História Todos amam o Victor - Capítulo 55


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Drama, Mpreg, Todos Amam, Treta, Victor, Yaoi
Visualizações 27
Palavras 1.324
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Ficção, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


>.< eita vai começarrr dia sim dia não galero

Capítulo 55 - Capítulo 55


Quando chegamos na frente da casa que parecia mais uma casa de filmes americanos de famílias ricas, tinha dois andares e a casa era imensa fiquei de boca aberta, não estava esperando ele ser tão rico, na frente tinha dois carros e mais dois na garagem da casa que era imenso, tinha umas janelas muito bonitas enfeitando a frente da casa dando um ar mais chique que tinha já alguém nos vendo na janela do primeiro andar e essa pessoa foi logo abrindo a porta, quando vi era uma mulher muito bonita, branca, alta, com cabelos dourados e olhos bem azuis que pareciam o céu estava muito bem vestida e super cheirosa também.

Mulher: Bem-vindos. –Falou em inglês vindo em direção a nós e foi logo me dando um abraço.

William: Essa é minha mulher –falou em português para mim- esse é o Victor, Grace e é o meu filho de quem eu falei para você. –Enquanto para ela falava em inglês.

Grace: Olá Victor, meu nome é Grace. –Continuava falando em inglês, porém essas coisas simples eu entendia e também conseguia responder.

Victor: Olá Grace prazer em te conhecer. –Grace me olhou surpresa não esperava que eu sabia falar um pouco em inglês.

(A partir de agora todos estão falando em inglês, as vezes que falarem em português eu irei dizer)

Grace: Vamos entrar.

Falou pegando a minha mala e meu pai a dele, ela parecia tão feliz em me ver eu nem estava acreditando, Grace parecia muito alegre com a minha presença, fomos entrando na casa e mais do que o lado de fora, dentro da casa parecia ser bem maior, na entrada tinha alguns moveis decorados com vasos de flores e um chaveiro onde tinha várias chaves que pareciam ser dos carros, mais na frente tinha uma sala imensa que tinha dois sofás bem grandes e bonitos onde estavam sentados uma mulher e um garoto que parecia ser da minha idade que devem ser os meus irmãos que me olharam de cima a baixo.

William: Esses são seus irmãos Jack e Rachel –falou em português para mim- esse é o seu irmão Victor espero que vocês se deem bem com ele e o ajudem a falar em inglês também. –Falou isso e eles se levantaram e vieram até a mim.

Jack: Prazer Victor, espero que a gente se dê bem. –Falou isso só que a cara não estava concordando muito com o que ele disse, meu irmão é bem bonito e tem um ar de bad boy além de ter puxado mais para papai, tinha o cabelo escuro raspado e era branco com os olhos verde escuros.

Rachel: Olá Victor prazer te conhecer e você é tão pequeno hahaha tão fofo. –Rachel parecia muito com a Grace e parecia bem mais alegre do que o Jack, ela era magra, tinha cabelos curtos e um loiro escuro tinha olhos tão azuis que pareciam perolas.

Victor: Prazer Jack e Rachel. –Tentava me comunicar com eles com meu inglês mais ou menos.

Grace: Bom você deve estar cansado, vou levar sua mala e você quer ir descansar ou comer algo? –Falou tão rápido em inglês e era tanta coisa para digerir que eu não estava entendo nada até que meu pai percebeu e me ajudou.

William: Ela está perguntando se você quer comer ou ir descansar.

Victor: A tá, eu quero descansar, estou com sono e todo quebrado mesmo que aquela poltrona do avião fosse tão macia.

William: Amor ele quer descansar e depois nós conversamos mais um pouco com ele.

Grace: Ok.

William: Eu vou te levar para seu quarto, tinha dito para ela que você viria comigo então ela junto da sua irmã que é arquiteta arrumaram um lugar especial para você.

Victor: Sério!?

William: Tomara que você goste, minha mulher me mandou algumas fotos e ficou muito bonito seu quarto.

