História The truth untold - Capítulo 8


Escrita por:

Visualizações 9
Palavras 475
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção Adolescente, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Troquei a bubble girl pela Dark angel.

Capítulo 8 - Sr. Nigtheye


Fanfic / Fanfiction The truth untold - Capítulo 8 - Sr. Nigtheye

Uma hora de trem ouvindo Mirio falar e brincar os distraindo e divertindo,suas perguntas sobre Vida parecia nao ter fim e ele a fazia sentir leve.

-Esse é o escritorio do Sir-Mirio apontou o predio enorme-eu esqueci de mencionar isso antes mais o Sir é bem rigoroso.

-Eu sei disso-Deku disse tenso.

-É totalmente necessario que o façam rir pelo menos uma vez-Ele os olhou serio-da qui ate a hora que terminarem,se nao quiserem ser rejeitados.

-Por Deus...-Suspirou Vida,Mirio abriu a porta e ela se preparou.

-Eae! Trouxe os alunos do primeiro ano que te falei!-Vida viu uma moça amarrada em uma maquina de risos e um homem magro de oculos analisando tudo.

-Tarado-Comentou a moça pasma com a cena.

-Que lugar é esse?!-Deku comentou.

-O que esta acontecendo?-Perguntou Vida desconcertada

-É a Dark Angel a ajudante dele,parece que ela não tinha muito humor-Mirio comentou e o homem os olhou friamente por baixo dos oculos,agora deveriamos faze-lo rir? Deku não esperou logo fez uma cara igual a do velhote e Vida segurei o riso.

-Esta zombando do all might?-O homem os olhou friamente-maldito,esta fazendo isso por eu ja ter sido ajudante dele?!

E entao ambos começaram a falar sobre o all might e Vida invocou uma das suas plantas pedindo um pó do riso,elas rapidamente produziram um po que a garota colocou em sua mão.

-O que esta fazendo?!-Mirio a olhou e ela sorriu.

-Tenho como fazer todos rirem-Piscou.

-Acho que a situaçao ja ta bem ruim Vida...-Ele balançou o po e respirou o mesmo junto Dark Angel que tentava puxar ar nos pulmões apos a tortura de risos-ah meu Deus...

-Mirio-senpai? Esta bem?-Vida entrou em desespero ignorando Deku e o cara de oculos.

-Ahhh!-Mirio começou a rir descontroladamente e Dark Angel tambem,logo estavam no chao rindo e girando.

-Me deem um antidoto-Pediu as plantas mais não tinha nenhum,duraria tres minutos-vao matar eles!-e novamente elas diziam que humanos deviam morrer.

Sentiu o chao tremer e Vida pode ver que Deku tentava pegar o carimbo do homem de oculos usando o poder dele,ela precisava parar os risos de Mirio e a garota entao se sentou concentrando o poder vermelho na mente deles e os fazendo espirrar,tocou suas correntes sanguineas e tentou mexer ali,eles estavam rindo menos,começou a aliviar a dor do riso.

-Me perdoem-Sussurrou-por favor-e entao tudo se silenciou,Mirio se levantou e riu baixo.

-Ja acabaram? Tudo ficou bem barulhento-Mirio comentou com seu chefe.

-Eles estão contratados.

-Eles?-Se exaltou.

-Mais nao passei no seu teste-Deku disse ofegante.

-Minha decisao de contratar vocês tinha sido tomada antes de chegarem-Ele começou a arrumar a sala-vou mostrar o verdadeiro mundo a você Midoriya e você vai ver quem merece ter esse poder-ele olhou Vida que ainda tentava se recuperar de seu erro-Vida...Voce esta muito forte,viu o que acabou de fazer?

-Quase matei eles-Comentou-mais tentei reverter o pó do riso.

-Quero que melhore o pó do riso e use isso-Ele disse serio carimbando os contratos-mexer no sangue das pessoas não é pra qualquer um.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...