História The Time Traveler - Imagine Min Yoongi (ShortFic) - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Agust D, Bangtan Boys, Bts, Imagine, Min Yoongi, Parkandy85, Shortfic, Suga, Você
Visualizações 181
Palavras 1.090
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção Científica, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oláaaaaa espero que estejam gostando da fic! ^^

Boa leitura amores.

Capítulo 3 - III - O Novo cavalheiro.


Fanfic / Fanfiction The Time Traveler - Imagine Min Yoongi (ShortFic) - Capítulo 3 - III - O Novo cavalheiro.

The Time Traveler - Imagine Min Yoongi 

III -  O Novo cavalheiro. 

Após o pai de S/n sair do quarto, eu saio do armário e vou até a mesma, que mantinha a expressão triste.

— Hey, isso é sério mesmo? — Digo me referindo ao casamento e tudo mais.

— Sim, o pior é que eu nem sequer conheço esse tal Jungkook. Estou com tanto medo… — Suspirou pesadamente.

— Todos aqui se casam obrigados? — Falo me sentando ao lado dela.

— Bem, praticamente sim. — Ela me olhou. — De onde você vio não?

— Não. — Dou de ombros. — Nós nos casamos com quem a gente ama de verdade.

— Sério? Que sonho… — Suspirou. — Mas o seu rei não o obriga a se casar com a filha dele?

— Olha, o "rei" de lá. E bem gente boa e ele não obrigada a gente à fazer nada.

— Uau, queria viver na sua época. — Ela deu um pequeno sorriso.

— Você iria gostar mesmo. — Sorrio para ela.

— Vem, deixa eu te mostrar o Jardim, lá ninguém entra sem minha permissão.

Ela se levanta e começa a andar, sigo ela e ela anda perfeitamente bem. Ereta e com o nariz empinado. Olho ao redor e vejo vários quadros pintados, tinha um dela. Até numa pintura ela fica bonita.

Nos chegamos em um jardim enorme, tendo várias rosas, flores de todos os tipos, era mesmo bonito.

— Uau, aqui é bem bonito! — Digo sorrindo e S/n sorri também, e sentando no meio das rosas vermelhas.

Olho para ela e a mesma pega uma rosa e leva ao seu rosto. Não pude desviar o olhar, eu tô reparando demais nela, para com isso Yoongi.

— Está tudo bem? — Ela me olhou e sorrio.

— Está sim, bem. Mano, será que se eu impedir que meu tataravô conheça minha tataravó eu não nasça? — Penso comigo mesmo.

— Por quê quê você quer fazer isso? — Falou pasma.

— Hã? Eu estava apenas brincando. — Digo rindo.

— Ah bom. — Ela rio também. — Você é engraçado Min Yoongi.

— Pode me chamar apenas de Min. — Sorrio fraco e ela me olha, inclinando a cabeça para o lado. — O quê foi?

— Você é tão branquinho, e seu sorriso é tão fofo…. Posso te chamar de Suga?

— Claro… Pode. — Digo sentindo minhas bochechas esquentaram.

— Você corado é a coisa mais linda! — Ela foi até mim e apertou minhas bochechas.

Acho que pareço um tomate nesse exato momento. Rio e ela se levanta.

— Melhor eu ir dormir, vem. Você pode ficar no meu quarto escondido. — Ela pegou minha mão e me puxou até o quarto dela.

Olho ao redor, será que vou dormir na mesma cama que ela?

— Você pode dormir no armário, lá tem uma cama escondida, onde eu costumava ficar quando meus pais brigavam!

Okay, me iludi aqui de leves, mas tudo bem.

— Ah, está bem. — Vou até o armário e sorrio para ela.

— Boa noite. — Ela me dá um beijo na bochecha e fecha a porta.

Olho ao redor, vendo apenas pequenas fendas de luz iluminar o lugar pequeno. Caminho até a cama e me deito, pegando o cobertor e me cobrindo.

[…]

Abro os olhos ao sentir pequenas mãos em meu rosto. Elevo meu olhar até ela, a mesma sorri.

— Bom dia, trouxe café. — Ela apontou para uma bandeja. — Você dorme bastante em.

Rio e me sento na cama, me espreguiçando e pegando a bandeja, seguindo ela até o quarto. Me sento na cama dela e começo a comer.

— Você não viu nada, eu durmo por umas dezoito horas. — A mesma arregala os olhos e ri.

— Nossa. — Ela estava usando um vestido vermelho e desta vez estava com os cabelos soltos. Ela estava usando um batom vermelho em seus lábios pequenos. — Eu durmo apenas por uma seis horas, tenho muita coisa para fazer.

— Entendo. — Falo comendo.

Derrepente a porta e aberta e um cavalheiro olha para nós dois. Ele tira uma espada da cintura e aponta para mim.

— Quem é você? E o quê faz no quarto da princesa? — Me levanto, deixando as coisas caírem no chão.

— Jimin, calma. — S/n vai até o tal Jimin e abaixa sua espada com as mãos. — Ele é... Um novo cavalheiro! Né?

Ela olha para mim e faz uma cara de "só concorda" então eu balanço a cabeça positivamente.

— Cavalheiro é? E por quê não está com a armadura e por quê está aqui?

— Por quê ele é novo e estava pedindo informações para mim! — S/n falou e eu apenas concordei de novo.

Jimin me olha e franze o cenho, guardando a espada novamente em sua cintura. Ele anda até mim e pega meus ombros me empurrando para fora do quarto.

— Onde está o Levando? — S/n grita para Jimin.

Jimin me empurra de novo e olha para S/n.

— Vou colocar uma armadura nesse homem, um cavalheiro não pode zanzar por ai sem sua armadura. Com sua licença senhorita. — Ele fecha a porta e me olha. — Anda.

Eu começo a andar ao lado dele e o mesmo andava com a expressão séria. A armadura dele era diferente das outras, acho que ele é o chefe de todos.

— De onde veio? — Ele me olhou.

— Coreia do Sul... — Digo um pouco encolhido. Recebo apenas um "hum" de resposta.

Nós entramos em um quarto cheio de armaduras, espadas e outras coisas. Jimin me olha e depois para as armaduras, ele pega uma cinza e estende a mesma para mim.

— Vista.

Visto a armadura e olho para Jimin, ele me joga uma espada do nada e eu quase caio para trás. O mesmo da risada e vai até mim.

— Acho que você precisa de um pouco de treino. A propósito, sou Park Jimin. Mas para você é chefe Jimin, e você quem é?

— Yoongi… Min Yoongi. — Olho para ele.

O mesmo da um soquinho em meu peito e bate na minha cabeça de leve.

— Então Min Yoongi, não chegue perto da princesa novamente, se não Jungkook manda cortar-lhe a cabeça.

Engulo a seco, olhando para Jimin que deu risada da minha expressão.

— Vocês fazem isso aqui?

— Sim, eu mesmo que corto. — Falou apontando para um machado.

Engulo a seco novamente e ele passa por mim rindo. 

Continua...


Notas Finais


Até a próxima amores.
Elogios e críticas construtivas são bem vindas.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...