História The Weekend - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~heyjureguii

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren, Camren G!p
Visualizações 57
Palavras 2.031
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Ficção, Ficção Científica, Orange, Policial, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vou insistir nessa fanfic

Capítulo 2 - Chapter 2


Pov Camila

Sabe quando você sabe que tá faz algo errado mas o sentimento foi bom pra você? Eu tô passando por isso, tá eu gostei de ficar com a Lauren, só que foi errado, para completar ela que que eu seja a "amante" dela, isso tá me deixando confusa e não é pouco, acho que todos já repararam nisso.

Quando saímos da casa dos Jauregui's eu fui em uma festa e eu fui ficar com um garoto, o Austin, eu fiquei comparado o beijo dele com o da Lauren e porra, acabei com o clima, foi como se eu tivesse broxado sem um pau, o garoto tava duro e já na expectativa de me comer, pena que ele tentou me forçar a transar com ele, eu só dei um chute nas bolas dele, fazendo-o cair no chão e sai do lá, indo atrás de um segurança, só acho que o Austin apanhou muito.

Eu e Lauren ficamos apenas uma vez e ela já está me causando problemas, imagina se a Halsey descobrir que ficamos, fudeu muito e não é pouco, estou com uma puta dúvida se continuo ficando com ela as escondidas.

Lauren não para de mandar mensagem e eu estou na droga de uma aula de química, essa idiota não  cansa de mandar mensagem, sinto meu celular vibrar que nem um louco, acabo me irritando e desbloqueando o celular com raiva.

Mensagens on:

Lo: Camz.. (Enviada as 11:50)

Lo: Camila.(Enviada as 11:55)

Lo: camizi :'(. (Enviada as 11:56)

Lo: ain tá me deixando no vácuo. (Enviada as 11:57)

Lo: Tu vai ver. (Enviada as 11:57)

Lo: ah se vai ver *moon face*. (Enviada as 11:57)

Lo: Cameelaaaa. (Enviada as 11:58)

Lo: Camizi?. (Enviada as 11:58)

Lo: Mila. (Enviada as 11:58)

Lo: Milinha. (Enviada as 11:58)

Lo: GOSTOSA. (Enviada as 11:59)

Lo: Saudades da sua boca.. (Enviada as 12:01)

Lo: sua boca estava com gosto de hortelã. (Enviada as 12:01)

Lo: É meu sabor favorito a partir de hoje. (Enviada as 12:01)

Lo: Tá visualizando e não respondendo. (Enviada as 12:05).

Eu: Eu tô na aula de química, idiota. (Enviada as 12:05)

Lo: Me ofendeu. (Enviada as 12:05)

Eu: Ata.com. (Enviada as 12:05)

Eu: Quando estiver na hora do recreio eu te mando mensagem. (Enviada as 12:06)

Lo: Qual o nome da sua escola?. (Enviada as 12:06)

Eu: Elite High School of Miami. (Enviada as 12:06)

Eu: Por que?. (Enviada as 12:06)

Lo: Até mais camz. (Enviada as 12:07)

Eu: Que?! Até né.. (Enviada as 12:07)

Mensagens off;

Voltei minha atenção a aula, obviamente com Lauren na minha cabeça, isso tá uma merda, tentei a todo custo prestar atenção na aula mas não deu, quando bateu o sinal do intervalo mandei mensagem para Lauren e fui com Dinah e Shawn para o refeitório, entremos na fila do lanche e peguei uma banana, uma latinha de Coca-Cola e um pacote de biscoito, pago tudo e sento com eles em uma mesa livre.

-"Como foi a foda, Shawn?". Dinah pergunta cutucando a barriga dele, enquanto eu já ria loucamente, Shawn ficou vermelho e botou uma batata na boca.

-"Aí, foi bom, ótimo, ele foi perfeito". Shawn falou com o rosto vermelho.

-"Como você tá andando? Qual o tamanho do cameronzinho?". Dinah perguntou rindo de Shawn, o garoto ficou mais vermelho ainda, isso se é possível.

-"Ele foi devagar e ele é bem dotado". Shawn fala e Dinah começa a rir, bato no braço dela e termino de comer a banana.

-"Shawny, você não tava com vergonha naquele áudio que você me mando". Falo rindo da cara dele e sinto meu celular vibrar.-"Tava animado demais, AI MEU DEUS ELE FOI PERFEITO". Imito Shawn e Dinah ri alto demais, meu celular vibra mais uma vez e eu reviro os olhos desbloqueando o celular.

