História The Vampire (Jikook) - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags autora doida, coisas estranhas, Jikook
Visualizações 541
Palavras 1.057
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


HESLOU 😉

Desculpem a demora sz

Boa leitura amorzinhos 💕

Capítulo 16 - Sixteen


 

 

 

 

-Puta. Que. Pariu. -Yoongi disse surpreso ao ver a grande mancha que já começava a tomar conta do corpo do Jimin.

-O que? O que foi Yoongi?! -Taehyung perguntou nervoso.

-Isso é mais grave do que parece! Essa merda aí já matou uma pessoa importante para mim.

-Como assim?

 

 

 

 

 

[Muito tempo atrás no Reino dos céus]

 

Yoongi estava a caminho do conselho que ocorria todo mês nos céus, e resolveu passar pela casa em que seu amigo, Chan, morava, apenas para cumprimenta-lo.

 

 

-Yoon! Você veio me ver? -o doce anjinho perguntou.

-Sim, Chan. Eu pensei em passar por aqui já que estava a caminho daquela reunião chata…

-Haha. Você realmente odeia as reuniões do conselho, não é?

-Sim!

-Mas elas são importantes, Yoon, ainda mais para você que é filho do braço direito do Rei.

-Eu não ligo para essas coisas…

-Deveria ligar, isso pode te prejudicar algum dia.

 

 

 

A verdade é que Yoongi nunca quis morar no reino dos céus, eram muitas regras e nada legal a se fazer. Mais ele, por ser filho de alguém poderoso, sabia bem guardar seus pensamentos e não deixar os superiores descobrirem que ele não gostava dali, pois sabia perfeitamente as consequências de quando se era "mal comportado". Ali até podia ser o céu, mas quando algo errado acontecia, virava o inferno em segundos.

 

Infelizmente o Chan não era como Yoongi, e por esse motivo não podia esconder o que realmente pensava e desejava. Os superiores descobriram o desejo do pequeno anjo, e julgaram isso como um pecado, só por que ele queria ser um humano para poder ficar com um garoto que vivia observando.

 

Assim que os superiores resolveram tomar providências a respeito disso, Yoongi ficou sabendo, e até tentou convencer seu pai a não deixar nada de mal acontecer ao Chan. Mas, era impossível tirar da cabeça deles que aquilo era errado, porque os mesmos pensavam que se deixassem passar um, todos se revoltariam contra os céus.

 

O castigo foi um dos piores, manchas nasceram no corpo de Chan, e em minutos ele morreu, passando por uma tortura enorme.

 

Yoongi odiou ainda mais todos aqueles seres estúpidos e aquele horrível lugar que os inocentes chamavam de Paraíso, quando apenas ele e alguns outros sabiam como realmente era.

 

 

 

~•~•~•~•~•~•~•~

 

 

 

 

-Não.. é nada.. Apenas temos que ajudar ele urgente, tipo agora mesmo, ou ele morre!

-E como vamos fazer isso?! -Jungkook perguntou já chorando de novo.

-Isso vai depender de você, Jungkook.

-Como assim dele? -Hoseok perguntou confuso.

-Ele tem que purificar o Jimin, assim como fez com minhas asas.

-M-Mas.. eu não sei como fazer isso..! -o moreno disse desesperado. Como salvaria Jimin agora?

-Você tem que tentar, Jungkook! Você fez uma vez, certo? -Taehyung tentou encorajar o mais novo.

-E se… e se não der certo… o que acontece? -Hoseok perguntou receoso.

-Se o Jungkook fizer errado, ele mata o Jimin.

-Eu não posso fazer isso! Não quero mata-lo!

-Se você não fizer ele morrerá do mesmo jeito! -Yoongi gritou.

-Vamos Jungkook, tente! Pelo Jimin! -Hoseok disse e o moreno se levantou.

 

 

Jungkook fechou os olhos e tentou lembrar do que aconteceu no dia em que purificou Yoongi, mas não adiantou.

