História The Tiger's Heir - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias A Maldição do Tigre, Os Instrumentos Mortais, Saga Crepúsculo
Personagens Alagan Dhiren Rajaram (Tigre Branco "Ren"), Alice Cullen, Bella Swan, Carlisle Cullen, Charlie Swan, Clary Fairchild (Clary Fray), Collin Littlesea, Durga, Edward Cullen, Embry Call, Emmett Cullen, Esme Cullen, Jace Herondale (Jace Wayland), Jacob Black, Jared Cameron, Jasper Hale, Kelsey Hayes, Leah Clearwater, Nilima, Paul Lahote, Personagens Originais, Quil Ateara, Renesmee Cullen, Rosalie Hale, Sam Uley, Seth Clearwater, Sohan Kishan Rajaram (Tigre Negro)
Tags A Maldição Do Tigre, Ghouls, Romance, Saga Crepúsculo, Shadowhunters
Visualizações 24
Palavras 1.560
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpa demora kkk meio q pensava q já tinha postado o cap kkk

Capítulo 5 - Capítulo 5


- Tigre? Do tipo laranja com listras pretas? – Pergunta o Emmet.

- Do tipo branco com listras pretas. – Respondo e ele faz um perfeito “O” com a boca.

- Um tigre branco de listras pretas? – Ele pergunta de novo.

- Não, azul com listras roxas. – Digo sarcasticamente. – É claro que é branco, eu ate poderia mostrar, mas perderia meu vestido. – Nem morta que vou me transformar aqui e fazer esse vestido em pedacinhos.

- E eu também não deixaria, esse vestido é maravilhoso! – Diz a Alice me oferecendo um sorriso. Sorrio de volta e percebo que o lobo branco gigante que estava ao meu lado (Jace) havia sumido, a Bella olha pra Alice com duvida, mas a mesma apenas dá de ombros.

- Podemos... Voltar agora? – Pergunto.

- Claro, que tal uma corrida? – Pergunta o Emmet e a Bella ri.

- Hahah, não tenho velocidade sobrenatural, ta bom? – Digo e vejo o Jace em sua forma humana aparecer apenas com um shorts e tênis.

- Então tchau. – O Emmet responde e corre em meio as árvores, em um segundo não consegui mais vê-lo.

- A gente também já ta indo. – Diz a Bella e ela e os outros Cullens fazem o mesmo que o Emmet.

- Vão sair correndo também? – Pergunto pro Jace e Jacob que me olhavam de longe.

- A gente so tem velocidade na forma de lobo. E eu não deixaria uma garota sozinha e indefesa quase 1 da manhã na floresta. – Jace diz se aproximando. Perai, eu ouvi bem? Indefesa? Ahhhh, você vai se arrepender de ter dito isso garoto.

- Indefesa é teu rabo! – Digo revirando os olhos. Escuto uns galhos se quebrando e olho pra trás vendo o tigre negro vim em minha direção e se transformar no familiar indiano.

- Calminha ai bilauta. – Ele diz se aproximando e Jace se afasta, volto a olhar pro Kishan e ai que a ficha caiu.

- Bilauta? Sério? – Pergunto e ele dá um sorriso.

- Você sabe o que significa não sabe? – Ele pergunta.

- Claro que sei. Por que não saberia? – Pergunto.

- Porque é uma palavra em hindi e não inglês. – Ele diz e eu fico confusa.

- O que diabos é bi... Essa palavra aí? – Pergunta o Jace.

- Não se intromete! – Digo levantando o dedo pra ele e ele se cala. – Isso tem alguma coisa a ver com o... Tigre? – Pergunto voltando a encarar o Kishan.

- Sim... – Ele diz.

- Eu tenho muitas perguntas e da ultima vez que nos encontramos você foi em bora.... – Digo.

- Eu sei, prometo responder todas suas perguntas. – Ele diz e eu abro a boca pra perguntar, mas ele continua. – Hoje não, preciso de tempo pra descobrir.... As respostas primeiro. – Ele diz e percebo que ele estava escondendo algo importante de mim. – Volte pra festa, bilauta. Nos vemos em breve. – Ele diz e toma sua forma felina, me olha e depois sai correndo entre as árvores, seu cheiro some junto com o rastro. Como ele desaparece assim tão rápido quanto aparece?

- Er... Ele é seu namorado? – Pergunta o Jace praticamente cuspindo as palavras.

- O que? Não. Tá doido? – Digo e o vejo relaxar um pouco. Vejo o Jacob segurando o riso de longe. Os dois se juntam e começamos a andar de volta pra festa.

- Nunca vi nenhum de vocês na escola. – Comento.

- Nós estudamos em outro lugar. – Diz o Jacob poupando palavras, penso em perguntar onde, mas me contenho.

Continuamos andando em silencio praticamente o caminho todo. Assim que passei a divisão da floresta com a casa vejo uma Alison praticamente voando na minha direção.

- Tá louca? Onde você estava? E o que aconteceu com seu vestido? Ah, aqui seus saltos. – Ela diz me entregando os sapatos. Apoio a mão no ombro do Jace e coloco os sapatos no pé.

- Tava lá no meio lá, tropecei num galho e obrigada por cuidar dos saltos, foram meio carinhos sabe. – Digo e ela ri.