Mensagens on:

Lo: Tô aqui na saída da sua escola, eu conheço a diretora e ela já liberou a minha entrada, te espero na entrada da escola. (Enviada as 12:45)

Lo: Vamo logo Camilaa. (Enviada as 12:45)

Eu: Como assim?. (Enviada as 12:46)

Lo: Vim te vir ue. (Enviada as 12:46)

Lo: Vem correndo. (Enviada as 12:46)

Lo: Daqui a pouco tenho que ir. (Enviada as 12:46)

Mensagem off;

-"HUMMMMM". Escuto Dinah e Shawn farem um barulho nasal ao mesmo tempo, reviro os olhos e sinto um tapa na minha coxa.

-"Vai beijar na boca né safada?". Dinah fala zoando, Shawn começa a rir com Dinah ao me ver vermelha.

-"Vou mesmo, aliás vou indo, a diretora tá ao meu favor". Falo levantando e jogando o cabelo para trás dos meus ombros com um ar de superioridade, obviamente zoando, pego minha mochila.

-"Usa a camisinha, embuste". Dinah grita e eu rio alto, acho que todos me olhavam, começo a andar pelos corredores, a senhorita DiLaurence passa por mim e pisca, sorrio e vejo uma silhueta encostada em um dos primeiros armários do corredor.

-"Achei que ia demorar". Lauren fala desencontando do armário e descruzando os braços, vou até ela.

-"Eu tava comendo e sabendo dos babados do Shawn". Eu falo e Lauren fecha a cara antes de se agarrar na minha cintura.

-"Shawn? Quem é Shawn?". Lauren fala com a voz carregada de ciúmes e eu reviro os olhos.

-"Shawn é meu melhor amigo gay, esqueceu? Eu falei no jantar de ontem". Falo abraçando o pescoço dela e deu um beijo seu maxilar, sinto seu corpo relaxar.

-"Achei que alguém ia querer pegar minha garota". Lauren fala e aperta minha cintura, enrugo meu nariz e junto minhas sobrancelhas confusa.

-"Sua garota é a Halsey, não eu". Digo me afastando dela ainda confusa.

-"Por que não seria minha garota também? Eu vou terminar com ela, eu prometo". Lauren fala e me puxa pela cintura e me beija.

Não vou me iludir.. Não vou me ilud.... Não vou me.. Não vou... Já me iludi, será que ela vai fazer isso mesmo? Espero que sim, a gente se conheceu a pouco tempo mas temos uma ligação um pouco intensa, como se fosse um laço do destino.

-"Vai fazer isso mesmo? Isso é meio errado por você estar traindo ela". Falo hesitante, ela cola nossas bocas e segura meu lábio inferior entre os dentes, puxando para si lentamente.

-"Não é errado se eu não amar ela ou não gostar". Dou uns passos pra traz e ela me prende entre ela e a parede de concreto, suspiro, Lauren pressiona seu corpo no meu, causando um atrito gostoso.

-"Você não gosta dela?". Pergunto confusa olhando nos olhos dela.

-"Não, eu não gosto dela, só estou com ela por estar". Lauren fala beijando meu pescoço, seguro seus cabelos negros, botando seu rosto contra meu pescoço.

Ela tá sendo tão perfeita comigo, isso é incrível, de tantos garotos e garotas que eu já fiquei, nenhum beijo me envolveu tanto quando esse, esse momento não poderia ser mais perfeito. Sinto suas mãos escorrerem da minha cintura até a minha coxa, suspiro devido o apertão que ela deu.

-"Jauregui, teu tempo acabou, Camila precisa ir para sala de aula". Ouço a senhorita DiLaurence e, no automático, empurro Lauren para longe, sinto meu rosto esquentar e olho para o chão.

-"Tudo bem, Allison". Lauren fala e ouço sua risada, vejo seus conturnos se aproximarem dos meus all stars, olho para cima e olho para Lauren, que sorria lindamente.-"Vou ter que ir embora mas na hora da saída eu venho te buscar para ir ao cinema". Lauren tira um pouco de cabelo que caia sobre meus olhos e botou atrás da minha orelha, ela beija minha testa e eu abraço seu abdômen e aproveito o carinho que ela fazia em meu cabelos.

-"Okay, até mais tarde, Lolo". Fala e lhe dou um selinho e me afasto dela, indo em direção ao refeitório, e assim que sento no lado de Shawn o sinal toca.

-"CAMILINHA TÁ NAMORANDO". Dinah grita e começa a rir que nem hiena junto a Shawn.

-"Como assim a minha Milinha está namorando?". Olho para trás e vejo Edward me olhando, reviro os olhos

Você deve estar se perguntando "MAS CAMILA QUEM É ESSE?!!!" Calma minha flor, esse foi o meu primeiro e único namorado, ele foi bastante babaca, tirou minha virgindade e espalhou pela escola que eu gemia feito puta.

