História High School Heroes (Arrow,Flash,Legends,Supergirl e Gotham) - Capítulo 5


Escrita por:

Visualizações 232
Palavras 1.345
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heey, estou de volta!!
Espero que vocês gostem desse capítulo que será o primeiro de muitos capítulos Supercorps, ashsuahsuah (rindo de tristeza pq meu casal não é canon na série)

Enfim, boa leitura e até as notas finais!!

Capítulo 5 - Lena Luthor: Amigas?


Fanfic / Fanfiction High School Heroes (Arrow,Flash,Legends,Supergirl e Gotham) - Capítulo 5 - Lena Luthor: Amigas?

POV Lena Luthor 

A primeira semana de aula havia sido melhor do que eu esperava, por algum motivo eu tive a sorte de ficar no mesmo quarto que Kara Danvers e a loirinha continuava esbanjando simpatia e dando sorrisos cativantes, ela era especial, diferente das outras pessoas que eu convivi durante a minha vida. 

- Lena? - A voz doce de Kara me tira dos meus devaneios, eu estava deitada na parte de baixo do beliche fingindo que lia alguma coisa enquanto na verdade pensava no rumo que a minha vida estava tomando. 
- Oi Kara! - Eu respondo e não consigo evitar devolver o sorriso da loira, ela fazia isso comigo, era impossível não sorrir para ela. 
- Eu e Alex vamos comer algo gorduroso em alguma lanchonete boa de Gotham, quer vir conosco? Eu acho que ela vai convidar a Samantha também! - Kara fala rápido e animada. 
- Não sei não, não acho que seja uma boa ideia! - Eu respondo desanimada e volto a olhar pro livro. - Nem todos são que nem você, na verdade ninguém é que nem você, as pessoas são rancorosas Kara e todos me odeiam! 
- Isso não é verdade, Alex não é nenhuma idiota, e você é minha amiga... ela vai gostar de você! - Kara diz se sentando ao pé da minha cama e pondo uma mão em minha coxa. 

Eu arregalo os olhos e inconscientemente derrubo o livro em meu colo e ele escorrega para o chão. Eu encaro a loira que me olhava preocupada... Amiga?... Eu não conseguia me lembrar da última vez que alguém me chamou assim, na verdade eu não me lembrava de alguma vez alguém ter me chamado desse jeito. 

- Lena? Está tudo bem? - Kara pergunta e eu balanço a cabeça, me perdendo no oceano dos seus olhos. 
- Eu estou bem! - Eu respondo ainda meio aérea. - É só que, os Luthor não tem amigos, nós temos... Minions! 
- Bom, eu sou sua amiga se você quiser ser minha amiga também... - Ela fala com uma risada, uma risada verdadeira, eu não estava acostumada em ver outras pessoas felizes... era lindo. 
- Comer fora parece bom!

QUEBRA DE TEMPO 

O fim de tarde era agradável e um pouco frio, eu e Kara estávamos indo a pé para uma lanchonete perto da escola onde, de acordo com Kara, Alex e a tal Samantha estavam esperando por nós. 

- Alex é sua irmã? - Eu pergunto surpresa, uma semana dormindo no mesmo quarto que Kara Danvers e eu ainda achava que ela era filha única. 
- Adotiva! - Ela responde e eu arregalo os olhos pela novidade, como esse mundo era pequeno. - Os Danvers me adotaram quando eu tinha 13 anos, logo após meus pais morrerem... Alex e eu não nos dávamos tão bem no começo, mas somos muito apegadas, as vezes nem parece que não temos o mesmo sangue. 
- Bom, quando eu fui adotada pelos Luthor Lex parecia ser o único e tinha captado a parte de que eles concordaram ser a minha família! - Eu digo, não podia evitar sentir inveja da forma como ela falava de Alex, afinal, o meu irmão adotivo havia surtado e matado muitas pessoas. 
- Você é adotada também? - Kara pergunta mas logo depois aperta os olhos. - Desculpa, você acabou de falar que é e Lex é obviamente um assunto delicado!  
- Qual é o seu nome de nascimento? - Eu pergunto mudando de assunto, conversar com Kara era bom e eu não queria estragar. Ela me olha com uma careta e mostra a língua... vai, seu nome não podia ser tão ruim. - Eu te falo o meu nome completo se você me disser o seu. 
- Kara Zorel! - Ela fala e eu me seguro para não rir, Zorel era um sobrenome no mínimo engraçado. 
- O meu é pior! - Eu digo e ela arqueia a sobrancelha como se me dissesse "Duvido!" - meu primeiro nome é Lutessa! 

