História The Killer Fox. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Assassinato, Detetive, Morte, Sangue, The Killer Fox
Visualizações 28
Palavras 397
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Luta, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Incesto, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Heeee

Acabou que fiz mesmo!

Capítulo 1 - One.


Suspiro enquanto olho para a máscara guardada no fundo falso da mochila. Eu não sei o que deu em mim pra sair carregando ela para qualquer lugar que eu fosse, mas não posso simplesmente deixá-la em casa, Jeongguk pode ver e aí eu acabarei apodrecendo na prisão ou até mesmo no manicômio.


A verdade é que eu não sou louca de verdade, isso é só um distúrbio de personalidade e emoções, só a falta de sentimentos, reconheço isso melhor do que ninguém, afinal, sou eu quem sofro de psicopatia.


Começo a refletir sobre o caminho que trilhei até aqui. Matei, enganei, roubei...


Sou interrompida dos meus pensamentos pelo chefe que entra no escritório sem bater. Fingi levar um pequeno susto e me virar em sua direção de forma brusca.


O que esse cara quer agora?!


— C-chefe?! Por quê não bateu?! — Falei com uma voz meiga. Afferson, fazer uma voz assim é chata.

— Mais um assassinato da Killer Fox. — Impressão minha, ou ele estava mesmo meio assustado? Foi só mais um assassinato, o décimo terceiro em duas semanas.


Hehehe...


— Ah, meu Kami-sama! Esse assassino não vai cansar nunca! — Passei os dedos entre os cabelos, num desespero falso. Bem, o que eu disse é verdade, não vou cansar de assassinar nunca.


Nunca mesmo.


— Rezemos para que ele canse. — Virou padre agora, é?

— Com certeza. — Suspirou. — As famílias estão loucas atrás de um bom detetive. Você acabou de solucionar outro caso, e os outros estão ocupados. — Explicou.

— Entendo. Traga um desses casos até aqui, por favor, chefe. Vou tentar trabalhar o mais rápido possível! — Mentira, rsrs.


[...]


— Oppa... Cheguei! — Falei alto enquanto entrava pela porta. A Fechei por algumas gostas de água insistirem em cair para dentro da casa. Parece que vai chover de novo...


Deixei minha pasta de documentos encima da mesinha de centro da sala e subi as escadas rapidamente, carregando a mochila em apenas um ombro. Entrei rápido no quarto e joguei a mochila encima da cama, abrindo-a rapidamente e tirando de dentro dela a minha máscara tão querida...


Eu deveria...? Mas, mais uma vês não mata ninguém... Bom, não me mata, ao menos...


Saio do quarto andando na pontinha dos pés sem fazer ruído algum. Verificou em todos os cantos da casa, mas nada do Gukkie, nenhum sinal dele.


Hehe...


Volto até o quarto e começo a me despir para colocar meu "Uniforme" para assassinar.


Hoje tem mais sangue derramado.


Notas Finais


Hooooo

Heeeee

Alice é "meio" psicótica, neh?

Isso não é nem a pontinha do iceberg u.u


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...