História The right person (ChanBaek) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol
Tags Chanbaek
Visualizações 67
Palavras 1.026
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii! Essa é minha primeira fic assim!
Não me julguem!
Espero que realmente gostem!
Até as notas finais!
Obs: editado!

Capítulo 1 - Capítulo único!


Fanfic / Fanfiction The right person (ChanBaek) - Capítulo 1 - Capítulo único!

Baekhyun e Chanyeol, amigos desde sempre, estavam no almoço sentados um do lado do outro, como de costume. Eles conversavam sobre coisas aleatórias, como de costume.

 

Chanyeol, estava admirando seu amigo, nem um pouco discreto. Estava nem ai mesmo! Os pais o apoiavam por ser gay, e seu amigo, ou melhor, amado, era bi. Dava certo,não?!

 

Já Baekhyun, quieto como quase sempre, observava discretamente, uma garota de cabelos cacheados e longos, quando sentiu um forte cutucão de seu parceiro.

 

-Aii! O que foi, chanyeol?!- e massageou o local.

 

- Pensa que não vi?! Tá olhando aquela menina por que?!-e cruzou os braços.

 

-Porque acho ela bonita. Apenas.- e se virou novamente.- Você tem que parar de ser assim! Nem namoramos! Somos só bons amigos.

 

Com uma expressão zangada, Chanyeol se vira para frente e bufa.


"Ele me paga! Fica olhando essas meninas secas, enquanto eu, gostoso e bonito, sou ignorado. Ele vai ver só, fica sentindo prazer por essas magrelas, até eu fazer ele gemer meu nome!"- pensava Chanyeol.

Ele já estava cansado de ser ignorado pelo amado...

 

-Tá assim por que?- diz agora virado para Chan.

 

-Fique sabendo que em casa conversamos, já que temos uma tarefa para fazer. E eu vou te pegar primeiro, não essa vareta que você tanto olha!- e se levanta para jogar a comida.

 

Baekhyun começa a rir, então se levanta e segue o amigo.

 

 

Desde aquele momento até o caminho para a casa de Chanyeon, eles ficaram em silêncio, apenas trocavam olhares. Olhares raivoso, da parte de Chan, e curiosos, da parte de Baek.

 

 

-Ainda não entendi por que tanto ciúmes.-Diz Baek ao entrar na casa do amigo.

 

-Ciumes é o caralho! Voce sabe que EU sou seu, mais ninguém. E outra, aquela garota nem sabe que você existe.

 

-Nossa... Pra que tanta grosseria. Não precisa tacar na cara! E outra, você não é meu... Eu que sou seu! Ah, e eu só acho ela bonita! Entende agora?!- e se senta.

 

-A única coisa que entendo é que você desde sempre é muito submisso.- E se senta ao lado do garoto.

 -Como assim?!- e entortou de leve a cabeça.

-Cara, todos pisam em você, você nunca faz nada, não pede nada. Por isso que aquela garota esta nem ai pra você.

 Então, nada mais disseram.Logo, começaram a fazer a tarefa, que foi rápida e fácil, mas só para Baek.

 

-Porra! Explica direito!- e bate a mão na mesa.

 

-Mas essa já é a quarta vez! Você não tem jeito.- e deita a cabeça.

 

-Tenho sim!- e olhou com uma cara maliciosa para o amigo, e levanta a cabeça do mesmo.-E é esse!

 

 

Chanyeol se aproximou de Baekhyun, que estava ao seu lado, e começou a massagear seu rosto.

 

O menino, começou a ficar totalmente vermelho e desviava o olhar, mas deixou o outro completar: eles aproximaram seus rostos, e se beijaram.

Foi um beijo intenso, e nem um pouco calmo.

Chan pedia passagem com a lingua, e o outro cedia.

 

Logo se separam, e Baek quebra novamente o silêncio.

 

-Nossa! Beija bem!- diz sorrindo, e todo envergonhado.

