História Thundercats - Segunda Temporada - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias ThunderCats
Personagens Personagens Originais
Tags Aventura, Cheetara, Lion O, Mumm-ra, Phantro, Pumyra, Segunda Temporada, Thundercats 2011, Tygra, Willykat, Willykit
Visualizações 15
Palavras 1.494
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Esse capítulo será de um esquema diferente: quando tiver esse símbolo---> *
Quer dizer que tem que reproduzir a música que o link está nas notas finais (pois o spirit não deixa colocar links nas notas iniciais ;-;).
Quando tiver esse símbolo---> **
Quer dizer que tem que parar a música.
Tive essa idéia ao escutar essa música que deixei o link para vocês. Eu senti que ela devia ser posta em um clima tenso dos meus capítulos e resolvi colocar nesse capítulo de hoje. Sério, escutem ela obedecendo esses sinais. Vão amar ela e a tradução dela (caso queiram procurar a tradução no tio google kkkk mas pelo que me lembro nesse mesmo link tem a tradução da música em espanhol) :3

Capítulo 18 - Safari Joe, Parte 2 - I


       

       No episódio anterior de Thundercats...

       (N/A: Como sinto falta do Lion-o falando essa frase em cada continuação de episódios ;u:)

 

 

      "As donzelas guerreiras devem ser muito feias"

      "Amigo ou inimigo?"

      "Somos amigos, somos thundercats."

      "Falas a verdade então. Descansem por aqui"

      "Assim será mais uma vez Safari Joe ataca de novo"

      "Estamos criando o Código de Thundera"

      "Que tal Justiça, Verdade, Honra e Lealdade?"

      "Perfeito. Amanhã mesmo falarei sobre isso com os outros Thundercats. "

      "Mamãe, é mesmo você?"

      "Não é truque de ninguém e sim sou eu, Safari Joe, o caçador intergalatico."

      "Pegaram a Leona também?"

 

       Tygra observava atentamente a gaiola de Leona. Ela está chorando, e isso era algo que ele odiava ver nela: lágrimas. Ele não sabia o porque. Ele sempre era o tipo de gato que não se importava se uma gata estava chorando ou não. Mas com ela, era completamente diferente. Mas por que ela não se defendia? A resposta para isso estava diante de seus olhos. Seu arco e flecha estavam quebrados ao meio. Estava desarmada.

 

- Lion-o...por favor, me salva... - Dizia Leona, quieta, entre lágrimas silenciosas.

Ele odiou ver que ela chamava o nome de seu irmão com tanta esperança. Estava certo de que ele perdeu duas mulheres, mas pelo menos ele tinha a atenção do pai, de todos, a espada, a coroa...tudo o que devia pertencer a ele, Lion-o pegou. E aquela mulher devia ser dele, mas ele sabia que não deveria insistir. Ele inclusive se lembrou do dia em que ele e Leona discutiram de tarde antes de eles pararem nas grades de Safari Joe.

FLASHBACK ON.

Tygra tinha visto Leona sozinha, e mais calma. Ela simplesmente queria ficar um pouco só com seus pensamentos pra deixar seu noivo e Willa discutirem em paz sobre eles e a missão deles. Aquela era uma oportunidade perfeita para se declarar logo a ela.

- Leona...eu...tenho que falar algo pra você. - Dizia Tygra, meio gaguejante e se aproximando cada vez mais da princesa.

- Ah...oi Tygra...diga-me. - Dizia Leona, dando um belo sorriso para ele e esperando ele falar algo.

Sim, ela estava realmente de bom humor. E isso era perfeito.

- Eu...não consigo parar de pensar em você e...sei que estou com Cheetara. Mas o que...sinto por ela e sinto por você...são completamente diferentes...eu...eu te amo. - Dizia Tygra, ainda meio gaguejante e com a cabeça baixa.

Após ele ter dito isso, a expressão feliz dela mudou para uma expressão totalmente séria.

 

- E mais uma vez você querendo roubar algo de seu irmão... - Dizia Leona, com sua expressão que ocultava seu olhar e um tom de voz bem sério.

- O que você está quere...Leona? - Dizia Tygra e logo notando o olhar dela naquele momento para isso.

*

Uma sombra cobria os belos olhos dela, mas podia-se ver lágrimas sem parar saindo dela.

- Você não sente pena do seu irmão? O que ele te fez de tão errado além de não ter culpa de ter nascido e o pai dele empurrar para ele um cargo de rei que ele queria que você tivesse pois ele nunca quis ser rei? Me diga...ME DIGAAA!! - Dizia Leona com seu tom de voz séria e cerrando seus punhos com ódio.

Tygra havia ficado em silêncio. Ele apenas foi se declarar mas, ele só arrancou o belo sorriso dela. Ele realmente tinha esse poder de arrancar o belo sorriso de alguém que ele ama?

- Sabe...Lion-o me contou que quando ele era filhote, ele gostava tanto de você. E ele queria ser como você. Ele te amava como o irmão que você não merece ser chamado como tal. Mas não se preocupe. O amor dele não vai mais te atrapalhar. Ele te odeia agora. Assim como ele...eu também digo algo... - Ainda com seu tom de voz sério, Leona contava a ele o que Lion-o havia revelado do passado dele com a insistência de Leona.

Não...ela iria falar aquelas famosas palavras que ele tanto temia escutar de uma garota que amasse? Não poderia ser possível. Ele agora podia ver que a sombra não mais cobria os olhos da princesa.

- EU TE ODEIO, TYGRA!! ODEIO VOCÊ E SUA EXISTÊNCIA NESSE MUNDO!! - Gritava Leona num misto de tristeza e ódio.