- O que eles estavam fazendo lá? E o que aconteceu com a roupa dele? – Ela pergunta apontando pros caras ao meu lado. Olho pra eles e já sei o que posso responder.

- Ah, eles foram atrás de mim achando que eu poderia me perder na floresta. – Digo ignorando a outra pergunta.

- Verdade, obrigada por cuidarem dela. – Ela diz pro Jace e Jacob que lhe oferecem um sorriso em retorno. – Agora tchauzinho. – Ela me pega pelo braço e sai puxando pra outro canto.

- O que aconteceu lá? Depois que a víbora chegou voce demorou um tempão. – A Ali pergunta e olha pros garotos com seu grupinho de.... lobisomens. Jace havia colocado uma blusa, até que enfim.

- Nada. – Digo e ela me olha com cara de que não acreditou minha resposta. – Não aconteceu nada. – Digo e olho pra trás do ombro dela encontrando meu olhar com o do Jace que também me olhava. Volto a olhar pra Ali e ela entende não insistindo mais no assunto.

Ficamos mais um bom tempo conversando e andando pela casa, após Alice me fazer trocar de vestido, óbvio. Ali me fez dançar mais umas 4 músicas e quando vejo já são 3 da manhã. Muitas pessoas já tinham ido em bora e a Ali acaba deixando escapar um bocejo. Por mim consigo ficar acordada mais algumas horas numa boa.

- Eu acho que vou pra casa, meus pés estão me matando! – Ela fala. – Vai precisar de carona? – Ela pergunta.

- Não. – Responde uma voz atrás de mim e vejo o Jacob. – Eu levo ela depois, acho que ela não quer ir agora. Ou quer? – Ele me olha com o olhar ameaçador.

- Vou ficar mais um pouco. – Digo pra Ali.

- Tem certeza? – Ela olha pro Jacob com uma sobrancelha erguida.

- Tenho. – Digo e nos despedimos, ela vai em bora em seguida e encaro o Jacob. – O que foi? – Pergunto e ele me olha confuso. – Você disse pra eu ficar, achei que teria algo pra me dizer. – Digo e ele sorri.

- Na verdade foi o Jace que me pediu pra fazer você ficar, então vai se acertar com ele. – Ele diz dando de ombros e some. Reviro os olhos e pela parede de vidro o pude ver do lado de fora encarando a mata, Vou até ele e fico ao seu lado o esperando dizer algo, mas tudo que recebo é um completo silêncio.

- Você queria que eu ficasse mais. – Digo o incentivando a reagir de alguma forma.

- Quem era o indiano lá na floresta? – Ele pergunta se virando e o encaro.

- Kishan. – Respondo e ele ergue a sobrancelha esperando uma resposta mais completa. – Como deve ter percebido ele também é um tigre, e se tiver esperando mais alguma coisa, esqueça, não sei muito dele e quando pergunto ele some. Aliás, isso não é da sua conta. – Termino. – Onde é o banheiro? – Pergunto me desviando do assunto.

- Segundo andar, corredor a direita, terceira porta a esquerda. Quer que eu te leve? – Ele pergunta quando faço uma cara confusa já que não havia prestado o mínimo de atenção na Bella quando ela me mostrou tudo.

- Não precisa, eu encontro, obrigada. – Digo e vou caminhando até a escada, a subo e como ele havia dito entro no corredor da direita e sigo até a terceira porta, entro e encontro o banheiro. Fico um tempo me encarando no espelho e limpo uns borrões da maquiagem, respiro fundo e volto pro primeiro andar, está praticamente vazio esse lugar. Vou até a parte de fora e encontro boa parte dos vampiros e lobisomens na piscina.

- Ei! Clary! Entra, a agua ta boa! – Grita alguém lá de dentro.

- O que? Não, nem pensar! – Grito de volta. A Bella aparece do nada na minha frente e pega na minha mão.

- Vem, vou te emprestar um biquíni. – Ela diz me pegando pelo braço e vejo tudo se transformar num vulto e do nada estávamos em frente uma enorme casa de madeira no meio da floresta.

- Wow. O-o que...? – Pergunto meio tonta.

- Desculpa, da próxima vez aviso. A Nessie ta dormindo então tente não fazer muito barulho, vem! – Ela diz e me puxa pro interior da casa até um quarto e por fim o closet. – Preto, rosa, roxo, estampado colorido ou branco? – Ela pergunta usando sua velocidade sobrenatural e me mostra biquínis da respectivas cores.

- Quem é Nessie? – Pergunto confusa.

- Minha filha, longa história. Qual cor? – Ela diz e reviro os olhos.

- Não vou entrar na água Bella, tenho que ir pra casa antes que meus pais venham me buscar. – Digo.

- Ah... Esqueci de falar, quando você saiu correndo pra floresta peguei o número da sua mãe com a Alison e disse pra ela que você passaria a noite aqui e que ela não precisaria se preocupar. – Ela diz e estende os biquínis na minha direção, pego o preto e ela pega o branco, guarda o resto e em segundos ela vai pro quarto e volta já com o biquíni.

- Posso ver o... Tigre? – Ela pergunta. Entrego o biquíni pra ela.

- Leva pra mim, acho melhor todo mundo já ver de uma vez se não vou perder a paciência em ter que mostrar um por um. – Digo e ela da risada saindo do closet me dando espaço.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...