 

E então, na mente do mais novo, começaram a passar as poucas lembranças que tinha com Jimin, o ruivo o fazia tão bem. Jungkook com certeza não queria perder ele, era importante demais para si, não podia simplesmente perde-lo, não aceitaria isso.

 

Sem nem mesmo perceber, o garoto começou a brilhar de uma forma diferente, dessa vez era algo mais forte.

 

 

-Venham até aqui! -Yoongi gritou para Taehyung e Hoseok.

 

 

Assim que o casal chegou perto, Yoongi os cobriu com suas enormes asas para impedir que a luz que saía de Jungkook, os ferisse. Já que os vampiros haviam sido ressuscitados, talvez a purificação tivesse efeito sobre eles e os mandasse para o mundo dos mortos novamente. Não era bom arriscar.

 

 

Quando Jungkook abriu os olhos, viu tudo brilhando, olhou para Jimin e percebeu que as manchas estavam sumindo e que o ruivo estava sentindo um pouco de dor por isso.

 

Alguns segundos depois, todas as manchas haviam saído e só restava um enorme corte no abdômen -esse que só foi visto porque Jimin se sentou após as manchas sumirem completamente.

 

E como mágica, toda a luz voltou 'para dentro' de Jungkook, e o moreno correu até Jimin para o abraçar.

 

 

-Jiminnie! Você está bem? -perguntou abraçando o outro.

-Eu vou ficar bem. -o ruivo respondeu tranquilo.

-Que bom! -Jungkook o abraçou mais forte o fazendo gemer de dor por causa do corte- que até então o mais novo não havia notado, mesmo sendo grande. -Oh! Meu Deus, que corte é esse?!

-Calma Jungkook o pior já passou! -Hoseok saiu de baixo das asas de Yoongi e falou.

-Nós só precisamos cuidar do ferimento dele agora, já que ele ainda está fraco para se curar. -Yoongi disse e ouviu Taehyung sussurrar um "Suas asas são quentinhas" antes de sair debaixo das mesmas.

-Exatamente, mas… e a casa do Jungkook..? -Taehyung perguntou.

 

 

 

E só então o mais novo caiu em si. Sua casa havia sido destruída! O local onde cresceu, onde viveu os melhores anos da sua vida, onde viu Jimin pela primeira vez, estava tudo no chão, tudo destruído e não dava para salvar nada. O que iria fazer? Para onde iria? E seus tios, onde iriam morar(porque mesmo que ainda sentisse um pouco de raiva e tristeza por eles, não desejava o mal para os mesmos)?

 

Tudo sempre podia ficar pior, arg! Justo quando as coisas estavam ficando boas, acontece de um monstro estranho atacar, Jimin quase morrer, e o mais novo ficar sem casa. Não iria nem perguntar se podia piorar porque sempre pode piorar.

 

 

-Aah! Eu nem tinha pensado nisso! Onde eu e meus tios vamos viver? Eu não mereço tudo isso… -Jungkook lamentou enquanto se levantava para que o ruivo fizesse o mesmo.

-Não se preocupe, Jungkook, na rua vocês não ficam, tenho certeza! -Taehyung disse sorrindo gentil.

-O Jimin não deixaria o amorzinho dele ficar na rua, certeza! -Hoseok brincou.

-Vocês podem ficar na minha casa, o que acha? -Jimin disse e Jungkook o olhou um pouco surpreso.

 

 

Iria mesmo morar com Jimin? Seria o universo conspirando ao seu favor logo depois de foder com sua vida?

 

 

 

 

 

 

 

-Eu acho uma ótima idéia!

 


Notas Finais


Ficou merda? Ficou! Mais ou eu postava agora, ou só saia semana que vem e olhe lá ;-;

Tempo tá faltando grr

Mas então... O que acharam desse capítulo bem... sei lá?

Até o próximo, Kissus 😚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...