História The Witch - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Abaddon, Adam Milligan, Amara, Balthazar, Bela Talbot, Benny Lafitte, Bobby Singer, Castiel, Charlene "Charlie" Bradbury, Chuck Shurley, Claire Novak, Crowley, Dean Winchester, Gabriel, Hannah, Jo Harvelle, Jody Mills, Kevin Tran, Lilith, Lúcifer, Mary Winchester, Michael, Miguel, Personagens Originais, Rowena MacLeod, Sam Winchester
Tags Crowley, Rowena, Rowena Macleod, Samwena, Supernatural
Visualizações 67
Palavras 1.223
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Bom..Estou meio insegura,mas espero que gostem🙈❤🌸

Capítulo 1 - Mudança de vida


Fanfic / Fanfiction The Witch - Capítulo 1 - Mudança de vida

Mudanças Drásticas


Era um dia calmo e chuvoso de domingo,as gotas da chuva escorregavam rapidamente pelas janelas de vidro e o canto dos pássaros não se era ouvido.Apenas o relaxante barulho da chuva e nada a mais.


Pandora acordou cedo como em toda manhã,seus longos cabelos ruivos estavam desagregados mas não deixavam de ressaltar a sua beleza.Ela era plena e delicada,o que escondia seu lado corajoso,curioso e absolutamente destemido.

Se levantando devagar começou a se espreguiçar e lentamente abriu seus belos olhos cor âmbar,eram de um tom raro sobre humano,seus pais nunca souberam como lhe explicar de onde veio essa genética,ela realmente era muito diferente de toda a família,o que sempre lhe deixava em dúvida sobre suas origens.


A jovem ruiva foi caminhando lentamente,quase que tombando por conta do sono em direção ao banheiro de seu quarto,se despindo no caminho ficou totalmente nua e entrou na ducha quente.

O barulho do banheiro se misturava com o som da chuva,o que fazia a bela jovem entrar cada vez mais em um tipo de transe,todos os dias ela passava por a mesma sensação,deixava as gotas quentes escorregar por todo o seu corpo mantendo os olhos fechados e o pensamento distante.

"O que me faz ser tão diferente?!Eu só queria fugir daqui...Viver aventuras como nos livros que leio.Qualquer coisa que me tire desse tédio,dessa sensação de vazio,da sensação de não estar vivendo".

Os pensamentos confusos invadiam a mente da jovem que sempre tinha a mesma sensação de estar no lugar errado.

"Por que desses sonhos malucos?!E essa mulher?!Quem ela é?Tudo tão confuso..."

Saindo do banheiro a jovem foi se enxugando,ainda em pensamentos confusos que a perturbavam.Ela sempre sonhava com uma mulher ruiva.Nos sonhos a misteriosa mulher sempre estava ao lado dela,lhe inspirava confiança e até carinho.

Pandora passava a escova sobre os longos fios ruivos com tremenda atenção,ela adorava seu cabelo,era a única ruiva da família o que contribuía para suas desconfianças.


°°°🌺°°°


A ruiva descia pela grande escada admirando a deliciosa melodia que vinha do piano da casa,se tratava de seu pai tocando uma bela música que ele mesmo havia feito,cada nota soava como uma verdadeira canção celestial,fazendo a jovem se distrair.Ele sempre tocou essa música mas Lourenzo nunca falou sobre como compôs,qual  foi sua inspiração.


-Hey por que parou?!Eu adoro essa música...-Pandora exclamou dramática

-Eu sei querida,mas tenho coisas a fazer...-Ele levantou e caminhou lentamente em direção a filha,lhe dando um singelo beijo na testa.

-Você nunca me disse sobre a sua grande musa...-A moça sorrio com o espanto do pai

-Musa?!Como assim?!Nunca te falei que se tratava de uma mulher!-Ele corou imediatamente,como se escondesse algo.

-Ahh papai...Acha que eu nasci ontem?!Toda vez que você toca essa música fica com cara de bobo apaixonado!-Pandora deu uma longa risada em baixo tom.

-Está bem...Mas nunca conte isso a sua mãe!!!-Ele se afastou de Pandora e foi em direção ao grande espelho da sala,olhando com melancolia para o próprio reflexo.                                              -Ela foi o grande amor da minha vida,nunca conheci alguém como ela antes.Sua beleza,inteligência e mistério me fascinavam.-Ele voltou com o olhar para a filha-Você me lembra muito ela-Disse sorrindo

-Eu?!-Pandora perguntou surpresa

-Sim.Na verdade você é uma cópia perfeita dela...Mas mudando de assunto..Por que essa carinha?Aqueles sonhos outra vez?-Ele disse tocando o rosto da filha.

-Sim.Eu não consigo entender!Por que sonho com uma desconhecida?Eu posso dizer até que a amo mais que minha mãe.

-Não diga isso..Se tua mãe te pega..- Ele deu uma longa risada.

-Ela não gosta nem que eu a chame de mãe!Sempre diz que eu sou a culpada por ter estragado a 'grande carreira de bailarina'dela-Pandora disse cabisbaixa.

-Pare de asneiras.Bárbara só é uma pessoa difícil..                                Mas bem querida tenho que assinar alguns documentos,se precisar de mim estarei no escritório.-Ele se despediu da filha com um beijo na buchecha e a deixou pensativa na sala.


