1. Spirit Fanfics >
  2. The Trip >
  3. Acertos

História The Trip - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Oi, gente voltei! Esse Capítulo é em homenagem a minha amiga e parceira Amanda!

Gente eu quero postar essa fic no wattpad também, o que vcs acham? Respondam nos comentários<3

Capítulo 6 - Acertos


POV LAUREN

Eu estava tremendo e não vou mentir, estava com medo da resposta. Eu não faço ideia dos sentimentos dela. Ela sempre foi fechada nesse quesito. A um tempo atrás ela namorou mas nada sério realmente. Então por mais da nossa amizade ser maravilhosa eu sempre tive um sentimento a mais por ela. Não é que nem a amizade que eu tenho com a Lexa, minha relação com a Lexa é de irmandade, com a Camz é diferente. Por mais que ela parece que não percebe nós temos química. Ela me olha com seus olhos castanhos e parece realmente surpresa. Ela pega a concha que eu ofereço a ela guarda no bolso. Depois ela sorri para mim, um sorriso verdadeiro, e depois me abraça apertado. Um sentimento de carinho e acolhimento eu senti com seu abraço. Ela era um pouco mais baixa que eu e sua cabeça estava apoiada em meu peito enquanto eu fazia carinho em seus cabelos. Um tempo depois a gente se separa e ela sorri novamente para mim.

- Lolo eu te amo também, você sabe disso. A muito tempo eu também venho sentido isso, mas eu preferi correr, me esconder do que realmente aceitar o que eu estava sentindo. Eu tenho medo do que pode acontecer com a gente, eu não estou acostumada a lidar com o tamanho de sentimento que eu sinto por você. Você é muito importante para mim para eu te perder entende? Mas você não sabe o quão feliz eu estou por ouvir o que você sente por mim e se é assim eu estou disposta a arriscar perder tudo e me jogar de vez nesses sentimentos. Eu só peço a você um pouco de calma e paciência comigo, eu quero ir devagar e não apresar as coisas, quero aproveitar cada segundo de você e desse corpinho maravilho que você tem – fala ela sorrindo e eu sorrio também.

- Posso pelo menos te dá um beijo? – falo sorrindo de lado. Ela acena positivamente e eu me abaixo um pouco e beijo esses lábios maravilhosos e macios dela. No primeiro momento há apenas um encontro de nossos lábios, mas depois ela abre a boca com um pedido para aprofundar então eu aprofundo. Nossas línguas se encontram em uma dança maravilhosa, eu dou uma mordidinha em seus lábios inferiores e ela passa a mão em minhas costas enquanto eu aperto sua cintura. Ela arranha minha nuca deixando o nosso beijo mais quente e já sinto meu pau começar a ficar duro, então eu pressiono meu corpo ao dela e passo minha mão em sua bunda maravilhosa apalpando. Ela sorri no meio do beijo e vai diminuindo o ritmo para tristeza do meu pau.

- Calma baby ainda temos muito tempo para aproveitar – fala me dando um selinho e andando de volta para o resto do povo como se nada tivesse acontecido. Eu agarro ela pelas costas antes dela chegar lá e ela solta um gritinho rouco rindo e eu a aperto e mordo seu ombro e ela grita rindo e consegue se soltar de mim e começa a correr em direção ao povo.

- Ah Camz você me paga – falo antes de começar a correr atrás dela. Eu adoro aquela menina.

 

[...]

 

POV CLARKE

Estamos todos acomodados dentro do ônibus, após nossa parada para apreciar o pôr-do-sol, a Dinah dirigia enquanto mantinha uma conversa animada com Shawn e Bellamy, Normani, Lexa, Raven, Octávia e Lauren também estavam em uma conversa só delas e eu estava sentada do lado da porta do banheiro esperando a Camz sair porque ela tinha dito que queria me falar algo SUPER importante. Ela sai do banheiro muito sorridente pro meu gosto. Com certeza ela deu essa safada. Mas pra quem? Será que...não é possível.

