1. Spirit Fanfics >
  2. The Vampire And The Angel >
  3. Chapter lll

História The Vampire And The Angel - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpe os erros ortográficos

Capítulo 3 - Chapter lll


Fanfic / Fanfiction The Vampire And The Angel - Capítulo 3 - Chapter lll

Segunda-feira,10 de maio de 2019. 7:30 ]

- Certo então ta me dizendo que você pode ter ficado cara a cara com um assassino em série psicopata depois de quase ter sido estuprada?

- Isso ai

- E você fala nessa calma? Você poderia ter sido morta!.

- Eu sei, como acha que eu estou? Eu to aterrorizada porém to mais concentrada em pegar esse cara

- Acho que me cérebro bugou.- Disse Rose

- Por que?

- Como assim "por que?" você poderia estar morta agora, na verdade o fato de você esta viva aqui conosco pode ser considerado uma bênção 

- Eu agradeço mais tarde por essa bênção agora preciso arrumar um jeito de encontrar aquele cara de novo

- Ta maluca?! Ta querendo morrer jovem neh Yumi?.- Diz jenie alterada

- Eu sei todos os riscos mas considerando a situação eh necessário

- Que situação?

- Todos os dias pessoas estão morrendo por causa desse cara, a cidade está aterrorizada e o departamento ta pegando no nosso pé eu sou uma detetive o meu trabalho eh isso

- Certo mas eu vou com você, não vou deixar você se encontrar sozinha com um assassino em série

- Se você for ele não vai aparecer

- O que garante que ele vai aparecer?

- Nada, mas se ele for o assassino certamente vai voltar no local do crime

- Eh muito arriscado Yumi

- Mas eh preciso, eu vou e não se fala mais nisso

- Aish... Como você eh teimosa

Eu sorri e voltei minha atenção a o meu relatório

Quebra de tempo: 20:05

Eu caminhava sozinha pelo beco, em passos calmos e lentos o único som que eu ouvia era o dos meus passos o lugar eh vazio e não cheira muito bem, eh um beco bem extenso e escuro. Eu cesso meus passos a ouvir outros passos atrás de mim

- Ja sabe que não foi um sonho neh?.- A voz grossa me causou cala frios eu me virei calmamente dando de cara com um rapaz alto de lábios vermelhos,mandíbula marcada e olhar severo aquele olhar eu reconheci bem aquele que me causa arrepios

- Então não foi?

- Eh não, deveria controlar seu consumo de álcool.- Disse com um sorriso debochado em seus labios

- Meu consumo de álcool não tem nada a haver com você.- Disse ríspida

- Eh não tem, eh muito corajosa de voltar aqui depois do que houve com você

- Sabe porque estou aqui

- Eh eu sei, bom você eh uma detetive certo?

- Certo

- Bom você eh muito esperta,e determinada tenho certeza que ótima no que faz por isso sei que vai acreditar em mim, eu não sou o assassino mas sei quem eh

- Por que eu deveria acreditar?

- Pense bem por que eu deixaria uma detetive que viu o meu suposto crime viva?

- Eh isso que to tentado descobrir

- Eu não sou assassino mas eu o conheço

- Não tenho motivos para acreditar em você

- Olha só eu cuidei de você, descobri onde era sua casa te dei uma camisa social igualzinha a que você tinha eu te deixei em casa e...

- Por que? Por que se deu o trabalho de fazer tudo isso por mim?

- Você tem muitos porquês e eu tenho muitas respostas mas não vou de te dar nenhuma delas.- ele se aproximou me permitindo olhar melhor seu rosto, ele tinha traços marcantes e cheirava a colônia masculina forte.- A única coisa que posso dizer eh que você eh muito especial e eu devo proteger você

- Eu não quero e não pedi sua proteção e também não preciso!.- minha voz soou um pouco maia alta que o normal

- Acha que eu quero ser babá de uma detetive prepotente? Não, não quero mas sou obrigado

- Você nem me conhece por que diz que sou prepotente?

- Porque todos os detetives são! Essa conversa acabou tenho que ir.- ele passou por mim parou do meu lado e sussurou.- Até mais detetive

E saiu eu me virei irritada vendo o a silhueta masculina se distanciar

- Me diz pelo menos seu nome!.- gritei irritada

- Kim Tae-hyung

Alguém esbarrou em mim me fazendo virar para o lado

- Olha por ande anda

- Me desculpe

Eu olhei para frente de novo notando que ele havia sumido, restando somente a escuridão e o silêncio do local

- Eu vou descobrir quem você eh a se vou

           [ Terça-feira, 11 de maio de 2019. 8:30 ]

- E então?  

- Ele não eh o assassino

- Como sabe disso ele te disse.- a mais velha irônica

- Também mas se pensar bem porque um assassino deixaria uma testemunha de seu crime viva e ainda cuidaria dela?

- Ah vai saber não sabemos com uma mente psicopata pensa

- A propósito o nome dele eh Kim Tae-hyung

- Certo vou ver.- ela abriu o computador e começou a mexer e eu me sentei na mesa.- Eh esse aqui?.- ela virou o computador com a foto do rapaz

- Esse mesmo!

- Yumi essa pessoa morreu em 2010 em um assalto

Meus olhos arregalaram e eu vi um filme de terror passar pela minha cabeça, eu tenho certeza que esse era ele mas ele ta... Morto?!     



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...