1. Spirit Fanfics >
  2. Thieves Of The Sea - Imagine Jungkook >
  3. Capítulo 2

História Thieves Of The Sea - Imagine Jungkook - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Mais um capítulo. Aproveitem a leituraaa.

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Thieves Of The Sea - Imagine Jungkook - Capítulo 2 - Capítulo 2

        1704 Reino Berthold - Europa



-Mamaaaa o que é isso? Quem são eles  

- Sua tia Carmilla os encontrou, eles estavam sozinhos e com fome.

-precisam de um belo de um banho caprichado também kkkkkkk. Vamos meninos vou preparar o banho de vcs. *disse tia carmilla os levando e ficando na cozinha s/n e sua mãe*



- Mamãe eles vão ser tipo meus irmãos?
- kkkkk não s/n, eles vão ser tipo seus primos.
- aah entendi mamãe, que bom que agora vou ter com quem brincar ebaaaa *falei toda animada. Estava feliz pq agora iria ter companhia*


Autora on

-siiim meu bebê, aah e vc tambem precisa banhar mocinha kkkkkkkk *falava a mãe de s/n enquanto a fazia cócegas e a pequena ria muito*


Horas antes POV Carmilla


Estava eu no campo. As macieiras estavam carregadas e suas maçãs doces e prontas para serem colhidas. Com uma cesta vou colhendo e colocando-as dentro. A cesta estava quase cheia quando ouço uns passos e umas vozes falando meio de longe e paro pra ouvir.

- aah Freya para de ser chata menina insuportável, só vivo com vc pq é minha irmã *ouço uma voz masculina, vinha de uma criança*

- Para Tae, tem gente q mora aqui idiota, para de falar alto* falava agora uma voz feminina e de criança tbm*
- Tae vc nn acha que deveriamos parar de roubar comida do campo? Roubar é feio e as comidas são de quem mora aqui e provavelmente eles vendem a plantações.
- Para Freya, sabe q a gnt sempre viveu assim, não temos pais e nem trabalhamos, não  temos lugar pra morar nem nada e vc acha q vamos sobreviver como? *o garoto parecia prestes a chorar e a menina tbm. E eu tbm...eles são crianças e vivem nessa situação mds. Se o Reino berthold descobre essas crianças roubando não ia dar em boa coisa. Penso no que fazer a respeito e acabo indo ate eles*

- Oi pequenos oque fazem por aqui?
- Eu disse pra vc Taehyung agora estamos lascados sabe lá oq vao fazer com a gnt!!!! * a menina estava eufórica, com medo*
-C-calma eu me chamo Carmilla e moro aqui nessa casa do campo, sem querer eu escutei as conversa de vcs e eu nn pude deixar de nn fazer algo a respeito. Queria convidar vcs a morarem comigo oque acham? *perguntei simpática, vejo a Freya olhar pra taehyung como se tivesse o perguntando oq fariam e ele simplesmente só assente com a cabeça como um sim.*

- Vamos.* fala freya simpática  tbm e rindo*


Eu abro a porta e deixo eles entrarem, Angela minha irmã mais velha estava na sala. Conto oq havia acontecido a Angela e logo vejo s/n correndo do quarto pra sala.


- Mamaaaa o que é isso? Quem são eles?
- Sua tia Carmilla os encontrou, eles estavam sozinhos e com fome.
-precisam de um belo de um banho caprichado também kkkkkkk. Vamos meninos vou preparar o banho de vcs. *eu disse brincalhona*

Bom vcs ja sabem meu nome é Carmilla eu tenho 23 anos e não eu não tenho um namorado e na vdd eu nunca namorei. Eu trabalho nas barracas vendendo especiarias no beco aberto que fica um pouco antes da entrada do Reino Real Berthold. Eu que nunca namorei mt menos sou casada meio que adotei aquelas crianças kkkkkkkk sendo mãe  assim do nada me traz felicidade e ao msm tempo desespero mas logo fico aliviada ja que Angela pode ajudar né.
Estavamos no banheiro, freya e tae estavam banhando na banheira. E eu estava os ajudando.

