História The Soldier Who Loved His Sister - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias A Casa de Cera (House of Wax), Harry Kane, Os Simpsons, Vampire Knight, Vampire Knight Guilty
Personagens Akatsuki Kain, Carly Jones, Hanabusa Aidou, Harry Kane, Personagens Originais, Ruka (Luca) Souen
Tags Bart, Incesto, Irmãos, Lisa, Os Simpsons, Romance
Visualizações 16
Palavras 1.483
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - Capítulo IV - A Distância


Fanfic / Fanfiction The Soldier Who Loved His Sister - Capítulo 4 - Capítulo IV - A Distância

                  Capítulo IV

                 A Distância

"Eu sabia que nenhuma felicidade duraria para sempre"

- Está pensativo não? - Pergunta o coronel ao meu lado.

- Sim...

- Olha rapaz, eu sei que é difícil para você ficar longe da garota que você ama, mas você tem que entender que não vão conseguir ser felizes juntos, vocês são irmãos, a sociedade não aceitará isso - Responde o general.

- Eu não me importo no que as pessoas vão pensar, eu só me importo com o que ela pensa...

LISA:

"Depois de admitirmos nosso amor um pelo outro, Bart vai embora e eu fico aqui sozinha." Caio em lágrimas em frente ao bilhete de Bart.

- Lisa? - Meu pai bate a porta.

- O que quer pai?

- Sua mãe e eu queremos conversar com você. Por favor desça.- Diz meu pai e o escuto descendo.

- Resolvo ir falar com eles.

Desço as escadas e vejo minha mãe sentada de pernas cruzadas com uma cara de tristeza.

- Filha me responde sinceramente, a quanto tempo estão juntos?- Pergunta minha mãe sem olhar para mim.

- Há 2 dias- Digo

- Diga a verdade! - Diz Marge me encarando.

- Estou dizendo a verdade!

- Vocês já transaram? - Pergunta minha mãe olhando para baixo de novo e Homer a observa incrédulo.

- Não.

- Diga a verdade! - Diz minha mãe levantando e me dando um tapa no rosto.

- NÃO ESTOU MENTINDO! CABE A VOCÊ ACREDITAR OU NÃO! - Subo as escadas correndo e vou para meu quarto.

"Lá lembro da minha primeira vez com Bart" Coro.

- Ai Bart onde está?

BART:

"Já havia chego na Califórnia, Kaleb me leva aos dormitórios do exército."

- Então, é aqui que você ficará Bartolomeu- Diz Kaleb colocando minha malas em cima de uma cama de ferro.

- Ok, Obrigada general.- Digo.

- Amanhã de manhã faremos um aquecimendo, portanto esteja de pé as 6h!.

- Sim! - Respondo saudando.

"Deito em minha cama e me perco em meus pensamentos"

Na manhã seguinte:

- Ei acorde! - Diz uma voz que não conheço.

- Argh...quem é você ?- Digo sonolento me sentando em minha cama.

- Levanta, o coronel Kaleb está chamando para tomarmos café. - Diz o rapaz alto, louro, olhos azuis e que estava vestindo um uniforme de soldado.

- Prazer, meu nome é Aidou - Diz estendendo a mão para me comprimentar.

- Bart - Digo o cumprimentando.

- Eai Bart, vai levantar ou não ? - Diz me ajudando a levantar.

- Cara, eu tô muito cansado...

- Imagino, nem vimos quando você chegou ontem, só o encontramos dormindo.- Diz Aidou.

Verdade, não conheci ninguém ontem quando cheguei, havia perdido em meus pensamentos e acabei dormindo.

- Ei Bart?

- Sim?

- Vamos?

Sigo Aidou até o refeitório e lá encontro vários rapazes de fardas tomando café.

Aidou me leva até uma mesa com mais 3 rapazes.

- Bom dia galera - Diz Aidou.

- Bom dia Hanabusa - Responde um rapaz de cabelos loiros e olhos castanhos.

- Bom dia Kane! - Responde Aidou.

- Bom dia Aidou - Responde outro rapaz, um rapaz alto cabelos ruivos e olhos cor avelã.

- Bom dia Kain! - Diz Aidou novamente.

- Bom e quem é o novato, Hanabusa?- Pergunta outro rapaz, cabeça raspada e olhos azuis.

- Ah, esse aqui é o Bart, Nike.

- Muito prazer.

- Seja bem vindo.

- Como vai?

Perguntam os três rapazes a mesa.

- Obrigado, vou bem.

- Ei Bart...- Diz o ruivo.

- Sim?

- Não pretende tomar café?- Diz apontando para a mesa em que estava o café da manhã.

- Não valeu, não estou com fome.

- Mas deve tomar Bart, Por quê logo depois vamos fazer um aquecimento e só poderemos comer no horário do almoço. - Diz Aidou.

- Ele tem razão cara, mesmo não estando com fome, tem que comer.- Diz Kane.

- Vocês tem razão.- Digo e vou até a mesa do café.

LISA:

"Acordo e olho no meu relógio, estava na hora de levantar, não queria ir para a escola, ainda estava muito mal."

- Lisa!

- O que foi mãe?

- Anda, levanta, está na quase na hora de ir para a escola, vem logo tomar café.

- Não quero ir para a escola hoje.

- Você não tem que querer! Anda logo, levanta!