- Ai amiga promete que não vai falar nada até eu terminar de contar? – pergunta dela e eu aceno positivamente – Ok. É o seguinte, eu estou apaixonada pela Lauren – ela fala assim na lata – eu sempre fui louco por essa desmiolada mais nunca quis admitir a ninguém. Hoje lá na praia ela me chamou para falar que está apaixonada por mim. No início eu fiquei surpresa, já que eu sempre ignorei os sentimentos que eu tinha por ela, mas foi muito bom saber que ela também sente por mim. Aí eu falei para ela que eu também sentia mas que era para ir com calma porque eu não queria perder ela. Ai amiga é isso! – fala ela suspirando. Eu me levanto e vou até ela e a abraço apertado.

- Estou tão feliz por você pequena, me deixa tão feliz te ver feliz e mais leve você sabe né? – falo beijando sua testa e ela acena positivamente e eu enxugo suas lágrimas – não fica assim minha pequena cubana, sabe eu também sinto algo muito forte pela Alexandria, ela é tudo para mim mas não acho que esteja apaixonada, por mais que pareça errado mais eu também sinto algo pelo Bellamy mesmo que seja apenas tesão mas eu sinto. Eu também sinto medo pequena, mas acho que prefiro não me arriscar como vocês.

- Ai Klar, eu acho que você tem que falar para ela. Tá na cara que a Lexa também sente algo por você, sei lá só não deixa ela na mão né? Você masturbou ela na frente de todos e agora vai agir como uma cafajeste como se nada tivesse acontecido? Pelo menos dá uma chance para ela e tenta algo. Mesmo que seja apenas ficar sabe? – fala Camz olhando em meus olhos.

- Ok eu vou conversar com ela, mas se ela não sentir nada e estragar nossa amizade eu vou matar você ouviu sua latina dos infernos – falo a abraçando mais apertado.

- Tudo bem, agora vai lá e se joga naquela...

- Ei, ei já entendi, já estou indo – falo enquanto saio de perto dela. Ela me segue e vamos conversar com o povo até todos se separarem para irem descansar.

- Ei princesa quer ir sentar comigo? – fala Bellamy enquanto passa por mim.

- Ei traidor, vem pra cá – fala Shawn chamando ele.

- Eu acho que sua putinha não deixa – falo e todos do ônibus riem. Ela acena sorrindo e quando chega em seu acento bate em Shawn e eu solto uma risada. Lexa se ajeita em meu lado e sorri de lado para mim – ei Lex, quero te falar um negócio importante.

- Ok, ok devo me preparar fisicamente? – fala ela sorrindo e eu rio, acenando que não – Ok, então diga.

- Sabe eu sei que você provavelmente sabe que eu sinto um carinho muito grande por você né? Muito grande mesmo, eu quero muito ter algo mais com você, eu queria ficar com você, claro se você quiser, mas eu ainda não quero aprofundar ainda esse algo, porque eu sinto também um carinho muito grande pelo Bellamy, não tão grande como por você mas eu não quero acabar lhe magoando, então eu quero saber se você também aceita complicar um pouco mais sua vida e ficar comigo? – falo talvez um pouco rápido demais mas ela me olha como se apreciasse cada palavra, depois ela sorri.

- Eu também sinto algo muito forte por você Clarke e se quer saber, eu adoraria complicar um pouco minha vida – fala sorrindo. Eu me levanto um pouco e beijo seus lábios e ela passa sua mão entre meus cabelos e aprofundo o beijo, eu passo também a mão em seu cabelo e ela desce a mão em minha cintura, enquanto nossa línguas trabalham em sincronia perfeita em nosso beijo, eu mordo seus lábios inferiores e ela desce sua mão até minha bunda e aperta despertando meu tesão, ela aperta mais forte minha bunda enquanto eu aperto o cabelo da sua nuca e ela deixa o beijo mais quente e termina DO NADA e me olha sorrindo.

- Não acredito que você fez isso – falo e ela sorri cínica.

- Fiz o que? – ela sorri para mim e eu sorrio maliciosa. Pego em seu pau que já estava mais que duro e ela me olha espantada, depois ela sorri de lado. Eu massageio seu pau por cima da calça e ela olha para todos os cantos para ver se tem alguém olhando e depois olha para mim com um olha luxurioso, se inclina e começa a distribuir beijos e mordidas pelo meu pescoço. Eu aperto mais forte em seu pau e ela solta um gemido baixo. Sem demorar muito enfio minha mão por dentro de sua calça.

