História Tick-Tock - Capítulo 25


Escrita por: ~ e ~HIgh_Ujung

Postado
Categorias Cosmic Girls, IKON, Monsta X, Oh My Girl, Red Velvet, TWICE
Personagens Bona, Chaeyoung, Cheng Xiao, Dawon, Dayoung, Donghyuk, Eunseo, Exy, Hyung Won, I'M, JinE, Joo Heon, Ki Hyun, Luda, Mei Qi, Min Hyuk, Mina, Personagens Originais, Seola, Show Nu, Soobin, Wendy, Won Ho, Xuan Yi, Yeonjung, Yeoreum
Tags Boxuan, Ikon, Monsta X, Red Velvet, Sewoon, Showki, Twice, Wjsn, Yteen
Visualizações 35
Palavras 1.115
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, FemmeSlash, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Slash, Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoal!
Como estão? Voltei com mais um capítulo narrado pelas personagens e com novas aparições. Espero que gostem.

Boa leitura ;)

Capítulo 25 - Festa?


Fanfic / Fanfiction Tick-Tock - Capítulo 25 - Festa?

Joongsung

Finalmente era sexta-feira, eu estava esperando esse dia há algum tempo. Alguns familiares tinham combinado de visitar meus avós e felizmente Chan e eu não iríamos para a cidade dos meus avós.

O dia havia começado com nuvens espessas no céu e pouca luz do sol, provavelmente seria mais um dia chato e monótono, se não fosse por Chan e seus amigos atacando a escola.

Estávamos Chengxiao, Meiqi, Eunseo e eu descendo as escadas com as coisas que a professora pediu para buscarmos quando o sinal tocou e nos avisou que era hora do intervalo. Assim que o sinal parou ouvi o barulho dos alunos descendo as escadas rumo ao refeitório e por cima desse barulho vinha algo conhecido. Eram as vozes de Chan, Wonho e seus amigos, eles estavam gritando coisas incompreensíveis.

— O que é aquilo? — ouvi Eunseo dizer e logo acompanhei seu olhar.

Várias folhas de papel desciam pelo ar no meio da escadaria, parecia que alguém no último andar havia jogado os papeis para que todo mundo visse.

No meio do caos de pessoas pegando papéis e comentando o que liam alguém me cutucou, quando olhei para o lado vi Chan e seus quatro companheiros, eles sorriam que nem loucos e tinham várias pilhas de papel nas mãos.

— Olá senhoritas — Chan vez uma reverência dramática — esperamos vocês lá.

Ele nos entregou os papéis e saiu correndo com os amigos.

— Unnie já te disse que seu irmão é meio doido? — Eunseo comentou observando o grupo sumir.

— Várias vezes — respondi.

Nós terminamos de fazer nossa tarefa antes de começar a comentar sobre o que os papéis falavam.

Luda

— Uma festa? — perguntei para ninguém em especial.

Dawon, Sewoon, Mina, Donghyuk e eu estávamos sentados juntos em uma mesa da biblioteca. Era hora do intervalo, mas nós preferimos sempre ficar por ali que era mais calmo.

— É o que diz aqui — Sewoon disse.

O garoto que parecia aquele desenho Ponyo estava me mostrando a folha que Kihyun havia nos dado.

— Quando vai ser? — nossa amiga japonesa Mina perguntou.

— Hoje mesmo — Donghyuk respondeu — o que vocês acham de ir?

— Mas e a festa de aniversário da Luda? — Dawon questionou — não podemos esquecer.

Dawon e os outros me encaravam esperando uma resposta já que o aniversário era meu, tudo bem que essa festa seria na sexta-feira e a minha festa seria no sábado, mas era algo para se pensar.

— Acho que não faria mal ir em duas festas no mesmo fim de semana — eu disse por fim.

— Combinado então — Donghyuk disse — acho que aquelas garotas da sexta série vão também.

Ele se referia ao grupo de amigas da irmã do Chan, no momento as quatro moravam ali no condomínio onde seria a festa, inclusive Joongsung que era uma das anfitriãs da casa.

Confesso que fiquei animada com a possibilidade de conhecer mais as novas vizinhas chinesas.

