História The Striper - Capítulo 3


Escrita por: e Lyunna_Lyn

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 16
Palavras 501
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Drogas, Estupro, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Ayuda


Fanfic / Fanfiction The Striper - Capítulo 3 - Ayuda

4 Horas depois...

 

Luna ainda não acreditava no que tinha feito. Nas últimas horas pensou em uma maneira de contar a Lorenzo no que havia feito, mas ainda não sabia como falar. Ela estava debruçada no balcão, o expediente diurno já havia se encerrado, as outras garotas ensaiavam, Lince não iria se apresentar, porém esperava Lorenzo.

 

- Luna você pode me ajudar aqui? - Camila, a única dançarina brasileira, perguntou.

 

- Posso sim - a negra logo se dispôs a ajuda-la - De que você precisa?

 

- Não sei que roupa usar hoje, a apresentação principal é minha hoje e eu quero está deslumbrante - a morena sorriu - Você viu aquela dançarina de ontem? Onde Lorenzo encontrou ela?

 

Luna se calou, não queria se enrolar ainda mais.

 

- Gostei deste - falou apontando para um macaquinho azul de mecânica, que era acompanhado de uma langerie da mesma cor e um par de tênis.

 

- Eu também. Camila use este hoje - a voz de Lorenzo se fez ouvir, logo ele foi visto encostado em um suporte de pole dance - Luna no meu escritorio - falou com arrogância, Luna riu - AGORA!

 

Eles caminharam em silêncio até o escritorio. Ao chegar entraram, o homem fechou a porta.

 

- E então. O que houve? - Lorenzo perguntou servindo-se de uma dose de Whisky - Você parecia nervosa.

 

- Então... É que... - a jovem mulher hesitou.

 

- É que?

 

- Tudo bem - respirou e começou a falar - Alejandro veio aqui, ele e toda minha família pensa que eu concluí a faculdade de gestão empresarial. Eu não sabia o que fazer, acabei dizendo que era dona do La Noche e que Lince se chamava Cynthia, que morava fora da... Cidade! - Luna respirou novamente e concluiu - E agora eu preciso de sua ajuda.

 

Lorenzo sorriu, o sorriso dele era lindo, quase perfeito. Mas não era o sorriso que fazia Luna ficar com as famosas borboletas.

 

- Olha muitas dançarinas já me pediram ajuda para esconder a verdadeira profissão e você não é diferente de nenhuma delas - Lorenzo se aproximou ficando muito próximo a sua balconista e amiga, pôs a o dedo indicador em seu queixo. Em sua testa depositou um beijo terno - Quando eu te ofereci o emprego, prometi que te ajudaria se você me ajudasse, você cumpriu sua parte e eu vou cumprir a minha.

 

- Sério? - o sorriso de Luna brilhou e ela se sentiu mais segura - Ah... Obrigada.

 

- Por nada. Agora vá para casa, quero você bem para o ensaio amanhã - Lorenzo se afastou, Luna saiu do escritório, pegou sua bolsa e foi para casa.

 

Ela caminhava feliz, contra gosto de seu papa ela não quis comprar um carro, preferia se sentir viva. E agora ela se sentia mais viva que nunca. 

Chegando a poucos metro de sua casa viu um Porsche, não acreditou. Correu até a mansão dos Falción's.

 

- Tia! - Gritou pulando no colo de sua tia.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...