História Together - Capítulo 1


Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags 2jung, Abo, Bts, Galaxyabo, Medieval, Namkook, Namseok, Políamor, Vhope, Vkook, Vmon, Yaoi
Visualizações 310
Palavras 3.318
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Self Inserction, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ooooi ^-^ bem vindos a essa short-fic, vai ter cinco capítulos, espero que gostem! C:
Vai ter muito lemon sim, já vou avisando -v-
Só para vocês visualizarem melhor, se passa na época medieval, castelos, reis, soldados… A narração vai focar em mais de um personagem, os quatro principais.

Capítulo 1 - Hunter


Taehyung tateou cegamente e acordou levemente assustado quando percebeu que não tinha ninguém ao seu lado na cama, mas logo relaxou ao ver o homem que amava se arrumando para mais um dia como príncipe de um dos Grandes Reinos.

ㅡ Bom dia, Tae. ㅡ O alfa cumprimentou, rindo da cara de sono do amante. Se aproximou com um beijo enquanto Taehyung ainda tentava acordar completamente.

ㅡ Bom dia… ㅡ O outro alfa respondeu, se espreguiçando. ㅡ Aish, eu não devia ter dormido aqui.

Namjoon riu, acabando de colocar sua blusa e então arrumando o cabelo na frente do espelho.

ㅡ Eu gosto quando dorme aqui. E você estava tão fofinho, eu não quis te acordar. ㅡ Namjoon disse com uma tranquilidade que não refletia em Taehyung.

ㅡ E se algum dos seus serviçais me ver? ㅡ Tae, preocupado como sempre, se levantou e pegou suas roupas, que estavam dobradas em uma cadeira, se vestindo.

ㅡ Tranquei a porta ontem à noite. ㅡ Namjoon explicou e se aproximou por trás de Tae, abraçando a cintura do alfa mais novo. ㅡ Não está feliz por passar a noite comigo?

ㅡ Você sabe que estou. ㅡ Tae se virou para o príncipe, ainda sem blusa. ㅡ Mas eu fico com medo de alguém descobrir e…

Nam o interrompeu, colocando o indicador nos lábios de Tae. ㅡ Sempre tomamos cuidado, não vão descobrir.

Relacionamentos proibidos sempre eram perigosos, cuidado nunca era demais. O problema maior não era o príncipe se deitar com o capitão da guarda. O problema era que os dois eram alfas ㅡ Namjoon um lúpus ㅡ, e isso era inaceitável para a família tradicional coreana. E a rainha era uma das maiores defensoras da tradição.

Taehyung suspirou e Namjoon se aproximou mais, enterrando o rosto na curva de seu pescoço. O Capitão fechou os olhos ao sentir Nam beijar sua pele, fazendo todo o seu corpo se arrepiar.

ㅡ Seu cheiro está mais forte. ㅡ Namjoon sussurrou, se afastando novamente, e Tae resmungou.

ㅡ Acho que meu cio vai chegar mais cedo do que calculei. ㅡ Tae empurrou Namjoon levemente, ganhando espaço para continuar a se vestir sem mais distrações.

ㅡ Bem, faça questão de ser visto com um ômega ou um beta por aí. ㅡ Namjoon riu e pegou a espada de Tae, entregando para ele quando acabou de se arrumar.

ㅡ Nosso plano de hoje a noite continua o mesmo, certo? ㅡ Taehyung perguntou, colocando a espada no cinto.

ㅡ Certo, te encontro com os cavalos na saída sul. ㅡ Namjoon soava confiante, mas Tae hesitou.

ㅡ Isso pode ser perigoso para você…

ㅡ Já conversamos sobre isso. ㅡ Namjoon agora soava meio irritado e Tae cruzou os braços. ㅡ Céus, só vamos visitar a vila de noite e voltar. Ninguém vai me reconhecer, Taehyung.

ㅡ E se formos assaltados? Ou alguém te reconhecer? Você é o futuro rei!

ㅡ Nada vai acontecer. E você vai estar lá comigo.

Tae acabou por descruzar os braços e Namjoon o abraçou, reafirmando que tudo iria ficar bem.

ㅡ Por mim ficaríamos em meu quarto mesmo, mas eu preciso andar amanhã. ㅡ Namjoon brincou e Taehyung riu, o empurrando de leve.

ㅡ Melhor eu ir. ㅡ Tae disse, ao ouvir uma batida na porta. Puxou o príncipe para um beijo antes de sair pela porta secreta atrás da tapeçaria da parede.

