História Tormented sucubus-Imagine Rosé, Lisa, Jennie,Jisoo. - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Black Pink
Personagens Jennie, Jisoo, Lisa, Rosé
Visualizações 338
Palavras 3.527
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


O capítulo a seguir contém hot, acaso você não goste não se preocupe, o capítulo de hoje não é só isso ^-^
Boa leitura <3

Capítulo 3 - Three


Fanfic / Fanfiction Tormented sucubus-Imagine Rosé, Lisa, Jennie,Jisoo. - Capítulo 3 - Three

Observava a maior olhando aqueles brinquedos pensativa como se estivesse escolhendo algum

--pare de me fazer de besta! Não posso fazer nada se você foi uma otaria!-- A morena se aproximou rapidamente de mim roubando meus lábios para si em um beijo calmo.

No começo eu relutei, mais quem aguenta aqueles lábios fartos que a garota tinha?,  então apenas deixei que ela adentra-se minha boca.

Em um ato rápido sua digitais afastaram minha calcinha e senti algo me preencher.

-- S-sua-- 
Pude sentir lágrimas escorrer pelo meu rosto, aquela filha da puta avia me enrolado para ponhar um vibrador dentro de mim, eo pior não era isso, e sim eu não estava preparada nem molhada, aquilo ardeu muito, como se fosse a minha primeira vez com algo dentro de mim

--Rosé-- Eu gosto de seus lábios, são tão viciantes-- a maior sorriu assim passando seus dedos em meu rosto para secar minhas lágrimas.

--TIRE ISSO DE MIM! SABE QUE ESTÁ A DOER--
Berrei alto vendo um sorriso sacana aparecer em seus lábios.

--Rosé-- Mais eu nem comecei-- Pude ver suas roupas sendo tiradas e ficar nua em minha frente, oque ela queria com aquilo?.

--Rosé-- chupe-- ela levou dois de seus dedos a minha boca mais virei para o lado negando--Se você não os chupar, esse negócio grande e grosso que eu odeio tanto vai se mecher dentro dessa sua bucetinha fraca-- um olhar ameaçador foi direcionado até mim que apenas abocanhei seus dedos longos a olhando seriamente.

Um sorriso sacana foi substituído no rosto dela que não tirava seus olhos do ato que fazia.

--Rosé-- como é excitante ver minha ninfeta fazer isso-- seu dedo foi tirado e então outros dois de sua outra mão foi ponhado dentro de minha boca.

Um gemido fez meus olhos abrir rapidamente e pude ver ela se tocar com os dedos que antes estavam em minha boca.

Os outros dedos foram tirados e seguiram para  minha intimidade os enfiando sem dó.


Fechei meus olhos com força tentando não gemer para aquela humana, mordia meus lábios já sentindo o gosto de meu sangue.

--Rosé--Abra...os olhos S/N!! Estou mandando! Obedeça!!-- com certa raiva abri meus olhos novamente e pude ver como rosé estava bem mais próxima de mim do que antes de mim.

Abri minha boca para tirar aquele peso de mim e assim começando a gemer com a maior, que sorriu ao ver que fazia o mesmo.

Pareciamos duas cachorras gemendo sem parar, sem nenhuma das duas quebrar o contato visual, o olhar de luxúria vindo dela me deixava ainda mais excitada com tudo aquilo.

Com precisão os lábios dela se encontraram com o meu em um beijo desesperado.

Seus lábios cheinhos era tão doces concerteza a maior avia passado um glos de morando na boca, dava para sentir o gosto.

Meus olhos aregalaram mais ainda quando senti aquele vibrador se mecher oque me fez afastar dos lábios da garota

--Rosé!! Você me prometeu!--
Aquilo mechia numa velocidade absurda, podia sentir chegar ao meu útero,era estranho ter aquela sensação depois de anos.

--Rosé-- Que burra você é minha baby,eu não prometi nada--a maior gemeu alto e vi que avia gozado e me desmanchei em seguida.

Senti aquele vibrador ser tirado de mim assim como seus dedos oque me deixou aliviada

Vi as correntes serem tiradas de mim que rapidamente segurei em Rosé com medo de minhas pernas bobas me levarem ao chão.

A garota me levou a cama que avia ali, e me deitou nela e se encaixou ao meio de minhas pernas.

--Rosé-- Vamos experimentar o sabor da ninfeta mais esquentadinha que já vi-- Senti sua língua passar por minha intimidade oque fez minhas costas arquearam com seu toque.

