fanfic / Fanfiction The Power Of A God And Devil. - Capítulo 2 - O samurai e a aldeia fria!

Narrador : Após Mondles acordar ele iria para a floresta novamente e lá fica treinando a sua forma demoníaca e os poderes que lhe permite usar.

Liz : Aa... Que sono, vou fazer o café. - Liz se levanta e vai indo para cozinha e fica fazendo o café sem nem mesmo perceber que Mondles não estaria na casa dela. -

Narrador : Mondles em um treino duro veria uma pessoa avançando nele que aparentava ter a mesma idade dele(14 anos de idade), seus cabelos eram pequenos e cinzas, com os olhos um pouco grande e vermelhos, em sua mão direita ele carrega consigo mesmo uma katana bem afiada. Após ele chegar perto de Mondles, de sua espada sai um fleche de luz vermelha cegando ele, depois disso o garoto de olhos vermelhos o joga para uma pedra e aponta sua katana no pescoço dele.

??? : Quem é você?! O que faz aqui?! - Com um olhar sério ele falaria em um tom de voz alto o encarando. -

Mondles : Eu sou um menino qualquer. - Mondles mexe sua destra sem o menino perceber, atrás do menino iria aparecendo uma mão de escuridão que o agarra e o joga para longe, a mão de escuridão pega a katana do tal. - Não me atrapalhe humano! - Mondles se levanta com um olhar sério em seu rosto, atrás do mesmo iria crescendo uma grande escuridão. -

??? : (Hmm... Ele é perigoso e bem forte, tenho que usar uma das minhas habilidades máximas...) Ok você pediu por isso! - Ele se levanta e uma aura vermelha clarinha fica em volta de seu corpo lhe fortalecendo e seus ferimentos são regenerados. Então o jovem iria avançando em uma grande velocidade, ele o confundi fazendo ziguezague, seus cabelos mexia rapidamente tudo para ele ficava em câmera lenta. -

Mondles : (Essa é uma das habilidades dele? Parar o tempo? Isso não adianta para deuses e demônios...) - Mondles fica parado fingindo estar em câmera lenta. -

Narrador : Quando o garoto ia chegar perto de Mondles, Mondles rapidamente se move dando um soco muito forte no mesmo fazendo ele voar para longe, a habilidade do tal era por segundos depois que passava esses segundos o tempo voltaria ao normal. Mas está técnica não funciona contra deuses e demônios por isso Mondles conseguiu se mexer normalmente.

Mondles : Eu me chamo Mondles! E não quero brigar! Vim em paz. - O jovem caminha até a pessoa em que deu o soco e estende sua mão para ela, a mão de escuridão devolve a katana para o tal. -

??? : Ah... Obrigado, eu me chamo Philip. - Philip se apoia na mão de Mondles e levanta do solo. - Mas como você conseguiu se mexer mesmo o mundo todo estando em câmera lenta? - Ele pegava a sua katana e guardava em sua cintura. -

Mondles : Acontece que eu sou um hibidro de um deus e demônio, só isso.

Philip: Espera! Você é aquele em que todos estavam comentando?! Você sabe que até os humanos estão te caçando né?

Mondles : Sei sim, mas eles não conseguiram me encontrar, eu sempre estou muito oculto. - Mondles desativa sua forma demoníaca. -

Philip: Ah entendi, então, você está morando aonde?

Mondles: To morando com uma menina de cabelos verdes claros, e os olhos também, ela se chama Liz.

Philip: O que?! Morando com a Liz?! Impossível! (Esse cara está morando com a Liz?! Como, ela sempre morou sozinha!), kkk deve ser outra Liz.

Mondles: Sei lá.

Narrador : Liz estava comendo seu café da manhã de boas, enquanto percebe que Mondles não está ali. Então ela sairia correndo atrás dele pela floresta até que encontra Philip e ele.

Liz : Ah você está ai... - A mesma passa a sua mão no rosto tirando o suor. -

Mondles : É ela ai ó.

Liz : Ahn? Philip você está aqui? O que faz aqui?

Philip : Ah, eu estava passeando por ai e encontrei este ser ao meu lado.

Liz : Atah, entendi, mas então eu tenho uma notícia ruim para nós, por culpa deste ser aqui! - Liz aponta para Mondles. - Eu estou sendo procurada por ajudar ele, e eu fiquei sabendo que você é um deus e demônio!

Mondles : Eu não te falei que sou? Pensei que falei, mas então, vamos para outro local então. - Mondles cria asas com a sua escuridão e começa a voar vendo aonde pode ir. - por aqui!

