História The True Meaning Of Love - Imagine Jungkook - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, TWICE
Personagens Dahyun, Jackson, Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Mina, Nayeon, Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Sana
Tags Bangtan Boys, Bts, Got7, Jackson, Jhope, Jimin, Jin, Jungkook, Namjoon, Suga, Taehyung
Visualizações 95
Palavras 2.176
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OOOIIIEEE!!!

Tem um grande bultaoreune nesse cap ksksk

Boa leitura chuchus 💜

Capítulo 7 - Pregnancy


Fanfic / Fanfiction The True Meaning Of Love - Imagine Jungkook - Capítulo 7 - Pregnancy

Essa foi uma das melhores fotos do Jungkook que eu vi. Ele tá muito lindo Loiro. Mas ele é um pouco indeciso né? Junho/rosa, Julho/laranja e Agosto/loiro. Antes nem pintava o cabelo assim, agora todo mês muda de cor ksksk

Mas você está maravilindo amor da minha vida 💜 Até careca você deve ser lindo ksksk








               POVS Jackson







                * Flashback *





Jackson - Será torturante ficar longe de você Yoora, se dependesse de mim a gente fugiria para um lugar bem distante e longe de todos, só para viver ao seu lado.


Yoora - Se dependesse de mim também, mas temos obrigações. Não posso me afastar da minha família, nem você da sua.


Jackson - Nem se for para viver uma vida cheia de amor comigo? Viveríamos isolados de tudo e de todos, só nós dois. Sem obrigações por causa do nosso sobrenome, sem notícias nossas nos jornais, sem pessoas querendo mandar na nossa vida e no nossa relacionamento, sem nada disso, seria a nossa vida perfeita.


Yoora - Ai é que está Jack, nada é perfeito. E infelizmente não poderemos fazer essa maluquice que um dia pensamos em fazer.


Jackson - Seria uma pena, meu sonho é acordar e ver seu lindo rosto no meu lado da cama, talvez um dia ainda possamos nos casar e viver feliz.


Yoora - É o que eu mais quero, ser feliz com você. Mas isso não vai acontecer agora.


Jackson - Eu sei, o que dói é isso. Tenho medo de você me esquecer, deixar de me amar.


Yoora - Nunca vou te esquecer meu amor, vai estar sempre em meu coração, da forma que for, sempre vou te amar - deu um selar delicado e um pouco demorado nela - Eu te amo - a mesma sussurrou em meu ouvido arrepiando minha pele.


Jackson - Também te amo, sempre vou  te amar. Não importa se vou estar na China, á 2.000 km de distância de você. Um dia eu quero colocar um anel no seu lindo dedo, e você terá meu sobrenome.


Yoora - Yoora Wang, nada mal - ela sorri rindo, como eu amo esse sorriso - E saiba que eu vou dizer sim, mil vezes sim - ela começa a beijar todo meu rosto.


Jackson - Como eu vou conseguir ficar longe de você? Será impossível!


Yoora - A gente aguenta, e saiba que eu vou estar sempre com você. Eu vi uma pequena foto minha na sua carteira - ela ri eu a acompanho.


Jackson - É meu anjinho da guarda.


Yoora - O que eu fico triste é em ter que terminar nosso namoro, poderíamos muito bem namorar a distância. Mas por algum motivo meu pai quer que terminamos, diz que não é saudável namorar à distância.


Jackson - Ele tem uma certa razão. Ficaria angustiado sabendo que você estaria em várias festas e os homens iriam olhar seu corpo, iria surtar. Mas sabendo que estaríamos livres para fazer qualquer coisa, me sinto mais... leve, eu acho, me sinto menos pior. Mas eu quero que saiba de uma coisa.


Yoora - O quê?


Jackson - Vou voltar para você - assim que disse isso ela me beija e suas mãos vão para minha nuca e ela entrelaça seus dedos em meu cabelo. Como eu amo seus beijos, beijos que fazem meu corpo se arrepiar. Nossa primeira vez à alguns meses atrás foi tão perfeito. 


Espero que nada nos atrapalha e que depois de um tempo eu volte e me case com ela, não sei se seria bom para as empresas de nossos pais, já que a do meu pai é uma empresa automobilística e a do pai de Yoora é de engenharia civil. Mas não me importo com isso, só quero ser feliz ao lado de Yoora.


Yoora - Vou estar esperando - disse com aqueles lindos lábios e logo depois um sorriso maravilhoso apareceu. Meu vou foi chamado e me despedi de minha namorada, digo, ex namorada. Nossas mãos se separaram e fui encontrar meus pais na área de embarque.







                         * // *







Como eu deixei ela escapar de meus braços? Ela agora está noiva de outro! DROGA! Eu a perdi! Perdi o amor da minha vida... minha luz de cada dia, meu amor.