Isso que ele fez foi bastante idiota, eu nem gemi e ele gozou em 5 minutos, exatamente 5 minutos, eu senti dor durante todo o ato e achei péssimo mas uma semana depois de terminar com ele, eu dormi com uma garota chamada Hayley, não lembro seu sobre nome, só sei que ela tinha cara de japonesa mas falsificada, aí eu descobri o que era uma foda boa e o que era um orgasmo de verdade. Edward ficou puta por que eu terminei com ele e fiquei com uma garota.

-"Sua Milinha é o caralho, com quem eu me envolvo ou deixo de me envolver é problema meu, e eu tô pegando uma gostosa, que nem se você tivesse um pau enorme você iria conseguir pegar". Falo pegando minha mochila, meus amigos fazem o mesmo e saímos do refeitório rindo e zoando.

*Final da aula*

Tô animada com esse meu "encontro" com Lauren, durante a aula vaga eu estava usando o Spotify e descobri um cantor brasileiro, Nuno Leão, e fui atrás da tradução de suas músicas e me identifiquei com a música 'Fica comigo', e lembrei da Lauren, eu estou extremamente na dela, merda.

-"Camila?". Ouço a voz de Dinah meio longe, tiro meu fone e levanto a cabeça.

-"Oi Dinah". Falo sonolenta e sorrio preguiçosa.

-"Vamos garota, você tá dormindo aí". Ela fala rindo fraco e pega sua mochila.

-"Já acabou a aula?". Digo me levantando e estalando os ossos da coluna.

-"Sim, o Shawn falou que a sua boy tá lá fora e ela é muito machinha". Dinah fala rindo e eu solto uma gargalhada.

-"A Lauren é muito machinha quando quer". Falo botando a mochila nas costas e começamos a sair da sala.

-"Meu informante Mendes disse que ela está de moletom cinza, calça jeans e um boné, ela tá tipo disfarçada". Dinah fala como se fosse um segredo, rio e imagino ela daquele jeito.

-"Vamos logo, Dinah". Puxo a mão de Dinah, a fazendo apertar os passo e finalmente sairmos da escola, olho para Dinah e ela aponta para Shawn, que sorri e aponta com a cabeça Onde está Lauren.

-"Tchau, walz". Dinah fala e me empurra.

-"Tchau, DJ". Eu falo em corro até onde Lauren está e aceno para Shawn de longe.

-"Pronta para ir?". Pergunta e abraço a minha cintura, enlaço seu pescoço com os meus braços.

-"Sim mas por que essa roupa?". Pergunto sorrindo se lado.

-"Uma prima da Halsey estuda aqui e não quero que ela me reconheça, além do mais esse carro é novo e ela provavelmente, se me ver, vai contar para Halsey". Lauren fala sorrindo amarelo e abre a porta do carro para mim, entro meio relutante, sabendo que é errado me comprometer com alguém comprometido.

*Tempo paralelo*

-"Vovó, um dia eu vou ter um amor igual ao seu e a da vovó Loren". Luigi fala sonolento e boceja, rio e beijo seu testa.

-"Você terá seu amor, pode ser igual ou totalmente oposto do meu com a da sua vó Lo". Acaricio os cachos castanhos, ele fecha os olhinhos e sorri fraco.

-"Ei campeão, já tá na hora de dormir". Lauren entra no quarto com o de costume e bota o copo de plástico com água sobre e o criado mudo.

-"Mas a vovó essa contando a história sobre vocês". Luigi fala e eu sorrio corando, o tempo pode passar mas eu sempre vou corar diante de Lauren.

-"Sua vó Mila não perde essa mania mas a nossa história é linda mesmo". Ela senta ao meu lado e beija minha cabeça, seguro a mão dela e olho para o meu neto, que sorria largamente.

-"Vovós? Vocês acham a a mama Meg me ama?". Ele pergunta meio cabisbaixo, eu realmente não criei minha filha para abandonar meu neto na porta da casa do ex namorado, suspiro.

-"Ela te ama, só que ela foi um boba em te deixar aqui". Falo tentando tranquilizar ele.

-"Em quanto a gente viver, a gente vai te amar e te mimar muito". Lauren fala e passa a mão na cabeça dele.

-"Obrigado vovó, eu amo vocês". Luigi fala antes de dormir, suspiro e levanto lentamente.

-"Vamos para o quarto, camz". Lauren fala e me puxa pela mão até o nosso quarto, mesmo com 56 anos, Lauren ainda tem o fogo que quando tinha 20 anos.

-"Eu te amo muito, Jauregui". Falo deitando na cama e ela deita sobre mim e passa a mão em meu corpo.

-"Eu também te amo, Cabello". Lauren fala e me beija.

*CONTINUA*



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...