1. Spirit Fanfics >
  2. Totally in Love >
  3. Você é bonita unnie

História Totally in Love - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Perdoem os erros
Boa leitura

Capítulo 2 - Você é bonita unnie


Fanfic / Fanfiction Totally in Love - Capítulo 2 - Você é bonita unnie


Acordo com o som do despertador, levei minha mão até meu celular para desligar, mas não era ele que estava despertando e sim o celular da Lia, que estava do outro lado do quarto.

- Bom dia - ela fala assim que desliga o despertador de seu celular - Desculpe por colocar o despertador para essa hora, eu gosto de levantar um pouco mais cedo que as outras.

- Não tem problema unnie, eu já iria levantar também - falo me espreguiçando.

- Dormiu bem?

- Acho... que sim - digo entre bocejos - Estranhei um pouco o lugar, mas logo acostumo.

- Vou trocar de roupa e vou para a cozinha - Lia fala começando a tirar o seu pijama.

Eu rapidamente viro meu rosto para o outro lado do quarto, sentindo minhas bochechas esquentarem um pouco, não que eu não consiga ver outra garota se trocando na minha frente, eu só não esperava que ela fizesse isso assim de repente e também para deixar ela mais a vontade.

- Yuna se isso te deixa desconfortável eu posso...

- Não, não, está tudo bem Lia unnie, pode se trocar - falo ainda olhando para o outro lado.

- Já pode olhar agora, estou indo para a cozinha, o banheiro você já sabe onde fica então... se precisar de algo me chame ou fale com uma das meninas.

- Tá bom - falo sorrindo sem mostrar os dentes.

Troco de roupa e vou ao banheiro, quando saio vejo Chaeryeong parada em frente a porta esfregando os olhos, uma cena que eu achei muito fofa.

- Bom dia Chae unnie - falo dando um sorriso largo.

- Bom dia Yuna... - diz caminhando a passos lentos para dentro do banheiro.

Saio sorridente e vou até a cozinha para ajudar Lia a preparar o café, mas assim que entro já encontro a mesa pronta.

- Eu queria te ajudar a preparar as coisas unnie... mas acho que não precisa mais - falo me sentando na cadeira ao seu lado.

- Não precisa se incomodar Yuna, eu já acordei mais cedo para fazer isso - diz sorrindo - Inclusive, se quiser dormir um pouco mais ainda dá tempo, vamos ter um longo dia hoje.

- Eu tenho uma regra de não ir dormir de novo depois que me levanto e meu despertador logo iria tocar então não tem problema.

- Bom dia - Chaeryeong diz se juntando a nós.

- Bom dia Chaery, dormiu bem? - Lia pergunta.

- Sim, mas ainda estou com um pouco de sono - fala se apoiando na mesa.

- Onde estão as outras? - pergunto ao ver que nenhuma delas apareceu ainda.

- Elas foram dormir tarde ontem, então vão descansar um pouco mais - Lia fala terminando seu café.

Ficamos mais um tempo na cozinha até Yeji e Ryujin acordarem, esperamos elas tomarem café da manhã e fomos até a van para os staffs nos levarem para a empresa.

(...)

A manhã foi bem movimentada, passamos a maior parte do tempo ensaiando uma coreografia e ajudando alguns trainees.

Durante os ensaios fiquei observando o desempenho das meninas, todas elas estavam se saindo muito bem, não foi difícil acompanhar.

Yeji e Chaeryeong se destacaram bastante, não era a toa que elas eram as dançarinas principais, Chaeryeong nem parecia aquele menina quieta de antes, ela tinha se soltado para dançar, não vejo a hora de ouvir o seu vocal hoje a tarde.

- Vamos dar uma pausa meninas - Yeji fala se sentando em uma das cadeiras que tinha ali perto.

- Ainda bem, não aquento mais - Ryujin diz se sentando ao lado dela.

- Eu vou buscar água, alguém mais quer? - Lia pergunta indo até a porta.

- Eu quero - falo me espichando na cadeira.

Pouco tempo depois Lia volta com duas garrafas de água, me entregando uma e indo conversar com os staffs.

- Você dança muito bem - digo cutucando a braço de Chaeryeong, que acaba levando um pequeno susto - Desculpa não queria ter te assustado.

- Eu me assusto com muita facilidade - diz sorrindo - E obrigado, você também dança bem.

- Quer um pouco? - digo oferecendo minha garrafa de água.