Kara subitamente para de andar e começa a gargalhar, qualquer pessoa normal ficaria puto da cara por alguém rir de seu nome, mas era impossível ficar brava com Kara, principalmente quando ela estava rindo, aquela loirinha era simplesmente adorável e cada coisa que ela fazia me causava um arrepio bom e uma estranha vontade de sorrir. 

- D-desculpa... é só que... Lutessa? Sério? - Kara pergunta tentando recuperar o fôlego. 
- Muito engraçado Srta. Zorel! - Eu digo irônica e ela volta a gargalhar, acabamos rindo juntas até chegarmos a uma lanchonete. 

Eu paro de rir assim que vejo uma garota ruiva, de cabelos curtos e olhos castanhos me encarar com a sobrancelha arqueada, mas não da forma fofa e brincalhona que Kara fazia, mas de uma forma... Zangada? Deus por favor, que aquela não seja Alex.

- Alex! - Oh não, por que Deus? Kara corre em direção a garota que ainda me encarava e a abraça apertado. 
- Oi sis! - A garota corresponde ao abraço de Kara e eu fico cabisbaixa com a cena, aquilo me fazia pensar em Lex. 
- Samantha! - Kara abraça uma menina morena, que eu arriscava ser latina, e eu não consegui evitar o sorriso bobo ao ver como Kara era carinhosa com todo mundo. 
- Hey Kara! - A tal Samantha responde rindo, provavelmente pelo jeito carinhoso da loirinha. 
- Gente, essa é a minha amiga que eu falei pra vocês! - Kara fala pegando meu pulso e me puxando para mais perto. - Lena essas são Alex e Samantha, Alex e Samantha essa é Lena.
- Prazer em conhece-las! - Eu falo educada sorrindo para as duas garotas. 

Samantha era mais ou menos da mesma altura de Kara e me respondeu com um sorriso largo e Alex era incrivelmente mais alta e não se esforçou em nada para esconder seu desprazer em me conhecer, recebendo uma cotovelada nas costelas da irmã que a repreendeu com o olhar. 

- Muito prazer Srta. Luthor! - Alex fala estendendo a mão para mim e dando um aperto forte. 

E com a sua frase o ar ficou pesado. Samantha ficou alternando o olhar de Alex para Kara e de Kara para mim enquanto Kara fitava o chão e ficava passando o peso de um pé para o outro, Alex me olhava como se fosse lançar raios pelos olhos e eu me limitava a encarar nossas mãos que ainda estavam juntas. 

- É... Sam? Vocês já fizeram os seus pedidos? - Kara quebrou o silêncio olhando para a morena que apenas acenou com a cabeça. - Ótimo, eu e Lena vamos fazer nossos pedidos. 

Kara novamente agarrou o meu pulso e me puxou, dessa vez para me afastar das duas, e me levou em direção ao balcão. 

- Sinto muito pela Alex, ela fica assim sempre que eu apresento alguém pra ela. - Ela fala ainda olhando para o chão. - Ela só está bancando a irmã mais velha, não é nada pessoal, ela vai gostar de você! 
- Pareceu bem pessoal pra mim... - Eu disse mas fui interrompida por Kara. 
- Ei, de um voto de confiança para mim... Se eu estou dizendo que Alex não é uma idiota como todos os outros é porque Alex não é uma idiota como todos os outros! - Ela pede segurando meu outro pulso e finalmente olhando para mim. 

Eu não seria capaz de negar nada para aqueles lindos olhinhos azuis, eles eram tão sinceros e meigos, Kara não tinha más intenções, acho que ela não era capaz de ter más intenções. 

- Eu confio em você! - Eu digo e ela abre um enorme sorriso, sorriso esse que faz meu coração acelerar e errar uma batida. 
- Então... Eu acho que você está precisando de açúcar na sua vida, você gosta de donuts né? - Kara pergunta como se isso fosse uma coisa extremamente importante, tipo aquelas pessoas doidas por astrologia quando perguntam o seu signo. 
- Bom... Eu sou humana! - Eu falo de forma teatral e ela ri. 


Notas Finais


Então? Me digam o que vocês acharam, eu realmente quero muito saber a opinião de vocês!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...