História Toda sua. - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Barbara Palvin, Eden Hazard, Olivier Giroud, Thorgan Hazard
Personagens Barbara Palvin, Eden Hazard, Olivier Giroud, Personagens Originais
Tags Barbara Palvin, Chelsea Fc, Eden Hazard, Futebol!, Modelo, Romance
Visualizações 87
Palavras 1.162
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura, morecos 💞 leiam as notas finais, por favor, é muito importante.

Capítulo 17 - O jogo


Fanfic / Fanfiction Toda sua. - Capítulo 17 - O jogo

   P.O.V: Barbara

2 meses depois...

Eden estava deitado na minha cama mexendo no celular, o Barry, nosso cachorro, também estava deitado na cama, ao lado dele, eu sorri ao ver a cena. Eu saí do banheiro do meu quarto e deitei ao lado dele na cama.

- ótimo, agora tem dois cachorros na minha cama! - rimos

Eden: saudades de quando você me respeitava, senhorita Barbara Palvin! - revirou os olhos

- nossa, quanto drama, meu Deus! - ri

Eden: o Barry tá enorme, né, amor? - ele disse fazendo um carinho no cachorro

- sim, ele tá muito grande e lindo! - sorri

Eden: o que você acha de pegarmos outro cachorro? Esse agora pode ficar lá em casa, se você quiser!

- eu acho ótimo!

Eden: perfeito então! Vou ver aí te falo, amor.

- amor, tenho uma notícia boa e outra ruim pra te contar! - disse, deitando no peito dele

Eden: puta merda! - coçou a cabeça - Começa pela notícia ruim

- a ruim é que eu estou menstruada, a boa é que você não vai ser pai agora! - rimos

Eden: mas se bem que eu iria adorar ter um filho com você, sabia? Principalmente se ele ou ela viesse com o seu rostinho! - sorri pra ele

- com certeza, porque a criança ia sofrer bullying se viesse parecida com você, né?! - rimos enquanto ele me deu um tapa na cabeça

Eden: besta, eu sou maravilhoso, ok?! - revirou os olhos

- mas é claro que é, amor! - lhe dei um selinho

Eden: amor, eu tava pensando aqui é já faz 5 meses que estamos juntos, né? Mas oficialmente estamos há 2 meses namorando, enfim, nesse tempo todo você nunca foi ver um jogo meu, eu iria gostar tanto que você fosse me ver jogar qualquer dia desses.

- ah, amor. Você sabe que eu não gosto muito de futebol e na verdade nem entendo! - ri - mas se você quiser, eu vou sim te ver jogar, com certeza, seria um prazer! - sorri

Eden: ótimo, vai ter um jogo agora na Quarta-feira, já vou separar um ingresso pra você e uma camisa, com o meu nome, óbvio! - rimos - ok?

- ok, capitão! - bati continência, rindo

Eden: te amo, cara! Você é incrível.

- eu também te amo, neném! - eu disse o beijando.

