1. Spirit Fanfics >
  2. Todos os raios do mundo >
  3. Sobre amor ágape

História Todos os raios do mundo - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


olá olá~ vim trazer meu pequeno debut na categoria de Hanako com essa one q espero que gostem~

Capítulo 1 - Sobre amor ágape



Ser um filho de Afrodite automaticamente vinha com uma reputação ruim.


Arrogantes, egocêntricos, vaidosos, frios e calculistas, poucos dos diversos adjetivos usados para descrevê-los, e isso só do que era capaz de encontrar em um dicionário. 


Mitsuba Sousuke era um dos desafortunados filhos de Afrodite que vivia ouvindo, várias e várias vezes, dia após dia, o quanto ele era todas aquelas coisas que ele nunca foi.


Quando você briga com um cachorro, que não tem nenhuma noção de certo ou errado, ele passa a pensar que merece todos os xingamentos que recebe.


Mitsuba era assim também. Um dia, ele simplesmente pensou "se todos estão dizendo, então deve ser verdade".


Haviam duas faces de Mitsuba. A verdadeira face, escondida atrás da lente de sua câmera, e a face que todos viam, a que a sociedade criou.


Porque filhos de Afrodite são pessoas horríveis que só se importam com sexo e quebrar corações. 


E Sousuke não tinha idade nem vontade para sexo.


Pelos séculos afora, o sentido simbólico de sua mãe foi perdido por aí.


Afrodite não era sobre luxúria e vaidade.


Afrodite é sobre amor ágape, algo que pode ser puro e singelo, cristalino, frágil como o gelo fino. Ou pode ser forte, firme como um iceberg, quente como o fogo. Às vezes, obsessivo e escuro como vinho em uma taça de cristal. Afrodite tinha tantos significados em uma só palavra, e mesmo assim, as pessoas esqueceram de todas as suas representações. 


Romantismo morreu faz tempo.


Mas não para Mitsuba. Seu objetivo de vida era poder passar em frente sua visão do mundo, a visão de um filho de Afrodite sobre aquilo que ele melhor entendia; o amor.


E suas fotografias passavam aquele sentimento de maneira tão sutil e suave que prendiam os olhos de qualquer um.


Sousuke tinha poucos amigos naquela vida. Gostava de tirar fotos daquilo que era importante para si.


Tinha fotos de Yashiro Nene, a atrapalhada filha de Deméter, com Hanako, que às vezes era Yugi-kun, às vezes Yugi-chan, às vezes apenas Yugi, dependia do humor da filha de Hades no dia.


Havia Nanamine Sakura, a filha de Héstia que Mistuba considerava quase como uma irmã, e havia também Natsushiko Hyuuga, filho de Eros, a quem ele vivia chamando de desastre, mas não podia negar que lhe era uma amizade importante.


Ah, sim, e havia o garoto sem graça do brinco de segurança de tráfego.


Minamoto Kou era um filho de Zeus. E havia uma regra social, muito parecida com a "homem com mulher e mulher com homem", mas no caso, era "filhos de Afrodite e filhos de Zeus não se misturam".


Essa é a regra.


Mas quem liga para regras?


Porque Mitsuba Sousuke e Minamoto Kou com certeza não ligavam.


Kou era tudo o que Sousuke precisava para colocar em palavras o que Afrodite representava para si. Se lhe perguntassem, "o que é o amor", ele responderia, "Minamoto Kou".


Porque nem todos os raios do mundo podiam se comparar ao brilho do sorriso do filho de Zeus. 












Notas Finais


espero muito muito muito mesmo ter conseguido passar o quanto a relação desses dois é toda pura e inocente q porque honestamente, todas as relações nesse anime, sejam elas românticas ou só de amizade são sim muito puras qq

enfim, espero mesmo que tenham gostado <3

bye bye~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...