História The Shooting Star - Capítulo 2


Escrita por: e KoreanNoodle

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Estrelas, Fantasia, Ficção, Folclore, Lendas, Mistério
Visualizações 6
Palavras 1.306
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Mutilação, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Bem o próximo capítulo vai ser grande pelo menos, esses primeiros foram só para dar uma noção de como seria
Obrigada pela atenção e boa leitura♥️

Capítulo 2 - "The arrival"


Fanfic / Fanfiction The Shooting Star - Capítulo 2 - "The arrival"

Lá estava a garota andando pelo cidade dos astros, teria que entregar alguns pergaminhos que algum anjo havia a obrigado a fazer

Essa é Byeol!

Byeol -

Uma bela “menina-estrela” de fios loiros. Sempre animada e sorridente perante todos à sua volta. Porém, muito ingénua, o que faz com que se aproveitem de sua amizade e boa vontade. É um “coraçãozinho frágil”, ainda mais no que toca a assuntos familiares, mas não gosta de demonstrar esse lado. Passa a vida no mundo da Lua, sendo muitas vezes reconhecida como desastrada e avoada.

Ela decide apressar o passo até o castelo dos astros entregar aquilo para o senhor Sol (uma autoridade importante no reino dos céus) acaba tropeçando e caindo violentamente no chão, assim passa um anjo e estende a mão para ela

- Quer ajuda? - ele pergunta

- Sim, muito obrigada você é muito gentil - assim que ela termina de falar ele tira a mão dele - oque..?

- Vá terminar suas tarefas antes estrelinha - Típico dos anjos, humilhando os demais apenas por serem de castas menores

Dizem que são figuras puras de coração bom... Isso só na frente dos superiores, na realidade a maioria deles (não todos) são insuportáveis e tratam as estrelas e os inquilinos (habitantes do céu) com desdém

- Ei não fala com ela assim! - Uma outra "menina-estrela" gritou

- Vai fazer oque?

- Chamar a Lua! E olha que eu vou mesmo! - ela ameaça chamar a outra superiora

- Ridículo…os menores tem que se ajudar não é mesmo? - ele sai andando

- Você tá bem? - ela pergunta para Bye

- Sim eu…já estou acostumada - ela sorri recuperando a positividade - Animada para o evento?

- Ah é hoje que algumas estrelas vão ser enviadas para a Terra? Provavelmente não vou ser escolhida, mas seria maravilhoso…Aliás qual seu nome?

- Me chamo Byeol! E você? - continuando com um sorriso simpático, a mais baixa diz animadamente

- Hyunji - ela retribuí o sorriso - Para falar a verdade eu não vim aqui só para te ajudar

- Como? - confusa ela pergunta

- Os superiores me chamaram dizendo que não conseguiram te contatar e que era para você ir junto com as candidatas ao salão - antes de ela terminar de explicar Byeol grita

- OQUE?! EU?! - ela sorri mais, dessa vez mostrando os dentes e dando pequenos pulinhos

- Sim você - ri - parece que é sua hora de ir para a terra

- Eu não acredito! - ela gargalha brevemente mas logo para para pensar - Eu não posso ir

- É uma chance rara! Você precisa ir!

- Eu não sei realizar…pedidos certo - cabisbaixa ela reclama

- Tenho certeza que isso não é verdade, eu já vi você usando sua magia para carregar coisas - ela coloca a mão no ombro da jovem

- Mas é que eu fico nervosa e não consigo…

- Shiu! - Byeol para de tagarelar - Você consegue, eu sei que você acabou de me conhecer mas confia em mim eu sei que você consegue agora vai lá

- Vem comigo?

- Vamos vai - elas riem

Elas vão juntas ao salão que não ficava a muitos passos dali, entrando lá elas enxergam os superiores e muitas garotas em volta deles, todos abrem caminho para Byeol e Hyunji

- Você consegue - Hyunji sussura e empurra Byeol levemente para frente dos superiores

"Eu consigo…eu consigo!"