E uau, a cada dia eu me surpreendo. Estava duro e quente como sempre ela sorri em meu pescoço e desce sua mão me indicando a continuar. Eu coloco seu pau para fora e finalmente eu o vejo. É rosado, grande e grosso e é mais bonito que eu pensei. Eu sorrio para ela e a masturbo lentamente. Faço movimentos de sobe e desce e circulo a cabeça do pau dela com o polegar e toda vez que faço isso ela me aperta mais forte. Me afasto um pouco dela e ela me olha interrogativamente e eu desço e coloco seu pau dentro da minha boca o máximo que eu consigo. Ela se surpreende mas logo passa sua mão em meus cabelos me estimulando. Eu chupo seu pau com gosto, relaxando as pregas vocais para entrar todo( ou a maioria ). Passo a língua na cabecinha e massageio suas bolas.

- Oh Clarke, isso continua – ela disse enquanto incentivava eu continuar. Eu chupei apenas sua glande rosada e ela gemeu baixinho.

- Ei cuidado para não despertar o povo baby, você não quer que ninguém veja eu chupando você assim né? – perguntei com uma voz rouca enquanto dava um beijo em sua glande e lambia seu buraco, por onde saia seu pré-gozo.

- Oh foda-se Clarke, ah eu vou gozar, continua sua gostosa – ela fechou os olhos com força enquanto eu continuava. Sinto suas bolas pulsarem e seu aperto em meu cabelo aumentar e percebo o esforço imenso que ela está fazendo para não gemer.

Chupo sua glande com força e sinto seus jatos quentes saírem, continuo a masturba-la para prolongar seu prazer enquanto chupo-a ainda. Termino comum selinho em seu pau e ela me puxa para um beijo quente.

- Ótima maneira de começar a nossa “ficada” não é? – fala distribuindo beijinhos fofos em meu rosto.

- Você ainda está me devendo dois orgasmos entendeu? – falei e ela sorri concordando.

- Não darei apenas um, mas vários e você vai gostar tanto que ficará pedindo mais, querendo minha língua nessa sua buceta que está louca para gozar né? – fala enquanto aperta junto a ela – eu farei tudo por você Clarke – fala ela baixo e eu me aperto a ela. Ficamos assim abraçadas por um tempo até eu pegar no sono com seus carinhos.

 

[...]

 

Do nada eu acordo com gritos altos e percebo todos no ônibus s levantando. Será que nós já chegamos?

- Oh casal, levanta aí, porque Octávia foi ali comprar uma surpresa para Raven – fala Dinah jogando-se em cima da gente.

- Gente bora ver! – grita Lauren lá da frente, então levantamos correndo para saber o que está acontecendo.

- ...nem mil estrelas conseguem ter o poder que você tem sobre mim. Eu me tornei refém dos seus beijos, refém dos seus abraços, refém de você Raven. A mais bela poesia é o seu bom dia, a mais bela música é a sua voz, a mais bela obra já feita é a sua beleza Raven. Por isso hoje na frente de todos os nossos amigos eu lhe peço, quer namorar Rav? – fala Octavia ajoelhada emocionando a todos nós.

- Awnt que lindas! – fala Camz emocionada.

- Claro meu amor, é claro que eu aceito – fala Raven enquanto se joga no colo de O.

- Um dia seremos nós – escuto Lauren falar para a Camila enquanto ela a abraça. Todos nós gritamos e parabenizamos o nosso novo casal. Viva Octaven!

 

[...]

 

POV LAUREN

Nós estávamos em um outro hotel, em uma nova cidade. Estávamos perto de Las Vegas então tudo era diferente. Marcamos de nos arrumar e irmos para uma festa pós rave que teria aqui perto, em uma balada. Estava me arrumando com a Lexa, eu estava de coturnos pretos, uma calça também preta, uma camisa da Calvin Klein e uma jaqueta de couro. E Lexa estava com seu velho moletom da Gucci, uma calça rasgada também cinza e um vans preto.

Assim que terminamos, batemos em um Hi-Five pelo nosso estilo dark. Descemos e vemos todo mundo arrumado seguindo o mesmo estilo dark, Camila, Clarke e Normani usavam seus moletons, shorts e seus velhos all-stars. Enquanto Dinah e Octávia apostavam eu suas camisas xadrez. Bellamy e Shawn optaram por regatas. Seguimos em direção a festa e quando chegamos lá estava bem animado. Logo vamos em direção ao bar e pedimos todos nossas bebidas. As meninas vão dançar e nós ficamos aqui conversando.

