História The price of your choice - Capítulo 5


Escrita por: e ParkAtty

Postado
Categorias Naruto
Tags Amor, Dragon Ball, Kyuubi, Morte, Naruko, Naruto, Ódio, Pena, Traição
Visualizações 210
Palavras 2.469
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Hentai, Luta, Magia, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Como vocês devem ter percebido, agora temos uma coautora, sim, ela quem teve a ideia de eu fazer essa fic, além de ser minha namorada é claro...



Q? Só porque eu não saio de casa, não tenho vida social e vivo jogando vídeo game e lendo fic cês acham que eu n teria uma namorada? Pff, amadores.

Capítulo 5 - A calmaria antes da tempestade


O grupo estava correndo a 2 horas e alguns minutos, ainda faltavam uma hora até chegarem a Konoha, no caminho, os ninjas se encarregaram de contar todos os detalhes da luta contra o membro da Umbrella.

Kakashi- Então, assim que eu senti o chakra daquele ninja eu pensei imediatamente que Kaguya havia sido revivida, mas percebi que aquele charka, além de ser bem diferente, era mais fraco que o da Deusa coelho, apenas um pouco mais fraco, eu estava na academia ninja então assim que senti o chakra dele eu me encarreguei de proteger as crianças, demorei um pouco até chegar ao cambo de batalha mas Sakura já havia chegado lá.

Sakura- Eu estava indo ao hospital quando os portões principais simplesmente explodiram e aquele chakra assustador se mostrou presente, logo vi Tsunade e Gaara indo em direção ao portão, eu fui logo atrás, o ninja que vi usava exatamente a roupa da Akatsuki ( Vai ser a mesma roupa porque ela é incrível ) mas possuia um nome diferente, ao ver melhor o ninja, percebi que era Sasori, um membro que eu matei a muito tempo atrás em uma missão, eu tinha 16 anos na época, ele é mestre em controle de marionetes, ou pelo menos era pois eu vi que ele não usava mais nenhuma marionete e soltava algumas bolas de um tipo de energia que eu nunca vi antes, as esferas explodiam ao menor contato e isso destruiu a maior parte da vila, Tsunade e Gaara tentaram lutar com ele,mas ele lutava de igual para igual com eles mesmo ambos sendo Kages e estando bem mais fortes que alguns anos atrás.

Kakashi- Foi nessa hora que eu cheguei, fiquei impressionado ao ver que aquele ninja desconhecido lutava facilmente de igual para igual com dois Kages muito fortes, vendo que não havia outra alternativa e os civis já estavam em um lugar seguro, eu também entrei na luta com meu mangekyou sharingan e parti com tudo pra cima do ninja já ativando meu Susano’o, eu e os Kages presentes juntamos nossas forças e conseguimos feri-lo forçando assim, ele a recuar, antes de partir e sumir pela mata, Sasori disse que em breve, chegaria com o reforço e que havia alguns membros a mais na nova organização, isso deixou tanto a mim, quanto a todos os outros ninjas assustados, pensamos que a vila partiria dessa para melhor e até pensamos e sair dela o quanto antes, mas ai, Tsunade teve a ideia de te requisitar para nos ajudar, pelo que ouvimos sobre seus feitos, com você conosco, temos uma chance de derrotar aqueles ninjas.

Naruto escutava tudo calado e atento, não deixava passar uma vígula nas palavras tanto de Kakashi, quanto de Sakura, analisava todas as informações calmamente em sua mente.

Naruto pensamentos- Sasori, eu lembro da Sakura-chan o matando, não havia como ele ser revivido pois eu fiz questão de queimar seu corpo, agora ele volta, sem suas marionetes e soltando umas esferas estranhas pelas mãos, humm, uma energia que nunca havia visto, não tem como ser magia já que você tem que recitar seus ataques, chakra modificado com certeza não é, então, eu realmente não sei o que houve com ele.

Menma- Essa energia desconhecida por vocês, também é desconhecida para mim, só espero que isso não nos atrapalhe na hora da luta, mas as informações dadas por vocês é o suficiente para mim, se lembrarem de mais alguma coisa, qualquer outra coisa, não hesitem em me dizer.