- Todas em suas posições! - Sol bate palmas pesadas chamando atenção de todas

Várias meninas vão para frente de Bye a empurrando sem querer e quase fazendo a cair

- Para as novatas, prestem atenção - Agora é a vez de Lua se pronunciar - Vocês serão enviadas para a terra neste evento raro e realizarão o pedido da pessoa mais próxima de vocês, não fiquem enrolando, depois que realizarem virão automaticamente para o reino novamente

- E-Eu… - Byeol levanta a mão

- Alguma dúvida? - Lua indaga

- Eu não posso ser enviada - ela diz isso e todas as demais garotas começam a encara-la

- Por qual motivo?

- Eu… - ela olha as pessoas em sua volta e abaixa a cabeça - não me sinto bem…

- Não há como mudar agora, vocês serão transportadas agora em forma de estrela.. Três, dois , Um!

- NÃO! ESPERA! - Mal termina de falar direito e um brilho muito forte aparece cercando sua visão e a visão do resto das meninas

Byeol não sabe realizar desejos, e quem diria que ela iria receber o pedido mais difícil do mundo? Mudar a vida de uma pessoa?

Será que ela vai consegue?

>>Quebra de Tempo<<

Mino acorda sentindo um peso em cima do corpo dele, abrindo os olhos lentamente ele tem a visão de uma garota dormindo

- O…oque? - sonolento ele volta a razão e grita - QUEM É VOCÊ E COMO ENTROU AQUI?!

- N-Não grita! - a garota acorda e sai de cima dele completamente assustada - Eu…

- VOU CHAMAR A POLÍCIA!

- Não não não! Espera! - ela tenta acalma-lo mas ele já pega o seu celular e vai para o telefone a ponto de gritar, fazendo a menina pegar o telemóvel do jovem e jogar ele para outro lado do quarto - Não sabia que dialogar com humanos seria tão difícil assim…

- Humanos? Oque você é?

- Me escuta - chama a atenção dele - Meu nome é Byeol e eu sou a estrela que vai realizar o seu pedido!

- Estrela? - ela assente e ele ri - isso só pode ser brincadeira né? Eu estou em algum programa de pegadinha é isso mesmo?

- Aish! Eu estou te dizendo a verdade

- Claro claro e eu sou o Papai Noel - sorri cínico

- É o seguinte - fala perdendo a paciência - eu preciso realizar oque você quer para mim conseguir voltar pro céu novamente

- Céu? Isso está cada vez mais absurdo...

" Mantenha a calma Byeol, mantenha a calma e sorria! "

- O que você desejou? - com um sorriso um tanto quanto assustador ela se pronuncia

- Eu desejei que…espera..que estrela é essa que não sabe oque o mestre desejou?

- O que você…DESEJOU?! - acaba se exaltando

- Algo que mudasse minha vida…

- E oque foi esse algo? Eu posso tentar-

- Eu não sei, deixei em aberto o pedido

- Como eu posso realizar seu pedido se nem você mesmo sabe oque desejou ao certo?! Com todo o respeito eu não quero ficar na Terra por muito tempo

- Ainda não acredito nisso só… - olha pela janela e vê que continua de noite - por que você não deixa essa loucura e volta para o lugar de onde você veio? Eu quero dormir, prometo que não te denuncio

- Você não entende mesmo né - visivelmente chateada - eu não consigo voltar sozinha…eu..

"Só sei usar magia para coisas simples"

- Olha... - ele se levanta e estende a mão para ela ajudando a mesma a se levantar - Já sei oque você deve fazer

- Oque? - seus olhos se enchem de esperança

Minoru caminha até a entrada de sua moradia e abre a porta logo voltando para perto de Byeol a pegando no colo e andando com ela até a saída e colocando-a no chão

- E-Ei espera!

- Tenha uma boa noite - ele sorri fingindo ser simpático e fecha a porta na cara da garota que estava sem reação - Por que essas coisas só acontecem comigo? Desejo? Que bobagem…

       O jovem adulto então tranca a porta e vai desanimado em direção de sua cama, se deita e dorme rapidamente tentando aproveitar o resto do tempo que teria até ter de ir para sua faculdade


Notas Finais


Obrigada por ler esse capítulo
Até o próximo (que será maior, prometo)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...