-- N-Não f-az isso...eu ainda estou sensível!!-
Fui ignorada totalmente pela garota que continuou com oque fazia.

Senti minhas paredes se contrair novamente e então acabei por gozar na boca da maior gemendo sôfrega.

A vi levantar o rosto me olhando enquanto engolia tudo que avia despejado em sua boca

--Rosé-- Mais que sensível minha pequena é-- Sorria convencida se levantando da cama voltando para aquela mesa.

Eu nada podia fazer estava tão cansada, minhas pernas trêmulas só dificultaram mais ainda, quando virei tão sensível para chegar a esse ponto?

Vi seu corpo se aproximar e algemar minhas mãos a cama subindo em cima de meu corpo

--Rosé-- Está tão fraca ao ponto de nem relutar mais s/n, que coisa mais bonita de se ver, está tão rendida aos meus encantos-- 


Uma pequena coleira rosa foi posta em mim que a fiquei olhando com uma expressão seria no olhar

A corrente já posta foi puxada me fazendo ser levada junto deixando nossos rostos próximos.

--Rosé-- a melhor cachorrinha que já vi-- Disse pegando algo que avia em seu lado
Que não conseguia ver.

Senti algo fino bater em minha coxa, me fazendo resmungar de dor olhei de relance vendo um chicote em sua mão

A maior saiu de cima de mim ficando em pé me dando outra chicotada.

12...15..17.... nem estava mais a contar eram tantas chicotadas em meu corpo frágil que nem dor estava a sentir, podia ver minha barriga com vários cortes

A mesma parou e olhou no relógio que avia no quarto ficando espantada.

--Rosé-- Vamos terminar por aqui, apenas porquê vamos sair e precisamos comprar um vestido para você, daqui a pouco MinHee trará algo para vestir-- Assim falava enquanto vestia sua roupa, tirou a algema que me prendia e então saiu do cômodo rapidamente, deixando aqueles negócios estranhos comigo.

Ainda recuperava meu fôlego olhando para o teto pensativa, queria saber oque aconteceria se essa mulher não fosse logo embora.

Me sentei com dificuldade e tirei a coleira de meu pescoço, sentindo a ardência de minha barriga, mais ignorei me levantando e indo para o banheiro que avia ali.

Entrei no box passando uma água fria pelo corpo para acalmar meus hormônios de tudo que avia acontecido, peguei uma bucha que avia ali e ponhei um pouco de sabonete líquido começando a passar pelo corpo.

Assim que terminei de me ensaboar liguei o registro denovo sentindo a água fria bater em meus ombros me causando um arrepio, sai do box pegando a toalha que estava ali me secando com ela.

Indo até o meu "Quarto" novamente e vi que já avia uma roupa ali em cima da cama, queria ter visto MinHee entrar aqui.

Ponhei minhas peças íntimas Peguei a blusa a ponhando rapidamente vendo o top preto que estava escrito mommy na blusa, eu iria sair mesmo com um negócio desse nas ruas?

Ignorando meus pensamentos vi uma saia curta rodada com uma coloração vermelho vinho, oque me fez sorrir, como eu amo vermelho, a cor mais linda que eu já vi em minha vida inteira.

Ponhei a saia junto com um tênis preto soltei meu cabelo o jogando para atrás, queria uma escova para poder os pentear mais não avia ali

Corri até uma das gavetas procurando por uma, até que achei, ela era um pouco velha mais dava pro gasto

Passei minha mão pelo cabelo começando a os pentear deixando ele com nenhum nó ou algo do tipo.


--Agora sim, devo parecer uma jovem de 15 anos andando por aí-- resmunguei baixo indo até a porta a tentando abrir

-- Agr! Que droga--
dei um chute na porta a vendo abrir, mais não foi pelo chute que eu dei e sim por alguém ter abrindo e logo vi o corpo caindo pra trás

Abri a porta completa vendo MinHee no chão com a mão na testa que estava vermelha

-- Me desculpe sim?-- Ri baixo dando a mão para a menor que rapidamente a pegou.

--MinHee-- Tudo bem, sei que não foi por querer, apenas queria abrir a porta-- Sorriu meiga e fiz o mesmo, a única pessoa que realmente me entende aqui é a mesma, que não me trata diferente.

-MinHee- Senhora Lalisa mandou eu a chamar então vamos logo antes que eu leve uma bronca-- Ri da menor e então segui para sair do porão subindo aquelas escadas.

A porta foi aberta revelando a luz do dia, e logo vi Lisa e Jisoo sentadas no sofá, e assim que me viram levantaram.