___


"Quem será essa mulher?!Por que eles não ficaram juntos?!Por que ele ficou com uma mulher amarga como a minha mãe?!"

Os pensamentos afogavam Pandora no mar da curiosidade,mas ela foi interrompida por uma voz feminina em alto tom.

-Outra vez no mundo da lua garota?!-Uma bela mulher caminhou até Pandora chamando sua atenção.

-Olá mamãe...-Pandora disse com deboche

-Quantas vezes vou ter que pedir pra me chamar de Bárbara em?!Sou jovem de mais para ficarem me chamando de mãe...-A mulher loira se pôs a frente da jovem,ela a olhava dos pés a cabeça.                                                 -Credo..Tão baziquinha...Pobreza em!Tantas jóias e só usa essa-Bárbara pegou na correntinha que Pandora usava no pescoço,sua expressão de desdém irritou a ruiva.

-Melhor do que ser brega!-Ela olhou para a mãe com deboche.

-O que está insinuando o fedelha?!-Bárbara a encarou séria.

-Nada não "Bárbara"-Pandora sorriu e correu para seu quarto.


°°°🌺°°°


Entrando no quarto a garota sentiu um cheiro estranho que percorria por todo o cômodo.


-Mas que coisa é essa?!Morreu alguém aqui?!-A jovem levou uma das mãos ao nariz enquanto procurava pela fonte do mal cheiro.

________°_______

Chegando até a janela percebeu que havia uma coisa húmida,até que olhando através do reflexo do vidro viu um estranho homem atrás dela e em um movimento de impulso desviou do estranho.

-Quem é você?!O que faz aqui?!-Pandora gritava assustada,mas não foi respondida.

-O chefe pediu pra te buscar ruivinha.

-Chefe?!Que chefe?!Você tá louco?!Socorro!!!-Pandora gritou estética.

_________

Os olhos do estranho homem ficaram completamente negros fazendo com que toda a sua íris desaparecesse.

__

Em um ato de desespero Pandora saiu do quarto aos gritos.


°°°🌺°°°


Tropeçando em meio aos longos degraus a garota escutou a campainha tocar,e correu em direção a porta.


______


Abrindo bruscamente viu uma bela mulher ruiva,um pouco menor que ela,seus olhos eram em um tom verde e seus cabelos desciam em ondas até um pouco abaixo dos seios.Ela se vestia extremamente elegante e olhava para a jovem com atenção.


-Olá.O Lorenzo está?..-A misteriosa mulher perguntou enquanto olhava fixamente para a jovem-Desculpe querida..Mas céus,você está completamente abatida.Aconteceu algo?-Perguntou preucupada.


-Sim Lorenzo está,ele é meu pai.E enquanto a isso..Bem..Não sei explicar.-Pandora disse ofegante puxando a mulher ruiva para entrar.


-Heyy calma,assim vai me fazer cair.Ela disse desamarrotando o sobretudo que usava.
-Espere você é filha dele?..-A moça se aproximou de Pandora a encarando com ternura.

-Me desculpe..Acaba de acontecer algo muito maluco-Ela esfregou as mãos nos braços em um ato de nervosismomo-Sim.Você é amiga do meu pai?

__________

Antes que a misteriosa ruiva pudesse responder foi impedida por Lorenzo que adentrou a sala chamando atenção.

________

-Você?!Você voltou!!Pensei que jamais a veria novamente...-Ele abriu um largo sorriso de surpresa e caminhou até a mulher lhe dando um forte abraço.
-Uhh...Você es_tá me sufo_cando-Ela disse sem ar.

-Ow me desculpe atrapalhar o reencontro mas tem um estranho no meu quarto!!!-Pandora disse apontando para cima.

-Estranho?!Como assim?! Como ele era?!-A mulher perguntou aflita.

-Ele tinha os olhos negros..E disse que veio me buscar-A jovem disse aflita.

-Rowena?...-Lourenzo a chamou preocupado.


-Ele já a achou.Temos que sair daqui imediatamente!!!-A ruiva exclamou deixando a jovem confusa.

-Como assim?!Quem me achou?!Isso só pode ser mais um sonho louco....

-Querida presta atenção-Ele caminhou até ela e a segurou firme-Você tem que ir com Rowena,é o único jeito de ficar segura.

-Pai...O que tá acontecendo?!-Ela o olhou aflita.-Quem é essa mulher?!

-Pandora...Céus como dizer isso?!..Eu sou sua mãe..-Rowena disse caminhando até a moça.

-Vocês estão de palhaçada com a minha cara né?Que papo é esse?!-Pandora se afastou caminhando até a escada.

-Querida é uma história muito longa e complicada...-Rowena juntou suas mãos a da garota-No caminho te explico,mas temos que sair daqui.

______

Pandora concordou com a cabeça e as duas saíram pela porta.Em frente ao casarão havia um Impal preto com três homens e um jovem rapaz.

__________

-Quem são esses homens?-A jovem perguntou encarando Rowena.

-São amigos,vão nos ajudar.Vamos?- Ela estendeu a mão para a garota que aceitou sem rodeios.




Notas Finais


Aí espero que tenha ficado bom🙈
Vou deixar vocês em off kkkkk não me matem😂😂❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...