História The Secret of the Garden (Jeon Jungkook -BTS) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Slender (Slender Man)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bangtan, Bangtan Boys, Bts, Fanfic, Fanfic Bts, Fanfic Jungkook, Fanfic Sobrenatural, Fanfic Terror, Hoseok, Imagine, Jeon Jungkook, Jhope, Jimin, Jung Hoseok, Jungkook, Kim Taehyung, Min Yoongi, Park Jimin, Suga, Taehyung, Terror, Terror Bts, Terror Jungkook, Yoongi
Visualizações 129
Palavras 1.726
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drabs, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Minhas provas acabaram!!!!!!!!!!


Boa leitura 😄

Capítulo 2 - Chapter Two


Fanfic / Fanfiction The Secret of the Garden (Jeon Jungkook -BTS) - Capítulo 2 - Chapter Two

- Adele? Quem é Adele? 

- Me pergunto a mesma coisa. Eu procurei sobre Adele e não achei nada. Tudo que sei é que ela tem o mesmo sobrenome que você. 

- O mesmo sobrenome? - ele confirmou - E como assim Misaki está presa na floresta? 

- Também é um mistério para mim. Vamos sair de uma vez dessa floresta, já está escurecendo. Depois nos conversamos sobre isso. - Começamos a andar mais rápido e chegamos na casa. 

Entrei no quarto de Jimin para acordar ele.

- Jimin! Jimin! Acorda! Tenho que te contar muita coisa! - ele se assusta tanto que ele caiu da cama e eu comecei a rir. 

- Para de rir e me ajuda a levantar! - ando até mais perto dele e o ajudo a levantar - O que você quer desgraça? 

- Presciso da sua ajuda. 

- Pra que?

- Você sabe se alguém da nossa família se chamava Adele? Adele Everdenn? 

- Eu sei lá. Por que você quer saber? 

- Ela tem pode ter sido a culpa do desaparecimento de Misaki. 

- Agatha, me escute: Misaki morreu há 45 anos. Mesmo que você descubra alguma coisa ela está morta. Se fosse algo recente, eu até lhe ajudaria mas, isso foi a 45 anos. Misaki, Adele, estão mortas. Não se preocupe com isso. - Jimin segura minhas mãos  

- E se, mesmo que morta, ela precise da nossa ajuda? E se ela estiver, sei lá, presa na floresta? - Eu solto nossas mãos e ele coloca as mãos no bolso da calça.

- Presa na floresta? Agatha, de onde foi que você tirou essa idea?

- Vem comigo - o puxo para fora do quarto e vou procuro Jungkook. Encontro ele na sala de estar.

- Agatha? Jimin? O que foi? - Jungkook nos olha confuso 

- Mais ou menos. - Jimin me corta

- Jungkook o que foi que você contou para essa menina? 

- Fica quieto Jimin e escuta - disse soltando seu braço - Jungkook pode repetir o que você disse para mim? O que sua avó falou. 

- Agatha, você quer seguir essa história adiante? - pergunta Jungkook

- E você não? 

- Não é que eu não queira, é que eu não sei nem por onde começar. Tentei entrar no quarto de Misaki uma vez mas, Alyssa me fez prometer que ia ficar o mais longe. 

- Jeon, você é muito bonzinho... - Jimin sussurra

- E por que ela não quer que ninguém entre? O que ela sabe e não quer que a gente saiba? 

- Antes disso, pode me explicar o que você contou para essa menina, Jeon? 

Jungkook contou o mesmo que disse para mim. Jimin parecia muito assustado. 

- Eita merda... Bom, Agatha,Jungkook eu vou deixar vocês para resolverem isso e vou fingir que não ouvir. 

- Vai nos ajudar agora? - pergunto 

- Agora? Depois dessa? De jeito nenhum, não quero me envolver com gente que morreu. A frase descanse em paz não quer dizer nada para vocês não? 

- Esse é o problema - Jungkook se senta no sofá - Ela não está em paz. Ela está presa na floresta. 

