1. Spirit Fanfics >
  2. Toma mi mano! - Portirroni >
  3. Capítulo 3

História Toma mi mano! - Portirroni - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Obrigada a quem favoritou e a quem comentou. Foram pouquíssimas pessoas em relação ao número de visualizações (tb n foi mt, mas já é bem ok). Peço q me digam o que estou achando, já tenho bastante coisa pronta pra cá e estou bem empolgada :3

Capítulo 3 - Capítulo 3


Ao chegarem, a morena foi acordada por carinhos em sua bochecha. Quando abriu os olhos a primeira coisa que viu foi a imensidão azul dos olhos de Any.

- O Poncho não sabe a sorte que tem de sempre poder acordar assim. - disse ainda sonolenta

- Assim como? - continuou acariciando o rosto da amiga

- Olhando esses olhos lindos! Com esse carinho, com você sorrindo assim…. - Mai então se lembrou que estavam na van e que Poncho também estava lá. Levantou-se rápido. - Que susto! - disse olhando em volta e vendo que todos já tinham saído. - Achei que ele ainda estava aqui. Ia ficar puto comigo.

- Ele não me valoriza tanto assim. - riu magoada. - Mas eles já entraram. Eu disse que só ia te acordar pra gente ir também.

- Ei amores da minha vida! - chamou Dul da porta da van. - o Pedro está chamando vocês.

Mai desceu da van primeiro porque estava mais perto da porta e logo foi chamada por sua maquiadora que estava extremamente apressada. Dul e Any ficaram mais para trás.

- Vocês são fofas demais juntas, sabia? - perguntou Dulce

- Obrigada eu acho. - riu Any. - Será que ela ainda está mal por causa do Guido? Ela disse que não tem dormido.

- Não sei, mas pode ser que sim. Ela gostava bastante dele né.

- Pois é. - disse com um tom meio triste

- Porque vocês não passam mais tempo juntas? Faria bem para as duas. - quando Any não respondeu Dul a cutucou com o cotovelo. - Você poderia dar uns pegas nela também hein? Você secou ela legal ontem! - disse rindo

- Não seja idiota Dul. - riu entrando na brincadeira da amiga. - A Mai é linda demais, fofa, inteligente...ela com certeza tem vários pretendentes. 

- Isso não te impede de nada ué. - nesse momento Dulce reparou pela expressão de Any que, nem que fosse por uma fração de segundos, ela tinha considerado o que disse. - AI MEU DEUS VOCÊ TÁ CONSIDERANDO MESMO! - gritou

- Shiu! Sua doida! Tá todo mundo olhando! - olhou em volta e realmente toda a equipe de produção que estava em volta olhava para elas.

- Quem se importa?! Any, isso seria ótimo pra vocês duas! 

- Não viaja Dul. Somos hetero. Além do mais, mesmo que não fossemos. Eu não teria chance e a gente não poderia por causa da banda.

- Para de ser besta. Os fãs iriam adorar e seria lindo demais! Escuta…- segurou as mãos da amiga parando-a antes que chegassem ao camarim. - Se você quiser tentar, seja com ela ou com qualquer outra, eu tô do seu lado viu? Só quero o seu bem. - disse sorrindo

- Obrigada. Muito obrigada mesmo amiga. - abraçou Dul. - Mas já temos problemas demais pra lidar

- Ahhh cala a boca porque eu já imagino vocês como casal!

- Quem? - pergunta Mai próxima da porta.

- Ahh…. ninguém! A Dul que tá viajando como sempre. - disse entrando no cômodo e se sentando.

- Idiota. Você vai ver, meu faro para casais não falha. - disse também entrando.

Após prontas, elas foram para uma pequena sessão de fotos que começou as 11 da manhã, horário em que todos finalmente ficaram prontos. Lá para as 14 horas todos almoçaram juntos, tendo apenas 1 hora de descanso depois, pois logo em seguida já precisaram ensaiar para o show do mesmo dia.

A noite, o show ia bem como sempre, mas Any continuava pensando em Este Corazón, mas diferente da noite anterior ela não estava tão preocupada em ter que se aproximar de Poncho. Ela queria mesmo é se aproximar de Mai e cantar com ela, como fizeram na noite anterior. 

Quando percebeu que a música chegava ao final e a próxima seria Este Corazón ela literalmente atravessou todo o palco correndo para se aproximar de Mai. Antes mesmo que os primeiros acordes da música começassem ela puxou a morena para perto e enterrou a cabeça em seu pescoço, sentindo logo os braços da outra rodearem sua cintura e respirando profundamente seu perfume.

Para sua tristeza, Mai se soltou dela assim que sua parte com Poncho se aproximava. Dessa vez ela simplesmente não largou a morena. Cantou normalmente, mas ainda abraçando-a. Deu um olhar para Poncho, fingindo ternura, pois sabia que ainda precisava " manter um pouco o papel", mas nada muito duradouro. 

Em determinado momento, Mai ficou sozinha no palco para conversar com os fãs enquanto os outros descansavam um pouco.

- Amei vocês juntas! - disse Dul para Any enquanto bebia água

- Achei lindo, umas fofas. - disse Chris se juntando a conversa

- Até você cara! Vocês só podem estar ficando malucos. - riu

- Ahh para né Any! Como se você não tivesse gostado. E tenho certeza que a Mai também gostou, estava estampado na cara dela. - Chris disse e saiu acompanhado de Dul

Any observou enquanto os dois saiam e pensou no que o amigo disse. Como assim Mai também gostou? Não tinha exatamente o que gostar, era pra ser só um abraço. 

- Any? A gente precisa conversar. - disse Poncho se aproximando e tirando-a de seus pensamentos.

- Agora não Poncho. Temos que voltar. - começou a andar

- Por favor. - segurou-a pelo braço. - Pode ser depois então?

- Vocês dois! Andem logo, a próxima música já vai começar! - gritou Pedro repreendendo-os

Any se soltou de Poncho e correu para o palco. Ainda assim, os dois acabaram voltando aos holofotes juntos. Mai, que olhava atenta para o fundo do palco esperando Any voltar viu o momento em que os dois apareceram juntos e bem próximos levando os fãns a loucura. O sorriso que tinha no rosto logo se desfez.

Após o fim do show, Mai foi a primeira a deixar o palco. Ela estava magoada com Any, mas não sabia extremamente o porque.

- Ei, o que aconteceu? Você saiu tão rápido! - disse Chris logo atrás dela

- Eu não tô me sentindo muito bem Chris, só isso.

- Então porque você parecia estar fugindo da Any depois que ela voltou pro palco? - perguntou arqueando a sobrancelha.

- Para de ser besta. Eu não estava fugindo de ninguém. Só não estava muito bem mesmo.

- Aham, sei. Vocês ficaram lindas em Este Corazón. Pareciam um casal apaixonado no início do relacionamento

- Que isso Chris! A Any tem namorado! Nós somos só amigas.

- Ahh Mai para né! Nós dois sabemos que ela e o Poncho estão por um fio, sem falar que vocês ficam lindas juntas.

- Ahh Chris eu não tô com cabeça pra bater papo agora. Só quero dormir.

Antes que Chris respondesse, Dul e Any entraram no camarim conversando animadas. Any tinha percebido que Mai estava evitando-a, mas não queria falar sobre isso na frente de Dul para não ser mais zoada depois. Chris saiu e deixou que elas se trocassem. Mai não disse nada o tempo todo e foi a primeira a sair.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...