--Lisa-- Iremos te levar, vamos logo Jisoo, ainda quero escolher o meu vestido para esfregar na cara de yoongi.

--Jisoo-- A pressa é inimiga da perfeição Lisa-- repreendeu a maior tirando o livro de suas mãos e assim levantando.

Lisa abriu a porta e a segui junto com Jisoo, que não parecia feliz com minha presença ali.

Saímos pelo grande portão onde avia os seguranças que abriram o carro para Lisa e Jisoo entrar, antes que o mesmo abri- se para mim dei passos apressados até a porta de trás a abrindo sozinha e fechando.

O carro foi ligado por Lisa que começou a andar pela cidade.

--Lisa-- Está quieta demais s/n, cadê seu caráter de sempre em??--

-- Na sua língua de cobra-- falei seriamente a vendo rir negando com a cabeça.

--Lisa-- Afiada como sempre, assim que gosto-

O carro foi parado e desligado, as maiores abriram as portas e fiz o mesmo saindo do carro.

Me deparei com uma linda loja, ela era impecável e dava para ver alguns vestidos por uma janela grande, as pessoas que iriam ali não era de classe baixa pelo oque via.

Fui puxada por Lisa que começou a me guiar para dentro da loja

Um sininho fez barulho assim que a porta se abriu e duas mulheres vieram em nossa direção.

--Lisa-- Deixarei s/n em sua mão Momo, sei que vai  ajudar a escolher o melhor. 


Uma presença se fez presente naquele lugar, não avia só eu de sucubus ali, avia mais alguém

Fui empurrada por Jisoo para cima de uma garota que assim que bateu seus olhos em mim começou a tremer feito uma vara, e logo sabia de onde vinha a presença

-- Vai ficar parada ou vai logo me ajudar?-- Falei tombando minha cabeça para o lado a vendo acordar para vida.

--Momo-- A-a senhora sempre gostou muito de vermelho não é?-- Apenas Acenti ea vi correr para um lado da loja, ea segui calmamente.

--Momo-- Oque veio fazer na terra?pensei que iria ficar em nossa casa- a morena relatou pegando vários vestidos o ponhando em cima de um sofá branco que avia ali.

-- Atrás de Lee-- a maior olhou pra mim e sorriu fofa, ela era de classe baixa, Mais parecia saber das coisas.

--Momo-- Prove, vai ficar perfeito em você, é o seu número-- Me diz entregando um vestido vermelho e oh céus..ele era perfeito, o grande decote era oque mais o valorizava e acompanhado de sua fecha na perna.

-- Quero te pedir uma coisa Momo..-- Falo indo em direção ao provador sem olhar para trás-- Não conte a elas quem eu sou-- Olhei pelos ombros a vendo Acentir com a cabeça várias vezes, oque me fez sorrir de lado.

Assim que entrei no provador ponhei o vestido em um dos ganchinhos que avia ali,me despi por completa ficando apenas de lingerie.

Ouvi a grande cortina do provador ser puxada para o lado e me deparei com jisoo que estava com um vestido preto nas mãos, concerteza iria querer ponhar seu vestido.

--Jisoo-- Se está ocupado deveria virar a placa, dessa forma qualquer um pode entrar- Suspirou entediada logo se virando para ir embora.

Em um rápido movimento puxei seu braço e fechei a grande cortina a vendo se assustar

-- Por que está com raiva de mim em mommy??- Falo segurando seu casaco de couro e impressionando mais a parede

--Jisoo--Você machucou Rosé!- Vi seu maxilar trincar com seus olhos negros me olhar com desdém.

-- Será que é por isso mesmo mommy Jisoo?-- Tombei minha cabeça para o lado tentando decifrar seus sentimentos.

--Ou só queria estar no lugar da Mommy Rosé??-- Atingi sua ferida assim que seus olhos me fuzilaram mais ainda.

--Jisoo-- Não pense besteiras garota!- falou um pouco mais alto do que o normal

--Ela é tão maravilhosa, me fez ter dois orgasmos seguidos, gemi o nome de Rosé tantas vezes e-- Fui cortada por o impacto que eu tive com a madeira ao meu lado, Jisoo estava agora segurando meus pulsos, seu olhar de antes de ódio agora avia ficado sério e me olhava como se fosse me engolir por completa.

Com audácia me aproximei ficando centímetros longe de Jisoo que não ousou se mecher

--Jisoo-- Já disse para parar!!- Eu não avia visto minha mommy daquela forma antes, Jisoo sempre se mostra a mais paciente de todas.

