História To the Sea - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Moana: Um Mar de Aventuras
Personagens Maui, Moana Waialiki, Personagens Originais
Tags Amor, Aventura, Drama, Maui, Moana, Romance
Visualizações 15
Palavras 1.088
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oooiiieeeeee pessoas, a história já está no fim, então por favor me digam se estão gostando, e eu espero que sim porque eu tô adorando escrever para vocês. Curtam o capítulo.

Capítulo 8 - Land of the Dead


- Moana! Espera!- Nagome pediu segurando a menina com força.- Está louca? Não podemos com eles, nem em sonho. Precisamos tirar Maui daí, essa luta não é nossa.

-Mas eles...-Moana dizia com os olhos repletos de lágrimas.

-Eu sei o que eles fizeram, e pagarão por isso, mas não hoje.- Ela disse e Moana pareceu se acalmar.- Eu acho que tenho uma ideia. Seguinte, você vai entrar lá e distrair eles enquanto eu pego Maui e fujo para fora. E aí eu te dou o sinal e a gente foge.

-Porque você vai pegar o Maui?- Ela perguntou sim por ciúmes.

- Posso estar enganada mas você não tem cara de quem consegue carregar um cara daquele tamanho.- Ela disse e Moana teve que a dar razão, pois por mais que a mulher fosse tão pequena quanto ela, tinha músculos muito bem definidos, bem menores que os de Maui logicamente.

- Tudo bem.

-Como vai distrai-los?- A mulher perguntou e Moana olhou para o anzol em suas mãos e sorriu.

- Só olha.- Moana simplesmente pulou parando atrás da multidão, ninguém a havia notado ainda. Ela esperou Nagome estar escondia atrás da entrada da caverna e então gritou.

- Ei! Seus cabeças de peixe nojentos!- Ela disse e todos a olharam segurando o anzol em suas mãos.

Assim que todos viram o item em suas mãos correram na direção da menina e ela correu rápido, quando eles estavam quase a alcançando, ela pulou usando o anzol para lhe dar impulso e então ela caiu encima de uma pedra se levantando rápido vendo que eles ainda a acompanhavam, com a corda que estava amarrada no anzol ela o jogou para cima em um buraco no topo da caverna, o anzol se prendeu em algo do lado de fora e Moana subiu pela corda o mais rápido que ela conseguiu.

Assim que ela saiu correu e empurrou uma pedra pouco maior que o anzol para fechar o buraco, antes que ela fechasse aquela criatura negra e sombria quase saiu e então a pedra o esmagou espalhando seu sangue pelo local.

Moana sorriu e pegou o anzol correndo para longe dali. Ela olhou para os lados ainda correndo e avistou Nagome segurando Maui quase em suas costas e então ela correu até lá sentindo seu fôlego faltar.

-Por ali!-Ela apontou para um buraco brilhante e Nagome foi até lá com dificuldade e então os três subiram lá e imediatamente foram jogados para cima assim como quando enfrentaram Tamatoa.

Caíram os três na areia e então Moana jogou o anzol no chão e se levantou correndo até o corpo de Maui caído mais a frente.

-Maui! Acorde, eu estou aqui...- Moana disse e quando o alcançou sua expressão mudou.

-Moana... Eu acho que...-Nagome disse e Moana sentiu uma lágrima descer em seu rosto.- Acho que ele está morto.

- Não...- Moana não queria acreditar, mas ao tocar naquela pele fria, ao por as mãos em seu peito e não sentiu o coração de seu amado pulsar, foi como se ela tivesse morrido. Com lágrimas nos olhos ela se levantou rápido puxando Maui pelo braço- Nagome! Me ajude a leva-lo para o mar!- Nagome a ajudou e assim que o corpo de Maui estava na água ela foi junto com ele.- Oceano! P-Por favor n-nos ajude!- Moana dizia entre soluços.

Uma onda surgiu sobre eles e tocou o rosto de Maui o molhando.

- Você pode ajudar não pode?- Moana perguntou esperançosa e então a onda negou fazendo o coração de Moana se despedaçar totalmente.- Tefiti! Por favor me ouça, eu te imploro, traga-o de volta... Por favor...- Ela chorava sem qualquer consolo.- Por favor meu amor.- Ela disse segurando o rosto de Maui pondo seu rosto junto ao dele deixando suas lagrimas caírem sobre ele.- Meu amor... Volta pra mim... Por favor.- Maui não reagia a nada. Nagome não suportava olhar para eles, era doloroso até para ela que mal os conhecia. Ver Moana naquele estado era de partir o coração.- Oceano eu preciso que me diga como consigo chegar no reino dos mortos.- Moana disse com a voz firme e determinada.

A onda que ainda se encontra sobre eles hesitou porém alguns segundos depois colocou Maui e Moana juntos no barco.

Nagome desatou o nó que segurava o barco e foi junto com eles.

- Moana, você tem certeza disso? Hino não é qualquer deusa.

- Depois que alguém é entregue para a morte apenas ela pode decidir devolve-lo.- Ela disse seria com as mãos ainda sobre o corpo sem vida de Maui.- Oceano pra onde devemos ir ?- Moana perguntou e então dá água se formou um homem.

- Siga para o sul, a noite se guie pela estrela mais brilhante, quando vir a Aurora descer as águas, estará lá.- O homem disse e se desfez, e então Moana colocou sua mão na água.

-Obrigada.- Ela disse e deixou Maui descendo a vela e pondo seu remo na parte traseira do barco o guiando assim para o sul.

***

-Moana, descanse, eu posso seguir daqui pra frente.- Nagome disse vendo o rosto abatido de Moana que ainda segurava a mão de Maui com uma das suas.- Durma um pouco. Eu posso ver a estrela daqui.

-Não conseguiria dormir nem se eu quisesse.- Ela disse com uma voz rouca e cansada.- Eu vou salva-lo. Nem que para isso eu precise dar a minha vida.

- Moana. A deusa não é como Tefiti ou como o oceano, ela é impetuosa e nada misericordiosa. Você terá sorte se sair de lá com a sua vida.

- Eu tenho que tentar, eu só tenho a ele. Eu sou dele e ele é meu. Não posso perde-lo.

As horas se passaram e elas continuavam na direção sul seguindo a estrela mais brilhante e então quando o sol estava nascendo, um brilho verde nasceu antes dele e como em uma explosão ele sumiu revelando uma grande caverna escura sobre uma ilha minúscula.

Moana remou indo mais rápido até a caverna. Quando olhou para a parte de trás da caverna não havia nada. Como se fosse um portal para outra dimensão.

- Nagome. Por favor, cuide do corpo dele para mim. Eu irei traze-lo de volta.- Nagome assentiu se sentando ao lado do corpo de Maui e então Moana atravessou o portal.

Do outro lado Moana olhou para trás e não viu nada além de uma ponte quebrada, ela olhou para frente e a ponte de pedra era longa e aos lados um enorme abismo negro. Moana seguiu o caminho, sentindo seu corpo arrepiar, o lugar ela gelado e medonho, olhando para frente ela viu bem distante uma espécie de montanha em chamas.

- Eu estou indo Maui.


Notas Finais


Tchau garera


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...