Desceu as escadas, que já conhecia bem, no breu, acabando por sair do lado de fora do castelo. Fechou a porta e saiu andando após se certificar de que estava fechada.

Taehyung resolveu começar a ronda na floresta, aproveitando que estava perto. Depois iria pegar algo na cozinha para não pular completamente o café da manhã.

Tae morava no castelo desde que era muito pequeno, seu pai era o general e amigo da rainha, então acabou crescendo junto com Namjoon. Uma grande amizade tinha crescido entre os dois.

Para os pais de ambos, era perfeito. Namjoon assumiria o trono e Taehyung seria seu braço direito, para protegê-lo e orientá-lo. O que ninguém sabia era que ao lado da lealdade de Tae, outro sentimento cresceu e foi correspondido por Namjoon.

Taehyung tinha se recusado a ficar com qualquer ômega e beta quando teve seu primeiro cio, não era algo tão incomum assim, alguns alfas e ômegas preferiam passar o primeiro cio sozinhos.

Namjoon, como um bom amigo, apoiou e ficou do lado de Tae durante o período. O intuito não era satisfazer o amigo, era apenas não o deixar sozinho, e assim estava sendo até que Tae deixou escapar um gemido com o nome de Namjoon. Em vez de sair, enojado, o príncipe ajudou Taehyung a se satisfazer.

A partir daí, beijos escondidos e algumas mãos bobas preencheram a rotina dos dois alfas. A medida que cresciam, o sentimento ia se fortalecendo e enraizando.

Sempre foram muito cuidadosos em esconder tudo, o único problema era no cio de algum deles. Um sempre acabava com marcas muito visíveis ou mancando, o que atraía perguntas demais. Então fizeram um acordo, podiam ficar com ômegas ou betas para desviar as atenções e para o cio.

Dessa vez, no entanto, planejaram sair escondidos de noite e ambos ficarem com um ômega. Teriam que pagar à uma prostituta, mas dinheiro não era um empecilho. Taehyung tinha sido contra a ideia por não querer colocar o príncipe em risco, mas Namjoon acabou vencendo a discussão.

Tae estava quase acabando de patrulhar a área da floresta mais próxima do castelo quando teve que parar um pouco, sentindo uma dor de cabeça repentina. Logo sentiu seu corpo mais quente e uma ereção involuntária se formar em sua calça. Respirou fundo algumas vezes, realmente seu cio tinha vindo mais cedo.

Ouviu um barulho na floresta e se escondeu atrás de uma árvore, precisava de todo seu autocontrole para não fazer muito barulho.

Tae viu um rapaz, beta, sair do meio das árvores. Ele tinha um arco e uma aljava nas costas, roupas escuras para ajudar a se camuflar na mata e algumas armadilhas nas mãos. Ele parecia procurar alguma coisa, estava concentrado.

ㅡ Caçar na propriedade do castelo é proibido, achei que já tinha deixado isso bem claro, Hoseok. ㅡ Taehyung avisou com irritação na voz, tomando a postura de capitão quando saiu de seu esconderijo.

O caçador se assustou quando o viu e então assumiu um semblante irritado.

ㅡ Eu apenas me perdi, não enche. Já estou tirando as armadilhas. ㅡ Ele respondeu afiado. Jung Hoseok não era como os outros betas, não se intimidava perto de um alfa.

ㅡ Não é a primeira nem a segunda vez que isso acontece. ㅡ Taehyung continuou, cruzando os braços. ㅡ Você sabe que eu não posso te deixar impune dessa vez.

Hoseok ficou alerta, cerrando o punho para acalmar a onda de raiva que passou por seu corpo, mas dessa vez não tinha escapatória. Tae sempre deixava o caçador ir embora com um aviso, afinal era contra a lei caçar na área do castelo, ainda mais se você fosse vender sua caça para a cozinha real.

ㅡ Eu prometo que não apareço mais aqui, essa é a última vez. Qual é, capitão, eu sei que você não quer ferrar o trabalhador que proporciona seus banquetes. ㅡ Hoseok tentou convencer, mantendo a voz firme, mas era possível perceber que estava nervoso.

ㅡ Eu já te dei chances demais. ㅡ Hoseok engoliu em seco ao ver Taehyung se aproximar.

Hoseok olhou Taehyung de cima a baixo, franzindo a testa.

ㅡ Você tá no cio? Que porra… ㅡ Hoseok resmungou, deixando as armadilhas caírem.

Taehyung parou, à alguns passos do beta.

