História TOGETHER FOREVER - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Mamamoo, Neo Culture Technology (NCT), Tomorrow X Together (TXT)
Personagens Beomgyu, Hwasa, Jaemin, Jeno, Johnny, Lucas, Moonbyul, Personagens Originais, Solar, Soobin, Ten, Wheein, Yeonjun
Tags Nct, Sookai, Txt, Yeongyu
Visualizações 11
Palavras 838
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Quero aqui lhes dizer que ao adicionar os personagens, o aplicativo não me deu opções de todos os membros do TXT e por isso HueningKai e Taehyun não foram adicionados. Mas estarão presente na fanfic.

Capítulo 1 - Coisas novas


Fanfic / Fanfiction TOGETHER FOREVER - Capítulo 1 - Coisas novas

As 7:00 horas da manhã Beomgyu acorda para ir para a escola. Mas hoje o seu trajeto é diferente. Beomgyu irá para uma nova escola de Daegu, a escola central da cidade. 

Os pais de Beomgyu descobriram que uma de suas professoras é bissexual. Para algumas famílias religiosas, isso é um tanto "depravado". Os pais de Beomgyu se incluíam nessas famílias. 

"Por que estão me trocando de escola?" É isso o que Beomgyu se pergunta diariamente após ter sido comunicado que seria trocado de escola, mas o motivo nunca lhe era revelado. 

Beomgyu não ia insistir que seus pais lhe informasse o motivo. Aliás, o seu pai lhe dissera que era melhor para ele. Se o seu pai estava lhe dizendo isso, era verdade, certo?! 

No dia que Beomgyu ouviu de sua mãe e pai que o mesmo mudaria de escola, durante a noite, pela primeira em sua vida, ele ouviu a palavra "bissexual". Uma nova palavra surgia em sua mente e martelou sua cabeça até o dia seguinte ao perguntar sua mãe o que era e receber a resposta: 

- São pessoas nas quais você deve se manter longe. 

Se sua mãe estava lhe falando aquilo, ele não deveria saber exatamente o que era, certo?! Afinal, seus pais sempre sabiam o que era melhor para ele. 

O dia que Beomgyu ansiava para chegar, estava ali, presente. Beomgyu esperava fazer alguma amizade ali. Talvez demorasse, pois Beomgyu era um tanto tímido. Beomgyu tinha alguns colegas em sua escola antiga, mas só falava com eles quando estava na escola. O seu melhor amigo, Soobin, estudava em uma escola perto de sua escola antiga. Os melhores amigos sempre iam embora juntos para casa. Afinal, o caminho de suas casas eram na mesma direção. Beomgyu sentia saudades de Soobin. Soobin sentia falta de Beomgyu.

Faltando vinte minutos para o sinal tocar, Beomgyu se encontrava em frente a sua nova escola. Seus pais lhe deixaram ali e foram embora. 

Beomgyu estava nervoso. Mas por quê? Era apenas uma nova escola. Uma nova escola que lhe mostraria muitas coisas... 

Logo ao passar pelo portão da escola, Beomgyu olha de longe um grupo de aproximadamente dez jovens. Eles lhe chamaram atenção, muita atenção. 

Beomgyu analisou o local e foi à procura da diretoria. Que diabos! Ele não conseguia achar a diretoria. 

- Procura algo? 

Beomgyu olhou para trás. Era um dos garotos que estava naquele grupo que ele viu assim que entrou na escola. Beomgyu achou ele bonito. 

- B-bem... eu e-estou procurando a d-diretoria. -Beomgyu estava nervoso. 

- Você parece nervoso. Quer que eu te leve até lá?  -o garoto permanece do jeito em que chegou, sorridente.

- S-sim! -Beomgyu precisava de ajuda. 

O garoto mais alto levou Beomgyu à diretoria e lhe esperou. Talvez ele poderia mostrar para Beomgyu a sala em que ele ficaria.

Beomgyu recebeu a informação de que ficaria na sala 08. O garoto aparentou gostar. 

- Olha, ficaremos na mesma sala. -sorriu para Beomgyu enquanto se encostava no portal da porta da diretoria. 

- Q-que l-legal! -Beomgyu ficou envergonhado, oras. 

O garoto acompanhou Beomgyu até sua sala, ficava no segundo andar da escola. Beomgyu ficara surpreso com o tamanho do ambiente. Sua antiga escola era pequena. 

- Qual o seu nome? -o garoto perguntou ao entrarem na sala de aula. 

- Ah... é... Beomgyu! E-e o seu? 

- O seu nome é lindo. Meu nome é Yeonjun. -sorriu, deixando suas bochechas marcadas. 

Beomgyu ficou envergonhado, mas achou as bochechas de Yeonjun lindas. Eles se despediram, pois Yeonjun iria voltar para onde seu grupo estava. 

Beomgyu observava a sala de aula, era grande e decorada. Ele achou aquilo incrível, pois na sua antiga escola não tinha isso. 

Minutos depois o sinal tocou e Beomgyu estava sentadinho em sua cadeira, como uma criança comportada. 

O professor adentrou a sala sorrindo de alguma coisa que um dos seus alunos acabara de falar, mas Beomgyu não prestou atenção. 

Todos os alunos sentaram-se e o professor olhou em volta da turma, parando os olhos em Beomgyu. 

- Óh! Temos um aluno novo. Eu fui avisado sobre isso. Eu sou o seu professor de inglês, Johnny. Poderia vir aqui na frente da turma se apresentar para todos?  -o professor falou educadamente. 

Beomgyu se sentia envergonhado, mas foi mesmo assim. Sentiu-se encorajado ao receber o olhar de Yeonjun que balançou a cabeça. 

Ao chegar na frente da turma, Beomgyu se apresentara para todos: Choi Beomgyu, 17 anos, veio da escola de seu bairro. 

Um dos garotos que estava à sua frente, sentado e com a mão apoiando seu rosto, disse: 

- Você é lindo! 

Beomgyu ficou envergonhado, pois receber elogios de homens não era o que ele estava acostumado. Aliás, homem que elogia homem é errado, certo?! Foi o que ele cresceu ouvindo. Seus pais sempre sabiam o que era melhor para ele.

O grupo que ele viu mais cedo sorriu para ele e todos aplaudiram Beomgyu. Beomgyu se sentiu bem ali. 



O que ele não sabia, era que aquele grupo lhe mostraria muitas coisas... 


Notas Finais


Olá! Essa é a primera fanfic não focada em um casal hetero que escrevo e isso me deixa um pouco insegura e nervosa. Espero que gostem!
Até mais! ❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...