1. Spirit Fanfics >
  2. The Stripper - SeHun e SuHo >
  3. Chapter Eight.

História The Stripper - SeHun e SuHo - Capítulo 8


Escrita por: , Vickygin e Syrtchins


Notas do Autor


oioi Loey's❤️
finalmente uma atualização! ksksks
boa leitura❤️

Capítulo 8 - Chapter Eight.


Fanfic / Fanfiction The Stripper - SeHun e SuHo - Capítulo 8 - Chapter Eight.

O garçom veio até nossa mesa depois que nos sentamos, ele olhou feio para o SuHo e o SeHun que ficaram bem envergonhados. Eu também ficaria, afinal tinha dois marmanjos brigando igual retardados dentro do restaurante.


 Enquanto me sento na cadeira, fico me perguntando qual é o motivo dessa briga. Pedimos nossos pratos e SeHun disse que ia começar a entrevista pela LiYu, o que me deixou mais confortável, assim podia ir ensaiando mentalmente.


-Tudo bem senhorita LiYu, por que você quer este emprego? - A olhou sorrindo.


- Porque eu preciso me sustentar, ajudar em casa, e também porque preciso de um emprego digno... - Ela sorriu, eu segurei sua mão por baixo da mesa.


- Entendo, quais são suas qualidades? Tem experiência com alguma coisa? - Ele arqueou uma sobrancelha.


- Minha qualidade é que eu sei fazer as coisas rápidas e tenho experiência com computação, pois fiz curso. - Segurei um risinho, por causa da forma que ela falou.


- Você parece ter muita experiência, Sra. LiYu... - SuHo riu malicioso, SeHun o olhou e negou com a cabeça.


- Ó se tenho! - Ela sorriu maliciosa foi bem discreto, mas deu para perceber, essa LiYu não tem jeito, neguei com a cabeça.


- Okay, agora é a vez da S/N! - Assim que ele terminou de falar, nossos pratos chegaram. - Depois nós fazemos a entrevista S/N, vamos comer primeiro.


Consenti e começamos a comer.


- Por que vocês estavam quase se matando? Vocês não são amigos? - LiYu perguntou.


- Estávamos brigando porque o Sehun é um babaca... - SeHun o olhou indignado.


- Eu não sou um babaca! Você quem me deu o soco primeiro, só me defendi! - SuHo fechou a cara.


- Claro, você viu os absurdos que você falou pra mim? - Os dois se olharam feio.


FLASHBACK DE ALGUNS MINUTOS ATRÁS


P.O.V SuHo


SeHun e eu chegamos no restaurante, ele estava muito quieto durante todo o trajeto até aqui, quase não falou nenhuma palavra. Isso não é hábito dele, ele não para de falar um minuto, fomos até a balconista e falamos que tínhamos reservado uma mesa, ela nos acompanhou até a mesa e saiu.


- Tá bom SeHun. Fala o motivo de você estar aí todo quieto. O que você quer? - Me sentei.


- Aish, tá bom, vou ir direto ao ponto, pois não gosto de rodeios! - Ele se sentou também.


- Por favor... - Olhei o cardápio.


- Suho, você já matou alguém? - Ele me olhou sério?


Quando ele disse isso eu arregalei os olhos. 


- O que? Tá doido SeHun? - O olhei nervoso.


- Matou ou não? - Falou irritado. 


- Aigoo SeHun, é claro que não, quem te falou uma barbaridade dessas? - Pus a mão no peito, indignado.


- O ChanYeol chegou na minha sala falando sobre isso. - Pegou o cardápio.


- Aish, SeHun esse cara ainda está vivo? É cada merda que ele fala! - Bebo um pouco de água.


- Vaso ruim não quebra, mas pra que ele ia chega falando isso motivo tem… - SeHun me olhou desconfiado.


- Então você acredita nele, mas não acredita em mim, que sou seu amigo? - Me levantei, algumas pessoas me olharam sem entender.


- Eu não sei SuHo… - Ele levantou.- Vocês falaram com muita sinceridade, não sei em quem acredi... - Nem esperei ele terminar de falar e dei um soco nele.


- FICOU LOUCO SUHO? - Gritou passando a mão na boca.


- LOUCO É VOCÊ! COMO VOCÊ ME FALA UMAS COISAS DESSAS? EU SOU SEU AMIGO, CARA! - Ele me deu um soco. - QUE ISSO, SEHUN?


- SÓ DEVOLVI O SOCO QUE VOCÊ ME DEU! - Gritou.


- AISH, SEU DESGRAÇADO! 


Fui para cima dele, logo começamos a rolar no chão, distribuindo socos um no outro, caímos em cima da mesa fazendo ela se quebrar, fazendo assim a atenção das pessoas no restaurante focarem em nós.