-- Quero ficar com seu gosto na minha boca mommy-- me aproximei de seu ouvido sussurrando tais palavras .

Senti seus dedos seguram meu queixo delicadamente e seus lábios carnudos se juntaram ao meu em um selar demorado

Como suspeitei Jisoo é muito delicada e séria, seu beijo desmonstrava isso mesmo estando com raiva


Suas mãos desceram até a minha cintura me puxando para mais perto de si, aprofundando mais o nosso ósculo.

Sua língua quentinha explorava todos os canto de minha boca,assim como eu a dela sentindo o gosto de menta em sua boca.

Me separei de seus lábios recuperando a minha respirando.

--Jisoo-- Você é minha também!- falou a maior ponhando mais força em seus braços que ainda estavam em minha cintura

-- E eu disse que não era?-- rebati sussurrando em seu ouvido a tirando do provador com um empurrão


Trajei de ponhar o vestido como iria fazer antes de Jisoo chegar e então sai do provador vendo momo se levantar do sofá e me olhar.

--Momo-- Aah! Ficou perfeito-- diz maior dando pulinhos de felicidade.

-- Não vou provar os outros, já estou confiante de que esse é o melhor-- Fui até o provador e tirei meu vestido dando a Momo que saiu indo para o caixa, troquei de roupa ponhando a que estava antes e sai do provador novamente

Andei em direção as garotas vendo Lisa pagar os vestidos e pegar as sacolas.

--Lisa-- Vamos??-- Acenti com a cabeça e começamos a andar para fora da loja já descendo as escadas que avia ali.


Andamos em direção ao carro onde Lisa abriu a porta de trás ponhando as compras

-- Oque é aquilo??-- apontei para uma loja, que nela saia várias pessoas com negócios estranhos na mão os ponhando na boca

--Jisoo-- Não sabe oque é Algodão doce??-- Perguntou a maior e minha cara de curiosa se transformou em séria

-- É lógico que sei!!-- Assim que respondi as duas começaram a rir de minha cara que bufei com raiva.

--Lisa-- Venha,vamos comprar um para você-- Acenti com um bico nós lábios e Lisa fechou a porta do carro e então atravessamos a rua nós três


Assim que entramos na loja meus olhos brilharam por ver algo tão colorido, me afastei das mesmas e corri para onde avia uma placa cheia de algodão doce.

--Quero esse!-- apontei para um que avia várias cores claras, que por sinal era enorme

Olhei para trás vendo as duas me olharem sorridente e logo entendi oque acontecia e voltei com minha carranca.

Vi Jisoo falar com o vendedor e então ele pediu para nós aguardamos um pouco, depois de alguns minutos ele voltou com um algodão doce  enorme que era igual o da placa.

Ele me deu e então segurei pelo mesmo lugar que o senhor que sorriu sorridente para mim.

Jisoo deu o dinheiro e então saímos da loja

--Como pego?-- olhei curiosa para o negócio a minha frente e então vi uma mão tirar um pedaço dele, me virei para trás vendo que era Lisa

--Lisa--assim--apenas Acenti e peguei um pedaço ponhando na boca.

Senti ele se desmanchar em minha boca fazendo meus olhinhos brilharem de emoção

Entramos no carro então Lisa o ligou saindo da vaga.     



                                 [........]

       


       Seul Coréia do Sul as 07:40 da noite 



Estava pensativa olhando para a janela de meu novo quarto, é vocês não leram errado, eu avia ganhado um novo quarto e para sorte de minha pessoa, ele era um dos quarto de hóspede aqui da "casa" , então era bem arrumado e ao mesmo tempo básico, com paredes brancas e cinza oque deixava o lugar muito calmo e na paz para ser o meu quarto.
Mais alegria de sucubus dura pouco, Jennie me disse que o quarto era apenas para mim ficar até a festa acontecer, e caso se eu fosse uma boa menina ela pensaria se me deixava aqui mesmo.

Ouvi batidas na porta e então sai de meu transe indo a abrir me deparando com MinHee com duas bolsas que pareciam pesadas.

-- Por que veio aqui?-- digo dando espaço para a menor entrar que saiu correndo até a cama jogando as duas bolsas.

--MinHee-- Senhora Jennie me disse antes de viajar que era para eu a arrumar-- Eu avia me esquecido desse pequeno detalhe, Jennie avia ido para uma viajem de negócios lá na China, por três dias, oque facilitará minhas coisas por aqui.