ㅡ Solte o arco e a aljava, você vai me acompanhar até a sala do trono. ㅡ Taehyung casualmente colocou a mão no cabo da espada.

Hoseok pareceu refletir sobre algo e então suspirou. ㅡ E se eu te ajudar? ㅡ Perguntou tão baixo que Taehyung mal ouviu.

ㅡ O que quer dizer? ㅡ Tae perguntou desconfiado. O Jung que conhecia era exatamente orgulhoso e jamais se curvaria a um alfa.

ㅡ Eu resolvo esse probleminha aí. ㅡ Hoseok apontou para a calça de Taehyung. ㅡ E você me deixa ir embora.

ㅡ E por que eu aceitaria?

ㅡ Porque você não quer ferrar um trabalhador pobre, você sempre me dá uma chance. ㅡ Hoseok tirou o arco e a aljava, jogando para o canto. ㅡ E é vantajoso para você também.

Taehyung refletiu um pouco e bufou, abrindo a calça e quase gemendo de alívio quando finalmente seu membro duro saiu do aperto que lhe era proporcionado.

ㅡ Melhor você ser bom.

Hoseok se aproximou, parecendo não acreditar muito no que ia fazer, e então se ajoelhou na frente do alfa.

ㅡ Está esperando o quê? ㅡ Taehyung provocou, sentindo o interior ainda pegar fogo por conta do cio. Realmente a “ajuda” de Hoseok tinha vindo em boa hora.

O beta o olhou feio e umedeceu os lábios, segurando o membro de Taehyung e passando sua língua pela extensão. Hoseok evitou fazer uma careta quando colocou uma parte na boca, começando a chupar lentamente.

Taehyung grunhiu de alívio e prazer, enterrando os dedos no cabelo de Hoseok e os puxando de leve. O beta começou a masturbar rapidamente a parte que não cabia enquanto chupava a glande de Tae, o olhar fixo na blusa do alfa.

ㅡ Mais rápido. ㅡ Taehyung grunhiu e Hoseok revirou os olhos, chupando e lambendo mais rapidamente, apertando o membro teso do alfa em sua boca.

Tae gemeu em aprovação e empurrou um pouco mais a cabeça de Hoseok na direção de seu membro. O beta arregalou os olhos, apoiando as mãos nas coxas de Tae.

O alfa começou a ditar os movimentos, segurando com firmeza no cabelo de Hoseok e estocando a boca do alfa, gemendo baixo e arrastado. Estava necessitado daquilo, mesmo que não fosse um ômega, servia da mesma forma.

Hoseok tentou dizer algo, apertando as coxas de Taehyung, mas o alfa agora estocava na garganta do ômega, todo o seu membro entrando e saindo repetidamente da boca alheia. Às vezes o beta parecia engasgar mas não fazia mais que apertar as coxas de Tae, tendo os olhos lacrimejando.

Taehyung tirou o membro da boca de Hoseok segundos antes de chegar em seu ápice, se desfazendo no rosto do beta. Hoseok caiu para trás assim que foi solto, tossindo enquanto limpava o rosto com a própria blusa.

ㅡ Alfa idiota. ㅡ Resmungou audivelmente e tossiu mais uma vez, se levantando meio cambaleante. ㅡ Fiz minha parte, até nunca mais.

Hoseok se virou para ir em direção de seu arco e flechas mas foi impedido por Taehyung, que o empurrou contra a árvore.

ㅡ O que foi agora!? ㅡ Hoseok perguntou irritado e se encolheu ao virar de novo para o alfa.

ㅡ Você acha que isso é o suficiente para acalmar meu cio, Hoseok? ㅡ Taehyung perguntou com a voz rouca. Seus olhos haviam puxado uma cor avermelhada e as presas estavam expostas, estava suando um pouco. Hoseok realmente não tinha imaginado que seria uma presa fácil, mas também nunca tinha lidado tão diretamente com um alfa no cio.

Tae foi para cima de Hoseok, apertando a cintura do beta enquanto beijava seu pescoço, deixando mordidas na pele alheia. O Jung não reagiu, ainda com medo de Taehyung o levar para julgamento, mas mesmo sem querer, acabou arfando com o ataque da boca de Hoseok.

ㅡ Tire a roupa. ㅡ O alfa mandou, já trabalhando em tirar a blusa de Hoseok. O beta sentiu o rosto queimar de vergonha, ainda mais por estarem ao ar livre, mas começou a tirar sua calça - o que era um pouco difícil com Taehyung atacando cada centímetro de seu pescoço e ombros.

