História Tons do prazer - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Taehyung (V)
Tags Bts, Jungkook, Romance
Visualizações 50
Palavras 556
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Harem, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá pessoas, estou feliz, não sei porquê, mas ok.
Para os fãs de hot esse capítulo não tem, só umas pegações.

Espero que gostem 😙

Capítulo 12 - O acordo


Fanfic / Fanfiction Tons do prazer - Capítulo 12 - O acordo

Capítulo 12

____ P.V.S

Acordei no dia seguinte e o Jungkook não estava na cama, eu estava de calcinha e com uma blusa moletom dele (foi assim que eu dormi, como de costume), desci as escadas indo para a cozinha e ele estava fazendo o café da manhã, me lembrei do Taehyung.

- Uau, então você sabe cozinhar?- Perguntei enquanto sentava na cadeira da mesa.

- Na verdade não, rsrs... Enquanto você dormia, eu fui comprar dois bulgogi, só estava colocando no prato.

- Entendi...- Sorri.- Eu preciso ir buscar meu uniforme em casa.

- Vamos comer logo, depois te levo lá.

                              (...)

Depois de comer, fiquei esperando ele tomar banho deitada na cama de seu quarto, pensei na noite passada, na sensação e no prazer. Ele puxou a porta do banheiro e me deparei com o Jungkook enrolado só de toalha, sua barriga definida e seus braços atléticos tinham gotas de água, seus braços estavam um pouco bagunçado e o principal, a toalha marcava aquela bunda maravilhosa.

Que delícia

- O que foi?- Ele olhou para mim.

- Hã?

- Porque está babando?- Ele riu irônico vindo em minha direção.

- Eu não estou babando seu idiota!- Joguei o travesseiro nele.

Ele me empurrou na cama e colocou seu corpo sobre o meu.

- Vamos acabar nos atrasando para a Universidade.- Falei o encarando.

- Então você vai desperdiçar a chance de me tocar?

- Não mesmo.- Sorri maliciosa.

Ele me beijou leve, mas logo pediu passagem com a língua e eu cedi. Sua mão entrou pelo moletom e chegou até meus seios, ele apertava e acariciava o bico do meu peito, minha mão estava em sua pele nua e ainda úmida por causa do banho.

- Que tal faltar aula hoje?

- Não podemos, as provas estão chegando.- Ele fez uma carinha triste com um biquinho fofo e eu sorri.- Olhando para essa sua carinha, nem parece que você é um sádico.

- E você é minha masoquista...- Ele me beijou, mas logo se afastou.- Quando a aula acabar você vem comigo pra casa.

- Mais uma sessão de tortura?- Sorri com malícia.

- Espera até amanhã baby, preciso te entregar um documento pra você assinar.

- O que têm nesses papéis?

- É um acordo, serei seu sádico e você minha submissa, poderei praticar todos os tipos de sadomasoquismo com você que estiver incluído no documento, se você assinar é claro.

- E porquê eu não assinaria?- Ele riu.- Mas vou ler direitinho antes.

                             (...)

Já havia passado na minha casa, junto com o Jungkook, me arrumei rápido e fomos juntos para a Universidade, chegando um pouco atrasados. Não ficamos juntos no intervalo, mas pude ver que ele tinha dispensado todas as vadias que davam em cima dele.

Com o término da aula, fui me encontrar com ele no lugar que combinamos, na frente de uma cafeteria a um quarteirão da Universidade, ele tinha chegado primeiro.

- Oi!- Falei com um sorrisinho no rosto.

- Oi... Precisamos ir.

-  Tá certo.

No caminho fomos conversando sobre os papéis do acordo.

- Então você tá dizendo que tudo que está escrito nos papéis, você pode fazer comigo?

- Isso mesmo.

- E por quê não me deu o papel antes de transarmos?

- O clima estava tão quente, não queria estragar.

- Entendo...- Sorri.

Chegamos no apartamento do maior e fomos para o quarto, lá ele pegou o documento e me entregou dentro de uma pasta, ao abrir me deparei com o nome:

"Documento que estabelece o acordo de dominação e submissão"


Continua...





Notas Finais


Só eu que queria ver um homem desse saindo só de toalhinha do banho?! imagino que não. Rsrs

MEU SONHO DE PRINCESA É VER ISSO.

•Não seja um leitor fantasma•


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...