E ainda o destino teve a audácia de fazer eu me esbarrar com Jeon Jungkook, noivo de minha amada, ou melhor, o destruidor da minha vida. Mas o que mais me surpreendeu foi Yoora, ela disse que me esperaria, para nós dois nos casarmos e viver felizes para sempre. O que será que houve para ela deixar de me amar e amar a outro? Eu a conheço, essa não é minha Yoora. E vou lutar por ela, ah se vou, vou pegar meu amor de volta.


Cheguei em sua casa, após lhe comprar um buquê de flores, e toco o interfone. A governanta atendeu e logo me reconheceu. Abriu a fechadura do portão pelo botão que lá dentro se encontra e logo entrei dentro da casa enorme onde Yoora mora.


A governanta senhora Min, já uma senhora de idade, me recebeu e logo me informou onde Yoora estava. Passei pelos corredores e cheguei na área da piscina. Avistei a garota que roubou meu coração à uma certa distância de mim. O vento fraco batia em seus cabelos castanhos longo fazendo o mesmo balançar enquanto seus olhos lindos se concentravam em papéis sobre a mesa. Me aproximei e ela logo notou minha presença, fazendo seus olhos arregalarem, quase pular de seu rosto.


Yoora - Jackson?! O que faz aqui?! - disse se levantando.


Jackson - Vim lhe entregar essas flores, Lírio, suas preferidas - ela as pegou e sorriu para elas, mas logo um semblante sério apareceu.


Yoora - Veio da China só para me dar flores? - disse colocando as flores sobre a mesa.


Jackson - Sabe que não, eu vim porque soube que você estava noiva.


Yoora - Já soube?


Jackson - Todo mundo já sabe, era só questão de tempo chegar em meus ouvidos. Eu também vi em um jornal no aeroporto sobre o seu noivado com Jeon Jungkook. Aliás eu o vi hoje, você me trocou por ele?


Yoora - Não te devo satisfação da minha vida mais, a gente terminou lembra?


Jackson - A gente combinou de se casar no futuro, viver juntos e felizes que nem falamos à dois anos atrás. Por que está se casando com outro? Por que está destruindo nosso futuro?


Yoora - Como você tem coragem de me perguntar isso?! Eu soube da Amber!


Jackson - O que?


Yoora - Combinamos de viver nossa vida livremente e logo depois nos reencontrar e nos casarmos, mas você foi longe demais no quesito liberdade.


Jackson - Não estou entendendo.


Yoora - Me poupe Jackson! Você foi o primeiro a rouper nosso futuro, não eu! - vi lágrimas se formando em seus olhos, eu realmente não estou compreendendo - Você a engravidou, você vai, ia ser pai!


Jackson - O QUE?! Não! Eu nunca engravidei ela! Eu já fiquei com ela, mas a engravidar é demais!


Yoora - Então quem era o pai? Ela afirmou que estava grávida de você, mas logo depois perdeu o bebê.


Jackson - Por que você acha que isso é verdade?


Yoora - Ela me disse pessoalmente. Tudo que passou com você na China, tudo! Eu não me importei, por que tinhamos combinado que ficaríamos com outras pessoas. Mas ao ponto de engravidar? Isso eu não admito.


Jackson - Como pode saber que esse filho era meu mesmo? Você conhece a fama dela.


Yoora - Ela tinha feito o exame antes de perder o bebê, e me mostrou. Você era o pai. Não sabe em como isso doeu em mim - disse já chorando com o rosto vermelho. Como ela não me disse isso? Como não disse que eu iria ser pai? Dá vontade de matar a Amber!


Passei as mãos no cabelo irritado por saber dessa forma que eu seria pai. Meus olhos caem sobre a mesa e de longe posso ver do que se tratava os papéis que ela estava tão concentrada. Eram papéis do cartório.


Jackson - Você o ama?


Yoora - Por que quer saber? - ela já tinha se acalmado de seu choro e limpava suas lágrimas.


Jackson - Só quero que me responda.


Yoora - Não, eu não o amo. Mas vou aprender a amar.


Jackson - Você ainda me ama?


Yoora - Eu sempre vou te amar, mas agora é diferente.


Jackson - Como assim?


Yoora - É um amor diferente, eu já não te amo como antes, sinto muito. Aquela notícia foi o fim de tudo. Mas saiba que independente de tudo, vou sempre considerar você.


Jackson - Yoora, não faça isso - acariciei seu rosto, mas ela logo tirou minha mão.


Yoora - Desculpa, mas agora eu preciso seguir minha vida. Tenho que ir escolher minha aliança com meu noivo - ela se afastou e pegou os papéis junto com as flores - Independente de tudo, foi bom lhe ver. Espero que consiga seguir sua vida de modo feliz. E obrigada pelas flores, são lindas. Eu tenho ir, já estou atrasada. Tchau - acenou e saiu entrando dentro de sua casa.