Todos concordaram com Naruto e se concentravam em seguir viajem, menos uma pessoa, Sasuke ainda encarava fixamente Naruto e estava pouco se lixando para a conversa que acontecera ali.

Sasuke pensamentos- Esse chakra, é muito familiar, mas não consigo me lembrar de quem é, apenas sei que me faz sentir coisas boas e ruins ao mesmo tempo, aff, tenho que parar de pensar nisso ou vou acabar ficando louco.

Depois de mais um tempo correndo, os ninjas finalmente conseguiam ver os grandes portões de Konoha, ou o que sobrou deles.

Ao adentrar a vila, Naruto percebeu que não estava tão destruído quanto pensava que estaria, o ataque foi a apenas 3 dias atrás, e pelo que lhe haviam contado, 90% da vila foi destruída, mas ao olhar para ela, ele diria que apenas 30% foi realmente destruído pois já estava quase tudo novo em folha, ele também notou as mudanças que sua vila teve e o quanto ela cresceu, mas depois de alguns segundos ele pouco se fudeo para isso.

Sasuke- Vamos, temos que ir até a Hokage.

Por onde passavam, Naruto era o centro da atenção, decara, os civis o reconheciam, bastava apenas olhar para sua máscara e a fixa caia na hora, alguns se afastavam com medo, outros o olhava com desprezo, alguns com respeito e outros com admiração, Naruto estava mais focado nos dois últimos olhares e não estava nem ai para os outros, não estava na vila para ser bem visto por todos, apenas pelo dinheiro.

Não demorou muito e eles finalmente chegaram ao prédio Hokage, Naruto entrou sem bater e nada do tipo, ele estava nem ai pra essas coisas de respeito, assim que entrou, Tsunade já preparava para xingar o pobre infeliz que ousou entrar assim, mas ao ver a máscada que Naruto usava, ela ficou pálida e sem graça, esqueceu até a raiva que tinha a cinco segundos atrás.

Tsunade- Me....Menma, que surpresa, não pensei que aceitaria o trabalho.

Menma- Estou tão surpreso quanto você- Disse Naruto com uma voz fria que causou calafrios em Tsunade. ( Naruto está com raiva de Tsunade por ter revivido Sasuke ).

Tsunade- Bom, creio que queira saber mais sobre...                                                             

Naruto- Não precisa, seus ninjas já me contaram sobre o ocorrido no caminho para cá, só vim para lhe informar que aceitei o trabalho e que estarei na vila enquanto o dia da batalha não chega, dito isso, até depois.- Naruto interrompeu friamente Tsunade de continuar a falar e ainda iria sair dali sem mais nem menos.

Tsunade- ESPERE.

Naruto soltou um pequeno suspiro e direcionou sua atenção a Tsunade.

Naruto- O que foi?

Tsunade- Por enquanto que ficará na vila, você poderia treinar os meus ninjas, assim eles estarão mais preparados para o que vai vir.

Sasuke e Gai sorriram, com certeza, se fossem treinados por Menma, conseguiriam alcançar a vitória.

Naruto pareceu pensar, mas logo chegou a uma conclusão.

Naruto- Não.

Tsunade- Sério?

Naruto- Sim.

Tsunade- Tem certeza?

Naruto- Sim.

Tsunade- Isso é tudo que vai me responder?

Naruto- Sim.

Tsunade- Não quer nem tentar? Seriamos mais úteis na batalha.

Naruto- Não.

E logo depois desse pequeno diálogo, Naruto desapareceu sem dizer mais nada, deixando uma Tsunade cansada e irritada para trás.

Tsunade- Parece que esse muleke não recebeu educação dos pais, mesmo sendo forte, isso não dá o direito de tamanha falta de respeito.

Gai- Também acho, mas por incrível que pareça, é apenas com você e o Sasuke.

Tsunade- Como assim?

Sasuke- Ele respeita as pessoas, mas apenas aquelas que ele acha que merecem, como por exemplo Kakashi, Menma até mesmo se curvou para o sensei.

Kakashi ficava com um olhar mais sem graça a cada palavra dita e ele deva seu pequeno sorriso por debaixo da máscara.

