História Top Eleven! - Interativa. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Inazuma Eleven (Super Onze)
Personagens Personagens Originais
Tags Futebol!, Inazuma Eleven, Interativa
Visualizações 84
Palavras 1.618
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Depois de um longo tempo resolvi trazer de volta essa que foi minha primeira Fanfic Interativa por aqui, com o mesmo nome, Top Eleven a Fanfic retorna com o mesmo objetivo e sendo uma reconstrução de toda a história que não pode ser terminada por culpa minha, muito por falta de criatividade ou mesmo por que não estava gostando do rumo da história toda que será refeita aproveitando um pouco da história antiga. Aqueles que participaram da Fanfic antiga podem participar também e até trazerem seus personagens de volta, mas lembrem-se que essa é uma nova história.

Enfim, espero que gostem e boa leitura a todos.

Capítulo 1 - O inicio de um sonho!


20 Anos atrás...
Final do Mundial de Clubes de Futebol Junior.
Saitama Stadium, Japão.

 - E finalmente vamos dar início a final do Mundial de Clubes de Futebol Junior diretamente aqui do Saitama Stadium – Anunciava de forma eufórica o locutor na cabine – A partida mais esperada entre os Galácticos do Real Madrid da Espanha, o time que chegou até aqui de forma invicta no último torneio europeu e seu desafiante, o time de japonês, Shin Sekai!

A torcida no gigante estádio ia a loucura conforme os dois times entravam no gramado caminhando em fila.

 - E a torcida faz festa aqui no estádio para os dois times – Ouve-se a voz do comentarista – É incrível Joshua o que estamos vendo aqui hoje em um jogo de Juniores e mesmo sendo uma final, talvez não esperássemos por algo tão grande assim.

 - É isso meus amigos, o time de Madri vem com sua formação clássica no 4-4-2 trazendo seu atacante, o artilheiro camisa 9, José Rodriguez como estrela do campeonato, enquanto a Shin Sekai no esquema 4-2-3-1 apresenta o meio-campista e camisa 10, Kanji Higashi o gênio criador de jogadas e convocado para treinar com a seleção principal do Japão na última semana, algo incrível para um jogador tão novo.

 - Isso mesmo, a convocação foi uma surpresa para muitos, mas segundo os companheiros de Kanji, eles já esperavam por isso Joshua e muitos dizem que ele deve chegar a disputar a próxima Copa do Mundo.

 - É um astro em ascensão Kate! E os times já estão prontos em campo, a Shin Sekai dará a saída e esperamos um grande jogo de futebol nessa final...

 - Espera um pouco Joshua, tem algo acontecendo lá embaixo!

Antes que o Juiz pudesse apitar o início da partida, homens vestindo ternos pretos entraram em campo, um deles seguiu até o banco da Shin Sekai.

 - Joshua, parece que algo realmente está acontecendo... é isso mesmo... a Policia Internacional? E está dando voz de prisão ao treinador da Shin Sekai...

 - É algo inacreditável, estou vendo o técnico da Shin Sekai ser algemado aqui na minha frente – Comentou um dos jornalistas em campo – Está virando uma bagunça isso aqui!

Uma confusão parece acontecer no banco do time japonês enquanto alguns iam para cima dos agentes e os policiais são obrigados a intervir de forma mais séria enquanto os demais jogadores saem de campo aparentemente confusos restando apenas o camisa 10 que conversava com o arbitro extremamente nervoso.

 - Senhoras e senhores que estão nos assistindo é isso mesmo que vocês acabaram de ouvir, a partida foi suspensa pouco antes de começar... não sabemos se isso tem relação a série de acidentes que aconteceram nos últimos meses no Japão e se os boatos que a Shin Sekai está envolvida são verdade...

 - Joshua, o treinador da Shin Sekai acaba de ser preso e o comunicado é que a situação será analisada para decidir o que deverá acontecer ainda essa semana – Confirma o comentarista – É algo que jamais pensamos presenciar em um espetáculo tão grandioso que estava sendo esse torneio...

 

TOP ELEVEN
              “Playing together to become the best in the world!”

Dias Atuais...
          Colégio Shin Sekai.

 - Impossível! – Disse o diretor do colégio, um homem baixo e careca aparentando ter entre 50 e 60 anos, ele vestia terno preto com gravata e estava sentado em uma cadeira atrás de sua mesa de madeira em sua sala fechada e pequena – Eu não vou apoiar, não temos motivos para abrir um clube de futebol em nossa escola.

 - Mas o que eu sempre quis foi estar em um clube de futebol, nossa escola tem tudo para isso – Ray estava há dez minutos na sala, o jovem garoto possuía cabelos castanhos escuros até pouco abaixo da orelha, com cerca de 1,70 de altura, vestia o uniforme da escola composto por calça preta e camisa branca com uma listra cinza na vertical do lado direito e o emblema da escola do lado esquerdo que era um escudo com a imagem de uma águia, ele olhava fixamente para o diretor, tentando convence-lo a abrir o clube de futebol, algo que aquela escola não possuía.

 - Olha garoto, por que não entra para o clube de xadrez? – Sugeriu o ajudante do diretor, um rapaz magro e baixo, cabelos bem curtos e claros e mantinha uma expressão cansada para quem tinha apenas vinte anos – Ou o clube de vôlei... sei lá, matemática que tal?

 - Tanto o clube de xadrez, quanto o de vôlei estão quebrados, não ganham nada a anos... Matemática é para garotas! – Respondeu o garoto desanimado com a negativa – Mas eu sei que um clube de futebol iria ser vitorioso!