Tinha conseguido abaixar a calça quando os pulsos foram presos contra a árvore, um de cada lado da cabeça do beta, pelas mãos do alfa. Taehyung abaixou a boca até o mamilo alheio, começando a provocar com a língua. Rodeava devagar e então chupava, depois maltratava com os dentes e puxava. Hoseok mordia o lábio inferior com força mas Taehyung sabia exatamente o que fazia, logo o Jung estava se remexendo sob os toques do alfa, gemendo baixo e arqueando o corpo involuntariamente.

O beta ficou com o rosto extremamente vermelho quando o olhar penetrante do alfa o encarou, deixando um mamilo avermelhado para trás e começando a brincar com o outro. O Jung fechou os olhos e virou o rosto, tentando segurar a voz e mais uma vez falhando terrivelmente.

ㅡ O que foi, Hoseok? Ninguém nunca te tocou assim? ㅡ Tae provocou, segurando os pulsos de Hoseok com apenas uma mão enquanto apertava um mamilo, fazendo o beta arquear o corpo.

ㅡ P-Para… ㅡ Hoseok choramingou quando Tae empurrou o mamilo avermelhado contra a pele e então o soltou. O beta se arrepiou quando um vento passou por seu corpo exposto.

Taehyung segurou no queixo alheio, fazendo Hoseok virar o rosto para si, e iniciou um beijo rápido e quente. Todo o ar do Jung foi embora quando ele retribuiu, as línguas disputavam por espaço e a de Taehyung explorava a boca alheia com maestria. O beta quebrou o beijo quando precisou respirar e gemeu quando o alfa chupou seu lábio inferior.

ㅡ Mantenha as mãos para cima. ㅡ Tae ordenou, soltando os pulsos alheios. Hoseok teve que se esforçar muito para não deixar os braços penderem, já estava uma bagunça, os cabelos bagunçados, o rosto vermelho, a pele manchada pela boca do alfa.

Taehyung o devorava com olhar e Hoseok se encolhia sem saber porque.

O alfa deslizou as mãos lentamente pela lateral do corpo do Jung, abaixando a roupa íntima do beta. Segurou no membro já duro do beta, fazendo com que esse desse um pulinho ao começar a ser estimulado.

ㅡ T-Taehyung… ㅡ Ele gemeu arrastado, apertando as mãos uma na outra. Tae movia a mão rápida, fazendo o corpo de Hoseok ficar inquieto. ㅡ M-mais…

Quando achou que o beta estava perto do ápice, Taehyung parou, recebendo um resmungo e um olhar indignado do Jung.

ㅡ Você é bem obediente. ㅡ Tae olhou para as mãos de Hoseok, na mesma posição que tinha deixado. O beta corou e abaixou o olhar, mas não moveu os braços. ㅡ Bom garoto, Hoseok.

ㅡ Vai se foder. ㅡ Hoseok resmungou e Taehyung riu, virando o corpo do beta de frente para a árvore. Colocou as mãos do Jung de forma que ele se apoiasse na árvore.

ㅡ Prefiro foder você. ㅡ Taehyung sussurrou na orelha alheia e o beta olhou assustado para trás. ㅡ O que foi? Vai me dizer que é virgem?

Hoseok o olhou com irritação e virou para frente de novo. ㅡ Não sou, só anda logo.

Tae segurou no queixo de Hoseok novamente, o erguendo antes  de colocar dois dedos na boca do beta, o fazendo chupar. Taehyung distribuía beijos e chupões nas costas do Jung, o ouvindo arfar abafado.

Se roçou levemente entre as nádegas alheias, mal conseguindo conter a vontade e o instinto. Hoseok chegou mais perto da árvore, mesmo que tivesse se empinado, parecia estar fugindo do toque.

ㅡ Relaxe, eu sou paciente. Vou te preparar bem antes. ㅡ Tae garantiu, tirando os dedos da boca do Jung. ㅡ Pronto?

Hoseok balançou a cabeça, afirmando. Tae envolveu a cintura do beta, o deixando parado enquanto inseria um dedo. O beta arfou e Taehyung colocou o segundo, não se movendo ao ouvir o resmungo vindo de Hoseok.

Tae se aproximou, depositando uma mordida no pescoço de Hoseok que o fez se arrepiar. Taehyung começou a movimentar os dedos lentamente, ouvindo o Jung gemer baixo em resposta.

Quando achou que estava pronto, o alfa tirou os dedos e se alinhou na entrada do beta, entrando devagar mas somente parando quando estava completamente no interior do beta.

