História The walking dead "O morto andarilho" - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias The Walking Dead
Visualizações 9
Palavras 642
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi,este é meu primeiro capítulo desde que entrei no spirit fanfics,espero que gostem ^-^

Capítulo 1 - Capitulo 1 - O começo da tragédia


Fanfic / Fanfiction The walking dead "O morto andarilho" - Capítulo 1 - Capitulo 1 - O começo da tragédia

Dirigindo um carro velho na sua cidade natal está o leo olhando para frente,com um ar de tristeza.

- Ainda me lembro como era essa cidade antes de tudo,ainda posso ouvi as crianças brincando,senti o ar fresco - Pensou leo olhando para frente dirigindo o seu carro velho sem rumo até que a gasolina acaba fazendo o carro para no meio da pista.

- Mais que merda - Falou leo batendo no volante saindo de dentro do carro.Ele tinha cerca de 38 anos,a cor do seu cabelo era marrom escuro,a cor dos seus olhos eram verdes escuros,seu nariz não eram nem pontudo nem achatado,sua barba estava crescendo novamente,ele usava uma jaqueta de couro marrom,luvas pretas sem dedos,calça jeans cinza e sapatos brancos da Nike.Após ele sai do corre olhou para os dois lados para se certifica que não avia nenhum zumbi lá.

- Parece que não tem zumbis nessa cidade,hum...confia - disse o leo ainda olhando para os lados.

Logo ele andou para atrás do carro,levantou o porta - malas e pegou um galão,e voltou a olha em volta,após fecha o porta mala ele se pôs a anda no meio da rua a procura de um posto de gasolina,ele olhava com tristeza o que a cidade que ele nasceu,cresceu e morou se torna apenas mais uma cidade no meio de tanta outras.Ele da um leve suspiro abaixando sua cabeça,ele olha para trás e vê três zumbis distantes.

- Merda,merda,merda - Disse o leo andando cada vez mais rápido até que ele começou a correr,os zumbis os viram e logo foram atrás dele até que ele parou,soltou o galão,puxou a pistola da cintura,virou e apontou diretamente para um dos zumbis.

- Morra seu desgraçado - disse leo quando atirou na cabeça do zumbi o matando,ele volto a mira no outro zumbi e atirou na cabeça,e fez a mesma coisa com o outro zumbi,após fazê isso ele soltou a arma fazendo a cai no chão.

- Gastei minhas últimas balas nesses zumbis de merda - Falou leo se virando,pegando o galão e voltando a anda,até que ele ouviu uns barulhos de zumbis,no mesmo instante ele virou e percebeu zumbis virem de outras ruas e saírem de dentro de casas e lojas.

- Inferno!inferno! - Exclamou leo soltando o galão e voltando a correr no meio da pista,o ar batendo no seu rosto o fazia lembrar da sua infância naquela cidade,os zumbis corriam atrás dele e ele corria o mais rápido que podia,era difícil para ele não quere morrer pois ele perdeu uma esposa e dois filhos ainda novos,mas ele não podia pensa na família que ele construiu,tinha que correr para vive,até que derrepende um zumbi foi morto com uma flecha na testa,leo olhou para trás ainda correndo e enfim olhou para as casas tentando acha que atirou a fecha quando ele uma mulher numa casa de dois andares,ele já estava ficando cansado quando correu em direção a casa onde estava aquela pessoa.

- ABRE A PORTA!ABRE A PORTA! - Gritou o leo correndo o mais rápido possível.Enfim uma pessoa abre a porta,leo corre o mais rápido possível para dentro da casa,ele dá um pulo e entra na casa,a pessoa que abriu a porta logo a fechou para os zumbis entrarem e se afastou dali.

- Obrigado,muito obrigado - Disse o leo ofegante e cansado.

- Shhhh,vamos lá para cima,agora! - Disse a pessoa levantando o leo.Ele era um senhor de idade,tinha uns 56 anos,seus olhos eram castanhos,seu cabelo já era branco e seu nariz era pontudo,ele era um pouco gordo,usava uma camisa toda branca e estava suado,estava usando uma bermuda azul,seus sapatos eram de bico fino.

- Vamos rapaz,ou vai fica admirando minha beleza? - Perguntou o velho emquanto os zumbis tentavam entra na casa.

- ok,vamos - disse leo,indo para o segundo anda ainda cansado.O velho logo o seguiu para o anda de cima - Ei,me espere - Disse o velho com um pouco de raiva.


Notas Finais


Espero que tenham gostado ^-^ se não estive muito boa me digam,pretendo melhora mais


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...