****

No dia do jogo, Eden me trouxe uma camiseta do Chelsea com o seu nome e número e o ingresso do jogo, disse que era pra eu usar e que o fato de eu ir vê-lo no jogo de hoje com certeza levaria "sorte" pra ele. Obviamente eu ri, mas eu vou sim porque faz tempo eu tô de ir vê-lo jogar mas sempre desisto ou acontece algum imprevisto e eu não consigo ir, mas hoje deu tudo certo e finalmente vou poder ver meu namorado ao vivo e a cores jogando, apesar de eu não gostar de futebol, é claro. Tomei meu banho, lavei meu cabelo, coloquei uma calça jeans flare e a camiseta do Chelsea, coloquei um salto azul, passei base, pó compacto, rímel, iluminador e um batom vermelho. Escovei meu cabelo e passei prancha em seguida, logo eu pedi um táxi porque depois do jogo o Eden disse que iríamos para um barzinho com alguns rapazes do time que se tornaram muito meus amigos como o Willian, Azpilicueta e óbvio, o Giroud. Depois do barzinho é quase certo de que eu vá para a casa do Eden e durma lá, então não preciso ir de carro. Tirei uma foto no espelho do meu closet e postei no meu Instagram, em questão de minutos já tinha vários comentários como "finalmente vai ver o Eden jogar" "finalmente vai ir em um jogo do Chelsea" "muito linda a senhora Hazard" e etc. Confesso que me divirto muito lendo os comentários nas minhas fotos no Instagram, principalmente nas fotos em que eu posto com o Hazard e vice-versa. Em questão de minutos o táxi chegou no meu prédio e me levou direto para o estádio, o trânsito estava caótico, muito, muito lento, mas cheguei em tempo. Fui direto para o camarote e logo o jogo foi iniciado, o jogo estava muito pegado e intenso do início ao fim, até eu que não gosto nem entendo de futebol estava levantando toda hora e dando uns gritos, fazendo até algumas pessoas que também estavam no camarote, inclusive esposas de jogadores, ficarem bravas comigo. Eden errou muitos gols e passes, eu sei o quanto ele se cobra e o quanto ele fica bravo quando isso acontece, então fiquei chateada por ele. No fim, o jogo acabou empatado, o Chelsea empatou em casa por 2x2 com o Bunrley, e nenhum dos dois gols dos blues foi do meu amor, para a nossa decepção, porque eu amo quando ele faz gol. Decidi ir até o vestiário para ver ele, mas no meio do caminho orei a Deus pra chegar no momento em que eu não veja nenhum deles pelado, apesar que eu já vi diversas vezes um dos jogadores do Chelsea pelado que foi o Giroud, mas isso é um caso a parte. Esperei alguns minutos, mexendo no celular, então decidi ir até o vestiário de uma vez ver ele, seja o que Deus quiser. Deci e fui "barrada" por um segurança.

Segurança: desculpa, mas você não pode entrar aqui, Senhora! - ele colocou a mão na frente, mas sem encostar em mim

- oi, então eu sou a namorada do Hazard, por favor, me deixa entrar! - fiz uma carinha de "cachorro sem dono" e vi o segurança dar um meio sorriso

Segurança: tudo bem, Barbara Palvin, pode entrar! - ri. Ele me deu uma credencial autorizada e eu entrei no vestiário devagar, mas no meio do corredor, vi uma voz fina feminina conversar com uma voz rouca masculina. Parei no meio do caminho para não interromper o que quer que esteja acontecendo mas voltei a andar quando reconheci a voz do meu namorado. Me aproximei do som da conversa e só quando cheguei mais parte que pude ouvir o que eles estavam conversando.

xxx: você tá perdendo tempo com essa modelozinha de merda, Eden! Ela não é mulher pra você, você não é o tipo de homem que fica apegado a mulher, muito menos em mulher como aquela. Você sabe que o seu coração e o seu pau - fez uma pausa - pertence a mim. Sempre pertenceu e sempre vai pertencer. Larga ela e volta comigo, ou melhor, faz essa sonsa de corna, porque é o que ela merece! - andei mais e pude ver que a mulher estava a poucos centímetros de distância de Eden

Eden: Natacha, eu... - logo em seguida vi ela o beijar, e o pior, ele correspondeu o beijo. Fiquei estática vendo toda aquela cena e quando eles pararam de se beijar, ela riu, ele me olhou com cara de espanto

Eden: amor, eu...

- não me chama de amor, Hazard! Que nojo, que nojo de você! - eu disse, saindo dali


Notas Finais


Mores, postei um capítulo novo da minha fanfic com o Olivier Giroud, quem puder dar uma olhadinha e dar uma favoritada para poder me ajudar, vou agradecer muito <3 link: https://www.spiritfanfiction.com/historia/i-will-wait-17089452
Mas e aí, o que acharam do capítulo? Eita, Eden, nunca aprende. E a Natacha vai dar muito o que falar, viu? Kkkkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...