- Obrigado - fala tomando um pouco.

- Isso é um beijo indireto sabia? - Ryujin fala atrás de nós, fazendo Chaeryeong se afogar com a água.

- Ryujin para de incomodar as meninas - Yeji diz puxando ela para o outro canto da sala.

- Você está bem? - pergunta dando leves batidas em seu ombro.

- Sim, eu... vou ir no banheiro, já volto - fala se levantando rápido.

(...)

Logo depois do almoço, JYP iria testar nossos vocais e depois disso estaríamos dispensadas.

Já estávamos paradas em frente a porta esperando eles arrumarem os microfones, logo nos mandaram entrar.

Decidimos ir por ordem de idade então Yeji foi primeiro, alguns minutos depois foi a Lia e logo depois foi a Ryujin.

Todas tinham um vocal ótimo, receberam muitos elogios por estarem com as cordas vocais  bem afinadas, Ryujin estava quase acabando, a próxima seria Chaeryeong  e qualquer um que olhasse para ela poderia perceber o seu nervosismo.

Para tentar deixar ela mais calma levo minha mão até a dela e entrelaço nossos dedos, sussurrando um "você consegue" em seu ouvido.

- Vou dar o meu melhor - diz sorrindo para mim antes de entrar na sala.

E como o esperado, sua voz era linda, uma melodia muito boa de ouvir, ela sai da sala com um pequeno sorriso no rosto.

- Você foi incrível unnie - falo lhe dando um abraço.

- Obrigado... boa sorte - diz retribuindo o abraço.

Ouço meu nome ser chamado, então me separo de Chaeryeong e entro na sala, onde uma mulher me entrega uma folha com a letra de uma música pedindo para que eu cantasse.

(...)

Depois dos staffs nos deixarem no dormitório um pouco antes do final da tarde, temos o resto do dia livre.

Antes de descansarmos Yeji revisa os passos da coreografia que estamos aprendendo algumas vezes, para não termos nenhuma dificuldade em lembrar amanhã.

Quando terminamos todas ficam na sala decidindo algo para assistir, com exceção de Chaeryeong que disse que iria para o quarto descansar.

(...)

Ficamos um bom tempo assistindo filme e conversando, eu realmente estava me dando muito bem com as meninas, elas riam de todas as minhas palhaçadas, até as que eu mesma achava sem graça.

- Alguém tem um carregador para emprestar? Acho que esqueci o meu na empresa - Lia fala revirando sua mochila.

- Eu posso te emprestar o meu - digo me levanto e indo até o quarto.

Quando passo pelo corredor escuto alguém soluçando, mas a única que estava nos quartos era Chaeryeong, então sem pensar muito dou algumas batidas na porta de seu quarto, recebendo um "entra" como resposta.

- Tudo bem Chae unnie? Porque está chorando?

- Eu não estou chorando... - fala passando as mãos pelo rosto.

- Seus olhos estão vermelhos e você estava soluçando agora a pouco - digo me sentando ao seu lado na cama - O que aconteceu?

- Hoje mais cedo, quando estavamos na empresa ouvi alguns trainees falando que eu não estou no padrão coreano, que não adiantava cantar e dançar bem, tem que ser bonita e que eu não deveria ter entrado para o Itzy - fala começando a soluçar novamente.

- Ei... não de bola para eles, você é muito bonita unnie.

- Você acha? - diz levantando o rosto.

- Eu tenho certeza, eles não sabem do que estão falando, se te vissem pessoalmente como estou vendo agora duvido que eles pensariam da mesma forma.

- Obrigado Yuna - diz dando um pequeno sorriso.

- Olha aqui - falo pondo as mãos em seus ombros, fazendo com que ela olhasse para o meu rosto - Não deixe ninguém falar da sua aparência ou das coisas que você faz sem que te conheçam e se alguém fizer isso, me conte quem foi que eu vou dar uma pancada nele ok? 

Vejo Chaeryeong soltar uma risada pela primeira vez, me fazendo sorrindo também.

- Agora eu preciso ir, tenho que levar meu carregador para a Lia unnie - falo levantando da cama - Mas se precisar conversar pode me chamar.

- Ok... obrigado Yuna.

Saio do quarto de Chaeryeong e pego meu carregador entregando para Lia e me desculpando pela demora, voltando a ver o filme com as meninas.




Notas Finais


Espero que estejam gostando


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...