" Resolvo obedece-la, levanto, vou até meu banheiro e tomo um banho quente, passo as mãos pelo meu corpo , o que me faz lembrar de Bart, saio do banheiro e escolho minha roupa, vou com uma jeans e uma blusa de alcinha vermelha, termino de me arrumar e desço as escadas para tomar café "

- Bom dia - Digo de uma maneira seca e meus pais me ignoram.

Tomo meu café e me levanto para ir para a aula, subo no ônibus e vejo que só tinha lugar nos fundos, "onde eu e o Bart havíamos sentado juntos aquele dia"

Sento no lugar de Bart, do lado da janela, e sem perceber alguém senta ao meu lado.

- Oi Lisa - Responde o quatro olhos de cabelos azuis.

- Olá Milhouse.- Respondo indiferente.

- Tudo bem com você parece meio triste hoje...- Pergunta Milhouse.

- Não é nada - Digo

- Você sabe por que Bart não veio hoje? - Pergunta Milhouse.

- Bart foi embora Milhouse. - Digo caindo em lágrimas e Milhouse me abraça.

- Foi embora? Foi para onde? - Pergunta.

- Meus pais mandaram Bart para o exército...

- Nossa - Responde Milhouse.

- Está se sentindo sozinha não é ? - Diz Milhouse.

- Como você sabe?

- Ora Lisa, eu sou filho único, eu sei como é estar sozinho...

- Eu sei que apesar de vocês brigaram, você e o Bart eram muito próximo e agora que ele foi embora, você está sentindo sua falta...

- Vocês eram irmãos muito próximos.

"Milhouse não fazia idéia do que havia acontecido entre mim e Bart"

- Obrigada Milhouse

- De nada Lisa.

BART:

- ANDEM SEUS MOLENGAS! CORRAM! - Gritava o general Kaleb em seu alto falante nos mandando correr em círculos.

- Ue é pra correr ou pra andar? - Digo fazendo os outros soldados rirem

- Está muito engraçadinho Simpson, PAGA 10 AGORA! - Diz Kaleb me fazendo pagar flexões.

Depois de pagar as flexões Kaleb diz:

- Pausa de 30 minutos.

- Cara finalmente...Estou morto.- Digo sentando no chão ao lado de Aidou, Kain, Kane e Nike.

- Haha, você realmente não pertence a esse mundo. - Diz Kane rindo.

- Não mesmo.

- Jura? Então o que está fazendo aqui?- Pergunta Kain.

- Meus pais me mandaram pra cá...

- Mas você tinha opção de não vir se não quisesse, você já é adulto tem 18 anos.- Afirma Nike.

- Mas...se eu não viesse a pessoa que eu amo poderia ser infeliz...

- Mas... e vocês? Por quê estão aqui ? Não me digam que é para servir o país, cansei dessa piada hahaha- Digo mudando de assunto.

- Hahahaha - Todos riam.

- Bom, eu vim para cá, por que toda minha família é de militares, eu não poderia ser uma excessão.- Diz Aidou.

- Mas você quer ser Militar Aidou?

- Na verdade eu gostaria de ser um ator.

- Eu vim para cá, para poder casar com mulher que eu amo. - Diz Kain.

- Como assim, Kain?- Pergunto.

- Eu tenho uma namorada no Arkansas, e vim para cá, por causa do salário do Militar, e quando me tornar Militar, vou voltar para o Arkansas e me casar com ela, na verdade estou aqui por ela, para dar um futuro digno à ela, quero ter filhos com ela, vocês não fazem idéia de como eu amo aquela mulher. - Diz Kain o que me faz lembrar de Lisa.

- Nossa que fofo o Kain apaixonado - Diz Nike fazendo cara de deboche para Kain.

- Eu to aqui por que não consegui nada melhor - Diz Nike e todos nós rimos.

- Bom, eu tô aqui por que eu adoro uma adrenalina, não vejo a hora de ser enviado para uma missão no Oriente médio. - Diz Kane.

- Sonhar não custa nada- Diz Nike novamente e todos nos rimos.

- Mas então Bart, você disse que está aqui para não fazer a pessoa que você gosta infeliz? , eu não entendi. - Diz Kain.

- Bom Kain, tem uma pessoa que eu amo muito em Springfield, mas nós não podemos ficar juntos, nosso amor é meio que "proibido", nossos pais acabaram nos separando quando descobriram.- Digo.

- E você vai desistir? - Diz Kain olhando para o céu.

- ã?

- Você vai desistir da mulher que você ama, só porquê as outras pessoas não aceitam? - Completa Kain.

- Não achei que fosse covarde, Bart.- Diz Kain se levantando.

" Ele tinha razão, Não posso deixar que a opinião dos outros afete o meu relacionamento com a Lisa."

- KAIN! - corro até ele e o abraço.

- Cara, você tem toda razão, vou fazer como você! Vou me tornar um militar, e quando construir minha vida, trarei Lisa para vir morar comigo! , você tem razão! Não vou desistir da mulher da minha vida por quê as outras pessoas não aceitam.

- Isso é muito bonito,Bart... agora você pode me soltar ?- Diz Kain e eu o solto.

"Lisa, eu vou batalhar por você, Não vou desistir de você, vou me tornar um grande soldado e quando voltar para Springfield ficaremos juntos de novo"



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...