Sim, foi possível. Ele tinha certeza de ter escutado seu coração ser destruído como vidro. Aquelas palavras foram como um golpe mortal em seu coração. Ele nunca recebeu um "eu te odeio" nem mesmo do próprio irmão mais novo.

- Entendo...então...irei sumir de sua vista, mas ainda seguirei o rei como um soldado. - Dizia Tygra, se retirando da vista dela, fazendo o que sua "futura rainha ordenou".

- Evapore, cobra de Mumm-ra... - Dizia ela, o olhando com desprezo e virando seu olhar para outro canto.

Além desse eu te odeio, também tinha esse costume da Leona de o sempre lembrar do evento de um milênio atrás de seus antepassados. Isso era outro fator que o fez concluir uma coisa: Não adianta crescer, mostrar lealdade ao seu rei, mostrar amor a sua rainha, quando você ama ela, mas ela odeia os tigres. Ela sempre vai o olhar de forma odiosa, como se você fosse o monstro e ela a criança com medo do monstro.

 

FLASHBACK OFF.

Tygra tinha apenas virado a cara. Não adiantava mais a olhar, não podia mais a admirar. Seu pai sempre dizia que o que é bonito era para ser visto, mas no caso da Leona, ela era bonita, mas não podia ser vista.

**

- Como se sentem em suas gaiolas, meus caros felinos? - Perguntava Safari Joe para eles, rindo do sucesso de sua caça.

- Espere até o Lion-o chegar, seu humano feioso e nojento. - Dizia Leona, olhando ele com um misto de medo e um pouco de coragem.

- Minha cara dama...ele vai chegar, mas se juntando a você. Não é mesmo, Mule? - Dizia ele erguendo o queixo de Leona, fazendo ela desviar o olhar dele, e ele olhava para seu ajudante robô.

- Isso não será possível. Lion-o é mais esperto e ele chegará em nenhuma gaiola. - Dizia Willykit, que havia se acordado após estar cansada de tanto esperar Lion-o.

- A gatinha menor acordou? Que alegria, achei que tivesse morrido. - Dizia Safari Joe, indo em direção à ela e olhando para ela como uma criança com pensamentos sádicos olha para um brinquedo.

Enquanto isso, com Lion-o. Ele estava com Willa e Nayda, que estavam procurando pelos quatro desaparecidos junto de Lion-o.

- Estranho, não encontro Leona, Tygra ou os gêmeos. - Dizia Lion-o, após ter procurado muito pelos quatro sumidos.

Do nada, Snarf chega com algo e sua boca e cutuca o Lion-o com o objeto.

- Snarf, o que faz com o bloco de notas da Leona? - Pergunta Lion-o, após arrancar o bloco da boca do Snarf.

Ao pegar o bloco, ele notou que ela havia anotado algo, mas que depois foi borrado, como se alguém tivesse a sequestrado e ela tivesse dado um risco sem querer nas anotações. Então ele deu uma rápida cheirada no bloco. Tinha cheiro de humano, mas também cheiro de metal*.

 

- Engraçado. Tem cheiro de humano, mas também cheiro de metal. - Dizia Lion-o, após sentir o cheiro do bloco que estava com Snarf.

- Metal e humano? Acho que sei o que pode ser. - Pensava um pouco Nayda, até virar seu rosto para Lion-o.

- O que sabe disso, Nayda? - Perguntava Willa para a sua irmã.

- Existe um humano como nós que é um caçador intergaláctico chamado Safari Joe. E o tal robô é o ajudante dele chamado Mule. Ambos os dois vêem para essas terras à procura de gatos para seu entretenimento. - Respondia Nayda, explicando tudo para eles.

- Parece que existe mais humanos na Terceira Terra do que pensávamos. - Dizia Lion-o, em um tom meio surpreso.

- Todos os humanos estão espalhados pela Terceira Terra. Pelo que sei, tem um em Nihon** também. - Dizia Nayda para o Lion-o, rindo um pouco.

- Em Nihon? Nunca fui pra Nihon. Me conte mais. - Dizia Lion-o, em um tom meio curioso para as duas irmãs.

- Nihon antigamente se chamava Japão, mas devido à invasão de Mumm-ra à Terceira Terra e os tigres terem invadido essas terras, o nome Japão nunca mais existiu. Apenas...Nihon ficou no lugar. Hoje ele é conhecido como "Nihon, o reino abandonado". Acho que deve ter alguém lá pelo que uma das donzelas me falou. - Explicava Willa detalhadamente para o jovem rei dos gatos.

- Eu também ouvi falar desse humano. Ele se chama Hachiman. - Dizia uma das amazonas, que se chamava Kahla, que estava atrás da Willa.

- Tudo bem, mas o que interessa agora é procurar esse tal Safari Joe. - Dizia Lion-o, com uma expressão séria, olhando para a sua espada. Ele estava disposto a descobrir onde Safari Joe escondeu todos eles.

 

 

CONTINUA NA PARTE 4...

 

 

 


Notas Finais


link da musica: https://youtu.be/KsQ2_E5dIqY

* - Sim, o Lion-o pode sentir cheiros. Como sei disso? Aquele episódio de quando Lion-o morreu pela primeira vez e uma das provas dele era de encontrar a chave certa "enxergando" com seu focinho é o porque usei essa mesma tática do focinho com esse capítulo. Haha...aposto que metade nem se lembrava do faro kkkk

** - Nihon (日本) vem de "Nihongo (日本語)". Sendo que Nihon significa a palavra "Japão" em japonês e nihongo significa a palavra "japonês" em japonês. Pros curiosos brs, Brasil em japonês é Burajiru (ブラジル) e brasileiro em japonês é burajiruhito (ブラジル人) kkkkk abençoada seja minha professora de japonês que me ensinou várias coisas.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...