História They Don't Know About US - Capítulo 1


Escrita por:

Visualizações 19
Palavras 938
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hellou Pessoinhas o/!
Essa fic é uma reescrita de uma fic da Minha brilhante e maravigold amiga Bia (Sweet19)!
Adaptei ela e dei uma pequena melhorada, espero que gostem!
Enjoy sz

[Fernando - Troye Sivan
Tina - Alessia Cara]

Capítulo 1 - Prólogo


POVs Jane

Eu me esforçava ao máximo para manter meus olhos abertos durante a aula, mas era impossível.

- Fe que horas são? –Perguntei pela milésima vez já não aguentava mais ouvir a voz daquele professor.

- Falta 10 minutos para acabar –resmunguei algo sem anexo ouvindo meu melhor amigo rir. – Você já tinha perguntado aos últimos 30 segundos.

- Jane e Fernando, prestem atenção! –o professor chamou nossa atenção e nem reparou que quase a metade da sala estava dormindo.

Fizemos silencio, o professor voltou a dar a aula para as paredes. Quando finalmente o sinal tocou, louvado seja quem aperta o sinal, fui uma das primeiras a sair da sala.

 - Hoje estava um porre, achei que nunca ia acabar! –Comentou a Tina.

- Idem! –Eu e Fer dissemos em uníssimos.

- E se a gente for esfriar a cabeça e pegar um bronze? –sugeriu Tina e eu apenas dei ombros.

- Eu topo, to doido para ver aqueles bofes sem camisa! Ui! –Fingiu um arrepio nos fazendo rir.

- Já disse que te amo? –Perguntou Tina agarrando o braço dele.

- Sim, é sempre bom ouvir de novo –sorriu convencido. – Jan você vai levar sua prancha né?

- Obvio! Faz muito tempo que eu não pego uma onda e tenho que matar a saudades do mar! –Meu sorriso desmanchou assim que eu senti seu perfume se rescendia perto de nós.

- Cuidado Jane! Assim pode espantar os peixes se cair da prancha –debochou Jake, O garoto mais insuportável, irritante e arrogante de toda escola. Ele riu junto com seus amigos passando perto da gente, mas ele fez questão de parar e ficar me encarando debochadamente.

- Eu não lembro de te chamar na conversa –fiz uma cara pensativa ouvindo os murmúrios dos amiguinhos dele.

- Eu não preciso da sua autorização –rebateu dando ombros e cruzando os braços em seguida.

- Por que você não vai tomar no –eu ia terminar a frase, mas Fer tampou minha boca.

- Miga, chega! Não vale a pena gastar tempo com esse aí, Vamos –ele me tirou dali junto com a Tina, não evitei de lançar meu olhar de ódio para o Jake e ele fez o mesmo.

---

- Eu não entendo, vocês eram tão amigos na infância e do dia para noite começam a trocar farpas e se odiar! –Disse Tina virando a chave na ignição.

- Falou certo, éramos no passado. Minha vez de escolher a playlist –falei mudando de assunto e mudando as músicas no som do carro.

- E de novo, você muda o assunto –resmungou Fernando no banco de tras mas não dei a mínima.

- Tem Guns, Taylor Swift ou The Beatles? –Nos entreolhamos como se fosse obvio.

- Beatles! –Dissemos em uníssimos.

Estava tocando Here Comes The Sun mas não estava cantando igual aos dois escandalosos aqui pois minha cabeça estava em outro lugar.

[ - Flashback On- ]

Era meu primeiro dia naquela escola, não conhecia ninguém. Estava nervosa e ao entrar na minha sala vi que tinha os grupinhos formados, tinha umas garotas com suas bonecas e roupas rosas (o que me fez ter enjoou por detestar rosa) e os garotos com seus carrinhos de brinquedo. As carteiras estavam em duplas, todas ocupadas menos uma, que tinha um menino de cabelos castanhos em um topete e um tanto bagunçados provavelmente tinha a mesma idade que eu, 8.

- Oi –eu não conseguia nem ouvir minha voz por conta da timidez. – Posso me sentar aqui?

O garoto que estava olhando para a lousa pensativo se virou para mim com um sorriso de covinhas.

- Pode, claro! –Disse tirando sua mochila da cadeira murmurei um ‘’obrigada’’ e ele sorriu de volta. – Qual é o seu nome?

- Jane, Jane Dewan e o seu? –Estendi a mão com medo dele recusar, mas o mesmo pegou minha mão.

- Jake, Jake Stone, prazer! –Sorriu de uma forma meiga e ficamos nos encarando trocando sorrisos.

[ -Flashback Off- ]

- Entregue! –disse Tina me acordando do devaneio.

- Até daqui a pouco, baby! –Acrescentou Fer acenando. ~

- Até! –sai do carro entrando em casa em seguida.

Não precisei andar pela casa para encontrar os meus pais já que os mesmos estavam na sala, meu pai ao celular e minha mãe mexendo no notebook.

- Filha –exclamou feliz ao ouvir eu fechar a porta e desmanchou o sorriso ao me ver que fez até uma cara de nojo. – Não me diga que você foi assim para escola?

- Fui, qual o problema? –Perguntei franzindo o cenho e me olhei no espelho. Tinha uma garota de cabelos longos ruivos, um pouco ondulados e bagunçados, olhos azuis com lápis preto, piercing no nariz e uma argola na orelha esquerda, magra porem não aquelas magra vara-pau.

- Filha, você deve se vestir como uma garota! Olha esse cabelo, você penteou hoje? Cade a make, esse lápis no olho não é nada. Filha sua mãe é uma atriz famosa, imagina o mico que eu –engoliu seco. – Quero dizer nós íamos pagar se alguns paparazzi te vissem assim?

- E eu sou de ligar para eles, Mãe? Você e o papai são famosos e não eu –bufei cruzando os braços.

- Mas poderia ser, você e sua irmã, deveria seguir o exemplo da Chloe. –Revirei os olhos por ela sempre querer que eu ‘’siga o exemplo’’.

- Mãe, ela sempre quis isso já eu não! –Disse pela milésima vez a mesma coisa.

- A comida está na mesa –disse Thereza, uma das nossas empregadas e digamos a anfitriã, me tirando daquela conversa ‘’agradável’’.

- Vá chamar sua irmã!


Notas Finais


Eai o que me diz?..
:3 espero que tenha gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...