Durante alguns minutos nós nos distraímos dos livros para comentar sobre a festa até Dawon se lembrar de Soobin.

— Vou procurar ela para ver se ela vai querer ir — Dawon dizia enquanto ia se levantando para ir atrás da namorada.

I.M

Já era a hora da saída, Dawon estava se despedindo de nós e planejando as coisas sobre a tal festa de uns garotos doidos do terceiro ano.

Mais tarde nós já estávamos a caminho de casa. Dayoung, Yeoreum e Yeonjung não sabiam se iriam para a festa, eu achei engraçado elas tão novas querendo ir para esses eventos.

Naquele dia eu havia descoberto que o garoto da sétima série era amigo de Dawon e acabei fazendo amizade com ele, então hoje ele estava indo com nosso grupo.

Também havia um outro garoto seguindo pelo mesmo caminho.

— É o Jooheon do primeiro ano.

— Ele trabalha na cafeteria que tem perto da escola.

— Meninas como vocês podem saber tudo sobre a vida dele? — Soobin indagou.

— Nós sabemos de tudo unnie.

O garoto estava com grandes fones de ouvido e de vez em quando batucava nas pernas, provavelmente no ritmo das músicas. Jooheon era meio sombrio e às vezes parecia estar prestando atenção no nosso grupinho.

Mais tarde quando todo mundo já havia seguido seu caminho apenas Jooheon e eu continuamos andando pela mesma rua, quando parei na frente de casa e procurava minhas chaves senti alguém me cutucando.

— Ah, oi — eu disse meio assustado por virar e dar de cara com Jooheon.

— Oi — ele disse de volta — então é você que está morando aqui — ele apontou para minha casa.

— Sim, sou eu — respondi achando meio estranha a conversa.

— Me perdoe esqueci de me apresentar, sou Jooheon — ele disse estendendo uma mão.

— Sou Changkyun — respondi cumprimentando ele.

— No começo da semana eu tava dando um passeio pelo bairro e vi que tinha gente nova se mudando para essa casa — ele sorriu — só queria saber quem era.

— Bem, sou eu — ri de nervoso — Você mora por aqui?

— Moro na rua de trás — ele olhou para o relógio e fez uma careta — estou atrasado para uma coisa, mas antes de ir queria perguntar algo.

— Fique a vontade.

— Você se importaria se eu fosse com você para a escola? — ele riu — esse caminho é meio solitário.

— Ah, tudo bem, se você não se importar de andar com meu grupo.

— Vai ser legal — ele disse se afastando — te vejo outra hora, tchau Chankyung.

— Tchau.

Dayoung

A cena era até engraçada, eu estava no banco do carona no carro do meu pai e no banco de trás estavam Yeoreum, Yeonjung e Chaeyoung. Nossos pais haviam permitido que fossemos para a festa que dariam naquela noite.

Dawon estava na entrada do condomínio com Soobin, I.M, Donghyuk e impossível que aquele era o Jooheon. Eu não sabia como ele havia se juntado ao grupo, mas lá estava ele.

Depois que meu pai fez um discurso sobre coisas que não se pode fazer nas festas ele finalmente foi embora e nos deixou ali com nossos amigos.

Nós haviamos chegado cedo para ir na casa da Luda antes de ir para a festa. Enquanto nós entrávamos no condomínio Jooheon ficou lá fora esperando seus amigos.

Parecia até que a festa seria na casa de Luda, havia muita gente reunida na casa dela, inclusive umas pessoas desconhecidas.

Luda nos apresentou, eram Joongsung, Meiqi, Eunseo, Chengxiao, Sewoon e Mina.

— Parece que a festa vai ser aqui — Joongsung comentou.

As garotas inventaram de terminar de se arrumar no quarto de Luda, então os três garotos ficaram jogados no sofá esperando, nós não demoramos muito, algumas foram só fazer maquiagem.

Mais tarde naquela noite nós finalmente saímos da casa de Luda e fomos até a casa de Joongsung onde já havia muita gente entrando para curtir aquela noite de sexta-feira feira.


Notas Finais


Então foi isso. Se vocês gostaram não esqueçam de favoritar, compartilhar com os amigos e comentar. Até a próxima.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...