Kakashi- Bom....acho que estava exagerando.

Tsunade nada disse, apenas soltou um suspiro cansado.

Tsunade- Tudo bem então, Sasuke e Sakura, fiquem de olho nele.

Sakura soltou um suspiro de angústia, odiava trabalhar com o Uchiha, ela o odeia desde que ele havia a traído com a Hinata, e esse sentimento não iria sumir tão cedo, talvez nunca sumiria, já Sasuke se manteve Neutro, depois daquilo, havia tentado conversar com Sakura mas ela sempre deixou claro que não queria conversar com ele, teve uma vez que ele invadiu o quarto dela a noite para tentar conversar e pegou ela saindo do banho, depois disso ele ficou 2 meses no hospital.

Mesmo a contra gosto, os dois concordaram e saíram da sala da Hokage, seguidos pelos outros três ninjas.

Naruto estava andando pela vila, ele não ligava para como ela estava, ele na verdade estava a procura do seu querido e velho amigo, Tio do ramen ( eu esqueci o nome dele ).

Não demorou muito e ele finalmente o encontrou, bateu uma nostalgia forte no peito dele ao ver Ayame servindo os pratos, a nostalgia foi tanta que ele ficou até animado e foi andando mais rápido até a barraquinha, ou melhor, ex barraquinha, o lugar agora se encontrava imenso, e o preço do ramen abaixou.

Naruto pensamentos- É hoje que eu faço a festa.

Naruto adentrou ao grande restaurante atraindo vários olhares para ele, a maioria de surpresa, escolheu a mesa mais afastada que tinha e logo, Ayame veio em sua direção.

Naruto pensamentos- Nossa, como ela ta velha.

Ayame se aproximava meio hesitante, conhecia aquela máscara e sabia quem ele era.

Ayame- Bo...boa tarde...o que vai ser?

Menma- Um extra grande de porco.

Ayame rapidamente anotou e foi em direção a bancada para deixar o podido, não antes de dar uma espiada para trás.

Ayame pensamentos- Essa voz, ela me é familiar.

QUEBRA DE TEMPO ( Ah, e ele tá comendo tão rápido que ninguém vê ele tirando a máscara para comer então, ninguém viu o rosto dele não )

Naruto já estava na sua terceira tigela de ramen quando a pessoa que ele menos queria ver adentrou ao restaurante, lá estava ela, Hyuuga Hinata, mais linda do que nunca, isso para outros homens, porque para ele, ela continuava a mesma puta de antes, ela procurava uma mesa quando seus olhares se cruzaram, ela, um olhar de surpresa e medo, ele, um olhar de puro ódio e raiva que intimidava até mesmo o mais corajoso dos homens, Hinata logo se sentiu intimidada e tratou de desviar o olhar.

Naruto pensamentos- De todas as pessoas que poderiam vir aqui, por que justo ela? Poderia ter sido qualquer um, menos o Uchiha e essa....essa....coisa.

E como se fosse ironia do destino, Sasuke, Sakura e Kakashi também entraram no restaurante e logo foram se sentar com Hinata, menos Sakura, ela quase não agüentava o Uchiha, ai vinha a Hinata junto? Nem morta, ela foi mais hardcore e foi se sentar ao lado de Naruto, que para todos os outros, ao lado de Menma.

Sasuke pensamentos- Ela prefere sentar perto da morte do que perto de mim?

Hinata pensamentos- Ela quer morrer só pode.

Kakashi pensamentos- Se a gravidez tem nove meses, por que se chama graviDEZ e não graviNOVE??

Naruto olhava curioso para Sakura, não havia entendido completamente o porque dela se sentar perto de si, Sakura, ao notar o olhar curioso de Naruto para si, corou um pouco e se pôs a explicar.

Sakura- Err, desculpa se eu te incomodei ao sentar aqui, mas é que, por conta de alguns acontecimentos passados, eu não suporto olhar para a cara do puto Uchiha e da vadia de olhos perolados....quer dizer, Sasuke Uchiha e Hinata Hyuuga.

Naruto sorriu por debaixo da máscara, mas Sakura percebeu que ele estava sorrindo por conta dos seus olhos divertidos.