 - Nossa escola sempre foi reconhecida pelo clube de matemática garoto, pelos alunos inteligentes que estudam aqui – Explicou o diretor que já parecia cansado daquela conversa – Não vou abrir um clube de futebol!

 - Vamos lá diretor, o senhor não gosta de futebol? – Perguntou o garoto.

 - Não, nem um pouco.

 - Eu sei que se assistisse a uma partida o senhor iria gostar!

 - Olha aqui, fazer um clube do zero, principalmente de futebol não é tão simples criança, além disso tem todos os custos e o trabalho para montar, uniformes, campo de treinamentos, despesas com profissionais... - Tentava falar o ajudante quando foi interrompido pelo garoto que se levantava e dizia animado.

 - Não deve ser tão difícil assim, eu posso ajudar, eu posso fazer isso! Alex disse que seu pai está disposto a ajudar, ele é dono de uma loja de materiais esportivos!

 - Me parece que você pensou em tudo... está certo, vamos fazer o seguinte garoto – Disse o diretor tendo uma ideia e já querendo por fim aquela conversa – Que tal você ficar responsável por criar o clube de futebol que tanto quer?

 - Eu? – Disse Ray surpreso.

 - Sim, um clube de futebol precisa de pelo menos onze jogadores para começar e de um local para o clube, se conseguir isso e o pai de seu amigo estiver mesmo disposto a ajudar, eu o tornarei oficial na escola...

 - Se eu conseguir? Pode deixar! – Gritou Ray – Vai ser fácil o senhor vai ver!

 - Mas a escola não irá ajudar em mais nada além disso, entendeu? – Avisou o diretor – Não iremos gastar nada com isso até que se prove ser algo que seja bom para a escola.

 - Certo senhor, eu farei com que essa escola tenha o melhor clube de futebol de todo o continente!

Ray sai da sala do diretor contente e já pensando no futuro clube – “Preciso contar os outros, eles nem vão acreditar...”

Enquanto Ray se distanciava, dentro da sala o diretor abaixa a cabeça e sorri aliviado.

 - Mas senhor, tem certeza disso!? – Pergunta o ajudante confuso.

 - Esse foi o único jeito de fazê-lo ir embora, que moleque mais insistente... e não têm problemas os alunos dessa escola não se interessam por futebol.

 - Mas e se ele conseguir? E se onze alunos quiserem jogar futebol... não temos dinheiro para manter um time senhor... estamos falidos.

 - Não vai, não tem nenhuma chance de isso dar certo, mas caso ele consiga... eu terei um plano B pronto para ser usado e garantir que o futebol jamais entre nessa escola novamente.

 

Ray finalmente chega à mesa em que seus amigos se encontravam conversando no pátio da escola e animado ele se senta ao lado deles.

 - Então Ray, o que foi que ele disse? – Perguntou o primeiro garoto ao seu lado, ele era baixo, mais do que Ray e possuía cabelos bem curtos, pretos, também usava o uniforme da escola, seu nome era Maxwell Tatsue, ou Max como era chamado pelos colegas.

 - A escola não vai criar um clube de futebol... – Explicou primeiro Ray que logo foi interrompido.

 - Então como podes estar tão feliz assim, Ray! – Questionou Alex, o outro garoto que possuía um leve sotaque espanhol, apesar de ter vivido quase toda sua vida no Japão. Seus cabelos eram grandes de cor acinzentada, a mesma cor dos olhos e das grandes sobrancelhas, ele era alto para a idade, mas também era bem magro.

 - O diretor disse que eu poderia criar o clube por conta própria – Anunciou Ray – Só precisamos de onze jogadores e o local para o clube e se montarmos um time, a escola irá apoiar... seu pai ainda vai ajudar, certo Alex?

 - Sim, ele me disse que pode providenciar tudo o que fora necessário, acho que ele ficou mais feliz que você quando eu conversei com ele – Alex sorriu e acabou ficando curioso ao pensar naquilo.

 - Ótimo, não tem como dar errado! – Se animou Ray.

 - Mas ainda falta o local, certo? – Questionou Max.

 - Isso não será problema, lembram-se daquele lugar?

 - Estas falando...?

 - Isso!

 

Um pouco depois eles se encontravam no lugar citado, havia uma velha cabana de tijolos ao lado de um gramado malcuidado, o local ficava atrás do prédio da escola e já estava abandonado ao um bom tempo pelo que aparentava e em um estado nada agradável.

 - Esse lugar pertencia ao Clube de Basebol, não é? – Perguntou Max.

 - Isso e é o lugar perfeito, ele está abandonado desde que o time acabou e com certeza poderemos usá-lo.

 - Está todo destruído... – Comentou Alex decepcionado com o local.

 - Eu sei, mas essa é a nossa melhor chance, se realmente queremos jogar futebol, temos que fazer isso – Explicou Ray confiante.

 - Você tem razão, se pudermos fazer isso, com toda certeza conseguiremos – Falou Max.

 - Isso, a partir de agora daremos início ao nosso time de futebol – Gritou Ray erguendo os braços e fazendo um V com os dedos da mão direita.

Continua...?


Notas Finais


Modelo de Ficha nos Comentários.

Um agradecimento ao usuário @Hyugano e sua Fanfic que me inspirou a retornar com a minha Fanfic aqui no site, uma recomendação pessoal minha para quem estiver interessado, deem uma olhada em sua Fanfic Azuma no Tsubasa.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...