Liz : Mas é um idiota. - Liz pega o Philip e começa a flutuar, e fica seguindo Mondles. -

Narrador : Liz e Mondles vão para um local frio que possui muitas casas azuis de gelo. É uma vila onde tem pessoas que seus poderes são de gelo e usam para diversas situações, como construir as suas casas, fazer um campo de gelo, estátuas, entre outras coisas.

Mondles : Uma vila, que daora, provavelmente as pessoas não vão nos conhecer. - Mondles vê várias pessoas treinando em um campo de gelo, antes mesmo deles perceberem Mondles e seus amigos, eles descem no solo e sai andando, Mondles desfaz a sua asa de escuridão. - Muito legal aqui.

Liz e Philip : Sim.

Narrador : Uma pessoa adulta que estaria treinando as pessoas no campo de batalha, veria as três pessoas{Mondles, Liz e Philip} então ele rapidamente joga uma estaca de gelo em Mondles. Mondles estica sua mão e uma pequena escuridão aparece segurando a estaca de gelo e dps quebrando ela mas ngm veria, somente Philip e Liz por estar perto dele. Todos os habitantes dali ficam chocados com o que Mondles fez então ele caminha até a tal pessoa que jogou o gelo.

Mondles : Olá, estou passeando por aqui. - Mondles estica sua mão para o adulto. -

??? : Mas ninguém permitiu isso. - Ele bate a mão na mão de Mondles com um semblante sério no rosto. - para entrar aqui precisa lutar contra nossa pessoa mais forte e um de vocês vão ter que fazer isso, quem vão ser?

Narrador : Mondles rapidamente olha para os dois com um sorriso no rosto e os dois balançam a cabeça dizendo sim para o mesmo. O jovem vai para o campo de batalha e espera seu oponente chegar. Todos veria uma luz azul clara caindo do céu mas Mondles fica neutro, a tal pessoa cai no campo de batalha logo indo em direção ao Mondles atacando o mesmo com vários socos em grande velocidade. O jovial vai se esquivando dos golpes e contra ataca jogando uma esfera de escuridão nele que o joga para longe.

Oponente : Manipulação de escuridão? Hmm... Esse cara é poderoso, vou usar todo meu poder então! - Ele levanta suas duas mãos e do solo sai vários bonecos de gelo bem poderosos que vão atacando Mondles. - tente se livrar, ninguém nunca conseguiu me derrotar! Hahahah!

Mondles : Bonecos de gelo? O que que ele tá tentando fazer com eles? São fáceis de derrotar. - Mondles cria uma mão de escuridão que pega um dos bonecos e quebra eles, quando quebra o boneco muitas estacas de gelo perfura a mão de escuridão congelando ela. - ah, entendi. - Mondles então levanta suas duas mãos criando uma enorme luz que cega seu oponente, então rapidamente ele iria correndo desviando dos bonecos facilmente quando vai chegando perto do oponente ele cria uma mão de escuridão pegando-o por trás e apertando até ele desmaiar, os bonecos se desfaz nenhuma estaca é saida deles. - Parece que ganhei. - Ele limpa sua roupa enquanto suas mãos de escuridão some a luz também. -

Narrador : Todos ficam chocados com a vitória de Mondles e então todos se ajoelha para o mesmo. Ele fica sem entender nada e pede para eles se levantarem novamente, e eles fazem isso.

??? : Hm, ganhou do nosso guerreiro mais forte, incrível. O que queres conosco?

Mondles : Nada, somente queria ficar aqui um pouco. Me chamo Mondles prazer. - Ele estenda seu membro superior esquerdo a ele tendo a expectativa de que ele iria bater na mão dele. -

??? : Me chamo Lirth, sou o dono dessa... Um... Podemos se dizer "pequena" vila. - Ele daria uma pequena gargalhada e bate sua mão na dele.

Narrador : Ali seria a entrada da vila onde eles se encontram, o Lirth levam os três para uma caverna de gelo, onde eles passam muito frio. Quando eles saiem da tal caverna, eles vê uma grande aldeia com muitos habitantes, várias crianças brincando, e altas pessoas treinando.

Mondles : Oao, você esconde uma aldeia atrás de uma montanha? Incrível.

Liz : Sim... Realmente incrível... - Liz falaria isso com os olhos brilhando e arregalados. -

Philip : Concordo com você Liz... - O mesmo fala para Liz ao seu lado. -


Notas Finais


Espero que gostem dos episódios que vou trazer, obrigado a todos que leram a este episódio e o primeiro e que todos leiam as minhas outras obras que pretendo fazer.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...