Essa história está muito estranha. Gravidez? Amber grávida? Pelo que me lembro usamos preservativo na época. Eu tenho que investigar isso direito. Não posso deixar Yoora escorregar pelas minhas mãos assim tão fácil.









                 POVS Jungkook









Tae - Você vai ser o noivo mais gato do mundo, eu tenho bom gosto para roupa.


Jungkook - Nem é convencido - rimos saindo da loja de ternos onde alugamos um para meu casamento.


Tae - Deveria seguir mais minhas dicas, você vive de moletom, a maioria preto.


Jungkook - É meu estilo Hyung, igual você que gosta de se vestir todo de Gucci, daqui a pouco vira sócio da marca - ele gargalhou e eu ri.


Tae - Bem que eu queria Kook. Aliás, Yoora não deveria estar aqui?


Jungkook - Sim, iríamos escolher as alianças.


Tae - Você está levando mesmo a sério isso né? Digo, você parece gostar dessa garota.


Jungkook - Eu gosto, ela é uma pessoa legal.


Tae - Sei... só isso? Do jeito que você falou do Jackson pude ver algo a mais ai.


Jungkook - Eu posso confiar em você, então vou te contar uma coisa.


Tae - Manda.


Jungkook - Eu senti algo estranho quando vi que ele ia dar flores à ela, talvez tentar reconquistar ela.


Tae - Sei o nome disso. Ciúmes.


Jungkook - Não estou com ciúmes.


Tae - Se diz que não está é porque está.


Jungkook - Você às vezes irrita - ele ri.


Tae - Só digo a verdade.


Yoora - JUNGKOOK! - escutei a voz de Yoora e me virei vendo ela correndo em minha direção.


Jungkook - O que aconteceu? Por que se atrasou?


Yoora - Eu... preciso falar... com você, urgente! - disse ofegante, posso até imaginar do que se trata.


Tae - Acho que já vou indo, odeio ficar de vela. Foi bom ver você de novo Yoora. Tchau para vocês.


Yoora/Jungkook - Tchau - dissemos jungos.


Jungkook - O que aconteceu? Por que está ofegante?


Yoora - Eu... vi o... Jackson.


Jungkook - Eu encontrei com ele aqui no shopping mais cedo.


Yoora - Ele... foi lá em casa e... ficou falando umas coisas. O por quê de eu me casar, o por quê de eu não querer nada mais com ele, se eu ainda o amo, se eu te amo. Olha foi uma loucura.


Jungkook - E ainda o ama? - não sei por quê eu perguntei isso, só saiu de minha boca.


Yoora - Não! Quer dizer, mais ou menos. É mais um amor de amizade sabe, ele é importante para mim, mas amar ele da forma que amei, isso eu não amo - eu soltei minha respiração quando ele terminou a frase. Perai, eu tinha prendido ela?


Jungkook - E ele fez algo?


Yoora - Me deu flores e... e... isso é tão difícil - se sentou em um banco que tinha no corredor e me sentei do seu lado.


Jungkook - Quer me falar o que houve?


Yoora - O motivo de eu deixar de ama-lo foi a tristeza que senti. Combinamos de viver livre até nos reencontrarmos de novo e logo depois nos casarmos e fugir desse mundo de rótulos que nos cerca.


Jungkook - Tristeza?


Yoora - Ele engravidou uma garota - ele oque?! - Ela perdeu o bebê e não contou a ele sobre nada, pois quando falei ele meio que não sabia.


Jungkook - Tem certeza que era dele o bebê?


Yoora - Me mostrou os exames, fez um teste de DNA e deu positivo em relação a ele.


Jungkook - Acontece que hoje em dia qualquer um pode falsificar um exame de DNA.


Yoora - Olha, não quero falar mais sobre isso - se levantou e me olhou - Vamos ver nossas alianças - me levantei e peguei em sua mão que estava estendida para mim. Quando me levantei deu nela um selar delicado e demorado, afinal, para a sociedade somos um casal de verdade e temos que mostrar que nos "amamos".


Eu me sinto na obrigação de cuidar dela, não só porquê sou seu noivo, mas porque eu gosto dela, e gosto mais ainda quando está com um sorrisinho no rosto. Eu confesso que fiquei aliviado quando ela disse que não o ama mais. Meu coração se aqueceu mais ainda quando ouvi isso de sua boca.




















Acho que estou começando a me apaixonar por essa garota.


Continua...


Notas Finais


Aaaaaaah 💜
Jungkook finalmente se tocou.
E essa história de Jackson ter engravidado alguém, não sei não....

Um beijo Chuchuzinhos amo vcs 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...