História TOXIC - clace,bughead (riverdale) - Capítulo 35


Escrita por:

Postado
Categorias Riverdale, Shadowhunters
Personagens Alexander "Alec" Lightwood, Archibald "Archie" Andrews, Cheryl Blossom, Clary Fairchild (Clary Fray), Elizabeth "Betty" Cooper, Forsythe Pendleton "FP" Jones II, Forsythe Pendleton "Jughead" Jones III, Isabelle Lightwood, Jace Herondale (Jace Wayland), Jason Blossom, Jocelyn Fairchild, Magnus Bane, Personagens Originais, Pop Tate, Raphael Santiago, Sebastian Verlac (Jonathan Christopher Morgenstern), Simon Lewis, Valentim Morgenstern, Veronica "Ronnie" Lodge
Visualizações 107
Palavras 920
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi oi gente

Amanhã vai sair impossíble e além dos muros ♥️

📌 Essa fic vai até o cap 60

Capítulo 35 - E se eu quiser?


Narrado por clary fray

- Alunos que estão de castigo, me sigam - Diz o diretor. Me levanto e vejo o olhar de desapontamento para Jace.

Me aproximo de Jace e seguro sua mão. Dou um sorriso de apoio e ele me lança um olhar de agradecimento. Viro meu rosto na direção do diretor e ele me encara com uma expressão de surpresa. O homem se vira e caminha para fora do auditório.

Seguimos ele até o prédio distante. Ele caminha pelo corredor e atrás de mim vem, Jug que arrumou alguma confusão na sala de aula, mag e alec que estão conversando e com uma expressão de raiva, o jogador idiota que tentou bater em Mag.

Ele para de frente a uma sala e abre a porta com um molho de chaves. Em seguida, ele nos dá espaço e faz um gesto para gente entrar. Passo por ele e entro, puxando Jace comigo. A sala não é muito grande. Me sento em uma das carteiras e ele senta ao meu lado.

- Vocês irão ficar aqui até o horário de almoço e depois vão voltar para cá. - Anuncia o diretor - Jace, por favor?

Ele se vira para mim e sorri, depois levanta indo em direção à porta. Bufo me recostando na cadeira e a porta se fecha. Na hora seguinte, mag e alec ficam de risadinha, enquanto jug fica recostado na porta com um grampo.

-Isso! - exclama jug. Ele se levanta sorrindo e a porta se abre. - Estão livres! - Ele abre os braços e mostra o corredor.

- isso ai, cara. - Diz alec ficando de pé. - Vamos dar uma volta?

- Claro! - Responde magnus.

- Não se esqueçam de voltar na hora do almoço - Diz jug e me olha franzindo o cenho. Ele sai pelo corredor.

- Hei! - me levanto e passo pela porta, indo atrás dele. - Por que está me olhando assim?- pergunto

- Assim como ?- ele rebate, sem nem olhar para trás.

- Parece que tem algo errado. - Falo o seguindo.

- Tem algo errado, clarissa?- pergunta

- Está bem, já sei que tem algo errado. - o sigo, subindo para o segundo andar - Você só me chama de clarissa quando está bravo.

- Por qual motivo será?! - Escuto o sarcasmo em sua voz. Ele chega em outro lance de escadas.

- Como vou saber?!! - Ele começa à praticamente correr, subindo os degraus. - Você não fala comigo!

- Eu não quero!! - Quando percebo, estamos no corredor do laboratório abandonado.

- Jug! Conversa comigo, droga!!! - grito, puxando seu braço e ele se vira.

-Por que não vai conversar com seu namorado novo!! Ah, Esqueci!! - Ele levanta as mãos - Você não conversa porque essa merda toda, é uma mentira!!!

- Jug!! - Olho ao redor para verificar se não tem ninguém por perto. - Alguém pode escutar!

- Está com medo agora de descobrir que foi tudo uma farsa?!! - Empurro seus ombros, abrindo a porta do laboratório e entramos. - O que fo..

- Cala boca!! - Rosno, fechando a porta. - qual seu problema?

- Meu problema? - ele solta uma risada e aponta o dedo em minha direção - Você que mudou! Você não é mais a mesma que conheci!!

- Eu..eu..-Gaguejo.

- O que você acha que vai acontecer quando ele descobrir que só começou a namorar para arrancar informações?!! - ele grita

- Cala a boca - rosno.

- Ele não vai te amar tanto assim, quando a mãe dele estiver na cadeia por sua causa!!!

- Jughead!! Eu disse, cala a porra da boca!!! -fecho meus punhos.

- Vocês não vão casar e ter filhos, Clary! Você não é boa! Você é uma serpente ! - Ele chega mais perto de mim - Ele não vai te amar!!! E você va..

- Cala essa boca!!!! - berro, dando um soco no maxilar dele.

Jug cambaleia para trás e se apoia na bancada. Me aproximo e o pego pelo colarinho. Dou outro soco em seu rosto. Ele me empurra e dá um chute no meu estomago, me fazendo bater na bancada com vidros empoeirados.

- Você precisa escolher um lado - diz ele.

- E se eu não quiser?!! - vejo seus olhos irritados

- Você precisa!!! - grita vindo na minha direção.

- Eu não quero!!! - grito. Me viro e acerto um chute em sua bochecha. Ele agarra a bancada, colocando os cotovelos na pedra fria. Vou em sua direção, fecho os dedos em sua blusa e o empurro para cima da bancada. O arrasto pela pedra, o fazendo bater em todos os frascos, que caem no chão, se estilhaçando.

Quando chega o final da bancada jogo jug, com força em direção aos armários antigos. Ele bate a lateral do ombro e cai no chão. Os dois armários que ele atinge, balançam e vai para a frente fazendo alguns papeis cair.

- E se eu quiser?- pergunto com as lágrimas caindo. Jug tenta se lavantar, apoiando nos papéis. - O que poderia acontecer? - ele pega alguns papéis nas mãos e examina, fazendo uma careta. - E se eu quiser mesmo mudar, jug ?

- Eu não sei. - Ele diz se sentando - Mas precisar decidir agora - Ele estende a mão. Pego os papéis de sua mão e olho o nome da pasta.

- Ah, Raziel! - exclamo. - É a pasta da minha mãe...encontramos..

- De que lado você está Clary?.


Notas Finais


Omg! O que acharam??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...