 

-Não disse que você era submisso?! E outra, você é muito tímido!

 

-Nem tanto! Só com quem quero!-e desta vez deu um selinho no outro.

 

Então, terminaram o trabalho, e resolveram comer algo.


O amigo foi embora, e algum tempo depois, Baek se deitou, massageando de leve sua boca, lembrando de mais tarde.

Baekhyun, era indesiso. Ele achava muitas garotas bonitas, mas amava seu amigo. Mas não só como amigo, ou irmão. Era bem mais forte o seu amor por Chanyeol...

É, ele era bissexual, mas não assumia isso para si mesmo...

Tinha medo da reação de sua família.

 

 

 

No dia seguinte, tudo ocorrera normalmente, mas acada dia eles se aproximavam mais, de uma diferente forma, pelo menos até o almoço de quinta feira.

Até que chega a mesa, uma menina, talvez uma popular, e começa a encarar os dois, que também a encaravam.

 

 

-O que você quer? Perdeu o cu na minha cara?!-diz a menina para Chan.

 

-Então é por isso que você está com essa cara de bosta, né?!-diz Chanyeol, começando a ficar bravo.

 

-Calado! Enfim, Baekhyun, fiquei sabendo que seu amigo ai, é gay. É verdade?- e se aproxima.

 

-S-sim!-e olha para o amigo, pedindo ajuda pelo olhar, que faz um sinal para continuar.-A-algum problema?-responde Baek.

 

-Humm.. Que pena. Ele poderia andar conosco!-e aponta para uma mesa.

 

-Me desculpe, mas e daí que sou gay? Sou uma pessoa como outra! Aliás, some daqui! Vaza!- diz Chan, e bateu a mão na mesa.- Eu não ando com galinhas!

 

 

A menina bufa e sai, e os meninos começam a se encarar.

 

Estavam nem aí, eles amavam quem queriam, e não se importavam com pensamentos alheios.

Até que Baek se vira para o outro, provavelmente para dizer algo, mas muda de ideia e se vira. 

Não tinha como o dia ficar pior... Ou melhor.

Quando a garota retornou para sua mesa,  ela apontava e ria dos "amigos",e uma vez ou outra cochichava algo.

-Cansei! Baekhyun! Olha aqui!

Meio assustado, o amigo olha para o outro, que estendia a mão. Ele aceita, e se levanta.


-Olhem aqui, seus cretinos! Disse um pouco alto para os que lhe encaravam, e sem medo, pegou na cintura de Baek-que não estava entendendo nada- e o puxou para um beijo.

Desta vez foi calmo, mas se notava alguns estalos molhados. Baek ficava cada vez mais vermelho, mas não queria se separar. Nunca.


Aquilo foi muito comentado no colégio, fazendo Baek se soltar um pouco em relação a "amizade" que tinha.

 

 

 

Passando um mês do segundo beijo deles, Chanyeol, num sábado, estava frustrado como sempre.

 

Ele planejava pedir o amigo em namoro, mas não sabia como!

Estava cansado de sofrer, e queria mostrar para todos que ele amava quem quisesse. Ele já tinha mostrado claro, mas não tudo.

Não ia se rebaixar a um bando de metidos. Tinha que tomar uma desisão e rápido!

Até que recebe uma mensagem.

 

 

"Chan, eu ja cansei de esperar! Quero tomar uma atitude e saber se... Você quer namorar comigo?

 

 

Ah, eu disse que não era tão submisso!"

 

Ah, Baek, você sim, é a pessoa certa para Chan.

Vocês se completam!


Notas Finais


Então é isso!
Espero que tenham gostado! Desculpa por qualquer erro despercebido!
Tchau!
ps: sim, eu sei! Ta uma bosta, mas fazer o que né armyguinhos?!
Sou apenas uma army-l que queria fazer uma fic assim sem quase nem um planejamento! Mas realmente, espero que tenham gostado, pelo menos um pouco!
Beijão para quem leu!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...