ㅡ Porra. ㅡ Hoseok murmurou, apertando a árvore. Taehyung manteve o braço firme na cintura do beta, dando certa firmeza.

Taehyung mais uma vez segurou nos fios escuros de Hoseok e virou o rosto do beta para si, iniciando um beijo antes que ele tivesse tempo de reclamar. O Jung relaxou um pouco no ato, ainda mais com a mão de Tae que soltou seu cabelo e começou a distribuir apertos em sua coxa e nádega.

O beijo foi quebrado quando Taehyung começou a movimentar o quadril contra Hoseok, fazendo o beta gemer. Tae se apoiou com a mão livre na árvore e assim intensificou os movimentos, começando a ir rápido e forte em Hoseok.

ㅡ T-Tae, hm… ㅡ Hoseok gemia palavras desconexas e o nome do alfa, sentindo seu corpo estremecer com cada estocada intensa desferida em seu interior. Tae não era tão paciente assim como tinha dito, mal tinha começado e já ia fundo no interior do Jung, acelerando os movimentos  a cada segundo que se passava.

ㅡ Tae, a-aí de novo, p-por fav… ㅡ O alfa não esperou o beta completar a frase, continuou estocando no ponto sensível que tinha encontrado, fazendo Hoseok morder a própria mão para abafar um pouco os gemidos altos que saíam de seus lábios.

O beta não teve tempo de avisar, chegou em seu ápice com um gemido alto. Isso não pareceu incomodar Taehyung, que continuava estocando com força o beta. Hoseok estava com o rosto apoiado na árvore, gemendo ao sentir o corpo ainda mais sensível ser tocado daquela forma.

Por fim, Tae grunhiu quando se desfez no interior alheio, sentindo o nó se atar na mesma hora. Hoseok choramingou ao sentir o volume ainda maior em seu interior. O beta estava com o rosto colado na árvore, tremendo e sentindo as pernas frágeis. Se não fosse o braço de Taehyung lhe segurando, já teria caído.

Tae estava um pouco mais firme, apesar da respiração estar uma bagunça e o prazer ainda dar alguns espasmos em seu corpo.

Antes que qualquer um dos dois pudessem ouvir algo, outro barulho foi ouvido nas árvores, seguidos do som de uma conversa.

Hoseok gelou e levantou o rosto para ver quem eram, mas Taehyung pressionou mais o corpo do beta contra a árvore e empurrou a cabeça do beta para baixo, fazendo-o ficar com o rosto escondido. Daquela forma, o corpo de Tae, ainda vestido, escondia um pouco mais o de Hoseok.

Logo dois guardas apareceram no campo de visão de Taehyung, eles pareceram levemente surpresos antes de bater continência.

ㅡ Já patrulhei essa área, soldados. Podem continuar a patrulha na parte Norte do castelo. ㅡ Tae disse tranquilo e formalmente. Os soldados assentiram.

ㅡ Talvez eu fique aqui mais um pouco e seja o próximo, se não se importar, Capitão. ㅡ Um dos soldados disse, indicando com o queixo Hoseok. O outro guarda sorriu, como se considerasse também.

ㅡ Nenhum dos dois está no cio e o beta tem trabalho para fazer assim que acabar aqui. Estão dispensados. ㅡ O tom sério de Taehyung não deu margens para respostas e os soldados, meio desapontados, bateram continência e continuaram a patrulha. Foi possível ouvir um “Deixa para lá, não era nem um ômega.” de um dos soldados, mas logo estavam longe.

ㅡ Obrigado. ㅡ Hoseok sussurrou enquanto Tae se afastava, o nó desatado. O alfa soltou o corpo de Hoseok devagar, para ter certeza que ele ficaria bem em pé.

Tae não havia permitido que vissem o rosto de Hoseok, então o beta não seria alvo de alfas idiotas quando estivesse no castelo.

ㅡ Já cumpriu sua parte, agora vou cumprir a minha. Vá embora e não quero te ver caçando aqui de novo, na próxima vez te levo para a rainha. ㅡ Tae disse em tom sério enquanto fechava a calça.

Hoseok parecia ainda meio atordoado mas assentiu, começando a se vestir rapidamente. Tae esperou que o beta se vestisse e pegasse suas coisas, somente para ter certeza que os alfas não voltariam.

Hoseok foi embora pela floresta, sem olhar para trás.


Notas Finais


Esse foi o primeiro capítulo, espero que tenham gostado. Qualquer dúvida é só perguntar.

Comentem o que acharam c: beijinhos

Capa: @_Mystery
Beta: @Xiuggable


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...