Somos interrompidos por Alyssa 

- Finalmente achei vocês três! Bom, teremos visitas e eles chegaram com Dylan. Eles já devem estar a caminho.

- Hoseok, Yoongi e Taehyung? - Jungkook pergunta com um sorriso nos lábios 

- Sim, eles e os pais.

- Quem? - Eu e Jimin perguntamos

- Amigos meus e os pais deles são amigos de Alyssa e Dylan. - Jungkook se levanta do sofá

- Vocês podem trocar de roupa por favor? Vamos falar sobre os negócios.

- Da empresa? - Jimin pergunta curioso

- Não, é um outro tipo de negócio. Apenas troquem de roupa. Nada formal, apenas mais arrumado. 

Fomos todos para nossos quartos e trocamos de roupa. Quando terminei de me arrumar fui descer para a sala, onde Jungkook e Jimin estavam. A porta da casa se abriu, onde Dylan e outras pessoas entraram. 

- Agatha, Jimim estes são Taehyung, Hoseok e Yoongi. Eles são irmãos e seus pais trabalham na empresa de sua família. Seus pais confiavam muito neles - Eu e Jimin cumprimentamos a Sra. Kim e seu marido. - E está é Rosé, prima dos garotos. - Jimin deu um sorriso bobo quando viu Rosé.

- Garotos, vocês podem ir andando, que nos precisamos conversar. Podem ir até o jardim, mas não mais que isso. - Todos nós fomos andando até o quarto de Jungkook. O quarto estava um silêncio imenso até a janela abrir sozinha. 

- Mas o que foi isso? - Jungkook sussurrou, mas alto o suficiente para todos ouvimos e andou até a janela. Ele ficou parado, olhando para fora o chão da janela por um tempo, imóvel 

- Jungkook, fecha logo essa janela, está frio - Yoongi pediu para Jungkook 

- Hã, a sim, desculpe é que eu pensei visto, a deixa pra lá - o moreno fechou a janela e se sentou na cama

Pensamentos Jungkook on

Estou ficando louco ou vi Misaki? Ou era ela ou uma menina, mas como ela entrou aqui? Do meu quarto se tem uma visão da floresta, e ela estava parada. Devo estar vendo coisas. 

Pensamentos Jungkook off

- Esta tudo bem mesmo Jungkook? - Taehyung perguntou para o moreno que estava inquieto 

- Não, quer dizer, sim, eu estou bem. Apenas pensei ter visto alguém na floresta. Uma menina. Devo está imaginado coisas.

- Uma menina? Será que era Yang? - Hoseok pergunta

- Talvez, não sei. Ainda estão procurando ela? - Hoseok confirma - Alguma pista? - ele nega cabisbaixo 

- Eles vão encontra-lá Hobi. - Taehyung consola o irmão 

- Espero que achem logo - Yoongi diz em um tom baixo 

- Desculpa perguntar,  mas quem é Yang? - Agatha pergunta olhado para Hoseok 

- Yang é a nossa irmã mais nova. Ela desapareceu. Tinha 7 anos - Taehyung responde Agatha 

- A mesma idade que Misaki - Agatha diz para si mesma

- O que você disse Agatha? - Jungkook a pergunta 

- Agatha, tenta esquecer um pouco isso. Deixa para lá. Obrigado Jungkook, por ter nos contato a história de Misaki. - Jimin olha para o mais novo e diz sarcástico - Agora ela não para de pensar nisso. 

- Me deixa Jimin. - Agatha joga um travesseiro em Jimin 

- Misaki? Quem é Misaki? - Rosé pergunta

Explicaram a história para Rosé. Desde o desaparecimento de Misaki até a história da avó de Jungkook.

- Nossa... eu não sei o que dizer. Vocês já tentaram entrar no quarto de Misaki? 

- Eu já. - Jungkook e Agatha responderam coro - Mas não consegui 

- Vamos tentar mais uma vez? - Yoongi sugere 

- De jeito nenhum! - Hoseok diz - Você não assiste filme de terror não?! 