-- Vem comigo-- falo indo até o banheiro e abrindo a porta dando espaço vendo a grande banheira que avia ali-- Como liga??-- vi a menor rir de minha cara me fazendo ficar séria.

--MinHee-- Desculpe-- pediu se aproximando da banheira-- Ponhei na água quente-- apenas Acenti vendo ponhar algo rosa dentro da banheira me fazendo a olhar torto.

-- Oque está ponhando aí??-- Digo vendo que a banheira estava a encher

--MinHee-- Não se preocupe você irá gostar-- Diz sorridente me fazendo rir da emoção da garota.

A menor fechou o frasco e então o ponhou com vários outros que avia ali, e logo veio em minha direção me puxando para fora do banheiro.

--MinHee-- Tenho uma jóia tão bonita que Rosé mandou eu trazer, você vai gostar-- Me sentei na beira na cama de casal vendo uma caixinha preta ser tirada de uma das bolsas

--MinHee-- Olha que bonito-- meus olhos brilharam na caixinha que foi aberta, vi uma pedra no centro que parecia com uma gota, em sua volta era puro dourado oque o deixava mais lindos, mas aquilo não parecia ser nada barato

-- Não acho bom eu usar, acaso algo acontecer com esse colar Rosé ficará brava-- Digo fechando a caixinha.

???-- Eu mandei fazer para você, quero que use-- Me assustei a ver Rosé na porta olhando para nós duas, seu olhar de séria era evidente, e então meus olhos prestaram atenção em si.

-- e se eu quebrar?-- falo com um sorriso de lado.

--Rosé-- Mandarei fazer outro igual-- diz a maior fechando a porta do quarto, que estava aberta por a entrada de MinHee

--MinHee-- Viu! São pra você!!-- Ainda meio desconfiada abri a caixa vendo o belo colar, que estava acompanhado de brincos muito bonitos por sinal-- São feito de rubi! Disse para ela que gostava de vermelho, então ela mandou fazer para você-- O sorriso da menor me confortou por algum tempo, ela me fazia como se fosse alguém normal, assim como ela, sem diferenças.

-- Você lembra minha irmã, não só de aparência mais também de personalidade-- Digo sorrindo fechando a caixinha e me levantando.

--MinHee-- Sério? Onde ela está agora??-- a pergunta da mesma fez eu sorriso se fechar, A olhei por alguns segundos com um semblante sério no olhar

-- Por ai..-- Suspirei indo até o banheiro Vendo que já estava cheia, comecei a virar a torneira onde MinHee avia ligado vendo parar de encher

Avia espuma por a banheira, fazendo com que nem visse a água que estava por baixo.

Me despi ali no banheiro e então ouvi a porta ser fechada presumi ser MinHee a sair dali

Ponhei o pé na banheira sentindo a água quente o molhar, entrei por completo vendo que a água batia em minha cintura.

Passei a mão pelas espumas tendo um bolo em minhas mãos.

--???-- Está parecendo uma criança-- virei de lado vendo Jisoo ali na porta, me olhando calmamente.

--Nesses últimos dias estou muito distraída, nem percebi seu cheiro-- Falei fazendo um coque em meus cabelos.

--Jisoo-- Oque tanto pensa em??-- Perguntou a maior ainda no mesmo lugar.

-- Não quero ir para essa festa, não posso ficar com MinHee??-- A vi negar com a cabeça, me fazendo bufar de raiva.

--Jisoo-- Lisa quer você vá de toda as formas,temos uma amiga que quer te conhecer-- apenas Acenti dando de ombros para quem for, sabia bem que lá onde iríamos não ia ter só eu de sucubus.

-- Não vai entrar??-- Perguntei mechendo nas bolhas ao meu redor.

--Jisoo-- Hum..ainda não, depois do que fez com Rosé o pouco de confiança que tinha com você se foi-- Ri de seu comentário negando com a cabeça.

Me levantei na banheira e logo senti suas orbes voltarem para meu corpo, o secando por inteiro, caminhei até ela parando no limite da banheira, inclinei meu corpo para frente com a ajuda de meus braços.

-- Não irei te morder mommy, sabe o porquê??-- Falei debochada com um sorriso sapeca nos lábios.

--Jisoo-- Por que??-- Inclinou seu corpo para frente fazendo seu rosto ficar perto do meu

-- Porque você ainda vai implorar para ser minha--










Notas Finais


IIIIIIII Jisoo será novo alvo de s/n??
Já alertando essa festa vai ser bafonica >•<

Gostaram da capa nova???

Espero que gostaram do novo capítulo também
Até mais! XAAUUUU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...