- Pois é a Echo está realmente chateada comigo por eu não dar informações a ela sabe? Mas cara eu quero tempo sabe? – Bellamy fala e nós concordamos.

- Gente, o que eu vou falar aqui é segredo tá bom? – falo e todos concordam – eu estou apaixonada pela Camila e hoje eu me declarei para ela – falei e todos ficaram em silencio me olhando.

- Ai meu Deus folha de A4, você apaixonada pela Mila, quem diria? – fala Dinah rindo.

- Meu Camren tá vivo – grita O.

- E aí, o que ela disse? – fala Lexa me abraçando de lado.

- Ela disse que também está apaixonada mas acha melhor irmos com calma porque ela não quer me perder – falo empolgada – Cara eu estou tão feliz! – falo alegre e todos comemoram. Ou quase todos. As meninas voltam e nós pedimos uma rodada de tequila para brindarmos ao namoro de Octávia e Raven. Começo a perceber a quantidade de álcool que Shawn está ingerindo mas não me importo.

Estamos em uma conversa entretida, quando eu vejo uma cena que acabou com minha noite. Sinto minhas pernas perderem a força e meu olhar ficar embaçado. Lexa vê meu estado e olha na mesma direção que eu.

- Ah merda, Laur calma... – fala ela mas já é tarde.

- QUE PORRA É ESSA? – falo para Shawn e Camila.

- Laur não é isso que você está pensando... – fala ela mais eu a interrompo.

- Caramba eu pensei que você sentia algo por mim Camila, a gente se declarou e você Shawn, eu estava contando a você e a todos o quão feliz eu estava.

- Lauren...

- Não Camila me deixa, deixa eu sofre sozinha, desculpa se eu atrapalhei sua vida – falo e corro para fora daquele ambiente que se tornou sufocante para mim. Escuto todos gritarem meu nome mas não me importo. Nada me importa. Como tudo poderia ir de paraíso ao inferno tão rápido como? Por que...

- Caralho Lauren você corre muito – fala Lexa se aproximando e eu desabo em choro e me jogo em seus braços – calma pequena não chora, deixa eu falar – fala ela fazendo carinho em meus cabelos – ei, não chora se não eu choro – fala ela com uma voz embargada.

- T-tudo acabou antes d-de começar, eu a perdi antes de tê-la – falo e choro mais ainda ao perceber o tamanho de minha dor.

- Não Lolo, você realmente entendeu errado, a Camila não teve culpa nenhuma. Eu quase espancava o Shawn mas a Camz não teve culpa. Ele que puxou ela e a beijou a força, ele estava alcoolizado, ela tenteou bater nele e a Clarke já estava indo espanca-lo quer dizer, eu acho que ela o espancou, enfim vai lá e conversa com ela, ela não teve culpa baby – fala alisando minha bochecha – agora volta lá e se resolvam – ela me lança um sorriso agradável e me puxa de volta para festa. Infelizmente eu a paro antes de chegarmos.

- Como você sabe? Por que o Shawn faria isso? – falei aflita e indecisa.

- Ah eu acho que ele gosta da Camz e não lidou com isso muito bem. Depois a gente resolve esse assunto, agora volta lá porque sua namorada está chorando que nem um recém nascido – fala ela e continua a me puxar. Eu não sei o que sentir mas sou deixada ser levada até minha Camz.

Vejo-a sendo acolhida pelas meninas e nossos olhos se encontram e vejo tristeza e medo em seus olhos. Ela se levanta rapidamente e corre até mim se jogando em cima de mim. Ela me aperta a seu corpo pequeno e...foda-se eu amo essa mulher, eu a aperto a meu corpo, suas pernas rondeiam a minha cintura e sinto ela molhar minha jaqueta.

- Lo me desculpa, eu não tenho nada a ver com o Shawn ele que... – não a deixo terminar e a beijo. Nossos lábios se encontram como se fosse o preto no branco, mas de uma forma mais nós: era o castanho no verde, naquele momento era só a Camz e a Lolo.

 


Notas Finais


Gente depois eu coloco uma mídia bem legal para vcs<3

NÃO ESQUEÇAM DE COMENTAR E ME DIZEREM O QUE QUEREM QUE ACONTEÇA!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...