- E mesmo se quiséssemos, ela está trancada. Somente Alyssa tem a chave e ela parece que quer manter qualquer um o mais longe possível. - Jimin olha para Hoseok

- Na verdade... - Jungkook tira uma chave do bolso - Eu tenho a chave. Alyssa tem uma cópia falsa. Eu tenho a original

- Então vamos entrar lá! - Agatha sugere 

- Não! - Jimin e Hoseok falam em coro

- Quem é a favor? - Agatha, Jimim, Rosé, Taehyung, Yoongi e Jungkook levantam as mãos - A maioria ganhou. Esta decidido: vamos entrar lá. 

- E se alguém nos pegar? - Hoseok pergunta 

- Ninguém vai nos pegar. Agora para de ser medroso e levanta Hobi! - Jungkook puxa Hoseok pelo braço e o levanta da cama 

Pensamentos Agatha on

Chegamos na porta do quarto de Misaki. Ficamos parados em frente a ela por um segundo, depois Jungkook colocou a chave na fechadura e ameaçou abrir

- Prontos? - o moreno pergunta e todos confirmamos. Ele gira a chave, mas a porta não se abre. Tenta girar para o outro lado, mas a porta ainda não se abre. Ele sussurra palavras como "mais o que?", "o que está acontecendo?" 

- Isso é um sinal do universo para a gente não entrar - Hoseok fala 

- Tenta outra chave - Rosé sugere

Jungkook tenta várias chaves, mas nenhuma abre a porta do quarto de Misaki. 

- Vamos desistir. - Jimin anda de volta até o quarto de Jungkook - Não temos a chave. 

Entramos mais uma vez no quarto de Jungkook e a janela estava aberta mais uma vez. Dessa vez eu fui até a janela, e vi uma silhueta de uma garota. Ela estava parada, estendeu o braço e sacudiu algo em sua mão. 

- O que foi isso? - Jimim pergunta - Chaves?

- Eu também ouvi - Jungkook disse 

- Eu também - todos os outros dizem ao mesmo tempo. Eu fechei a janela e voltei a me sentar na cama. 

Quem será aquela garota? Será que ela é Misaki? O objeto de sua mão era a chave de seu quarto? Como que a chave está com ela e por que a de Jeon não funcionou? 

Estava perdida em meus pensamentos, quando alguém bateu na porta.

- Estou interrompendo algo? - Dylan apareceu na porta - Não? Só vim avisa que está muito tarde e vocês vão ter que passar a noite aqui. 

Concordamos com a cabeça e Dylan fecha a porta. 

- Que horas são? - Taehyung pergunta

- 23:50 - Yoongi olha o relógio de pulso - Não sei vocês mas eu vou dormir. - ele se joga na cama 

- Pode se levantar daí seu folgado! - Jungkook reclama com Yoongi - Tem um colchão de ar em baixo da cama. É só encher. 

- Eu vou para o meu quarto. Rosé, você pode ficar no meu se quiser. - Jimin sorrir 

- Ah, obrigada Jimin. - Rosé sorrir 

- Eu também vou para o meu. Boa noite - Me levanto e vou até a janela mais uma vez. Dessa vez, não tinha ninguém. Saio do quarto e entro no meu. Coloco um pijama me jogo na cama.

Madrugada - 3:12 da noite

Acordo de repente, no meio da noite. Escuto passos vindo de fora do quarto. Me levantei e abri a porta do quarto. Não tinha ninguém. Comecei a andar pelo corredor e pensei ter visto uma sombra em minha frente. Parecia uma criança. Ela estava parada e eu não conseguia dizer uma única palavra. Não via seu rosto, era apenas uma sombra. 

Devo estar muito assustada. É coisa da minha cabeça.

Dei meia volta e retornei ao meu quarto. 


Notas Finais


Ainda hoje vai sair uma parte dois.

Desculpa qualquer erro e até o próximo capítulo

😊 😊 😊 😊 😊 😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...