História Totalmente Sua. - Capítulo 59


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Namjoon (RM), Min Yoongi (Suga), Personagens Originais
Tags Bangtan Boys, Hot Bts, Romance
Visualizações 217
Palavras 414
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Harem, Hentai, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Escolha feita.

Desculpe por qualquer erro ortográfico.

Áudio recomendado: BTS- Sea.

Capítulo 59 - Um só lugar.


Fanfic / Fanfiction Totalmente Sua. - Capítulo 59 - Um só lugar.

Nunca fui boa em tomar decisões.

É tudo tão incerto, inseguro, insano, impreciso e indiscreto.

É como jogar uma pedra no escuro, você não sabe se chegou no lugar certo, se saiu do rumo ou se nem sequer se moveu.

É um grande risco.

Mesmo com poucos segundos, minha mente decidiu refletir sobre todas as escolhas que me levaram a esse exato momento.

Que mente inoportuna, inconveniente.

Recuei ao preciso momento em que conheci Namjoon, o ‘’ Meu Mestre’’.                     Na altura rodeado de uma muralha de gelo, parecia inquebrável, com seu porte indestrutível e olhar matador, mas que em pouco tempo, foi derretendo, e se transformou numa água meio pura e cristalina mas tóxica ao toque. Mesmo com imensas dúvidas me consumindo constantemente, o subconsciente sofrido pelos vastos espaços em branco e o receio permanente de tortura, me permiti amar essa pessoa. E apesar de seus episódios insanos, esse sentimento não desvanecia, fortalecia. Tivemos todas as estações, piores invernos e melhores verões, ele dominava todas ocasiões. Talvez disso gostasse, imperatividade, controle, dominação ou talvez tinha me acostumado tanto, que costume virou deleite e o deleite virou vício. Perdição.

E nisso, viajei ao azedo encontro com Yoongi. Á sua empatia, crueldade, frieza e à peculiar distância em seu olhar apesar da proximidade de seus olhos. Apesar de um começo conturbado, que se revelou como a sua forma de conseguir a audácia que há muito ansiava, ele foi o exemplo real de que as aparências iludem. Tantas camadas profundas cobrindo um coração vibrante, que receia se abrir mas se aventura em procurar sua paz. Fascinada pelos seus encantos desinteressados me deixava levar por suas palavras impulsivas, havia qualquer coisa qualquer ponto excitante em sua irracionalidade momentânea, sua presença tinha passado de insuportável a um frescor suave de menta. Maldição.

Tudo o que tinha era ínfimo e o que queria era quase nada, mas era tudo.

Naquele corredor, estava eu, parada, entre dois mundos opostos, dois caminhos divergentes.

E enquanto a hora aumentava, meu tempo diminuía.

Por onde iria? O que faria?

 

Sem pensar mais, corri. Corri. Corri.

Sem parar, avancei. Sem receio. Sem dor. Certa. Segura. Firme.

O meu coração inquieto quase saltava do peito, meu corpo trémulo, preenchido de energia me guiava para perto dele, da minha decisão, do meu futuro.

Quase sem respiração, sufocada pelo ar, parei junto dele e com a ajuda do vento tomei a minha decisão.

VC: Olhe para mim...

Você é a minha escolha.

- Você é meu lugar.


Notas Finais


Gostou?

continua....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...