- meninos eu só sei o nome de vcs, queria que me falassem mais sobre vcs?* perguntei um pouco curiosa ja que eu nao sabia de fato oque havia acontecido com eles*
- Freya e eu somos gêmeos. *fico realmente chocada, eu nunca imaginaria, a semelhança e tão pouca, imperceptível*
- Temos 11 anos de idade.
- Fomos meio que abandonados pelos nossos pais.
- E viemos parar aqui nesse Reino . *falaram como se um completasse o outro. Coisa de gêmeos? Kkkkkk talvez*
- Como viveram esse tempo todo sem que ninguem os notassem?
- Eu e Tae viemos com 4 anos de idade, não  me gabando mas eu sempre fui inteligente ja o Tae
Não  preciso nem comentar kkkkkk . Foi tipo por mim que vivemos ate hj. Eu ja sacava que quando as pessoas nos viam nos olhavam com cara de nojo, nos menosprezando e ate ja chegamos a apanhar...teve um certo dia que corremos e fomos parar num lugar que tinha muita gente mt msm, tava uma bagunça, algazarra kkk, como eramos mt pequenos não conseguiamos ver nada, fomos mais em frente passando por todas aquelas pessoas até nos depararmos com uma estrutura de madeira...
- G-guilhotina???? *fiquei arrepiada*
- Sim... *seu semblante era triste sinto que Freya quer chorar* aasim que olhamos pra cima aquela lamina decepava a cabeça de um homem lá e todos começaram a gritar pareciam comemora, ja eu e Tae nos olhamos assustados e corremos de lá o mais longe possivel ate que chegamos aqui e vcs nos pegaram. *eu fiquei traumatizada de ouvir a história deles mds*
- E foi ai que Freya ativou sua inteligência e viu que nao era seguro vivermos por aqui kkk.
- Nossa eu nao sei nem oque falar...
- Nao precisa dizer nada...eu entendo como esteja se sentindo.
-C-carmilla?
- O que foi tae?
- posso te perguntar uma coisa? *ele parecia sem jeito e suas bochechas estavam um pouco coradas*
- é claro que sim.
- P-podemos te chamar de mãe?

Eu fiquei sem reação, era como se essa pergunta apertasse meu coração e ao msm tempo eu fiquei feliz com a ideia, mas eu nao esperava isso deles assim logo de cara

-Claro * eu respondi meia sem jeito e acabo levando um susto quando eles me abraçam quase me derrubando, quando senti o calor de seus abraços me lembrei dos braços reconfortantes de mamãe e eles me lembravam eu e minha irmã, a msm cena, nós duas banhando e abraçando a mamãe. Sem querer eu me emociono.
- Você sempre quis ser mãe? *Freya me perguntou quando viu meus olhos molhados*
-Na vdd sim mas eu me emocionei pq lembrei da minha mãe  kkkkk *no fim a gnt riu*
- mas mãe e nosso pai? * Tae pergunta pra mim, eu fiquei pasma quando o escutei perguntando e rindo*
- Eu não tenho marido então se contentem em ter somente a mim e sua tia e seu tio kkkkkkkkkk
*rimos*
- e o nosso tio, não o vimos ainda?
- Ele ta trabalhando, ele trabalha como guarda nos portões do Reino.
-Uiii kkkkkkk
-kkkkkkk ele batalhou bastante pra conquistar aquele emprego, ele é tao feliz pq consegue nos sustentar quando nossa mercadoria não lucra ou o solo ta pouco fértil ou não tem chuva.
- o tio parece ser forte kkkkk
- e é, ele é alto e musculoso, não exagerado mas notável Kkkkkk.

Tirei eles do banho, vesti eles. Estavamos na sala até que Alaric chega com sacolas. Provavelmente passou na feira e comprou.

- Cheguei. * ele se vira surpreso pela presença de duas pessouinhas de carinhas estranhas* 

-Antes que pergunte eu sou a Freya e esse aqui é o Tae, a gnt é irmão e a Carmilla, nossa nova mãe nos adotou *falou freya, estou impressionada o quanto ela é esperta e fofa* 

- Uh pera mt informação. Eu e Angela tios e Carmilla mãe. Meu Deus mas vc nem tem Marido Carmilla kkkkkkkkk *falo rindo estético, Alaric era um bom homem, ele é engraçado, legal, romântico e adora crianças. O homem perfeito pra qualquer mulher. Sim isso me doeu pq queria um homem assim pra mim e não  jamais eu tive qualquer interesse nele gnt.*

- Álias eu trouxe pão e leite. *fala sacodindo as sacolas* 

- Ebaa *fala freya e tae juntos fazendo todos rir* 

- s/n acaba indo pro quarto batendo a porta. 

- oque houve com ela? *perguntou tae sem entender a ação da menina*

- Eu aposto em ser ciúmes gnt... 

-Precisamos falar com ela *falou Alaric indo ate lá e os outros logo em seguida* 

                  POV Alaric

-s/n? * bati na porta e a chamei*

-eu que ficar sozinha papai...


Notas Finais


Tão novinha e tão bravinha jkkkkkk
Bjs 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...