Victor: Nossa qualquer coisa eu vou gostar, antes no meu quarto só tinha cama e um guarda roupa pequeno então qualquer coisa está muito bom.

William: Bom você vai se surpreender, vou te dar do bom e do melhor agora meu filho, me perdoa por esse tempo todo eu não ter tido tanto contato com você.

Victor: Já disse que não precisa se preocupar pai. –Sempre que eu chamava ele de pai ele ficava tão feliz, mas agora que nós chegamos aqui ele parecia muito mais feliz.

Pegou a minha mala da mão da Grace e mandou eu seguir ele andamos um pouco mais pra frente onde tinha uma cozinha linda e toda mobiliada, uma ilha de mármore no meio, balcões de mármore branco, uma geladeira imensa além de ter um fogão muito bonito e tinha vários eletro domésticos como micro-ondas, liquidificador e muitos outros que eu nem sabia o que fazia além de ter uns armários lindos de madeira e nossa uma iluminação perfeita a cozinha era imensa e linda, parecia minha cozinha dos sonhos já me via cozinhando ali, parecia perfeita.

William: Gostou da cozinha?

Victor: Nossa é muito bonita, é esse meu quarto hahahahaha.

William: Hahaha surpresa –falou dando um sorriso e vendo que eu já estava ficando mais alegre- brincadeira, vou dizer pra Grace que você gosta muito de fazer comida também, tenho certeza que vai se dar muito bem com ela e ainda vão trocar receitas.

Victor: Tomara, ela parece ser uma pessoa muito boa junto dos filhos dela.

Falamos isso enquanto andávamos até uma escada do lado da cozinha que dividia a coisa da sala de jantar, uma escada imensa com um corrimão de madeira escura muito bonita, subimos e o segundo andar tinha onde o corrimão da escada ia se arredondando e ia até chegar a uma janela imensa do lado oposto, nas paredes várias fotos da família, tinha mais ou menos quatro portas no segundo andar, 2 do lado direito e 2 do esquerdo, andamos até a última do lado direito e quando ele abriu parecia quase o tamanho da minha casa em um quarto só.

William: Esse é seu quarto.

Victor: Minha nossa senhora, isso aqui é do tamanho da minha casa ou até maior!

Dentro era muito lindo, tinha uma cama de casal com lençóis muito bonitos e cheia de travesseiros, dentro do quarto tinha mais duas portas e ele foi me mostrando, uma era do banheiro que também era imenso todo em azulejo cinza claro, mais à esquerda tinha um box de vidro, no centro do banheiro tinha uma pia retangular de mármore embaixo dela tinha um móvel cheio de gavetas, encima um espelho imenso que tinha sua própria iluminação acoplada ao vidro que emoldura o espelho, um vaso sanitário que parecia mais um trono acima dele tinha um suporte que era pra colocar as toalhas e de frente os ganchos para colocar a toalha, a torneira e o chuveiro tinha cor prata muito bonitos, parecia tudo novo em seguida a outra porta era um closet que era bem grande com várias prateleiras, tinha uma sapateira e um local para colocar relógio e joias, um espelho, várias divisórias para colocar roupa além de um cabides e onde colocar as roupas.

Saindo tinha a cama como eu disse e de frente tinha uma TV imensa, embaixo tinha um móvel vazio só que com algumas divisórias para colocar livros e no quanto esquerdo do quarto tinha uma mesa grande junto de uma poltrona muito bonita de escritório e encima várias prateleiras baixas com cadernos e algumas canecas bonitas com várias canetas, lápis, tesoura, réguas e um monte de coisa do lado na parede tinha um mural com várias imãs e do lado tinha um calendário, já encima da mesa tinha um notebook prateado com uma maçã na traseira, calculadora, fone de ouvido e estava junto do controle da TV e do ar-condicionado, nem estava acreditando que ia ter um, do lado direito tinha uma janela imensa que estava escondida por lindas cortinas blackout e tinha um sofá baixinho perto.

William: Gostou?

                                                                       Continua....................


Notas Finais


mee se não gostou dá pra mim


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...