História To the Sea - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Moana: Um Mar de Aventuras
Personagens Maui, Moana Waialiki, Personagens Originais
Tags Amor, Aventura, Drama, Maui, Moana, Romance
Visualizações 122
Palavras 1.216
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Aaaaaahhhhh eu aqui galera, novamente com minhas putaria da vida, porque eu gosto.

Capítulo 6 - You make me crazy


Fanfic / Fanfiction To the Sea - Capítulo 6 - You make me crazy

Moana correu na direção de Maui se jogando em seus braços e ele a apertou surpreso.

-O que está fazendo aqui ? Porque não está em casa?- Ele perguntou com ela ainda o apertando.

-Eu... Eu não tenho mais casa- Ela disse segurando as lágrimas.- Alguém contou a meu pai sobre termos saído e eles... Eles deduziram que eu estava sujando o nome da nossa família.

-Como assim? Quem nos viu naquela praia fora Natomo?

-Eu não sei... Mas eles só sabem que eu estive com alguém, eu não disse quem era. 

-Por que?

-Porque eles saberiam te encontrar, e eu não quero que façam isso. Quero ir pra bem longe disso, com você.- Maui sorriu sentindo seu coração aquecer e então colocou a menina no chão a soltando do abraço.

-Eu tenho um presente pra você Moana.

- O que é?- Ela perguntou curiosa e ele apenas sorriu.

- Você vai ver. Vamos, pegue seu barco.- Ele disse indo em direção a embarcação e a puxando pelo braço.

-Mas e a sua casa? O que houve com ela?- Moana perguntava curiosa.

-Isso não importa agora. Vem vamos logo.

Eles subiram no barco e seguiram viagem.

- Ue. Você tá montando um zoológico é?-Maui perguntou quando o porquinho passou por baixo de suas pernas sendo seguido por um galinho maluco.

-Ah eu não acredito. Esse galo é o melhor clandestino do mundo. Não acredito que não vi ele entrar no barco de novo!- Moana disse se sentindo cansada.

-Vamos come-los?- Maui perguntou animado.

-Não! Tá louco? São meus amigos.

- É você é com certeza a pessoa mais solitária que eu já vi na vida. E olha que eu já tenho mais de um milênio. 

 -Hahaha, engraçadinho.- Maui se sentou encostado na vela do barco puxando Moana, a fazendo se sentar em seu colo.

Ele rodeou seus braços ao redor da cintura dela, ela o abraçou e fechou os olhos se encostando em seu peito.

***

- Maui! Me deixa ver!- Ela inssisti enquanto Maui tampava seus olhos a guiando pela ilha.

-Não, é uma surpresa.- Moana bufou desistindo. Após alguns tropeços e uma ou duas quedas, Maui conseguiu colocar Moana de frente a casa , finalmente retirando sua venda.

Moana sentiu o ar de seus pulmões faltar, a cabana a sua frente era maior do que qualquer uma que ela já tenha visto, era enorme e em volta totalmente rodeada por flores.

- Como...?- Ela perguntou e Maui sorriu.

-Fiz pensando em você... 

Moana entrou na cabana ficando ainda mais feliz, era alta e tinha muitas janelas fazendo o local ficar muito bem iluminado. 

- Eu deixei alguns espaços caso você quetia, sei lá, decorar.

- Como sabia que eu viria?- Ela perguntou passeando seus olhos por todo o lugar.

-Eu não sabia, mas eu queria que tivéssemos um lugar especial para quando estivessimos juntos.

- É a mesma cama ?- Moana perguntou observando a cama que estava exatamente como naquela manhã.

-Sim. Não vi motivos para trocar. Pelo contrário, ela me trás boas lembranças.- Maui disse abraçando a menina por trás.

-Maui...-Ela disse com uma voz manhosa enquanto aperta os braços do semi-Deus.- Eu...

- Relaxa... - Ele disse no ouvido da menina.

Moana se virou olhando nos olhos de Maui, levou duas duas mãos ao rosto dele o beijando de forma calma. Maui segurou as pernas da menina a  segurando em seu colo com as pernas em volta de sua cintura, ele a levou para a cama a pondo deitada na mesma, e então se afastou para retirar o top que cobria deus seios, ele segurou os dois observando o rosto de Moana, seus olhos repletos de luxúria e desejo.

