História The true death - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Voltron: O Defensor Lendário
Personagens Keith, Lance
Tags Gore, Keith, Klance, Lance, Sobrenatural
Visualizações 55
Palavras 237
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Slash, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Meus amores, depois de muito tempo voltei! E finalmente fiz uma fic sobrenatural e sobre Voltron!

Essa fic é bastante mórbida e retrata assuntos como:
- assassinato
- sobrenatural
- alguns detalhes sobre a putrefação

Caso tenha algum gatilho sobre esse tópicos, não leia!

Essa história foi escrita ao som das músicas: Happy Pills - Weathers (não tem nada haver a letra mas a melodia me inspirou) e Middle Finger - Bohnes (essa tem até haver com a história, usei como título do capítulo)

Enfim, boa leitura!

Capítulo 1 - Soul has been ignited and I ain't got time for dying


Lance não podia ter seu descanso, não enquanto seu assassino estivesse a solta; de tão forte que desejou caçar o responsável por sua morte, no qual mesmo com a sua carne se deteriorando, o procurou.

O defunto tinha pouco tempo, já que as larvas não paravam de roer o que o mantinha na terra. A cada tique do relógio mais perto chegava a sua segunda morte, a verdadeira.

Seu espírito permanecia vivo naquele amontoado de carne podre.

E quando seu rosto mal podia ser reconhecido, ele o encontrou. Lá estava Keith, com a sua cara apática ao mundo, sentado na beira de um píer. Sorrateiramente aproximou-se do Mullet, lembrando-se de como era acariciar os fios do seu ex-namorado, mas mesmo assim prosseguiu, não conseguia perdoá-lo.

Mais dois passos, viu os olhos violetas, tão escuros que pareciam ser negros, focando-se em si e da forma mais grotesca sorriu - ou tentara já que a carne  em decomposição o dificultava - e Keith apenas virou-se para o mar.

“Você demorou, mas como imaginei que vinha, vim para o seu lugar favorito. Pensei que seria uma ótima última vista para nós dois...”

Lance não sentiu seu coração amolecer com tal declaração, já que há muito tempo parou de bater. Sentou-se ao lado de Keith e ficaram longos segundos se encarando, como se pudessem ouvir tudo um do outro, sentiram ambas as raivas e arrependimentos um do outro.

Keith suspirou e disse: “Faça”.

E então, tudo escureceu.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...