1. Spirit Fanfics >
  2. The rabbit (creepypasta) >
  3. Irmãos

História The rabbit (creepypasta) - Capítulo 14


Escrita por:


Notas do Autor


Olá pessoas !! (Desculpem a demora)

Então, no capítulo anterior, eu havia dito que esse seria o último capítulo, mas na verdade não kkk
O capítulo anterior foi o desfecho da história.

Agora, nesses próximos que virão, vou contar a história do Ryan.
Até achegar na parte em que ele vira um serial killer.

Não sei quantos capítulos serão exatamente, mas posso dizer com certeza que esse NÃO será o último.

Boa leitura :)

Capítulo 14 - Irmãos


(POV Autora) 


Alguns anos atrás..


A brisa fria da manhã batia nos cabelos castanhos de Ryan. 


Era de manhã cedinho, umas 08:00 aproximadamente. O garoto sempre acordava aquele horário para fazer suas tarefas.


Ele estava no quintal de casa com Linn, os dois estavam pegando alguns vegetais na plantação. 


Ryan olha de canto, observando sua irmã:

Cabelos curtos e bagunçados, joelhos ralados e cheios de band-aid 


Ela percebe que o irmão estava a encarando e mostra seu sorriso meio banguela para ele. 


-A fada do dente te visitou ontem a noite Linn ?- ele pergunta, enquanto coloca novamente as mãos na terra molhada pra tirar uma cenoura. 


-Siim !!- ela responde animada, enquanto coloca a mão em seu bolso e mostra para ele duas moedas de dois centavos - Estou ficando rica Ryan !!


-Que incrível Linn!- ele diz sorrindo 



Porém..os dois acabam sendo interrompidos, quando ela aparece...


Ryan e Linn se viram para trás, quando veem aquela famosa bota marrom, chutando a cesta onde Linn estava colocando os alimentos. 


Era Sara...a irmã mais velha dos dois.


-SARA!!- Linn grita ao ver todo seu trabalho sendo chutado


-Eí !! O que está fazendo?!- Ryan grita com a mais velha - Não percebeu que estamos trabalhando?!


-Calados!- Sara responde séria- Nessa vida miserável não importa o esforço que faça, a vida vai tirar tudo de você. 


Linn corre até o irmão e o abraça com lágrimas nos olhos.


-Pare com isso Sara!! Não vê que está assustando Linn ? 


-Ryan...-ela olha nos olhos do garoto- nos fundos da casa, as 10:00 você já sabe 


A raiva do garoto se torna uma expressão preocupada. 


Afinal, Ryan sabia exatamente o que aquilo significava...

Era naquele horário que Sara tinha que fazer suas obrigações. Ela adorava ver Ryan fazendo o trabalho pesado. 


E se ele contasse para os pais, a punição seria pior, com direitos a machucados feitos por Sara. 



Sara era complicada. 

Ela não se dava bem com os pais. Claro, nem Ryan se dava tão bem com eles. Apenas Linn recebia um pouco de carinho.


Eles só queriam ver os filhos estudando e se dedicando ao máximo. Fora os estudos e trabalho, nada mais era válido. 

Por isso Ryan era tão inteligente. 


Mas Sara tinha inveja, Linn recebia um pouco do carinho por ser mais nova e Ryan de vez em quando era elogiado. 


Porém parecia que ela era invisível para os pais. Então, ela descontava nos irmãos.



-A Linn vai querer vir junto?- Sara pergunta sorrindo 


-Deixe a Linn fora disso, você sabe que eu vou fazer...-Ryan diz com raiva


-Certo, certo- Sara ri mais- te espero lá...





10:00



Estava garoando um pouco. 

Finalmente havia dado o horário, Ryan foi atrás de Sara.


Ela estava no celeiro, e esperava o mesmo com o trabalho.

Dessa vez, era mexer com arame farpado. 


Sara apenas sorria maldosa, enquanto via o irmão cortando seus braços, tentando arrumar o arame. 



-Eu queria te perguntar..- Sara começa- Por que sempre se oferece para fazer as minhas tarefas? Você sabe que eu queria muito ver a Linn no seu lugar 


-Cale-se..- O garoto responde, sem tirar os olhos do arme 


-Como é ?!- Sara responde pegando Ryan pela gola da camisa.


-Devia ter vergonha do que faz!! Linn é apenas uma criança, e eu também!! Se mamãe e papai não gostam de você e te enchem de tarefas, o problema não é nosso, é seu !! 


-CALE A BOCA !!- ela diz e dá um soco no rosto de Ryan. Ela solta o garoto no chão e se vira para o lado- Saia daqui, ou eu acabo com você ! 



O garoto sai do local dolorido, ele passava a mão no rosto onde havia recebido um soco, e pelos braços cortados.


Estava garoando fraco, mesmo assim, os ferimentos do garoto ainda ardiam um pouco, com o contato da água em sua pele. 




Ele caminha devagar, até avistar a pequena cabaninha de Linn. 


Era um lençol velho que ficava preso nos ganhos de algumas árvores, protegendo a garotinha da chuva quando ela queria brincar fora de casa. 


Ele se agacha e se senta ao lado da irmã, debaixo do lençol que os protegia da garoa. 



-Aconteceu de novo...-ela diz em um tom triste, enquanto olhava para os braços feridos do irmão e seu rosto. 


-Já disse para não se preocupar com isso..-ele diz sorrindo de canto, enquanto cobria seus braços com a manga da blusa. 


-Eu fiz um presente..-Linn diz sorrindo de cantinho- para você ficar feliz de novo. 


-Me mostre, o que você fez ?- ele pergunta curioso 


Linn se vira para o lado e tira de lá o presente do irmão. Duas coroas feitas com flores. 


Ela coloca uma em sua cabeça, e o garoto se abaixa para Linn conseguir colocar a outra na cabeça do mesmo. 


-Se sente mais feliz agora maninho ?


-Linn..desde que eu esteja com você, eu sempre vou estar feliz.- Ryan diz, fazendo a garotinha sorrir


Notas Finais


Até o próximo ^^
E mais uma vez, desculpem a demora, bloqueio criativo é o nome kk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...