Moana se levantou fazendo Maui se deitar enquanto dava selinhos, juntando toda a coragem que ela tinha pra por sua vergonha de lado ela desceu beijando cada músculo de Maui e retirou a unica peça de roupa do semi-Deus dando de cara com seu membro duro.

Aí meu Deus. O que eu faço? O que eu faço? 

Não era como se ela fosse profissional naquilo, nunca tinha nem se quer visto aquilo. Mas ela decidiu que não daria para trás, ela se lembrava do que ele havia feito e queria retribuir. Sendo sincera consigo mesma ela nunca teve tais desejos ou curiosidades antes de conhecer Maui, mas desde que pós os olhos nele era como se algo dentro dela tivesse acordado.

Sem demorar muito ela o segurou com as duas mãos subindo e descendo olhando fixamente para o membro pulsante ficando vermelha assim que viu o olhar de Maui sobre ela. Ela fechou os olhos e o colocou em sua boca colocando metade em sua boca e a outra metade ela movimentava com sua mão.

Maui segurou os cabelos de Moana para tira-los do rosto da menina, ele queria ver o rosto dela, vê-la engolindo seu pau era uma visão mais que excitante. Moana conseguiu causar em Maui coisas que nenhuma mulher causou em milênios. Talvez fosse seu jeito tímido e inexperiente, aquilo que a deixava mais sexy que qualquer outra. 

Maui gemeu baixo e Moana começou a ir acelerando o ritimo o sugando com cada vez mais força.

-Moana eu...- Ele disse tentando puxa-la pelo cabelo mas ela o afundou ainda mais em sua boca sentindo um líquido quente encher sua boca. Sem saber o que fazer ela engoliu e continuou a chupar notando que ele ainda estava duro.

Maui a puxou pelo cabelo a fazendo de levantar e encara-lo, ela estava mordendo o lábio e Maui sorriu.

Quando foi que ela ficou tão soltinha?

Ele a beijou com desejo e carinho, ele separou seus labios do dela a fazendo ficar de quatro e então ele arrancou a saia da menina tendi a visão deslumbrante de sua bunda morena, ele se debruçou sobre ela deixando uma trilha de mordidas e chupões de seu pescoço até sua bunda onde ele mordeu um lado de sua bunda antes de se erguer dando-lhe um tapa forte vendo Moana gemer, e então  a penetrou devagar e com cudiado. Ele iniciou com movimentos lentos ouvindos os gemidos manhosos de Moana,a garota se deitou na cama afundando seu rosto no lençól deixando apenas sua bunda empinada.

-Maui...- A menina gemeu com a voz rouca empurrando sua bunda contra a cintura de Maui.

Ele segurou o quadril de Moana e começou a penetra-la rápido e com força e então eles começaram a gemer e a suspirar alto. Maui deu mais um tapa em Moana que gemeu alto sentindo sua pele arder e automaticamente começou a rebolar sem nem saber o que estava fazendo, e aquilo fez Maui perder a cabeça, ele de enfiou mais fundo dela a fazendo se erguer e gemer novamente. Ele começou a investir naquele ponto enquanto ela gemia e se contorcia de prazer.

Moana sentiu seu ventre formigar e gemeu quando espasmos alcançaram seu corpo a fazendo gritar o nome de Maui com a voz tremula, suas pernas e braços falharam a fazendo quase cair mas Maui a segurou indo ainda mais rápido fazendo o orgasmo da garota ser ainda mais intenso e então repentinamente Maui saiu dela e gozou nas costas e na bunda da garota que foi se deitando na cama da maneira que estava e então ele se debruçou sobre ela e viu que a mesma estava ofegando.

- Você fica tão gostosa assim.- Ele disse fazendo a menina corar fortemente.- Eu te amo princesa.- Ele disse rouco e mordeu a orelha da menina o que a fez se arrepiar.

- Também te amo  Maui.



Notas Finais


Aaahhh e foi assim.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...