Menma ( Naruto )- Eu entendo perfeitamente, aconteceu algo assim comigo também, essa é a razão pela qual eu sou o que sou hoje.

Depois dessa pequena frase, os dois começaram a conversar banalidades, por incrível que pareça, Sakura estava se divertindo com aquele que era temido até mesmo entre os Kages, não só a surpreendeu, como surpreendeu todos do restaurante, ainda mais uma Hyuuga e um Uchiha, principalmente o Uchiha, pois ele sabia que se Menma quisesse matar qualquer um deles, todos já estariam mortos, mas, mesmo com os olhares para eles, tanto Naruto quanto Sakura estavam pouco se fudendo, Naruto agora relembrava tempos bons com seus amigos, seus verdadeiros amigos e Sakura, se lembrava do tempo que passava com o seu loiro favorito, Naruto.

Sakura- Eu evito ir a luta pois fico preocupada de mais com meus filhos, ainda são muito pequenos e não sabem se defender corretamente.

Naruto- Tem filhos?

Sakura- Dois, uma menina que se chama Elaine, e um garotinho que se chama Naruto.

Naruto se surpreendeu com isso, deixando um pouco evidente para Sakura.

Naruto- Naruto? Por que esse nome?

Sakura- Eu e meu marido, Gaara, colocamos pois tínhamos um amigo muito querido chamado Naruto, ele me ajudou em momentos difíceis e também ajudou meu marido, ele é a inspiração que Gaara sempre procurou, mas atualmente, ele é um Nukenin de Konoha não se tem notícias a anos.

Naruto ficou muito surpreso com as afirmações, o que não passou despercebido por Sakura, que ficava mais curiosa a cada momento.

Sakura- Desculpe a pergunta, mas, você parece meio incomodado com esse nome, você por acaso conheceu um Naruto ou já ouviu falar? Aposto que sim pois ele é o grande herói da guerra, mas, parece que isso te incomoda.

Naruto logo percebeu a burrada que fez em deixar seus sentimentos visíveis.

Naruto pensamentos- Puta merda agora fudeo, pensa rápido, pensa, pensa, pensa, pensa.

Naruto- Ah, é que....bom.....ele foi....meu sensei.

Nessa hora, Sakura quase deu um pulo da cadeira, o que atraiu alguns olhares para ela, no quais ela nem percebeu pois fitava intensamente os olhos de Naruto.

Sakura- Você....você foi....treinado por ele?.......Você o encontrou?

Naruto- Sim, eu estava em apuros, tinha acabado de perder meus pais para uns ninjas, não era usuário de chakra e não sabia me defender, quando pensei que iria morrer, ele apareceu e me salvou, como eu não tinha lugar para ir, ele me levou com ele e me treinou, sou o que me tornei hoje graças a ele.

Sakura- Quando tiveram último contato?- Perguntou com o coração a mil.

Naruto- Ah, antes de vir para a missão, no lugar onde eu moro, já que vivo com ele.

Nessa hora, Sakura agarrou firmemente os ombros de Naruto, Sasuke pensando que Naruto iria revidar se levantou e ativou o Sharingan, Kakashi nem ligou pois sentiu que o chakra de Naruto não havia se exaltado e nem nada, Hinata apenas continuou sentada comendo seu ramen enquanto olhava a cena.

Sakura-Onde? Por favor me diga, onde vocês vivem?

Naruto ficou um pouco confuso com as perguntas e a exaltação de Sakura.

Naruto- Desculpe-me, mas não posso falar, sei que há ANBUS escondidos por aqui e que ouviram nossa conversa, se eu te contar, conseqüentemente, eles também irão saber, desculpe, mas não direi nada.

Sakura continuou encarando fixamente os olhares decididos de Naruto, até que ela suspirou e voltou a se sentar.

Sakura- Desculpa a exaltação.

Naruto- Não se preocupe, ele me falou sobre você, entendo o porque ficou assim, também ficaria.

Depois disso, eles continuaram a conversar normalmente sobre o olhar atento de Sasuke.

Os ANBUS que até então estavam no restaurante, corriam a toda velocidade para o prédio Hokage.

ANBU1- Tenho que avisar a Hokage-sama.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...