Como o SeHun pode pensar umas coisa dessas de mim? Eu sou amigo dele a tanto tempo, enquanto rolavamos no chão, a S/N e a amiga dela se aproximaram com os seguranças que nos separaram. Que ódio que eu estava do SeHun! 


AGORA


P.O.V S/N


Eu terminava de comer, observando os dois se desculparem. Eu estava muito nervosa para essa entrevista de emprego, afinal preciso muito desse emprego, para o meu bem e principalmente dos meus irmãos.


- Vejo que já terminou de comer S/N, quer começar a entrevista? - Ele me olhou.


- Quero sim! - Sorri.


- Comece falando por que quer o emprego... - Respirei fundo.


- Eu preciso de um emprego, tenho três bocas para alimentar, além de precisar dar um conforto para os meus irmãos... - SuHo segurou minha mão por baixo da mesa.


- Suas qualidades e se tem experiência com alguma coisa. - Juntou as mãos sob a mesa.


- Minhas qualidades… Bom, eu pego as coisas rápido e sou bem pontual, então comigo não terá atraso, só se acontecer algum imprevistos e bem não tenho experiência com quase nada, mas sou bem esforçada. - Ele sorriu. 


- Uhm, entendo... - Ele consentiu com a cabeça.


Ele ficou pensativo por um tempo, o que me deixou bem nervosa, eu realmente espero que ele nos contrate eu preciso tanto do emprego, minhas mãos estavam até trêmulas. 


- Parabéns, pois as duas estão contratadas! Vocês começam amanhã mesmo, as 8:00, não se atrasem, aliás S/N você vai ter de passar uns dias trabalhando comigo, pois quero te mostrar como funciona as coisas, okay? - Ele falou fazendo a LiYu ter um surto interno.


- Tudo bem... - SuHo me olhou feio.


- Então bem vindas a Minerium! - SeHun sorriu e apertou minha mão e a da LiYu.


- Obrigada! - LiYu e eu falamos juntas.


- Bom, vocês vão ter que me acompanhar até a empresa, okay? - Assentimos.


- Tudo bem, vamos?- LiYu disse para mim.


- Vamos... - Levantei.


- Deixa que a gente paga... - SuHo falou.


- Não, vocês dois tem que pagar o prejuízo do restaurante! - Falei querendo rir.


LiYu e eu fomos até a recepção e pagamos nossos pratos e esperamos o SeHun e o SuHo pelo lado de fora do restaurante. 


- Nem acredito que fomos contratadas, S/N... - Ela sorria grande.


- Nem eu LiYu, estou tão feliz! - Nos abraçamos.


Os meninos estavam vindos até nós e SeHun estava reclamando.


- Você deveria ter pagado a maior parte SuHo, você quem tinha começado a briga... - Falou levemente bravo.


- Para de showzinho SeHun, nós dividimos igualmente a conta! - Reclamou.


- Mesmo assim! - SeHun virou os olhos.


- Vamos meninas, vou deixar vocês na empresa desse cara... - SuHo falou e o olhou feio.


- Eu também tenho que ir né SuHo, pois vim com você! - SeHun nos seguiu.


- Você tem sorte que eu não consigo ficar com raiva de você, se não você ia ter que ir andando... - Falou irritado.


LiYu e eu rimos e entramos todos no carro.


[...]


SuHo nos deixou em frente à empresa do SeHun e nós entramos naquele prédio enorme, nem da para acreditar que realmente vou trabalhar aqui. Isso é tão surreal! Acompanhamos o SeHun até sua sala.


- Vocês vão ter de assinar um contrato com a empresa... - Ditou o maior ao se sentar em sua mesa e pegar os papéis.


LiYu e eu consentimos, SeHun colocou os contratos na nossa frente e começamos a ler, iríamos ganhar 3 mil wons, com esse dinheiro e mais o dinheiro da boate eu ia ter uma boa grana, assim conseguiria da uma vida bem melhor para os meus irmãos, pensando nisso, nós duas assinamos o contrato 


- Agora sim vocês são oficialmente da Minerium! - Ele sorriu e sorrimos de volta.


- Agora vou mostrar a empresa para vocês, vamos... - Nós duas o seguimos.


SeHun mostrou cada lugar daquela enorme empresa para nós e disse quais eram os nossos cargos. LiYu iria ser a recepcionista e eu a secretaria de SeHun. 


No final do nosso “mini tour”, SeHun chamou um táxi para nós e fomos para casa, descansar um pouco, pois mais tarde iríamos para a boate.



Notas Finais


Espero que tenham gostado❤️

Perfis: @Vickygin @loeything


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...